Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Alvaro Cardoso final TP 1947-48.jpg

Álvaro Cardoso foi o capitão da selecção nacional que perdeu com Inglaterra por 10-0 num jogo disputado no Estádio Nacional em 25 de Maio de 1947. Aos 20 segundos de jogo, Portugal perdia por 1-0 e aos 15 minutos o resultado já estava em 3-0. Os jogadores foram acusados de rebelião e de não se terem empenhado, o governo mandou abrir um inquérito, a PIDE entrou em acção e houve interrogatórios na sede da polícia política. Entre outras coisas, os jogadores queixaram-se do autoritarismo e da falta de diálogo dos dirigentes da Federação e por não serem justamente recompensados pela sua participação no jogo.

Durante o interrogatório, Álvaro Cardoso assumiu o seu estatuto de capitão da Selecção Nacional, e por essa razão foi considerado o principal responsável pelo fraco desempenho colectivo. O Sporting meteu empenhos para que ele não fosse irradiado do futebol, ficando por um castigo de doze meses de proibição de participar em competições desportivas oficiais. Mais tarde, a suspensão passou para seis meses. Outros jogadores também foram punidos, embora com penas mais leves.

Álvaro Cardoso apenas voltou a jogar futebol em 15 de Fevereiro de 1948, num Sporting - Lusitano VRSA, e esteve na vitória leonina frente ao Belenenses (3-1) na final da Taça de Portugal, em 4 de Julho de 1948. Depois da entrega da taça, os jogadores das duas equipas transportaram-no em ombros numa volta olímpica no relvado do Jamor. Nesse dia, despediu-se dos adeptos como jogador de futebol, mas voltou ao Sporting para trabalhar com Randolph Galloway, como Orientador Técnico, sendo Campeão Nacional nas épocas de 1950-51, 1951-52 e 1952-53.

Na fotografia, os jogadores do Sporting e do Belenenses depois de ter terminado a final da Taça de Portugal em 1947-48.

publicado às 17:34

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Rumo Certo - Ventos Favoráveis a 24.05.2022 às 18:43

Corajosa a assunção de valores, companheirismo e solidariedade, que lamentavelmente foram alvo de perseguição e punição, por parte das autoridades policiais do regime fascista.
O digno e notável cidadão Álvaro Cardoso, deu e contribuiu com o seu belo e nobre exemplo, para a inigualável História, valores e ética do Sporting CP.
Curvo-me perante tal nobreza de carácter e sentimento de incomensurável Honra, por quem defendeu as cores e símbolos de Leão ao peito.

Imagem de perfil

De Leão Zargo a 24.05.2022 às 18:51

Rumo Certo - Ventos Favoráveis

Na verdade, Álvaro Cardoso como cidadão e atleta personificou todos esses valores. Pertence ao restrito grupo de grandes capitães de equipa do Sporting e da Selecção Nacional assumindo sempre com coragem e frontalidade os seus princípios. É um motivo de extraordinário orgulho para todos os sportinguistas.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 24.05.2022 às 21:57

Caro amigo Leão Zargo,
Excelente exemplo de como os valores e a integridade podem existir no desporto.
Bem ao contrário do "artista" que personifica o post abaixo.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 24.05.2022 às 22:29

Caro Amigo Leão Zargo,

Excelente texto. Uma recordação oportuna e pedagógica de um comportamento cívico exemplar, num tempo em que os condicionalismos políticos, punham em causa o livre arbítrio.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo