Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




img_920x518$2023_12_28_00_20_36_2204888.png

Reparei numa reportagem sobre uma entrevista concedida por José Fontela Gomes, actual presidente do Conselho de Arbitragem da FPF.

A título de curiosidade, propus-me para a ler e, possivelmente, transcrever algumas partes de maior interesse. Esta foi uma das primeiras questões que lhe foi apresentada:

Que balanço faz do VAR ao longo de todos estes anos em Portugal?

"Não podia ser mais positivo..."

Perante este início de resposta, desisti prontamente de ler mais. Reconhecendo o que a casa gasta, admito alguma ingenuidade da minha parte esperar algo construtivo e de interesse do futebol português.

Atendendo apenas a casos bem recentes em jogos do Sporting, este "mais positivo" de Fontela Gomes sublinha o provérbio... "Uma mentira dita mil vezes torna-se verdade".

Na realidade não se torna, mas a intenção é precisamente de desvirtuar a verdade.

O penálti em Guimarães, os 4 cm de Rafa na Luz, os dois golos anulados frente ao FC das Antas, etc..

publicado às 03:34

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


15 comentários

Sem imagem de perfil

De Manuel a 29.12.2023 às 05:54

O problemas das boas ideias é q têm de ser implementadas por pessoas. E as pessoas têm interesses particulares q se sobrepõem à honestidade e justiça.
Portanto, haverá sempre quem procure o atalho q a beneficie em detrimento do resto.
É um dos maiores entraves à civilização e tem versões a todos os níveis.
Saudações Leoninas
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.12.2023 às 12:52

Há muito disso em Portugal e não só no futebol.
Sem imagem de perfil

De Orlando Santos a 29.12.2023 às 09:56

Tem que se por a Inteligência Artificial a cuidar do VAR. Tirar as "interpretações pessoais" da arbitragem. Regras claras, branco é branco, preto é preto.
Sem imagem de perfil

De Yazalde a 29.12.2023 às 10:08

Um dirigente do sistema, foi mesmo o sistema que o pôs lá, não foi o Sporting de certeza, que não tem força nenhuma, fora do futebol pode ser sério, mas quando serve os interesses dos mafiosos , obriga a não ser sério, se ele dissesse o contrário,levava logo um pontapé, já não se ouvia falar dele.
Sem imagem de perfil

De LG a 29.12.2023 às 10:46

Está melhor? Está. Os roubos de igreja ficaram mais complicados
Mas, como diz o Manuel, o problema é que as normas e as regras são aplicadas por homens, e o homem tem uma enorme capacidade de adaptação para que, mudando, fique tudo mais ou menos na mesma.
Vide o exemplo, por comparação, entre o golo anulado ao Sporting em Braga com a validação do golo do Braga contra o Nacional: não há protocolo do VAR ou inteligência artificial que resistam a tanta disparidade interpretativa.

Porém, o VAR tem uma grande vantagem: mostra como os erros são feitos, como a "verdade desportiva" pode continuar a ser falseada e acabou de vez com o discurso de coitadinho "o árbitro é só 1, decide no momento e não tem 154542125454254 camaras de TV e 989657945496745 peritos a ajudar".

Imagem de perfil

De Leão do Norte a 29.12.2023 às 11:29

O actual VAR é mais um exemplo da frase, "é preciso mudar para que tudo fique na mesma".
Perante a evolução e a pressão da opinião pública foi preciso mudar, introduzindo o VAR. No entanto tudo permanece igual ao nível dos resultados finais da arbitragem.
Os erros grosseiros foram abandonados, mas o VAR permitiu criar outras formas para atingir os fins.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.12.2023 às 12:48

O penálti em Guimarães não é um erro grosseiro?
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 29.12.2023 às 13:13

Não considero um erro grosseiro do árbitro porque em velocidade corrida de jogo e no campo visual do árbitro (até ligeiramente tapado), a interpretação não é tão óbvia.
Mas o VAR tem os meios e os ângulos para ver que não existe infracção. O problema é que se escuda num protocolo de conveniência.
Sem imagem de perfil

De AlexandreP a 29.12.2023 às 11:33

Isso e os minutos de desconto.

Como é possivel haver verdade desportiva, quando no inicio de campeonato o porto chegou a jogar 20minutos de compensação(jogar até marcar...) e agora se por exemplo esse critério de compensação já não for utilizado?

As regras têm de ser iguais para todos ao longo de toda a competição.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.12.2023 às 12:49

Em Portugal, as regras são mais iguais para alguns.
Sem imagem de perfil

De José Silva a 29.12.2023 às 11:38

É mais um "pau mandado", quem manda nas nomeações são os outros ( Lucílio, J. Ferreira e Paulo Costa). As duas últimas arbitragens Guimarães e Antas, foram " roubar " até não poder mais. E acreditem, contra o Portiminense, enviaram mais um "artista" que sendo de Gondomar e tâo perto das ...Antas, não acredito que não haja alguém que já não tenha falado com ele...para prejudicar o Sporting. Não vão descansar, enquanto não virem o Sporting do 3º lugar para baixo na tabela classificativa..
Sem imagem de perfil

De Luis Carvalho a 29.12.2023 às 16:13

Um juiz em causa própria, não mais que isso.
Sem imagem de perfil

De Pacheco a 29.12.2023 às 17:22

E o Rui a dar-lhe com os 4cm. Deve ser também caso de "Uma mentira dita mil vezes torna-se verdade".
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.12.2023 às 18:36

Sem dúvida, Tiago Martins é o escroque mais credível que temos em Portugal!
Sem imagem de perfil

De Diogo a 29.12.2023 às 23:23

Bem positivo hoje o var. O comentador que nada comentou até que o banco do chaves reclamasse, até disse que o braço ia a descer. Um empurrão e um braço na mesma jogada... mas o var foi positivo.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo