Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A divergência de opinião não é nada humilhante, é um modo diferente de ver a realidade. Escolhi uma definição: nada há de humilhante - desde que se seja honesto - em ganharmos a vida trabalhando. O futebol é um trabalho para quem o executa, e entretenimento e/ou paixão para quem o consome. Não está, na minha perspectiva, no topo das coisas mais importantes da vida, e vejo-o na sua relatividade.

4ba6c017381519.562b94acb6bda.jpg

O SCP é e era um grande clube já antes de nós nascermos. Teve períodos de grande glória, e outros menos bons, mas pelo que sei, nunca fomos grandiosos humilhando ninguém, nem baseamos as nossas conquistas na desonestidade. Outros o fizeram sem vergonha e sem pudor, e por isso passaram para a frente. E isso é que é humilhante. Nunca teriam o meu apoio. O Sporting CP, para além de bons ou menos bons resultados, é um clube de valores, aqui e em todo o Mundo, onde é reconhecido e respeitado pela sua grandeza. E é por isso que sou sportinguista. Nem podia ser de outra forma. O resto é espuma dos dias, conversa para aliviar tensões ou frustrações.

Em suma, quem considera que no desporto perder é humilhante, não percebe a sua real essência. Em qualquer modalidade, e nas individuais muito em particular, há apenas um vencedor, porque tem as características para ser o melhor. Os outros, pelo seu esforço, merecem o mesmo respeito. Se assim não fosse só corria, por exemplo, o vencedor, ou só jogava o melhor clube.

Com toda a tolerância, sei que há quem pense diferente, mas na minha maneira de encarar o desporto, e querendo que as minhas cores ganhem sempre, sei que isso não é possível, e fico satisfeito quando qualquer atleta dá o seu melhor. E sem dispensar o meu direito à crítica, será sempre feita de forma bem positiva, para ajudar, e não para complicar, com a consciência que as decisões cabem a quem tem poder para decidir.

Texto da autoria de Nação Valente

publicado às 03:50

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


40 comentários

Sem imagem de perfil

De FF a 07.10.2022 às 08:56

Bom-dia, caro Nação Valente,
Uma lição de humildade e de fervor leoninos que tenho a honra de partilhar.
Tomara que as pessoas tivessem igual comportamento e certamente poderíamos ter um mundo melhor.
Saudações Leoninas.
FF
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 07.10.2022 às 13:29

FFC

Obrigado pela apreciação. Como se costuma dizer todos somos iguais, mas ao mesmo tempo diferentes. Nesse sentido compreendo atitudes e comportamentos divergentes, de acordo com a nossa natureza.

Nunca se investiu tanto na formação cívica dos cidadãos, mas a verdade é que nesse aspecto até parece que estamos a regredir, na soberba, na intolerância, no ódio, na agressividade, na compreensão da relatividade das coisas.

Antes de ser sportinguista, com toda a paixão que isso implica, sou cidadão, e gostaria que o bom senso imperasse, porque como diz teríamos um mundo melhor.
SL
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 09:53

Bom dia,
Como este comentário foi uma resposta a uma intervenção minha, vou reservar-me o direito de tecer algumas considerações.
Este é o único espaço cibernético Leonino que leio e comento, por razões já aqui, anteriormente, elencadas.
Como não fui obrigado nem, tão pouco, convidado, tenho que aceitar o que por cá, de bom e de mau, se passa. Caso contrário, tenho bom remédio...
Mas já que estamos numa de franqueza, devo dizer que os autores de opiniões divergentes são, normalmente, hostilizados e, amiúde, até insultados.

Relativamente ao texto, já tive a oportunidade de felicitar o autor. Até porque, prolongar aquela conversa não traria nada de novo ou positivo e, como sempre digo, no final do dia somos todos Sportinguistas.
No entanto, tem umas quantas incorrecções.
Aqui vai:
- Essa conversa da desonestidade dos outros é o que se chama, na minha terra, de "desculpa de mau pagador" ou, no futebol, de "argumento de perdedor". Primeiro porque, até hoje, não houve um único acórdão VALIDO a condenar esses clubes e menhum título lhes foi retirado, segundo porque nos arrogamos ao estatuto de imaculados quando, na nossa história, também temos umas quantas nódoas dessas. Portanto, nós temos perdido e ou outros têm vencido. Até termos provas que sustentem os nossos desabafos, tenhamos a dignidade de aceitar a realidade, tal como ela é, e contenção nas acusações.
- As últimas 4 décadas transformaram indelevelmente o Universo Leonino. As exigências diminuíram drasticamente e, por via disso, a nossa competitividade. Certa vez ouvi um sócio do SCP, com camarote, falar nas diferenças entre o nosso clube e um outro, luso, com o qual tem relações por força da sua actividade profissional/ramo de negócio. Falava ele em duas viagens de regresso realizadas na ressaca de derrotas europeias de ambos os clubes. Em resumo, afirmou "no Sporting o ambiente era normal. Não festivo mas normal. No avião que trouxe a comitiva do tal outro clube, o ambiente era de autêntico velório! Os jogadores nem sequer foram às lojas da zona franca!"
Por isso uns ganham muito e os outros nada!
Alguma (demasiada) malta do Sporting ainda se mantém nos românticos anos 20 - mesmo tendo nascido décadas depois - quando o futebol era, efectivamente, um desporto!
E, aí sim, ganhar ou perder fazia parte da actividade e as goleadas eram resultado do "desporto"...
O que essa falange de românticos tarda em perceber é que, hoje, o desporto é praticado por aqueles que só aparecem nas redes sociais e se recriam entre amigos! O que o Sporting Clube de Portugal faz é ALTA COMPETIÇÃO, com uma visibilidade e exposição extremas e valores monetários astronómicos envolvidos. E, aí, para quem é efectivamente grande, a derrota é uma tragédia e as goleadas são uma humilhação.
Não sou eu quem o diz, é a realidade...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.10.2022 às 10:02

Qualquer resposta será dada pelo nosso colega Nação Valente, mas estes seus "livros" são contraprodutivos. Deve tentar comentar mais em síntese, até para facilitar respostas.
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 10:40

Reconheço que só me dou conta da extensão da escrita depois de publicado o comentário.
E, sim, concordo que é maçador.
Sem imagem de perfil

De Orlando Santos a 07.10.2022 às 11:33

Desisti de ler a meio do caminho.
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 12:38

Comentário pertinentíssimo e de conteúdo profundo que muito enriquece este debate.
No entanto, uma vez que já conseguiu ler até meio, revela algum progresso...

PS- não dei conta de ter colocado no cabeçalho que era de leitura obrigatória...
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 07.10.2022 às 14:07

Elitista,

Obrigado pela resposta. Aqui neste espaço, desde que o faça com respeito, pode sempre intervir sejam quais forem as circunstâncias. No entanto tem de se sujeitar às regras do contraditório, e admitir que há visões da realidade, seja ela qual for, diferentes da sua. Abordamos e discutimos assuntos do Sporting com frontalidade, procurando manter os pés bem assentes na terra.

Para não me alongar na sua resposta ao seu comentário, e que já é recorrente no conteúdo, limitando-se a dizer que as derrotas são humilhantes e acrescentando agora que até são trágicas. Trágicas porquê? Geram miséria, fome, exploração, injustiça social, morte...? O futebol não é nem o alfa, nem o ómega na vida da humanidade.

Depois diz outra coisa que me entristece, enquanto sportinguista: para ganhar vale tudo, até, depreende-se, tirar olhos. Então a desonestidade é uma virtude? Ganhar a qualquer preço é admissível, porque não houve castigo? E não houve porquê? Porque a justiça foi manipulada? O que é que muda na sua essência?

Tenho muito orgulho no SCP, na sua história, no seu presente, mas enquanto cidadão, procuro entender a relatividade das coisas. E nesse aspecto, nunca estaremos de acordo.

Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 19:02

Caro Nação Valente,
Aceitarei sempre o contraditório.

Estamos a debater futebol.
Quando quiser discutir assuntos como fome, injustiça social e morte, também pode contar com a minha colaboração, pois são temas deveras interessantes.

Quando a malta perceber porque é que uns ganham muito e outros pouco ou nada, vai perceber a "tragédia" e "humilhação ".
Olhe, pergunte a um brasileiro já maduro que ele explica-lhe...

O 3° parágrafo resulta da sua interpretação errada do que eu escrevi. Caso contrário, seria um insulto e uma calúnia e, estou certo, não foi essa a sua intenção.
Insisto, não houve condenação alguma e eu não vou lançar suspeitas sobre a justiça.
Restam os factos: estamos no último lugar do pódio nacional.

Eu também tenho muito orgulho no SCP, por isso quero que se torne ganhador regular (ninguém ganha sempre) na era moderna...

SL
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 07.10.2022 às 20:05


Elitista,
Para que fique claro, não faz parte da minha argumentação usar o insulto. Mantenho a acusação de desonestidade a quem a praticou durante dezenas de anos. É uma evidência. Numa outra resposta já clarifiquei essa questão. Houve condenações como referi. E até houve um clube que desceu de divisão.

Sem qualquer intuito de fazer insinuações, estranho a sua opinião sobre esse processo. Se viesse de um portista compreendia pela paixão clubística. Num sportinguista não consigo compreender. Apenas.
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 20:21

É fácil perceber. Basta metermo-nos nos sapatos dos portistas até 1983.
Não sejamos anjinhos! Quem é que acha que dominava esta treta antes de PdC entrar em cena?
E, nós, lá íamos tentando dar alguma luta.
Se o fizemos sempre legalmente? Não há qualquer prova do contrário. Portanto,oficialmente, sim?
Mas os outros falam do Góis da Mota.
Já no periodo descendente do clube, aparece um Jorge Gonçalves a afirmar, alto e bom som, que pagou a árbitros para beneficiarem o SCP.
Se goataria de ganhar com batota? Hell no!
Se uso a alegada corrupção dos outros para justificar o nosso insucesso? Qual alegada corrupção?...
Para lhes dar o prazer de se rirem na minha cara? Evito...
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 07.10.2022 às 22:01

A hegemonia do FC Antas, não prejudicou apenas o SCP, mas também os benfas. Pelas suas teorias estes também não foram campeões anos e anos porque não lutavam. Nesses anos em que os Antas ganhavam tudo, era tudo limpinho, porque nós não sabíamos jogar à bola. Posso ser ingénuo, mas não sou anjinho.

De Jorge Gonçalves, um erro de casting tão grande que nem acabou o mandato, podia-se esperar essa bravata. Os que o faziam permanentemente sabiam que não o podiam dizer. Foi um peão de brega comparado com criou o e manteve "sistema" com dizia na época o nosso presidente.

Não terem sido condenados só mostra que o "sistema" funcionava e ainda funciona de forma mais subtil, E significa que sacrificaram o peixe miúdo como Valentim Loureiro para se safarem a si próprios, Na justiça há inocentes castigados, e criminosos à solta.

O declínio do Sporting, sobretudo depois de 1980, teve várias causas, mas não querer aceitar que a corrupção desportiva foi uma delas, é no mínimo, incompreensível.
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 22:37

Eles não prejudicaram o benfas, apenas aprenderam a jogar com as mesmas armas.
O problema é que o benfas só esteve 11 anos em jejum. Para lhe ser sincero, era, no mínimo, o dobro para lhes baixar decisivamente a crista.
É claro que a corrupção foi uma das causas do declínio do Sporting, e começou na década de 50. Mas há muitas outras.
Eu prefiro discutir as que dependem de nós e que podemos colmatar/corrigir.
Sem imagem de perfil

De João F. a 07.10.2022 às 15:36

"...porque nos arrogamos ao estatuto de imaculados quando, na nossa história, também temos umas quantas nódoas dessas."

E quais são essas nódoas?! Estou curioso em conhecê-las, eu que conheço bem a história do Sporting dos últimos 65 anos, porque as acompanhei de perto...
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 07.10.2022 às 16:43

João F,

Uma pergunta pertinente, mas de difícil resposta, para quem a fez.
Sem imagem de perfil

De João F. a 07.10.2022 às 16:56


Ele faz-me lembrar aqueles que dizem mal da família, só porque não os satisfez nos seus desejos. É muitíssimo grave a suspeita que lança sobre o passado do Sporting, ao equipará-lo aos passados sinistros dos seus rivais directos.
É um triste, que de forma abusiva se considera sportinguista!...
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 18:51

Paulo Pereira Cristóvão diz-vos alguma coisa?...
Sem imagem de perfil

De João F. a 07.10.2022 às 19:09

E fê-lo para corromper algum árbitro?
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 07.10.2022 às 19:14

Paulo Pereira Cristóvão foi um oportunista, como outros, que esteve numa Direcção. Um erro de "casting". Tentou implicar um árbitro, num acto de total burrice, à margem dos órgãos sociais, e da qual o Sporting não tirou qualquer proveito.

O que referi no meu texto, foi da criação de uma organização para conseguir dominar e controlar o futebol português, ao mais alto nível. Dias da Cunha chamou-lhe "sistema", Esse sistema foi desmascarado e julgado. Safou-se, em parte, porque o braço do polvo, chegou ao sistema de justiça. Comparação infeliz.
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 19:34

E foi só isso que PPC fez?
Tem como provar o que afirma no 2° parágrafo?
Sabia que os nossos adversários afirmam exactamente o mesmo em relação ao campeonato 2001/2002?!
Sem imagem de perfil

De João F. a 07.10.2022 às 19:49

O quê?! Nunca ouvi ou li tal coisa! É verdade que ainda estamos no tempo das melancias!...

Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 20:33

Vá chamar melancia à sua tia!
Ninguém o convidou, ou autorizou, a meter-se na conversa, por isso, vá insultar os da sua igualha!
Julga-se mais Sportinguista que os demais só porque gosta de perder ou porque engoliu a casete calimerista do "coitadinhos de nós que somos roubados pelos adversários, pelos árbitros, pelo relvado, pelo vento, etc.?
A sério? Isso ainda pega?
Para não recuarmos muito, foi por causa do árbitro que entregámos o campeonato passado nos Açores? Foi o árbitro que cometeu um penalty amador quando o jogador do Braga até fugia da baliza?
Olhe, sabe o que me dizem os meus amigos benfiquistas e portistas? Joguem à bola e deixem-se de choradeira!
Já que gosta de fruta, cure a ressaca do melão sem o anestesiante discurso banana!
Sem imagem de perfil

De João F. a 07.10.2022 às 21:42

Não preciso da tua autorização para responder seja a quem for neste ou noutro blogue.

Depois esta: "Olhe, sabe o que me dizem os meus amigos benfiquistas e portistas? Joguem à bola e deixem-se de choradeira!" diz muito do que és! Foste minado por dentro pelos adeptos dessas 2 máfias!

Desde a primeira vez que apareceste aqui, demonstraste ao que vinhas e o que eras. Logo te revelaste cheio de azia na vida e que te serves do Sporting para descarregar a bílis. E agora demonstraste ainda, que és um MALCRIADÃO!
Volto a afirmar. Comportas-te como uma MELANCIA, pois levantas falsos testemunhos ao Sporting, ao equipará-lo nas vigarices aos seus rivais! És uma vergonha! Esses tais teus amigos adeptos dos clubes rivais, ao lerem-te por aqui e ao verem as acusações que fazes ao Sporting, devem estar contentes com o trabalhinho de sapa que têm feito! Um dos êxitos desses adeptos, é de terem conseguido transmitir a sua cultura negativa e corrosiva anti-Sporting, a muitos dos adeptos do Sporting. E tu és um deles. Minaram-te por dentro e quando estiveres bem madurinho...comem-te como sobremesa!

Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 21:54

Vá tratar por tu quem lhe talhou as orelhas!
Não o conheço de lado algum, felizmente!
Os adversários são anti-Sportimg? Obviamente! Temos dominado o futebol nacional de tal forma que representamos a principal força a abater!
E dizem-se estes alienígenas Sportinguistas?
Só se for no planeta de uma galáxia distante em que vivem!
Acabou a conversa!
Sem imagem de perfil

De João F. a 07.10.2022 às 22:16

Acabou a conversa por hoje...melancia negacionista! Mas logo que arrotes outra bosta, cá estarei para te pôr os pontos nos iis.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 07.10.2022 às 19:50

Elitista,

Não tenho que provar nada. Está tudo provado. Se percebeu, falo do apito dourado. Não lhe diz nada? Dirigentes julgados e presos. O Antas castigado com alguns pontos para enganar tontos. O chefe máximo dessa "máfia" safou-se de ser preso, porque avisado de dentro do sistema judicial, fugiu para Vigo. E depois voltou a safar-se da condenação porque anularam as provas, não as pondo em causa, mas alegando que foram conseguidas de forma ilegal.

Não seguiu o processo? Por onde andava?
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 20:36

O julgamento do processo apito dourado foi anulado e os pontos restituídos ao porto.
Portanto, reitero, nenhuma condenação pende sobre o porto ou qualquer um dos seus dirigentes.
Podemos não gostar, nas os factos são esses!
Sem imagem de perfil

De João F. a 07.10.2022 às 19:46

Ele chama o PPC para se justificar, por nitida má fé. Sabe muito bem que o ex-dirigente foi condenado por denúncia caluniosa e não por corrupção, porque para haver corrupção é preciso estarem pelo menos dois de acordo. Mas a denúncia só foi concretizada, porque o Godinho Lopes ao receber uma carta anónima a apontar-lhe o caso, a enviou ao então presidente da Liga Fernando Gomes, que a fez seguir para a PJ.
Os casos Apito Dourado e E-emails, também foram denunciados à PJ pelos dois clubes acusados? NÃO! Mas este facto não o impede de dizer, que o Sporting está ao mesmo nível daquelas 2 máfias!


Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 20:41

Volto a perguntar: Paulo Pereira Cristóvão foi condenado apenas no processo de denúncia caluniosa e só por esse crime? Se não sabe, poupe-se a si ao ridículo e a nós ao desgaste e perda de tempo de ter que lhe responder!
Volto a perguntar: esses a quem chama de máfias foram condenados em algum processo no qual foi provado que ganharam ilegalmente?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.10.2022 às 21:40

Triste e incorrecto argumento esse seu!!!

O PPC foi também condenado por crime (s) em nada relacionado com o Sporting e até creio que nessa altura já nem era dirigente do Clube.
Sem imagem de perfil

De João F. a 07.10.2022 às 21:51

Ele foi intoxicado pela propaganda mafiosa! Lavaram-lhe de tal maneira a tola, que não se recorda que o Bimbo da Bosta foi condenado e o Futebol Corrupto das Antas perdeu pontos, salvo erro 6, na classificação!

A maneira como ele utiliza os argumentos as 2 máfias, é sintomático!...
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 22:12

Palerma (João), sabe ler? O julgamento foi anulado e os pontos foram restituídos!
Que parte desta frase básica não percebeu?
Aos olhos da lei do estado de direito que é Portugal, o presidente do fc porto não foi condenado coisíssima nenhuma!
O que não foi provado é que NÃO PRATICOU os actos que o levaram a julgamento, mas, legalmente, não tem nenhuma acusação relativa ao processo apito dourado!
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.10.2022 às 22:07

Julgo que era e, tanto quanto o meu entendimento permite alcançar, ter informação pessoal (alguna íntima) de árbitros, jogadores e outros agentes, para poder coagi-los, tem, infelizmente e inevitavelmente, que ver com o Sporting.
Eu considero que as suspeitas que existem relativamente aos nossos adversários, devem ser tratadas em sede própria e de forma correcta sob pena de não serem levadas a sério. O problema é que isso tornou-se numa narrativa quase obrigatória e que, pior do que justificar os desaires, há quem a utilize como barómetro de Sportinguismo.
Ora eu tenho a minha opinião sobre isso, obviamente. Já aqui manifestei o que penso acerca do que suspeito estar a ser "cozinhado" para esta época. Mas não uso essa muleta para branquear as nossas lacunas.
Muito menos entre Sportinguistas. Quando o faço é em conversas com malta de outras cores.
A minha referência a este ex-dirigente, foi apenas para lembrar que o nosso telhado tem uma ou outra telha de vidro.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 07.10.2022 às 15:31

Caro amigo Nação Valente,
Conceptualmente não podia estar mais de acordo com esta excelente exposição do seu pensamento.
Mas, fazendo uso do referido contraditório e para "apimentar" o debate, permita-me abordar uma perspectiva "divergente".
A fronteira que separa o sucesso e o insucesso é, variadíssimas vezes, mais ténue do que se pode supor. A falta de estimulação necessária para o primeiro rapidamente de torna na inércia que favorece o segundo.
Não se subentenda que sou apologista do sucesso a qualquer preço, mas, talvez por característica pessoal, sou partidário da exigência e do inconformismo como eesenciais ao sucesso.
Perante o insucesso não podemos ter a atitude passiva, resignada, de que os outros foram "simplesmente" melhores e que "só" nos toca o respeito. Conscientes das nossas capacidades e qualidades, dentro dos valores éticos e sem nada de substancial que nos diferencie dos outros, devemos ter a revolta interior e a ambição para redrobar o nosso esforço de forma a futuramente sermos nós os vencedores.
Como as ciências que estudam o comportamento humano bem explicam, a natureza humana é deveras complicada e os modelos de actuação não são universais, mas o comportamento humano é resultado da influência de variadíssimos estímulos. De uma forma geral, quanto mais for estimulado mais competências terá para atingir o sucesso.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 07.10.2022 às 16:41

Caro amigo Leão do Norte

Compreendo a sua perspectiva que, se não interpretei mal, se foca na motivação e na ambição. Em tese, tudo o que escreve, é inatacável. Mas também acredito que conhece a diferença entre teoria e prática, o que nos leva para um debate, que está para além do assunto que abordei.

O insucesso desportivo do SCP, depois dos anos 60 e claramente depois dos anos 80, tem explicações variadas e complexas, difíceis de simplificar. Diria que factores conjugados justificam o "apagão" em relação a títulos, e que não vou desenvolver neste comentário, dada a sua complexidade.

O que me parece de uma forma simplificada, é que o insucesso desportivo no nosso clube não se pode ligar a falta de ambição, a não ser em casos pontuais. Nem acredito que em algum período da nossa história, tenho havido falta de exigência. Só que a revolta interior a ambição e a exigência têm que ser acompanhadas por organização, "matéria-prima" , e desculpe-me a insistência, de algum poder de influência no sentido positivo.

O presidente Dias da Cunha usou a expressão "sistema" para caracterizar o futebol português. O facto é que esse "sistema" foi desmascarado, tremeu mas não caiu. Explica tudo? Não, mas explica alguma coisa. Lembro-me, por exemplo, de durante o século XXI termos perdido campeonatos por influência do dito sistema, com equipas competitivas e fortemente motivadas. Por isso, e não só, não posso desvalorizar os esquemas assentes na vigarice. Estão comprovados.

Concordo que os estímulos são importando e devem ser usados, mas de nada servem se ao mesmo tempo se dão tiros no pé. Sem esquecer erros das estruturas do clube, quantos projectos ou pré-projectos não foram dinamitados à nascença, por grupos, mais ou menos organizados. Não há motivação que resista. à falta de estabilidade.

Uma mão lava a outra e as duas lavam o rosto. Mas se tivermos só uma mão ou nenhuma, é complicado Nos anos 50 eramos dominantes. Tínhamos motivação? Certamente, mas também muita "matéria-prima". E quando se entra num processo de derrotismo. tudo se complica. A questão a considerar é como se chega a essa situação. E a crítica sem conteúdo, não ajuda a levar a bom cabo qualquer projecto de forma consistente. E foi esse aspecto que gerou o meu texto.

Imagem de perfil

De Leão do Norte a 07.10.2022 às 20:10

Caro Nação Valente,

A minha perspectiva divergente não tenta ser uma razão explicativa dos insucessos do Sporting nas últimas décadas. Todos sabemos bem que, no futebol português, muito para além da ambição, da exigência e da competência há outros requisitos necessários e que só estão ao alcance de alguns.
Como escreve, dada a complexidade do tema não o podemos desenvolver neste comentário, mas o meu comentário mais do que teoria tenta ilustrar como, na práctica e dentro da legalidade, podemos agir. Não pela crítica fácil e desprovida de conteúdo, nem pelo conformismo.
Os acontecimentos, invariavelmente, têm uma génese multifactorial e que se influenciam mutuamente. Dar "tiros no pé" ou não ter "matéria-prima" certamente afectam o estímulo e a ambição, mas também podem ser uma consequência da falta deles.
O conformismo gera inação, que pode levar ao derrotismo. Não tentar inverter este caminho leva a entrar numa espiral de consequências imprevisíveis. Este é o aspecto principal da minha reflexão.

Por último permita-me discordar da avaliação histórica da ambição e exigência do nosso Clube. Se ao longo da nossa história não houve falta de exigência e a falta de ambição foi pontual, elas foram manifestamente insuficientes e totalmente desajustadas da realidade para um Clube como o Sporting CP.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 07.10.2022 às 17:24

Caro amigo Nação Valente

Na verdade, o futebol é jogo imprevisível e a vitória e a derrota fazem parte da sua natureza. Vencer pode ser glorioso, perder não é necessariamente humilhante. É humilhante uma equipa não ter honestidade competitiva, entrar em campo com medo de perder o jogo. Há dias em que as exibições ficam para a posteridade, outros dias são desastrosas. Há momentos de total ineficácia, por mais que se tente alterar.

Ver o jogo com paixão não implica insultar, agredir, provocar, mas antes aplaudir sempre o Sporting, seja em que circunstância for. Este é um princípio essencial para nós, os sportinguistas, tendo sempre presente o nosso Clube é uma instituição centenária com valores, como sublinha. Nos momentos de maior fragilidade emocional, devemos apoiar e colaborar para o reforço da confiança e da atitude competitiva dos nossos jogadores.
Sem imagem de perfil

De RCL a 07.10.2022 às 18:27

O Sporting entra em campo sempre para vencer, sabendo contudo que 3 resultados são possíveis; actualmente não me parece que o Sporting seja uma equipa acomodada, viu-se contra o Tottenham e Eintracht, o jogo como Marselha foi um acidente; ninguém se lesionou.

Ontem vi o jogo Omonia x Manchester United, especialmente para observar o desempenho de Cristiano Ronaldo; jogou os 90', esteve sempre em jogo , foi determinante para a vitória do M. United, sobretudo com uma assistência açucarada para Rashford que fez o golo, dos tais que até o Paulinho roupeiro faria. Contrariamente ao que tem sido dito, CR7 festejou os golos dos companheiros, efusivamente, mas ............saiu chateado! Porque? Falhou 3 golos cantados, 1 na barra e 2 por milimetros. Ronaldo foi sempre assim, desde júnior; tem um grau de exigência enorme , uma insatisfação permanente. Por isso é o maior artilheiro de todos os tempos e tem os títulos de todos conhecido, sobretudo dos seus detratores,
Cristiano Ronaldo é um exemplo a ser seguido pelo atletas do Sporting, sobretudo pela cântera de onde saiu.
SL
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 07.10.2022 às 18:54

RCL

Nos jogos de futebol há uma evidencia: quem tem a melhor equipa está sempre mais próxima de ganhar. Além disso, é muito importante ser bem orientada, estar unida e motivada. Depois há factores aleatórios que não se controlam, Veja-se a actuação de Adán no último jogo, ou de Ronaldo, como refere, a falhar golos. por isso temos de pedir aos nossos atletas máxima concentração..

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo