Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ponte de ligação aos leitores

Rui Gomes, em 17.02.20

"O Rúben não é um jogador de fazer faltas violentas, ou entradas por trás a "rasgar". No inicio, fruto da sua inexperiência, aí sim, fazia algumas faltas estúpidas, mais por ingenuidade e juventude do que maldade.

Neste caso em concreto, não foi inteligente, porque os jogadores do Braga estavam a festejar, e a pressa em tirar a bola ao Silva era desnecessária. Acabou por ficar ali no limiar do vermelho. O VAR não achou que fosse suficiente para isso, mas que é para o alaranjado é. Aceita-se o amarelo".

Comentário do leitor Chakralndigo

"Aceita-se amarelo?????? O jogo tá parado, o Braga está a festejar, Ruben Dias agride Raul Silva e é uma falta para amarelo???????????????? Tá tudo a brincar?????

Era vermelho, sem espinhas!!!!

Claro que o lance MAL é mostrado pelas televisões, pudera, não convém.....".

Comentário do leitor Paulo Salcedas

publicado às 12:30

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


21 comentários

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.02.2020 às 13:43

O caso do Rafa não tem nada a ver com o assunto.

O post que deu origem a estes comentários é sobre o registo discilinar de Ruben Dias na Liga NOS, e este incidente no jogo do Braga apenas serve para confirmar que ele é um jogador protegido na Liga.

É absolutamente incrível que em 21 jogos, este tivesse sido apenas o seu segundo amarelo do campeonato.

E depois LFV ainda tem a lata de pedir árbitros estrangeiros... para inglês ver, obviamente.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.02.2020 às 13:46

Perdão... "disciplinar".
Sem imagem de perfil

De LeaoCovilha a 17.02.2020 às 13:52

O Porto e o Benfica sempre tiveram jogadores com uma boa dose de protecção por parte dos árbitros e a quem são poupadas algumas expulsões. Este ano o Benfica tem o Ruben Dias e o Porto o Pepe como expoentes máximos mas num passado bem recente o Samaris, Filipe Vale-Tudo, Maxi Pereira, etc, é só escolher. Em relação ao Sporting isto não acontece, não há ninguém com esse estatuto. Os únicos dois que teriam algum estatuto, não pela porrada que davam mas pelo facto de reclamarem bastante, eram o Acuna e o Bruno Fernandes. O Acuna com temperamento argentino reclama imenso e sujeita-se muitas vezes a levar cartões pelo facto de não saber estar calado. O Bruno Fernandes, pelo facto de ser capitão reclamava muito, muitas vezes a roçar o exagero, apesar de ser muito castigado pelos jogadores adversários.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.02.2020 às 14:30

E ao longo dos anos têm havido muitos mais. No inverso da moeda temos o Sporting, a exemplo de Coates, que já é o segundo jogo em que é expulso por duplo amarelos. Neste último jogo com o Rio Ave num lance absolutamente banal.
Sem imagem de perfil

De LeaoCovilha a 17.02.2020 às 14:44

Sem dúvida. Na minha opinião, em termo de centrais caceteiros e muito protegidos, acho que nunca haverá como Bruno Alves nos últimos 20 anos. Há dois lances que nunca me esqueço, um com o Jorge Gonçalves do Leixões em que salta e lhe põe o pé na omoplata e outro, creio que com o Guimarães, que salta e bate com o joelho na nuca de um jogador. Acho que possivelmente era daqueles jogadores que sabia bem o que fazia e entrava para magoar.
Sem imagem de perfil

De antonio a 17.02.2020 às 14:12

Ok nao estava a par do contexto. Nessa ótica até concordo que Ruben Dias devia ter visto mais amarelo até à data.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.02.2020 às 14:22

Foi o debate num post de ontem, precipitado pela minha surpresa ao ser informado que aquele amarelo no jogo do Braga era apenas o seu segundo do campeonato.
Sem imagem de perfil

De João F a 17.02.2020 às 16:46

Desde há muito que nas equipas do Benfica tem existido sempre o caceteiro de serviço. O primeiro que me lembro foi o Ângelo, que batia que se fartava. Depois houve o Cruz, que até cuspia nos adversários. Há anos houve também o David Luiz, que chegou a passar uma época inteira a distribuir forte e feio e sem levar com o cartão amarelo.O Rúben Dias continua dentro da tradição.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo