Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pedro-Proenca-presidente-da-Liga-Portuguesa-de-Fut

Pedro Proença, presidente da Liga de Clubes, admitiu que a I liga poderá ser completada à porta fechada e mantém confiança de que as competições de futebol em Portugal possam regressar “rapidamente à normalidade”.

O presidente da Liga de Clubes discutiu a actual situação do futebol em Portugal durante uma entrevista à TSF, na qual admitiu que a Liga continua “dependente das instâncias governamentais e das próprias instâncias internacionais”.

Pedro Proença reforça a ideia de que “é fundamental que as ligas nacionais terminem as épocas desportivas, permitindo deste modo que se termine a presente época com a maior normalidade possível. Haverá campeão e equipas a subir e a descer”.

A paragem das competições desportivos a nível nacional e internacional têm, obviamente, impacto na saúde financeira dos clubes, como tal, para Pedro Proença tudo vai depender “do tempo que ainda vai demorar a retoma da actividade”. Para já, não está descartada a possibilidade no futebol português, e o presidente da Liga de Clubes sublinha que existem “instrumentos que o Governo coloca à disposição das empresas e o futebol também terá de colocar em cima da mesa todas as possibilidades”.

Sobre a adopção de medidas dentro dos clubes, nomeadamente a redução dos salários dos jogadores (à semelhança do que está a acontecer no estrangeiro), Pedro Proença assegura que o organismo está a “criar condições para evitar que surjam processos de rotura”.

"Mantém confiança de que as competições em Portugal possam regressar rapidamente à normalidade”...

Parece-me que estamos perante um Pedro Proença a sofrer de uma boa dose de irrealismo.

publicado às 13:06

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


1 comentário

Sem imagem de perfil

De ChakraIndigo a 01.04.2020 às 17:19

Um irrelevante irrealista.

Um discurso politico sem qualquer conteúdo prático.

Penso que muito do que for decidido depende da reunião de hoje da UEFA com as suas federações.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo