Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Peço a Manuel Fernandes o mesmo que ele pediu a Gyökeres

Postal do dia de Luís Osório

Leão Zargo, em 30.05.24

LO.jpg

1.
Manuel Fernandes não morrerá.
Por isso, quando for noticiada não leves muito a sério. É que o Manel é imortal, sobreviverá na memória dos sportinguistas e dos que gostam de futebol, um homem assim não se vai como os outros, haverá sempre quem dele se lembre, haverá sempre quem se recorde de um golo, de um salto de peixe, de um penalty arrancado com arte e engenho, de um 7-1- a que não me apetece voltar.
Ninguém se esquecerá dos seus golos, dos seus recordes, da sua camisola 9, das amizades que fez com quem não era do Sporting, das tertúlias com benfiquistas e portistas, das almoçaradas pela tarde fora, cabeças de peixe ou arroz de garoupa.
2.
Já não posso dizer mais do Sporting, qualquer dia serei proibido de voltar ao Estádio da Luz e proscrito pelo meu Benfica, mas não resisto à imagem de Frederico Varandas e Gyökeres a caminho do quarto onde Manel Fernandes está internado.
Não esquecerei aquela imagem com o presidente e a estrela da companhia mais a taça de campeão num corredor quase vazio de um hospital onde tantos lutam pela vida.
O Manuel Fernandes também.
Que os esperava vestido à Sporting.
Que com esforço e felicidade se levantou da cama para poder estar firme no momento em que a taça lhe chegasse. É bem capaz de ter imaginado levantá-la com a sua eterna braçadeira de capitão.
3.
Manel não está nada bem, mas nunca esteve tão bem.
Nunca sentiu tanto carinho das pessoas.
Tanta consideração do Clube.
Para ele que viveu em função do Sporting é um ponto final que nunca será parágrafo, não há nada que pudesse desejar de melhor para a recta final da sua maratona.
4.
Impossível apagar a imagem. E do pedido de Manuel Fernandes ao goleador sueco para que ficasse mais uma temporada por ser ano de Liga dos Campeões.
Gyökeres disse que sim e Manel agradeceu com as lágrimas nos olhos.
Lágrimas diferentes da criança de 10 anos que viu a mãe partir antes de tempo, a mãe que o fez amar o Sporting.
Lágrimas de agradecimento por não se terem esquecido do rapaz da aldeia de Sarilhos, o miúdo que poderia ter sido pescador ou salineiro, mas que foi ponta de lança.
Querido Manel Fernandes, o que disseste a Gyökeres também eu te digo a ti.
Vê se ficas pelo menos mais um ano, não te esqueças de que na próxima época há Champions.

(Este belíssimo e emocionante “postal” de Luís Osório foi sugerido ao blogue Camarote Leonino pela nossa estimada colaboradora Carlinha MR.)

publicado às 15:00

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


16 comentários

Sem imagem de perfil

De Sofia Melo a 30.05.2024 às 15:50

E que postal! Não é possível não nos emocionarmos com estas palavras💚
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.05.2024 às 16:23

Estimada amiga Carlinha MR

Um “postal” emocionante de Luís Osório dedicado ao nosso Manuel Fernandes, que exprimiu maravilhosamente o sentimento leonino mais forte, mais sentido, mais dedicado. Para além disso, é bom recordar, que o ‘Manel’ é o segundo melhor goleador de leão ao peito, com 260 golos, apenas Fernando Peyroteo marcou mais do que ele. Um motivo de paixão e de orgulho para todos nós, sportinguistas.

Este belo texto tem ainda a particularidade de comprovar que o futebol pode unir aqueles que amam o desporto-rei. A linguagem e a simbologia do futebol, a memória e a imagem dos seus grandes atletas, pode criar uma conexão imediata entre os adeptos, superando diferenças clubísticas. É o caso de Manuel Fernandes, como jogador, e de Luís Osório, como adepto.

Imagem de perfil

De Carlinha MR a 30.05.2024 às 18:34

Boas amigo António,

Todos os elogios são merecidos ao escritor/jornalista (benfiquista) Luis Osório!
É um prazer ler o seu postal dirigido ao grande leão Manuel Fernandes, que se encontra numa situação delicada! MF merece este tipo de homenagens!

Sim....... Manuel Fernandes é um ícone eterno do Sporting CP, um jogador que não apenas primou pela qualidade, mas também pela lealdade ao clube! MF não trocou o Sporting do seu coração para buscar dinheiro fácil em outros clubes!
LO fez o testemunho do seu caráter acima de tudo!

Temos um benfiquista (nunca um lampião) com fair play e bons princípios! Atitudes como a do Luis Osório podem inspirar e motivar para que todos nós saibamos separar as situações, valorizando quem merece, por muita rivalidade que haja! Se o Manuel merece todo o respeito e a nossa vénia, o Luis também, até porque é recorrente neste tipo de postais carregados de bons sentimentos!

Muito obrigado LO pela bela e emocionante mensagem ao nosso estimadíssimo M. Fernandes, a quem envio um grande abraço solidário e de força!

Grata António e Rui, por aceitarem a minha sugestão!
O meu abraço amigo,
Carlinha
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.05.2024 às 19:06

Um abraço sportinguista, estimada amiga.
Sem imagem de perfil

De Rumo Certo - Ventos Favoráveis a 30.05.2024 às 19:56

Permitam-me confessar, que as lágrimas correm-me pela face, ao ler este belíssimo texto de homenagem ao nosso e Mundo Manuel Fernandes, pela pena e registo de um outro excelente profissional da comunicação, escritor e jornalista, que pugna pela dignidade, pela ética, pela isenção e imparcialidade, tão raras aos dias de hoje.
Verdadeiramente uma Carta Olímpica de desportivismo, que se saúde e congratula.
Força Manel.
Bem Hajam.
Sem imagem de perfil

De Leão da Pontinha a 30.05.2024 às 16:37

Belíssimo e emocionante mas com esta parte evitável: "haverá sempre quem se recorde (...) de um penalty arrancado com arte e engenho".
Ou é penalty ou então há batota.
Não quero que Manuel Fernandes fique para a história como um batoteiro que arrancava penalties com arte e engenho, Luís Osório esteve muito mal ao escrever essa parte do texto.
Imagem de perfil

De Carlinha MR a 30.05.2024 às 18:48

Leão da Pontinha,
Não interpretei assim de todo, seria um paradoxo que não faz qualquer sentido!
Para mim, o LO pretendeu exaltar as qualidades do Manel Fernandes e nunca sugerir batotice! Isso seria denegrir e acha mesmo que ele faria tal coisa? Pode crer que não!
Leio bastante o Luis Osório, é alguém com muito bom senso, pacificador, amoroso até!
O senhor foi a única pessoa a ter essa interpretação! Por favor, não estrague a beleza do gesto! Obrigada e boa noite, saudações leoninas!
Sem imagem de perfil

De Manuel a 31.05.2024 às 10:16

O penalti com arte e engenho foi porque o Bento resolveu agredir o Manel com a bola ainda nas mãos. Não houve arte nem engenho do Manel. Houve cabeça perdida pelo Bento em resposta a um raspão com a bota na cabeça. Deve ter doído. Mas o pênalti foi pela resposta (seria expulsão) com a bola nas mãos. "Guarda redes mete a cabeça onde outros não metem o pé". É bem verdade. Mas Arte e Engenho do Manel? Não.
Sem imagem de perfil

De Leão da Pontinha a 31.05.2024 às 10:27

Manuel lembro bem esse lance, na altura foi muito mostrado na televisão, é possível que esteja no YouTube.
Manuel Fernandes, para alguns benfiquistas, tinha fama de cavar penalties, por isso é que achei inapropriada essa referência no texto de Luís Osório, não resistiu a uma alfinetada e não vejo nisso nada, especialmente, grave. Eu seria incapaz de escrever um texto deste tipo sobre um jogador do Benfica.
Sem imagem de perfil

De Manuel a 31.05.2024 às 13:05

Concordo inteiramente consigo. Há pessoas do mas. Não conseguem deixar de atenuar o elogio que supostamente estão a fazer.
Saudações Leoninas
Perfil Facebook

De Manuel Gonçalves a 30.05.2024 às 17:24

Excelente comentário, melhor ainda, porque veio de uma pessoa fora do clube! Há pessoas assim, desportistas acima de clubismo! Parabéns!
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 30.05.2024 às 19:16

Obrigado amiga Carlinha, por ter descoberto e sugerido o texto. Obrigado amigo Leão Zargo, por o ter colocado no blog. Um texto com esta qualidade literária merece ser divulgado e subscrevo-o com toda a modéstia. Um texto que, sem barreiras ideológicas, homenageia um grande futebolista e um ser humano digno desse nome, merece este relevo. E se fosse outro o homenageado, de horizontes diferentes, apoiava-o na mesma. A propósito lembrei-me que este mesmo autor, escreveu também um texto a homenagear Carlos Lopes.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 30.05.2024 às 20:12

Um "postal" bem ao estilo do Luís Osório.
Humanidade, liberdade e frontalidade.

Ninguém como o Manuel Fernandes, bem acima de sectarismos clubísticos, merece mais estas palavras.

Está de parabéns a Carlinha por esta sugestão e o Leão Zargo pela publicação.
São estes símbolos, transversais a todos os clubes, que nos devem orgulhar como sportinguistas.
Sem imagem de perfil

De De Perry a 30.05.2024 às 22:48

Muito emocionante o texto, quero dar os parabéns a Luís Osório por fazer uma coisa tão bela. Parece-me que ele conhece bem Manuel Fernandes até pela maneira como ele descreve os convívios com as pessoas do Benfica e Porto, assim como ele quando recebeu o presidente do Sporting e Gyokeres estar vestido á Sporting. Foi lindo
Sem imagem de perfil

De Leão do Lumiar a 30.05.2024 às 22:52

Leio sempre os postais do Luís Osório, excelente jornalista e humanista, pelo o que os seus belíssimos textos deixam transparecer. O único defeito que lhe conheço é ser benfiquista...
Este texto maravilhoso que dedicou ao nosso Manel, o meu maior ídolo do nosso Sporting, é mais do que merecido. Manuel Fernandes foi o jogador que mais alegrias me deu e durante mais anos. Nunca traiu o Sporting e podia tê-lo feito indo para o Porto ganhar o dobro, mas preferiu continuar no seu e nosso Sporting!
O Manuel Fernandes é uma lenda viva do Sporting! Estará sempre connosco.
Nunca será esquecido!
Estimo as tuas melhoras, querido Manuel Fernandes.
Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 30.05.2024 às 22:54

Só há poucos dias soube que esta fotografia - fabulosa por si só - foi tirada a caminho do quarto de Manuel Fernandes. Absolutamente sublime!

Este texto é fabuloso, e deveria ser lido por todos os fanáticos de todos os clubes que estragam o futebol. O problema é que esses mal sabem ler...

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo