Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

img_FanaticaBig$2017_01_22_14_19_43_1211859.jpg

 

Penso que não é assim tão líquido como o gráfico apresenta, no entanto, vou deixar a análise ao leitor. Alerto, desde já, que quem aparecer aqui somente com "bocas" gratuitas, indiferente de clube de simpatia, será editado.

 

Sobre esta temática, e mais, Octávio Machado teve isto para dizer à Sporting TV:

 

«Se não fossem estes erros a realidade seria outra. Aquilo que foi determinante é que o Sporting já tinha recuperado de sete para dois pontos e esse jogo com o Benfica representava a mudança. Em vez de o Sporting sair com um ponto de avanço saiu com cinco pontos de atraso. Isto gerou insatisfação. O jogo da Luz foi determinante.

 

A derrota por 2-1, num jogo que ficou marcado por duas grandes penalidades não assinaladas contra os 'encarnados', teve uma importância psicológica enorme em tudo o que veio a acontecer posteriormente: O estado de alma era completamente diferente, a perturbação, se calhar, estava noutras paragens.

 

O Sporting não é o segundo clube da Europa com a maior dívida, o presidente do Sporting não anda pelo mundo a tentar vender activos. Seriamos uma equipa mais confiante, mais tranquila.

 

As imagens e a justificação da Comissão Técnica do CA deixaram-nos extremamente revoltados. João Ferreira prestou um mau serviço ao futebol. Foi o desmentir o que todos viram. Todos estes erros com o vídeo-árbitro teriam sido rectificados».

 

publicado às 16:53

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


36 comentários

Sem imagem de perfil

De Oceano Vermelho a 22.01.2017 às 18:52

Como em tudo na vida, as coisas não são assim tão líquidas.

É certo que, no ano passado, o Sporting teve o pássaro nas duas mãos e deixou-o voar. Foram as provocações do olhar para cima e dos adversários terem de começar a dar mais luta por um lado e os ataques a Vitória e Sanches que uniram balneário do Benfica, numa altura em que os jogadores estavam muito longe de acreditarem no novo treinador.

Porém, bastava o Ruiz ter acertado com a bola na rede e tudo teria sido diferente.

Sobre os árbitros, é indiscutível que foi sonegado um golo legal a outro Ruiz ontem à noite. Também não deixa de ser verdade que o antigo bandeirinha foi confrontado com dois jogadores em movimento contrário, o que lhe deve ter dificultado a tarefa. Mas a realidade é que seria golo legítimo. O curioso é que, hoje, frente ao Tondela, com 0 a 0, Mitroglu viu-lhe ser assinalado um fora de jogo (mal) quando este ficava isolado frente ao guarda-redes. A 'sorte' é que depois o jogo prosseguiu e a vitória chegou.

Volto ao ponto de partida, as coisas nunca são pretas ou brancas. Este tipo de exercício (o do quadro dos prejuízos) é do mais falacioso que existe, pois nunca se contabilizam os erros contra nem se dá o desconto pelas lentes coloridas que usamos.

Depois, fazem-se contas, à posteriori, como se o jogo fosse exatamente igual, caso as decisões que consideramos que nos prejudicam tivessem sido tomadas noutro sentido. É uma especulação básica, mas não deixa de ser também real. Quem me diz que, a ser assinalada a segunda mão do Pizzi, o Adrien teria convertido o penaltie? E o jogo teria decorrido, a partir daí, de forma a podermos concluir que o Sporting o venceria? É apenas um exemplo.

Já o caso de ontem é um pouco diferente, pelo tipo de lance e pelo momento do jogo em que decorre.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Cristiano Ronaldo