Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pioli-AC-Milan.jpg

A mais que centenária história do futebol é feita de fundamentos nos quais nunca se tocaram, mas também de introdução de regras que tornaram o desporto mas atractivo e organizado. A nova lei do fora de jogo será uma delas, o impedimento que o guarda-redes apanhe a bola quando esta vem de um colega outra.

Agora, Stefano Pioli avança com mais uma proposta. O treinador do AC Milan acredita veemente que para beneficiar o jogo ofensivo, o futebol deveria ir "beber" ao basquetebol a regra que impede uma equipa que esteja a atacar já dentro do meio-campo do rival de voltar ao seu meio-campo defensivo até perder a posse da bola.

"Se queremos ver um tipo de jogo mais atacante no futebol moderno é preciso introduzir uma regra em que não seja permitido voltar ao próprio campo uma vez ultrapassada a linha central", sugeriu o treinador durante a conferência de imprensa de antevisão ao encontro com o Spezia para a Serie A, onde aproveitou para lançar ainda mais propostas que, na sua opinião, deveriam ser adoptadas no livro de regras do futebol.

Uma delas já está em prática, mas Stefano Pioli gostaria que fosse permanente. No caso, as cinco substituições introduzidas devido aos constrangimentos provocados pela Covid-19 no esforço dos atletas no último ano e meio.

"São muito importantes. Tenho andado a dizer isto desde há muito tempo. Especialmente agora que temos jogos a cada três dias. Nem é a questão da quantidade de minutos que um jogador joga, mas sim a qualidade cada vez que joga", explicou o técnico italiano, que gostava também de ver o relógio parar cada vez que a bola sai do terreno de jogo.

publicado às 06:32

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


12 comentários

Sem imagem de perfil

De De Perry a 26.09.2021 às 09:18

Sem dúvidas que melhorava o futebol de ataque. Para está táctica suportada pelos 3 centrais era capaz de ser mau, penso que uma linha no meio do meio campo defensivo era melhor
Sem imagem de perfil

De Orlando Santos a 26.09.2021 às 11:18

Futebol não é desporto de pavilhão.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 26.09.2021 às 16:09

Não é, de facto, mas isso não impede a implementação desta e de outras regras.
Sem imagem de perfil

De Zé Manel a 26.09.2021 às 14:24

"...relógio parar cada vez que a bola sai do terreno de jogo."
Sem dúvida que esta seria a regra que mais gostaria que fosse implementada. Adeus anti-jogo. Eventualmente teriam que alterar a duração do jogo para por ex. 30 min cada parte.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 26.09.2021 às 16:07

Acho que a ideia ideal seria parar o relógio sempre que o jogo esteja parado, indiferente de onde estiver a bola.

De facto, é possível que tivessem que reduzir o tempo global do jogo.
Sem imagem de perfil

De Zé Manel a 27.09.2021 às 09:41

Certo, isso mesmo, o relógio pararia quando a bola saísse ou de cada vez que o jogo tivesse que parar. Sinceramente acho que seria óptimo para o futebol. No último jogo do Sporting o GR do Marítimo fez anti-jogo sempre que pode. O anti-jogo mata o espectáculo.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 26.09.2021 às 16:01

À luz da realidade actual a medida da impossibilidade de retorno ao seu meio-campo parece impossível de implementar ou até descabida. Não será num futuro próximo, mas a longo prazo não duvido que venha ser implementada.
Já não é a primeira vez que este tema é abordado. Várias modalidades tiveram de utilizar esta medida e o futebol, não sendo uma modalidade de pavilhão, também a poderá considerar.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 26.09.2021 às 16:06

Não sei se já houve testes em jogos dos escalões inferiores, mas acho que devia ser testado para então ver o efeito.

Sem dúvida que obrigaria muito mais jogo ofensivo e menos "queimar" do relógio.
Sem imagem de perfil

De Hugo a 27.09.2021 às 20:40

Não me parece fazer grande sentido no Futebol de 11. Até pode beneficiar as equipas mais defensivas, fechando atrás quem ataca ficaria sem grandes hipoteses de tentar abrir o jogo, só esperando que um adversário pontapea-se a bola para o sei meio campo.
Outra questão é que a bola roda no chão, diferente do basquete, andebol, etc, qualquer passe mais desviado ou ressalto no relvado criava uma situação caricata, em que a equipa "atacante" não podia tocar na bola e a que defendia podia ficar ali à espera que algum colega desse boa linha de passe, sem que mais ninguem pudesse interferir.
Cumps
Sem imagem de perfil

De Profeta a 27.09.2021 às 21:18

Acho que a única coisa que realmente foi muito importante foi a proibição do guarda redes agarrar a bola vinda de um colega. De resto, acho mais importante apostar numa cultura de maior fair-play e de verdade desportiva, do que estar a mexer no jogo como sempre o conhecemos. Se se queimar jogo, é fazer como no nosso último jogo e dar 8 minutos.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 27.09.2021 às 21:22

O tempo de compensação não contrabalança as constantes quebras de ritmo através de lesões simuladas e outras habilidades.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo