Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

img_770x433$2018_06_18_22_53_20_1412007.jpg

 

Considerações de Artur Torres Pereira, presidente da Comissão de Gestão do Sporting, esta segunda-feira, à CMVM:

 

"Não sou uma espécie de 'rainha de Inglaterra'. Não, de todo. Até sou republicano e não monárquico. Não me considero nada decorativo, como o futuro se encarregará de provar. Por duas razões: a primeira é que acredito e confio nos sócios do Sporting. O que quero é que votem massivamente dia 23.

 

A segunda razão é o facto de acreditar profundamente no estado de direito democrático. Uma das coisas que lamentamos é o desprezo do Conselho Directivo suspenso pelas decisões judiciais e pelos tribunais. Os dirigentes dos clubes têm de dar o exemplo ao país e aos mais jovens. Esse desprezo não é aceitável.


Estou muito confortável nas minhas funções e não tenho medo de ir a Alvalade: Quem serve o Sporting não tem medo de nada. Vamos a Alvalade quando entendermos que é chegado o momento. Quando chegar esse momento, vamos mesmo a Alvalade, haja o que houver e custe o que custar.

 

Sinisa Mihajlovic é o treinador do Sporting. Não seria a minha opção, mas é indiscutível que Bruno de Carvalho tem os poderes necessários como líder da SAD para o fazer. O futuro a Deus pertence e o que está em causa transcende um jogador ou treinador que o Conselho Directivo suspenso contrate. O presidente devia abster-se de tomar decisões do Clube e da SAD por estar sob processo disciplinar e suspenso das suas funções.


A SAD é composta por vários membros, a maioria dos quais indicada pelo Sporting, accionista maioritário. Aproximam-se eleições para a SAD, o mandato termina a 30 de Junho. Nessa altura, o Sporting não deixará, no âmbito da lei e Estatutos, de indicar os seus representantes na SAD.
 
Não gostei de ver os jogadores rescindirem os seus contratos. Muitos foram formados no Sporting, o Sporting foi a vida deles, para muitos representou um período essencial da sua vida, independentemente dos factores que fundamentam essa rescisão. Faremos o que estiver ao nosso alcance para que o prejuízo do ponto de vista financeiro seja minorado. Temos de acautelar acima de tudo os interesses do Sporting.
 
A Comissão de Gestão tentará evitar o prejuízo enorme para o Sporting e tentar reverter o prejuízo – financeiro, desde logo, e desportivo, se possível. Os jogadores rescindiram na sequência de situações que foram geradas pelo CD suspenso. O Sporting não deve ser prejudicado por situações que não desejou, não quer e nem gosta.

Sejamos realistas: a situação de Rui Patrício, a partir do momento em que formaliza um contrato com um clube, é irreversível, mas há jogadores que não estão nessa situação e a obrigação da Comissão de Gestão é evitar o prejuízo para o Sporting.
 
Se na República Portuguesa o presidente tem o poder de usar a chamada bomba atómica para demitir o governo se entender que não está a cumprir o programa ou o interesse nacional, no Sporting tem que passar a haver uma disposição idêntica, que não há.
 
Os Estatutos actuais não prevêem a demissão do Conselho Directivo em caso de má gestão ou de não respeitar os interesses no entendimento de quem representa os sócios: a Mesa da Assembleia Geral. No futuro esta situação nunca mais se deve passar, termos de recorrer aos tribunais e à Justiça para fazer cumprir a lei dentro do Sporting".
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:18

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


19 comentários

Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 19.06.2018 às 07:41

Porque razão não entra em Alvalade? Pode ou não entrar ? Se realmente pode, porque não entra já ? Ontem, o jornalista da CM não lhe fez uma pergunta que devia ter feito. Se o CD está suspenso, não está a cometer várias ilegalidades ao contratar e prolongar contratos com jogadores para as modalidades, andebol e voleibol, por ex ? E o CG faz o quê ? Fica quieto !
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 19.06.2018 às 08:15

Já disse isto aqui mais que uma vez.
O problema é que quem tem o poder efectivo ainda é o CD, mesmo que suspenso, mas por uma entidade que o CD não reconhece e ainda nem sequer há alguma providência cautelar (pelo menos que seja do meu conhecimento) para reconhecer juridicamente a validade da atual MAG E Comissão de fiscalização E a obrigatoriedade de obediência por parte da CD de se considerar suspensa E reconhecer juridicamente que a CG é a atual direção efetiva.

Só assim é que o BdC para de exercer o poder efetivo sobre as instalações e funcionários.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.06.2018 às 08:27

Daí, creio, esta frase: "temos de recorrer aos tribunais e à Justiça para fazer cumprir a lei dentro do Sporting".
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 19.06.2018 às 08:41

Sim, sim. Acho que já toda a gente já percebeu que isto ao lá vai mesmo à “força” judicial, principalmente quem está ou vai estar metido nisto até ao pescoço!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 19.06.2018 às 11:17

Ontem, o filho do Sr. Proença e amigo do peito do Bruno Maradona, o Pedro, disse claramenente..(agora, paneleiro num programa de bate-boca)
- Isto só se resolve nos Tribunais -
Mais claro não poderia ter sido!

Eles sabem que perdem mas, querem lá ficar até à ultima.
Porquê??..
O Sporting não é um País, é uma instituição desportiva.
Qual a razão desse apego? 🤔🤔
Digam lá a verdade..
São os milhões, nao é?!?.. E mais o que?
Pois,....
E depois aos jogadores pedem amor ao clube. Que hipócrisia!!!!.. 😌


P. S.. Eu não sou nem queque, nem croquete, nem notável muito menos Visconde. Apesar do meu super conhecidíssimo apelido em Portugal😁 Casualidade!
Eu sou povão!..
Com isto dito; o Sporting é um clube desportivo fundado por um Visconde. Mas ele fundou o clube para todos!!!.
Quem ache que o clube deve agora que o Sporting deve ser só proletariado está enganado.
O Sporting tem a sua própria identidade. Não queremos, não devemos ser cópia. Não queremos, não devemos querer ser nem Benfica, nem FC Porto ou qualquer outro.
A quem lhe pareça que devemos mudar esta especifidade sportinguista, parece-me que deveria procurar outro clube.. Que assente na convicção e carácter de cada um.

Eu sou Sporting por :
Por ser orgulhosamente diferente..
É dizer ; dos Viscondes, croquetes, queques, notáveis e povão.
Por eclético, por tolerante, por agregador, por inovador(Ex: Academia e SAD)
Não por a cor verde ou por ganhar com todos os meios para atingir os fins!!!!..
Não por ser anti (ser anti na minha opinião é desprezível. Baixeza!.. Zangue-se quem quiser)
Não por ter uma guarda pretoriana, as claques(até isto foi fundado por croquetes e queques)
Etc, etc, et..


NOTA: o meu desgosto é tal que já "pouco" me importa que o clube se afunde e se refunde com outros valores.
A impotência que sinto como mais um do povão e ver os notáveis e viscondes sem "tomates".. Revolta-me.
É como ser obrigado a perder a paixão por a mulher amada.
Ela foi-se, o Sporting vai indo..
É o fado!. 😁
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 19.06.2018 às 12:05

Carlos N.T.

Concordo com a abordagem. Oposição com punhos de renda corre o risco de entregar de mão beijada o clube aos golpistas.
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 19.06.2018 às 12:22

Obrigado!
Perfil Facebook

De Mike Portugal a 19.06.2018 às 08:19

Não sabia desta situação das "eleições" na SAD a 30/6.
Na SAD há eleições???
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.06.2018 às 08:24

Pelos vistos, os mandatos na SAD são só de um ano, no que diz respeito aos administradores.
Imagem de perfil

De Nasd a 19.06.2018 às 08:46

Posso estar enganado, mas acho que a ideia da comissão de gestão é se o Bruno perder na AG de 23 e tentar impugnar em tribunal os resultados, é através das AG da SAD com os votos do clube (comissão) e da Holdimo, substituir o gajo na SAD eliminando o gajo do Sporting até os tribunais resolverem tudo.
Em tom de piada, no Benfica devia-se abrir um escritório da Judiciária e no Sporting um tribunal, perdia-se muito menos tempo...LOL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.06.2018 às 09:03

O que me parece é que sem intervenção do tribunal, o lunático não vai reconhecer seja o que for.

De acordo com a explicação que a Holdimo deu há uma semana, a Comissão de Gestão tem autoridade para o suspender da presidência da SAD, ou seja, como representante do Sporting. Os administradores não, mas ele sim.
Sem imagem de perfil

De MG a 19.06.2018 às 11:56

Bom dia, não sou jurista, mas tenho amigos excelentes juristas que me disseram que uma Comissão de Gestão, seja ela em que organização for, tem poderes muito limitados. Como o próprio nome indica, é apenas de gestão. Serve para garantir a gestão corrente até que o órgão legítimo seja eleito. Normalmente serve apenas para garantir actos que não vinculem a organização. Por isso o Artur T. Pereira, foi muito comedido e deu a entender que teria muito pouco poder.
Aliás, esses meus amigos foram unânimes em considerar que a nomeação de administradores para a SAD, é tudo menos gestão corrente. Mas, conforme a vox popoli, quando há dois juristas há no mínimo três opiniões.
Imagem de perfil

De Rampante a 19.06.2018 às 09:05

Mike Portugal,

o que esta crise terá de bom (se é que tem alguma coisa) é que os sócios saem daqui muito mais esclarecidos… antes aprovava-se tudo só porque o Presidente dizia que sim e a verdadeira intervenção dos sócios era em caso de eleições.

Neste momento os sócios percebem que clube e SAD são coisas diferentes, com atuações e responsabilidades diferentes e que até têm direções diferentes (pese embora o mesmo Presidente). Os sócios percebem a importância dos Estatutos, bem como a importância e alcance de cada Órgão Social. Tenho a certeza, que no futuro os sócios serão cada vez mais esclarecidos antes de se comprometerem com uma cruzinha no boletim de voto.

Quanto à questão:
A SAD possui uma AG para aprovação de contas e revalidação dos órgãos sociais, anualmente, cujo mandato termina sempre a 30 de Junho. E sim, é através de eleições (dos sócios da SAD), dai a "importância" do clube possuir a maioria da SAD, pois enquanto assim for é o clube que "escolhe" o Presidente da SAD.



Perfil Facebook

De Mike Portugal a 19.06.2018 às 09:42

Ok, fiquei esclarecido.
Entretanto também percebi que a comissão de gestão não quer entrar em conflito com BdC até dia 23, escolhendo fazer as suas tarefas fora de Alvalade. O que acho uma decisão muito acertada.
No dia 24, consoante os resultados logo se vê o que fazem.

Acho que se a votação for muito próxima, vão ser levantados problemas na contagem. Por isso estou a rezar para que os resultados não sejam próximos (pelo menos 60% a favor da destituição, ou se BdC tiver que ganhar, que ganhe também com 60% ou mais), para não dar grande margem para dúvidas.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 19.06.2018 às 11:08

O Bruninho já começou a levantar essa dúvida falando nos cadernos eleitorais em Excel, concerteza que se perder vai tentar impugnar o resultado, isto é o VALE TUDO
Sem imagem de perfil

De Bento de Jesus Carvalho a 19.06.2018 às 12:08

Como é evidente BdC está a jogar para os dois lados, se vencer vai dizer que os sócios lhe voltaram a reforçar o mandato, e vai aproveitar para fazer a limpeza restante a qualquer coisas que se pareça com uma oposição, com muitas expulsões de sócio à mistura.
Se perder vai impugnar tudo e todos! A entrega da listagem em excel, não foi inocente, pois vai poder dizer que foi adulterada.
Perfil Facebook

De Luis Vicente a 19.06.2018 às 10:22

Se os Sortinguistas tivessem dúvidas, o que fariam?
Reviam a entrevista do Bruno na Sic/N
E a do Torres Pereira de ontem!!!!
Foi deveras esclarecedor!!!!
A diferença entre um arruaceiro malcriado é um Senhor!!!
Sem imagem de perfil

De Bento de Jesus Carvalho a 19.06.2018 às 12:11

Eu não consigo compreender a reverencia que os media têm por estes senhores! Não são capazes de fazer uma entrevista em condições ...

PS: acontece o mesmo nas poucas vezes que LFV ou PdC são entrevistados!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 19.06.2018 às 12:21

Por medo, muito medo de levar nos chifres..
De perder o pão que sustenta a familia.
Por saberem que não são defendidos como deve ser, por o sindicato em Tribunal.
Por falta de solariedade entre eles, jornalistas.
Por serem clubistas!. Em vez de ter orgulho na neutralidade.

E mais... E por aí fora!

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D




Cristiano Ronaldo