Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Palavra de adepto

Ricardo Leão, em 06.03.16

 

19329932_j946u.jpg

 

«Desde sempre que mostrei o meu desagrado pela atitude, pela postura, pelo circo, pelo não saber ganhar, pelo não saber perder, pelo ego desmedido, pelo desprezo pela história do Sporting, demonstrados por Bruno de Carvalho.

 

Nada disto é compatível com o desportivismo, com a honra nas derrotas e com a glória nas vitórias que sempre caracterizaram o Sporting Clube de Portugal.

 

Somando a isto:

 

- A divisão entre Sportinguistas como nunca se viu, dividindo entre os Bons Sportinguistas, os “brunistas”, que são os que dizem ámen a tudo quanto a direcção faz sem sequer questionar, e os Maus Sportinguistas, os “croquetes”, que têm dúvidas sobre o rumo que o Clube está a tomar, e que a actual direcção anuncia como gente que só critica porque se serviu do Clube, e que está agora ressabiada pois a actual direcção terminou com isso. Quanto a mim, a forma como me servi do Clube foi a dar sempre o meu apoio incondicional independentemente de presidentes, direcções, treinadores e jogadores; a pagar as minhas quotas; a ir ao estádio; a contribuir monetariamente para a construção do pavilhão com um valor equivalente a vários anos de quotas; a comprar regularmente merchandising do Sporting para oferecer a todas as crianças da minha família e a estrangeiros que vêm viver para Portugal…

 

- Os processos a sócios, realizados por advogados pagos com o dinheiro das minhas quotas e das dos meus consócios, em nome da "união".

 

- A guerra aberta em todas as frentes, numa atitude de confrontação constante com tudo e todos, até com pessoas com as quais um Presidente do Sporting Clube de Portugal jamais se deveria confrontar, pois deviam ser-lhe indiferentes, como comentadores de clubes rivais.

 

- O fantasma dos resultados de uma auditoria que pairou durante os dois primeiros anos de mandatado, que no final veio a resultar em nada de relevante.

 

- A utilização constante e quase adolescente do Facebook como meio de enviar recados para todos os lados, chegando mesmo ao ponto de, no Facebook, chamar indignos aos jogadores do Sporting, após uma derrota em Guimarães, parecendo desconhecer um princípio básico que qualquer gestor de uma PME bem sucedida sabe: Elogiar em público, criticar em privado.

 

- O circo montado nas Assembleias Gerais de Clube, que alternam entre momentos de seita religiosa e momentos em que Bruno de Carvalho acredita estar na sua coutada chegando mesmo a dizer numa AG, em relação a um árbitro, “só não lhe dei um chuto no rabo porque, olhando para a figura dele, tive medo que gostasse”. O que senti com esta declaração em duas palavras: Vergonha alheia.

 

- A efabulação de um “governo sombra” no Sporting, como se não existissem Sportinguistas genuinamente preocupados com o rumo do Clube. Como se todos os que criticam, o fazem porque querem o seu lugar.

 

- O afastamento miserável de Marco Silva, um dos treinadores mais promissores que já passou em Alvalade, e que colocou uma Taça de Portugal no museu do Clube logo na sua primeira época, já campeão na Grécia a 2 meses do fim do campeonato.

 

- O pagamento de um salário absurdo a um treinador que nada tinha provado no Sporting, e que se sente maior que o Clube, que na sua visão é um Calhambeque que ele vai transformar num Ferrari. Quem não se lembra do “Vamos acordar o leão adormecido”, e isto já com dois anos de exercício da actual direcção !

 

- O desprezo pela formação, que já se reflecte nas camadas jovens da selecção, que tem agora uma minoria de jogadores do Sporting, quando comparado com a realidade de há alguns anos atrás.

 

- O pagamento de salários desmedidos a jogadores sem margem de progressão - Teo, Barcos, Coates, Aquilini, Schelloto, etc… - com os quais o Sporting nunca conseguirá realizar uma mais valia financeira relevante, pelo que só podem representar um investimento em resultados desportivos de curto prazo.

 

- A quase equivalência da folha de salários do Sporting à do Benfica, mas sem a respectiva equivalência de receitas. Haveria muito para falar sobre o desperdício de potenciais receitas para o Clube, mas basta pensar que vamos acabar a época sem o patrocínio nas camisolas, enquanto o nosso rival de Lisboa recebe 8 milhões por época pelo mesmo.

 

- O desprezo pelas outras competições internas e também pelas competições internacionais, como se honrar a camisola do Sporting fosse uma escolha, uma opção dependente de estratégias pessoais, e não uma obrigação a cada momento em todos os jogos contra todo e qualquer adversário.

 

Por tudo isto, o mínimo que se exige à direcção do Sporting é a vitória no campeonato nacional de futebol. O Sporting merece muito melhor do que o que tem sido realizado até agora, assim como os seus sócios e adeptos, que ainda ontem, apesar de estarem há 14 anos sem ganhar um campeonato, receberam a equipa da forma que todos viram.»

 

                                   

Gonçalo Martins, Sócio do Sporting Clube de Portugal aqui.

 

publicado às 18:12

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


15 comentários

Sem imagem de perfil

De Queres é tacho a 06.03.2016 às 18:42

"(...) enquanto o nosso rival de Lisboa recebe 8 milhões por época pelo mesmo."

Quando temos sportinguistas que se deixam manipular, o nosso rival de Lisboa nem precisa de Pedros Guerras, Goberns e restantes pombos correios.

Só para lhe informar que esses 8 milhões a que se refere, já foram 10 (segundo o jornal A Bola), mas segundo o relatório e contas deles foi 3,5 milhões que a Emirates pagou.

Ao menos compare com clubes com gestões sérias, e sem esquemas
Sem imagem de perfil

De Gonçalo a 06.03.2016 às 19:45

O seu comentário é mais uma prova da falta de respeito de BdC pelos sportinguistas (ontem repetido no fim do jogo ao virar-nos costas e enfiar-se no balneário, que nem um rato). Não faço ideia quanto recebem eles do patrocínio, e pouco me interessa, mas sei uma coisa: o R&C a que se refere onde aparece esse valor é da época passada, uma vez que o relatório final seja de que clube for só é apresentado daqui a vários meses. Portanto das duas uma:
1. BdC não sabe que um R&C de final de época reflecte os valores da época que terminou e não da que se inicia, o que para um presidente de um clube ou de uma empresa é gravíssimo.
ou
2. BdC sabe que os valores referiam-se à época anterior e pura e simplesmente mentiu-nos (mais uma vez), ofendendo a inteligência de nós todos. É que a Emirates já patrocinava os juniores dos encarnados e pelos vistos por mais do que o nosso excelente gestor andava a pedir pela principal (2 milhões época, segundo o powerpoint divulgado pela FootbalLeaks). E assim sendo, dias após sair esse tal powerpoint (que parece feito por um miúdo de 12 anos) saiu logo esse R&C no blog oficial com a maior parte desfocada, não fosse alguém reparar na data. É a táctica do caos do costume. É esta a criatura que tantos ainda defendem que temos à frente do nosso clube. Enfim...
Sem imagem de perfil

De Adamastásio a 06.03.2016 às 20:02


O RC "deles" reporta-se, salvo erro, a valores a 30/06/15, i.e., anteriores ao início da presente época, a 1.ª em que a FE patrocina também a equipa senior principal;
digo eu, que não me chamo Jesus (felizmente), pouco percebo de finanças, mas tenho uma belíssima biblioteca.

Mas são estas que dá jeito discutir, nesta altura, e face ao tópico do post...
Sem imagem de perfil

De Sofia a 06.03.2016 às 20:41

Realmente, o que o Gonçalo Martins mais deve querer é tacho no Sporting... santa ignorância. Quanto ao patrocínio, a Emirates entrar em maroscas, é mais um conceito interessante. São cerca de 8 milhões base (valor típico dos contratos de futebol deles), mais objectivos. 3.5 milhões está perfeitamente alinhado com isto tendo em contra a intersecção entre a data de entrada em vigor do contrato e o período abrangido pelo relatório (até 31 de Dezembro).

Sem grandes considerações, gostei do texto do Gonçalo. Tem uma perspectiva muito simples e pessoal do que é um sócio do SCP, e de como é possível discordar da direcção, recear pelo futuro, pela sua condução e mudanças de identidade mantendo todo o amor e apoio ao clube sem intenções de croquetes ou de desestabilização. É um testemunho contra os argumentos que colocam os "não brunistas" no outro lado qualquer de uma barricada não existente.

Há uns dias li o Carlos Xavier dizer que preocupava mais o Porto a 4 pontos que o Benfica a 1. E tive aquela sensação que é um dos sintomas clínicos de ataque cardíaco, um "sense of impending doom". Entrei em blackout, não queria falar nem escrever sobre o assunto porque estava com muito receio do jogo. Pela bazófia, pelos ataques contra moinhos de ventos, pela falta de blindagem do balneário que temia estar a acontecer, pela rotatividade em vários jogos e possíveis impactos nos níveis de competitividade e confiança. Lembro-me de há uns anos ter lido um treinador dizer (não me lembro quem, mas era muito famoso) que preferia mil vezes jogar a treinar durante a semana, pelos efeitos em termos de concentração e ritmo de jogo, por mais que isso implicasse uma gestão mais cuidada dos níveis físicos. E isto voltava-me sempre à cabeça de cada vez que tínhamos um jogo na Liga Europa. E nada que o JJ não saiba: o ano passado, aquele em que foi o único de JJ no Benfica em que saíram cedo das competições europeias, foi aquele em que pior 2ª volta fizeram.

O campeonato não acabou (o Benfica está claramente cansado e vai certamente perder alguns pontos), embora como muitas vezes disse, a nossa ponta final me desse medo. Agora, temos obrigatoriamente de ganhar no dragão. Mas no fim do dia, continuo a ouvir aquelas palavras do Carlos Xavier...

Só uma nota final de agradecimento a BdC: Aquele último parágrafo no post de hoje conseguiu arrancar-me um sorriso e animar o meu dia.
Sem imagem de perfil

De julius coelho a 07.03.2016 às 05:22

Sofia
temos tambem que analisar tudo isto com uma outra perspectiva , o Sporting é muito provável sofre ainda as dores do seu recente crescimento, um projecto de crescimento ou reencontro com o passado de clube grande que procura ser consistente , isso causa ainda estas enormes dores , nao se pode chegar e vencer e depois cair de novo como exemplo quando o Boavista campeonou e deu um mergulho para a 2ª liga.

Á 3 anos o Sporting foi melhor , o ano passado melhor que á 3 anos e este ano melhor que nos 2 anos anteriores , nao se pode é desistir do projecto e da estratégia do gradual crescimento porque no próximo ano ainda seremos mais fortes que este ano e assim mais consistentes e mais perto de ganhar mais fácilmente e as dores vão naturalmente aliviando , á que entender esse crescimento natural e ter alguma paciência , nao querer e exigir tudo para hoje isso causa toda esta pressão que nos sai quase sempre madrasta e causa todas estas dores que incomodam.

O Sporting tem que grudar-se ao lugar que lhe pertence e ganhar o hábito natural das vitórias está já lá quase e é precisamente isso que incomoda muita gentinha.

Tentaremos já o título este ano o que ainda parece difícil e mais dificil com a derrota de ontem , acredito que o Benfica ja nao perca mais jogo nenhum mas é importante mantermo-nos a esta distancia dos 2 pontos uma escorregadela do Benfica pode dar de novo a volta na classificação , em igualdade pontual ficaremos sempre á frente e estamos a um passo de um empate deles.
O Braga no derradeiro jogo contra nós a uma semana da final da taça de Portugal nao arriscará jogar com a sua equipa titular assim como o próprio Porto que desta forma a perder pontos ficará fora da luta pelo 2º lugar o que pode facilitar o Sporting nesses 2 jogos a fazer no norte nas suas casas.
Podendo nao ser campeâo é importante para o crescimento do clube que terminemos a Liga muito perto do primeiro , porque como afirmei na próxima época estaremos ainda mais fortes .
Está á vista todo esse crescimento desde á 3 anos o que causa ansiedade dos nossos adeptos de querer ganhar por não ganharem á muito tempo , mas voltaram a acreditar que o Sporting está muito mais perto de voltar a ser campeão ....e para ficar .
As dores da derrota com o rival e da a perda do primeiro lugar são sintomas desse crescimento e alguma impreparação mental para lidar com ele, dos adeptos e da própria Direçao ainda inesperiente que sem querer causa enorme pressão que ricocheta e se reflete na própria equipa .
Sem imagem de perfil

De Luis Pereira a 07.03.2016 às 13:30

Inácio... és tu?

Que belo parafrasear. Nao se esqueca das aspas nao va alguem pensar que o discurso é seu
Sem imagem de perfil

De julius coelho a 07.03.2016 às 13:56

É minha inteira opinião que coincide com outros sportinguistas.
Sem imagem de perfil

De Balajic a 06.03.2016 às 20:00

Com excepção da parte do patrocínio nas camisolas (que não entendi) subscrevo o que diz o Gonçalo.

Que é, aliás, aquilo que vem sendo dito por aqui, no Camarote que, como na vida real, é a "outra face" das...Tascas.
Sem imagem de perfil

De Zé Vitor a 06.03.2016 às 21:45

Sou Benfiquista, não o escondo e estou bastante satisfeito com o resultado de ontem.

Reconheço no entanto uma parte boa nagestão do BdC. Penso que algumas dassuas ideias são boas para o futebol em geral. O problema é que deposi deitou tudo a perder com a arrogância, boçalidade e provocação constante ao benfica.

Primeiro não se percebe o porquê ao SLB e não ao Porto. Depois disparar em tudo o que mexe não é forma de criar consensos que são necessáriospara fazer mudanças. Não reconhecer que a relação em sporting e benfica não pode ser isto. Toda a gente tem amigos ou familaires que são de um clube ou outro. Criar um clima de guerrilha como o qu efoi criado só podia levar ao descrédito da personagem. Como levou. O sporting é hoje um clube acossado e até detestado pelas atitudes do presidente.


para terminar que a ideia penso estar clara e comentário já vai longo. Que raio interessa ao sporting se são 3, 4 ou 8 os milhões que o benfica recebe? O sporting que trabalhe e faça o seu papel, que tente saber eu percebo, mas que venha criar o que o adversário recebe, só pode ser por idiotice.

zé vitor
Sem imagem de perfil

De Leão de Viseu a 06.03.2016 às 22:19

Gonçalo Martins, o campeonato já foi!
Espero que BdC se demita e chegue a acordo com jj para deixar o clube sem encargos para o mesmo.
zé vitor, vai cacarejar para os lados da tua fossa céptica junto ao Colombo!
Sem imagem de perfil

De HY a 06.03.2016 às 22:52

Os presidentes e os treinadores agora demitem-se à peça?
Sem imagem de perfil

De Diogo Martins a 07.03.2016 às 11:28

Alguém ficou tão feliz o com a vitória do Benfica, que foram logo 3 (!!!) posts seguidos, tantos quantos os que andou a publicar no último mês ou dois meses...

Este blog tem comentadores sérios e ponderados (o CityLion e o Rui Gomes, em especial), cujas questões que levantam suscitam legítimas discussões, o que talvez me impele a visitar este espaço. Porém, infelizmente, dá-se espaço a este senhor, que se está a marimbar para o nosso clube, mas só quer sempre rasgar o Presidente, vindo sempre todo contente cada vez que o Sporting perde.

Nem o Sporting, nem este blog o merecem, meu caro!

Sem imagem de perfil

De HY a 07.03.2016 às 15:24

Diogo, tem a certeza que não se queria referir ao LZ em vez do CL??.
Sem imagem de perfil

De Diogo Martins a 08.03.2016 às 19:13

Tem razão meu caro! Estava a pensar nos posts "históricos".
Sem imagem de perfil

De Mike Portugal a 07.03.2016 às 16:25

Ricardo Leão,

Não está em causa o facto de não gostares do BdC.
Nem sequer está em causa o facto de teres escrito posts a antever algo de mau.

O que está em causa é a quantidade de posts que aumenta drasticamente quando a equipa sofre uma derrota, embora alguns dos pontos desses posts não sejam completamente verdadeiros (mas nem vou debater isso agora).

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo