Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




potepresi2.jpg

Pedro Gonçalves renovou a ligação ao Sporting Clube de Portugal. O médio, que chegou a Alvalade em 2020/2021, assinou um novo contrato válido até 2026, ficando com uma cláusula de rescisão de 80 milhões de euros.

Dado o rendimento de Pote na última temporada, na qual foi o artilheiro da Liga (23 golos), o Sporting recebeu algumas sondagens pelo futebolista, mas não chegou a existir uma proposta formal pois os leões deixaram bem claro que a transferência só se iria efectuar por aquela que era, até hoje, a cláusula de rescisão: 60 milhões de euros.

Após a conquista da Supertaça, Rúben Amorim lembrou que "não há intransferíveis" e que o "mercado dita as regras", mas recebeu a garantia que dificilmente o camisola 28 sairia do plantel.

Já o jogador, pese alimentar a ambição de disputar um campeonato mais competitivo, está focado em realizar outro grande ano no leão, deixando essa meta para o médio prazo. Pote pretende cimentar-se no Sporting, ao mesmo tempo que continua a piscar o olho à Selecção, pela qual já é internacional.

Eis o que ele teve para dizer:

“O sentimento é de orgulho e de certeza do trabalho bem feito na época passada. A renovação é uma espécie de confiança extra que o Clube me dá, mas significa também que tenho de dar ainda mais e de continuar a orgulhar o Sporting CP, os adeptos e a minha família.

Tenho de continuar a trabalhar todos os dias e a dar o meu melhor em todos os treinos porque, se assim for, estou sempre mais perto de jogar e de quando estiver dentro de campo dar o máximo por esta camisola e por este símbolo.

Conheço as minhas capacidades e estou muito contente pela grande temporada que fiz. Não me fixo no número de golos nem de assistências. Gosto é de jogar e de dar tudo em campo e espero que essa seja a minha imagem de marca.

Espero que os Sócios e adeptos do Sporting sintam orgulho nesta grande equipa porque nós sentimo-nos muito orgulhosos por ter o apoio deles. Espero que continuem a ir ao estádio porque, sem dúvida, são a nossa maior força”.

Reacção de Rúben Amorim...

"Fico muito contente. É mérito da SAD e da direção, principalmente do Hugo Viana... Está a renovar com jogadores muito importantes, com margem de progressão muito boa. O Pote faz-nos muita falta pelo jogador que é e ainda pelos golos que marca. Pode acontecer, espero que aconteça nestas semanas, mais alguma renovação. Queremos seguir e manter jogadores. Mais do que procurar fora. Mesmo assim não sabemos o dia de amanhã. É grande jogador mas ainda pode melhorar muito".

E ainda comentou Porro...

"O Porro é um bocadinho exagerado. Viram o que aconteceu com o Belenenses. Faz as coisas muito a quente. Queremos contar com ele, é uma prioridade para nós. Também sei que ele quer ficar. Vamos ver o que vai acontecer nas próximas semanas".

publicado às 03:03

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


18 comentários

Imagem de perfil

De David Rodrigues a 30.10.2021 às 09:28

O Sporting não tem um núcleo duro no conceito da palavra que todos conhecemos. No Sporting todos os jogadores formam e são o núcleo duro.

Uma das estratégias do clube é a blindagem e fidelização dos seus jogadores. O principal investimento é nos jogadores do plantel.

Mas primeiro, Rúben Amorim avaliou os jogadores à sua disposição. Descartou as cartas que não traziam valor acrescentado. Acrescentou grandes trunfos como o Nuno Mendes, Gonçalo Inácio, Matheus Nunes, Tiago Tomás, Daniel Bragança, Palhinha,...

Identificando as carências do plantel, em conjunção com o diretor desportivo, Hugo Viana, e dentro das possibilidades do clube, o Sporting foi às compras no mercado.

Entretanto, Nuno Mendes foi vendido. É o tal ciclo que sustenta e garante a viabilidade financeira e desportiva do Sporting.

A renovação do Pedro Gonçalves está na linha das renovações do Nuno Mendes, Gonçalo Inácio, Palhinha, Daniel Bragança, Coates, Matheus Nunes. A aposta principal é nós jogadores do Sporting.
Consta que Gonçalo Inácio vai renovar outra vez!

Assim se percebe que era impossível manter esta atmosfera saudável com a contratação do João Mário.

Pedro Gonçalves renovou. Para o ano é bem capaz de renovar outra vez se fizer mais uma grande época.

Adán e Neto também deverão estender os seus contratos. Estes são têm o estatuto de capitães. Além do seu valor desportivo são mentores, amigos, padrinhos, professores, pais, irmãos dos outros colegas, principalmente dos mais novos.

Feddal pode ficar pelo menos mais um ano connosco uma vez que esta continuidade está salvaguarda pelo Sporting no seu contrato. Tudo vai depender da família do Feddal, e também, da evolução do Eduardo Quaresma, dos miúdos da formação, ou de um negócio vantajoso no mercado.

Jovane Cabral é o único caso bicudo do Sporting. O seu contrato termina em junho de 2023. Ou renova, ou é vendido. Penso que este braço de ferro com o seu empresário prejudica o desempenho desportivo do jogador. Vê os seus colegas melhorarem as condições financeiras e ele a marcar passo. Que renove, e volte a renovar, a solução é simples.

Ao contrário do FC Porto que está a deixar sair os seus jogadores a custo zero e entrou em loucuras financeiras para renovar com dois jogadores, o Sporting fideliza e blinda o seu plantel.

O SL Benfica é outra história. O dinheiro não é problema e dá para sustentar uma panóplia alargada de pessoas. Desde o rei dos frangos ao João Mário, passando pelo rei dos pneus.

São estas posições que irão a ajudar a diferenciar os vencedores. E não há dúvida de quem tem ganho ultimamente.
E são renovações como a do Pedro Gonçalves que contribuem para uma equipa saudável, feliz, blindada, fidelizada.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.10.2021 às 11:37

Tudo bem mas…
entretanto a bola tem que continuar a entrar para que o estado de plena felicidade se mantenha intacto.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 30.10.2021 às 11:48

Continuando já esta noite!
Imagem de perfil

De David Rodrigues a 30.10.2021 às 11:48

Certíssimo.
As vitórias são o único ingrediente que permite este estado de felicidade
E para as vitórias existirem, o Sporting tem um plano estratégico. E alguns capítulos deste plano são desconhecidos porque o trabalho é feito longe da visibilidade dos holofotes da fama. São capítulos da retaguarda que permitem alavancar o sucesso que o Sporting está a conseguir alcançar.
E a visibilidade deste trabalho aprece ao cimo da linha de água nestes momentos, por exemplo, as renovações.
Seguramente não é obra do ocaso.
E o efeito é propagando aos sócios e adeptos. E estes apoiam a equipa
Um planejamento suportado numa boa gestão.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.10.2021 às 13:26

O plano estratégico é uma excelente vitamina mas o que o Sporting tem agora de diferente é que tem uma equipa. No passado ja teve grandes jogadores mas raramente teve grandes equipas.
E esse mérito é do treinador, talvez já seja o melhor treinador português da actualidade.

Tanto se fala que é necessário ter bons ovos para que as omeletes saiam perfeitas, mas este treinador nâo necessita dos melhores ovos do mercado, ele transforma os ovos nos melhores.
E a qualidade da omelete sai perfeita.
Imagem de perfil

De Greenlight a 30.10.2021 às 13:04

É isso mesmo Caro Julius. Os textos de David Rodrigues falam muito de estratégia, mas se a bola não entrar, seja lá quem for o marcador, o Paulinho ou o Coates, a estratégia desmorona-se.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.10.2021 às 13:13

O próprio treinador ainda que de uma forma indirecta recorda esse facto quase todas as semanas
" No futebol tudo muda num instante"
Imagem de perfil

De David Rodrigues a 30.10.2021 às 14:30

Um comentário, duas respostas minhas.

Um comentário dividido em duas partes.

Parte 1: Então vamos para o limite e o que só a sorte entra como variável na função que tem como contra domínio a vitória. Quem só tem esta função, o mais certo é descer de dívisão.

Parte 2: Uma função cujo domínio tem um conjunto de outras variáveis. Como a gestão, entre outras. Desta forma a sorte protege os audazes. Audazes os jogadores que entram em campo. Audazes quem sabe resolver complexos sistemas de equações polinomiais de grau elevado.

Rúben Amorim é ... Rúben Amorim.
E como ele diz tem muitos anos "agarrado" ao Sporting. Mas sozinho, só em função da sorte, nada resolveria.
A sua capacidade genial casou com as condições que o Sporting lhe proporcionou (e proporciona).
E se a História continuar a narrar os golos que entram, não sendo os ovos os melhores individuais (e não são), como serão as omeletes quando tiver os melhores ovos, e o Chef Rúben Amorim ainda com mais estelas Michilan?
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.10.2021 às 15:26

Por vezes temos que simplificar as coisas e vê-las como elas são.

A estabilidade de um clube passa óbviamente pelo seu presidente e todos os reflexos dessa sua boa gestão chegam de forma sempre muito positiva e motivadora aos jogadores e técnicos da equipa de futebol.

Quando fui treinador aprendi algo importante, dependendo claro do carácter e da personalidade da pessoa do treinador, percebi que aos meus jogadores só interessava essencialmente uma coisa; que os seus acordos fossem cumpridos pela Direção, inlcuindo o pagamento dos prémios de jogo, depois disso o presidente podia até nem aparecer muitas vezes no balneário ou nos treinos. Eu campeonei no Peru e posso dizer que o presidente do clube que treinava só o víamos aos Domingos no dia do jogo, raramente aparecia durante a semana mas cumpria integralmente com o que estava acordado com todos e isso era o fundamental o resto ficava comigo. Nesse dia do Jogo almoçavamos todos juntos no jardim da sua mansão na selva e era quando divulgava o prémio do jogo para essa tarde. Punto. O essencial era feito e cumprido.
Imagem de perfil

De David Rodrigues a 30.10.2021 às 16:28

Epá, cenários completamente diferentes.

Por vezes perco me a escrever, e distraído não concluo como quero. Como me vem à cabeça.

Otimização Operacional. Esta ciência oferece um conjunto de ferramentas à gestão, como por exemplo o caminho mais curto do Caixeiro Viageiro. Mas queria trazer ao meu raciocínio, o método do Simplex. Simplifica os processos.

E antes de aplicar este processo, decompor o todo complexo, em vários componentes simples.

O Sporting não começa e acaba no seu Presidente. O Sporting tem uma Administração. Cada componente trata da sua matéria. Cada matéria debaixo do seu Administrador. O líder lidera, coordena.

O departamento médico, scouting, comunicação, comercial, preparação física, finanças, futebol, modalidades de pavilhão,...

O Sporting apesar de no seu emblema ter um Leão, não vivemos na selva.
Mas, seja na selva ou na metrópole os jogadores claro que têm como principal objetivo receber o seu salário.
E tendo este tema como contexto, o Sporting faz uma gestão genial do que pode pagar, sem entrar em loucuras, mantendo os jogadores motivados.
E em função da rentabilidade da equipa e das vendas, podem renovar na época seguinte. E saindo um ou dois jogadores por ano, abre se a porta para outros jogadores renovarem. A fidelização fica assegurada por 4 ou 5 anos.

Por outro lado os sócios e adeptos. Além de apoiarem a equipa, adquirem produtos comercializados pelo Sporting

No fundo é uma equação que pode ser simples, ... ou não. Para este Sporting parece ser

Onde a gestão e os adeptos estão numa relação de simbiose total.
Imagem de perfil

De David Rodrigues a 30.10.2021 às 17:15

E focou outro componente muito importante: a personalidade, o carácter. E aumento o domínio: Todas as componentes do ser humano. Os seus sistemas, a alma, a mente.

E o Presidente do Sporting é médico. Sabe bem como funcionam as pessoas. Por exemplo fazer o adversário sair do racional e entrar no emocional. Um bandido é sempre um bandido.

O Sporting tem um departamento para estudar os atletas na sua performance desportiva.

O Rúben Amorim é um autêntico psicólogo com o dom da palavra.

Um autêntico mapa do conhecimento.
Conhecer é tudo. Tudo é conhecimento.

E o Sporting tem uma estrutura com vários recursos humanos para poder ter a máquina operacional.

E é aqui que vejo a oposição a ter motivação para chegar ao poder.
E volto a escrever: não há santos em nenhum lado.
E o ótimo é inimigo do bom.

Agora é tempo de ir para a romaria verde e branca. Uma festa que é linda de viver e sentir ao vivo. Uma verdadeira Irmandade Leonina.

Desejo um bom jogo para os Sportinguistas!
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.10.2021 às 14:18

E tambem importante sublinhar que essas mensagens do treinador säo dirigidas também para dentro para os próprios jogadores, dessa forma sâo constantemente alertados que têm que ter todos os días os pés bem assentes.
Imagem de perfil

De David Rodrigues a 30.10.2021 às 15:03

Outro pilar da gestão: Comunicação!
Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 30.10.2021 às 13:12

Uma pena só termos 50%.... quando Pote sair do Sporting será por um mínimo de 40M, e o Famalicão sabe disso.

Esse mal já está feito, agora há que rentabilizar desportivamente o jogador, e mais tarde fazer uma grande transferência.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.10.2021 às 13:16

Nâo considero neste caso um
mal porque foi o negócio possível,ou vinha nessas condições ou ía para outro lado.
Sem imagem de perfil

De RCL a 30.10.2021 às 17:41

Julius
Noutros tempos ia para o Porto.
O mesmo com Nuno Santos. Eles bem andaram à volta mas levaram nega do Famalicão, cujos dirigentes não dormem à sombra da bananeira.
Este facto,só por si, demonstoru que o Sporting tinha mudado. Esta Direcção está sempre um passo à frente.
SL
Sem imagem de perfil

De RCL a 30.10.2021 às 17:34

Juskoviac
O clube vendedor impõe as condições, pelo que sabemos o Famalicão não tem grandes dificuldades financeiras.
Também, quando o jogador veio para o Sporting, muuuita gente malhou no preço que achavam exagerado, então se comprassemos 100% Varandas ia de vela
É verdade que ninguém conhecia a veia goleadora de Pedro Gonçalves. Pelos golos que marcou , já está pago e enquanto estiver no Sporting os golos serão nossos, o Famlicão tem zero.
SL

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo