Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

580735_png.jpg

 

À margem da apresentação da equipa sénior de Goalball, Bruno de Carvalho fez várias declarações, uma delas que me deixou boquiaberto:

 

«O Sporting tem todo o prazer em fazer grandes negócios. Temos feito grandes negócios. Agora, também não queremos cortar as pernas a ninguém. Para o William Carvalho não houve uma única proposta. Não recusámos nem muito nem pouco, existiram abordagens, mas propostas... nenhuma. Porque não tem jogado e jogou na Selecção Nacional? Ninguém disse que ele tinha uma lesão permanente...».

 

Bem... quem sou eu para duvidar do presidente do Sporting (muito embora não seja a primeira vez), mas esta sua afirmação é quase inacreditável. Sendo verdade, portanto, significa que tudo o que foi reportado, repetidamente, em Inglaterra, inclusive das declarações de Slaven Bilic, treinador do West Ham, e do próprio presidente do clube, é tudo uma mentira monumental.

 

The Telegraph - 10 de Agosto

 

"Os chefes do West Ham United estão em Lisboa e apresentaram uma proposta de 27.1 milhões de libras por William Carvalho".

  

Daily Mail - 10 de Agosto

  

"O West Ham apresentou uma proposta de 27 milhões de libras por William Carvalho".

 

The Guardian - 24 de Agosto

 

"O West Ham pensava que a sua última proposta de 32.5 milhões de libras por William Carvalho seria suficiente".

 

Mirror - 29 de Agosto

 

"O West Ham continua a tentar contratar William Carvalho, mas o Sporting não move dos 40 milhões de libras, especialmente agora que consta o interesse do Mónaco".

 

Estes são apenas alguns breves exemplos de reportagens pela imprensa britânica. Seria possível apresentar mais umas dúzias do mesmo, que surgiu nas últimas três semanas de Agosto.

 

E a proverbial "cereja no topo do bolo", a declaração de David Sullivan, presidente do West Ham United:

 

«Não é segredo que fizemos uma oferta por William Carvalho, do Sporting, que seria um recorde do clube. Infelizmente, essa proposta foi rejeitada há cerca de duas semanas. Na noite passada, o Sporting contactou-nos para aceitar a oferta inicial, mas infelizmente já era demasiado tarde e não havia tempo suficiente para o jogador fazer os exames médicos. Como clube, não estamos prontos a comprar um jogador por um valor desses sem que ele faça os adequados exames médicos».

 

Não somos ingénuos. Reconhecemos que nos dias de hoje muito é possível. Contudo, acreditar que não houve uma única proposta apresentada ao Sporting, é missão bastante complicada. Não só estará o presidente do West Ham a mentir, como também a imprensa britânica andou a fazer o mesmo durante semanas.

 

Não é minha intenção aceitar a palavra dos ingleses sobre a do presidente do Sporting, mas parece-me óbvio que de uma forma ou outra estamos perante uma história mal contada.

  

P.S.: Não tenho memória de ter lido qualquer declaração de um responsável do Sporting, até do próprio Jorge Jesus, referindo a uma lesão de William Carvalho. Recordo sim ele afirmar "Estamos todos curiosos. A cobiça que há sobre o William..."; ou "O que sei é que ainda hoje treinou comigo normalmente e só não está nesta convocatória (para o jogo com o Steaua de Bucareste) por estar castigado".

 

Jorge Jesus sobre a ausência de William no jogo com o Vitória de Setúbal: "Foi para proteger o William, o Sporting, tudo. Enquanto não existirem certezas absolutas, tens de jogar com as incertezas".

 

Jorge Jesus sobre a ausência de William no jogo com o Vitória de Guimarães: "Se o William não tem treinado e o boletim clínico já informou, ninguém tem dúvidas do que se passa. Ninguém tem dúvidas sobre a qualidade do departamento clínico do Sporting. Quem tem problemas físicos não treina, ou então pode trabalhar limitado. Lesionou-se há sensivelmente três dias, na manhã do dia em que jogámos com o Steaua [terça-feira]. O boletim clínico está aí. O William é como outro jogador qualquer, pode estar lesionado. É um jogador que, neste momento, está fora de jogo".

 

Esta última explicação de Jesus é tão convincente como a história do Pai de Natal. Nunca constou um boletim clínico a indicar que o William estava lesionado. "Lesionou-se há sensivelmente três dias"... Pois !

 

publicado às 11:20

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


48 comentários

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.09.2017 às 10:04

Só isso é que importa, o resto é apenas adorno para divertimento ?
Sem imagem de perfil

De portugueezza a 02.09.2017 às 12:00

Precisamente.

O FACTO de William ficar é muito mais importante, como é óbvio.

Dar eco a telenovelas quando ninguém aqui sabe realmente o que se passou é conversa para encher chouricos.

E se tiver que dar credibilidade a alguém dou aos dirigentes do Sporting (o Saraiva já veio desafiar o gajo do West Ham a provar as afirmacoes) que estao aqui para defender o clube.

Acrescento que o agente do William é o Pere Guardiola, o mesmo do Luiz Suarez que fez o que fez para sair do Liverpool.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.09.2017 às 14:18

Meu caro,

Não se está aqui a debater se o William deveria ficar ou não, esse não é o ponto fulcral da questão. É evidente que em circunstâncias normais preferíamos que nenhum jogador de qualidade do Sporting saísse do Clube, a exemplo de João Mário e Slimani, só para nomear dois.

Dito isto, eu não aprecio, e creio que muitos sportinguistas também não, levar com mentiras na cara e ser tomado como parvo, algo que este presidente tem o mau hábito de fazer, desde o primeiro dia.

Nem sequer estou preocupado com o que os responsáveis pelo West Ham dizem. A realidade é que algo decorreu durante semanas e que pouco ou nada da verdade nos foi explicado.

Para ser sincero, cada vez mais penso que a venda de Adrien à última da hora tem razão de ser. Bruno de Carvalho contava com o West Ham concordar com pagar o exigido pelo William no último dia do mercado. Como não aconteceu e era imperativo realizar uma venda, Adrien é chamado para ir para Inglaterra. O Leicester já na época passada o tentou contratar, salvo erro por 25 milhões de euros, oferta que este presidente recusou.

No mínimo, acho que há justa causa para suspeitar que há aqui uma história mal contada. Se não quer isso, é uma decisão puramente pessoal que não altera os factos à vista.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Cristiano Ronaldo