Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

2017-06-08_-b-_Pavilhão_João_Rocha.jpg

 

Um breve texto cuja temática surgiu por questões levantados por leitores relativamente ao recém-anúncio que o Pavilhão João Rocha será finalmente estreado esta quarta-feira, com um evento desportivo, nomeadamente a primeira jornada do Campeonato Nacional de andebol, entre o Sporting e o Fafe.

 

Permitam-me, desde já, deixar claro, que esta é uma obra muito meritória que apesar de ter dado os seus primeiros passos já há uns anos, a sua construção foi levada a cabo através do louvável dinamismo da actual Direcção. Não há causa para qualquer contradição ou ambiguidade neste sentido.

 

Na minha opinião, houve uma boa dose de precipitação quanto à inauguração oficial da obra, tendo esta constado no dia 21 de Junho de 2017, porventura porque já havia um significativo atraso relativamente à promessa feita por Bruno de Carvalho, salvo erro durante a última campanha eleitoral.

 

O Pavilhão não devia ter sido inaugurado enquanto todas as suas secções não estavam operacionais. Além do recinto em si e respectivos anexos, tanto a Loja Verde com o Museu não estiveram acessíveis nesta localidade durante o período de Verão, em que muitos sportinguistas estiveram de férias em Portugal. Indo um pouco mais além, não consta que as equipas das quatro modalidades que irão utilizar o recinto principal para as provas oficiais tiveram a oportunidade de treinar na sua nova casa.

 

Acho que a inauguração, num período de três dias, de sexta-feira a domingo, em data conveniente, além das formalidades políticas perante um aglomerado de sportinguistas muito mais numeroso do que aquele que se verificou em Junho, devia ter incorporado vários eventos desportivos de grande envergadura para marcar a ocasião.

 

Que não tenha ocorrido assim, terá sido por falta de imaginação, organização e/ou a ausência de impedimentos até agora não divulgados pela Direcção do Sporting.

 

Não considero que a primeira jornada dos campeonatos de andebol e de futsal sejam os eventos desportivos estreantes que esta histórica obra merecia.

 

publicado às 16:45

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


5 comentários

Sem imagem de perfil

De Angelo a 05.09.2017 às 18:13

Caro Rui, o nosso clube desde que eu o conheço e o primeiro presidente que posso dizer que conheci foi o Sr. Dr. Brás Medeiros sempre viveu com dificuldades, nesse tempo tinhamos um recinto atrás do antigo peão ao ar livre onde jogavamos as várias modalidades e o hóquei jogavamos no colégio Maristas que nesse tempo era na Rua Artilharia Um em Campolide onde o meu pai tinha um café. Era no velhinho pavilhão dos Desportos no Parque Eduardo VII que também jogavam o andebol e o basquetebol. O caro amigo que é capaz de ter perto da minha idade, nasci em 58 devia de saber que a nossa história sempre foi feita de sangue suor e lágrimas e que sempre tivemos muitas dificuldades nas infra estruturas próprias. Todos os presidentes que tivemos tiveram muitas dificuldades sendo que João Rocha dos que conheci foi o que mais fez crescer o clube, apesar de ter cometido incriveis erros no futebol, assim como todos o fizeram, mas se fossem feitos por BC caía o Carmo e a Trindade. Todos os sportinguistas têm que ter consciência que ao nosso clube é sempre muito mai difícil atingir os seus objetivos que ao nosso principal rival e que mesmo só com todos mas todos mesmo unidos podemos atingir umas gracinhas, mas é mesmo só umas gracinhas porque o poder dos nossos rivais como se está a ver na comunicação social e nas informações que vamos sabendo e nos vamos apercebendo vai sempre minar o nosso caminho. João Rocha apercebeu-se disso por isso apostou no electicismo do clube pois sabia que no futebol só esporádicamente tirava resultados. Já escrevi aqui muitas vezes no Camarote Leonino e exprimi a minha opinião, sou contra os sportinguistas que fazem almoços privados com LFV esse senhor não trás nada de bom ao Sporting nem ao desporto em geral como se viu nos dinheiros telivisivos e da mafia que se rodeou para dominar o desporto em Portugal como tal devemos de nos livrar de más companhias.
Sem imagem de perfil

De Francisco Maria a 05.09.2017 às 23:35

Pelo seu comentário fiquei a saber que as dificuldades do SCP e em especial as relacionadas com o novo pavilhão são culpa... do LFV.
Bravo!
Sem imagem de perfil

De Puro a 05.09.2017 às 20:49

Um dos melhores comentários que já li neste espaço. Nasci em 1984 e concordo com o que o Ângelo escreveu. Em suma, para o SCP ganhar não basta ser melhor, tem de ser muito melhor. Já os ataques dos sportinguistas da treta ao nosso presidente são vergonhosos.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 05.09.2017 às 21:19

Não venha para este espaço com essas "bocas" gratuitas que não se vai dar bem.

Todos têm o direito de criticar seja quem for, construtivamente, claro, se entenderem que há causa para isso, e não será por haver adeptos como o caro que não reconhecem liberdade de expressão, salvo à conveniência, que esta disposição vai sofrer alterações.
Sem imagem de perfil

De Leão da Guia a 06.09.2017 às 02:14

Congratulo-me vivamente, como é óbvio, por – decorridos mais de dois meses de absoluto e enigmático silêncio desde aquela pobre e (ao que parece) precipitada cerimónia inaugural – o Pavilhão João Rocha passar, finalmente, a funcionar, embora não ainda na plenitude das múltiplas actividades que lhe foram atribuídas (como a Loja Verde ou o polo museológico).

Depois de várias décadas absurdamente sem casa própria, será, em dúvida, um enorme e bem merecido regozijo para todos os sportinguistas poderem voltar a acompanhar e a apoiar as nossas equipas de diferentes modalidades históricas do Clube no nosso novo pavilhão. A expectativa é imensa!

Há que reconhecer, com inteira justiça, a determinação e o esforço decisivos da actual Direcção do Sporting que – através de uma campanha muito bem-sucedida e do relevante apoio financeiro do universo leonino – conseguiu, por fim, transformar em realidade tão empenhada e ingratamente longa ambição dos sócios e adeptos sportinguistas.

Leão da Guia

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo