Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ponte de ligação aos leitores

Rui Gomes, em 24.10.20

555aadf4-e2fb-4310-bcf9-a84b0702d26b.jpeg

Eu esfrego as mãos de contente com a venda do Vietto, aquele tipo de jogador que me mexe com os nervos precisamente por não ter nervo. Dizem que tem qualidade – e quê?... O Geraldes, e outros tantos sem lugar no plantel, não têm qualidade? Há muito que a qualidade, confundida com o talento, deixou de ser suficiente para se fazer parte de uma grande equipa.

O Luciano Vietto é tecnicamente evoluído, embora falhe inúmeros passes por jogo, e tem momentos de brilho, lampejos de classe que nos levam a pensar: porque é que este gajo não se foca mais, não se entrega mais, não combate mais? E, nestas alturas, depois de um golo decisivo, lá vêm os cata-ventos da análise futebolística contrariar o que eu digo, alegando que ele até superou em vontade e rapidez os centrais do Porto, como se isso fosse verdade. Ele partiu em vantagem, de frente para a bola, e caso estivesse ele no lugar de um daqueles defesas talvez nem o estorvasse. Mas não lhe quero retirar o mérito: estava lá e marcou.

Acontece que em 40 jogos fez 9 golos, uma média "estratosférica", de facto, e quanto a imprimir dinâmica e intensidade ao ataque do SCP não me parece haver dúvidas de que foi uma aposta falhada. Por isso, bye bye, Vietto. Fossem 7, 8, ou mesmo seis os milhões desta transferência, eu assinava de cruz (também não me restava outra hipótese). O que eu espero é que Frederico Varandas e o seu elenco tenham aprendido com aquele mercado surrealmente imberbe do ano passado a não embarcar mais em logros deste género, e os indícios que nos entram pelos olhos no arranque desta época levam-nos a acreditar nisso.

Porro parece-me um grande negócio em perspectiva, Pote foi tiro certeiro, João Mário muito bem resgatado, Palhinha um emendar de mão à beira do abismo – Adán, Zouhair Feddal e Nuno Santos ainda não mostraram nada de absolutamente conclusivo, na minha sempre contestável opinião, tirando o golo deste último – e o puxão pelos jovens da cantera revelou-se corajoso e fundamentado: Nuno Mendes tem tudo para vir a ser um dos melhores laterais da Europa, Quaresma só depende de si, nomeadamente em termos de mentalidade, se conseguir fortalecer-se, para se tornar um central de excelência, Bragança promete, assim continue a evoluir no trabalho, afirmar-se como o nosso Pirlo (desculpe quem achar isto um exagero, mas eu sou fã confesso do miúdo), Max estava a encher-nos as medidas até ver o seu progresso congelado pela Covid, mas é um crime se não voltar à titularidade, Gonçalo Inácio pode crescer treinando no plantel e parece-me, do ponto de vista mental, já mais preparado que o Quaresma, embora lhe falte o talento raro daquele, e Jovane Cabral tem aqui a sua prova de fogo: ou demonstra a paixão pelo jogo que as suas características físicas, e até técnicas, pedem, ou mais vale ser vendido após um momento alto como o do fim da época passada.

Luciano Vietto, esse, já era. E, quanto a mim, ainda bem. Talento não falta no Sporting, treinador também não, estou convencido, o que precisamos mais é de espírito, um espírito comum a todos, sem excepções. E Vietto não o tinha. Por isso, mais do que discutir as verbas sobre a mesa negocial, interessa-me discutir a pertinência desta venda, que aprovo sem pestanejar. Ficamos com mais uns milhões para ir, em Janeiro, buscar o central de que tanto precisamos.

Comentário do leitor Marcos Cruz

publicado às 03:17

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo