Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Parada de Campeões

Rui Gomes, em 18.06.19

D9Q_r4BWsAAc5NU.jpg

1bffe580-912a-11e9-83bb-115b7c16300e.jpg

raptors-parade-3.jpg

A cidade de Toronto celebrou esta segunda-feira a histórica conquista do título da NBA pelos Raptors, com uma parada/homenagem de cerca de sete horas de duração, que até contou com a presença de Justin Trudeau, Primeiro-Ministro do Canadá.

Mais de dois milhões de pessoas participaram no evento, além de cobertura televisiva em directo para o continente norte-americano e outras partes do Mundo, cenário que levou Kawhi Leonard a comentar, com humor: "Está visto que esta segunda-feira ninguém em Toronto foi trabalhar".

Após 24 anos de existência, os Toronto Raptors conquistaram o seu primeiro título no jogo 6 da final, na passada quinta-feira, frente aos Golden State Warriors, em Oakland, EUA.

Nessa noite histórica, 7,7 milhões de televisões estiveram ligadas ao jogo, só no Canada, o que permite configurar uma audiência em excesso de 10 milhões.

Um feito fenomenal, não só para a cidade de Toronto, mas também para o País.

A propósito dos nossos inúmeros debates sobre desportivismo, os Golden State Warriors compraram uma página inteira nos principais jornais de Toronto, na qual congratulam a equipa canadiana pela conquista.

publicado às 03:48

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


7 comentários

Sem imagem de perfil

De Chakraindigo a 18.06.2019 às 11:58

Uma equipa na verdadeira acepção da palavra.

Ontem, na Luz, lembrei-me que grandes jogadores nem sempre fazem grandes equipas, mas de vez enquanto existe alguém que faz de grandes jogadores uma grande equipa - salvo as devidas proporções, Leonard fez de Jordan, um talento agregador de egos.

A nota triste destas finais é a lesão de Durant, provavelmente, como aconteceu com Derrick Rose, não voltaremos a ter o verdadeiro KD em campo.

O desportivismo é uma questão civilizacional, existem países, como o nosso, em que a baixa quantidade de praticantes desportivos, a "iliteracia" desportiva, e a vampirização dos grandes clubes nacionais tornam uma tarefa hercúlea mudar o status quo.

"Torna-te na mudança que queres ver no Mundo", é esse o caminho para todos nós . E é para ir trilhando.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.06.2019 às 13:41

A parte curiosa, é que Leonard é um homem muito reservado, tímido até, salvo quando tem uma bola nas mãos.

Infelizmente, não acredito que ele permaneça em Toronto, não pelo salário, os Raptors podem pagar, mas muito, na minha opinião, pela vontade da mulher.

O clima da California é muito mais atractivo do que os Invernos no Canadá.

Em termos desportivos, seria bom para ele ficar. Há uma equipa que salvo uma ou outra alteração poderá disputar o título novamente, com ele a liderar. Fez uma época espectacular depois de estar praticamente um ano sem jogar. Isso devia pesar nas suas deliberações. No que diz respeito a escolas para os filhos e vida familiar, não vai encontrar cidade melhor do que Toronto.

Veremos... mas não acredito.
Perfil Facebook

De Hugo Marinho a 18.06.2019 às 14:09

Tambem acho que o Leonard tem uns ares de Jordan. A NBA e uma competicao exemplar. Pena a despedida de lendas como o Ginobli, o Dirk ou o Wade
Sem imagem de perfil

De António a 18.06.2019 às 22:03

Os Raptors tiveram grande profundidade no banco e contaram com as lesões de Durant, Klay, Kevon, Cousins e Iguodala.

Não obstante, os Warriors não se escudaram nisso e mostraram desportivismo absoluto.

Cá, passam os anos e quase ninguém parabeniza o vencedor. Há exceções, como Nuno Dias e Carlos Lisboa, ambos neste final-princípio de semana, mas são mesmo exceções.

Creio que a nível dos atletas a mentalidade é outra... creio.
Sem imagem de perfil

De Chakraindigo a 18.06.2019 às 22:22

Já agora, uma menção a uma atleta portuguesa que tem passado despercebida, e que integra a partir deste mes de Junho o Hall of Fame da WNBA

https://www.wnba.com/video/wbhof-moments-penicheiro-riley-and-still/

Uma das melhores PG da história recente da WNBA.
Sem imagem de perfil

De JCR a 19.06.2019 às 00:46

Quando os clubes não estão, nem são apoiados, como cá existe, pelo estado/governo...é claro que depois, existe desportivismo, e a gente sabe que, nos EUA/Canadá, os clubes são das cidades, não existindo 2 clubes na mesma cidade (há excepções, mas são poucas), além dos clubes terem donos, o que faz com que os outros 29 donos (a NBA e a MLB tem 30 equipas, a NHL 31, em 2021 terão 32, a NFL têm 32) não permitirem que hajam muitas falhas na verdade desportiva, coisa que cá, como o poder instalado, isso não exista!

Parabéns mais 1 vez aos vencedores da NBA, os Toronto Raptors.

As imagens, até parecem a vitória no nosso basquetebol, do SLB...mas isso, foi em sonhos!
Sem imagem de perfil

De António a 19.06.2019 às 01:39

Falamos de dimensões muito diferentes. Várias dessas cidades têm mais habitantes do que Portugal inteiro.

Sobre o Benfica no basquetebol, perdeu e perdeu bem, mas porque marcou presença na quadra, enquanto outros... não obstante, por mais que eu viva, o amigo jamais atingirá o número de títulos do SLB.

É p'ro ano! Certo?

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo