Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Primeira derrota da pré-época

Rui Gomes, em 29.07.14
 

 

 

Apenas assisti aos derradeiros 25 minutos da derrota do Sporting frente ao Twente, por 0-2, pelo que só me é possível escrever um breve comentário para permitir uma troca de impressões entre leitores, caso desejarem. Cheguei a tempo, no entanto, para ver a jogada algo infantil de Mauricio ao tentar marcar um golo com a mão, que resultou na sua expulsão, por acumulação de amarelos.

 

Segundo as informações que me chegaram, foi um Sporting sem grandes ideias que entrou no relvado do "Sportpark Het Midden", em Vriezenveen, para o último particular do estágio na Holanda. Marco Silva efectuou algumas alterações relativamente ao último onze inicial, com André Geraldes no lugar de Cédric Soares, e ainda William Carvalho, Carlos Mané e Junya Tanaka. Pouca profundidade ofensiva e sem qualquer penetração pelo corredor central, uma já conhecida característica do Sporting da época passada que ainda perdura no início da nova temporada.

 

André Carrillo terá sido o "leão" mais dinâmico em campo, mas mal acompanhado neste jogo. William Carvalho ainda muito preso nas movimentações e Tanaka, a ponta de lança, sem oportunidade alguma para ameaçar a baliza adversária. Com a entrada de Rosell, Diego Capel e Fredy Montero na segunda parte, o Sporting apresentou-se mais destemido, mas não o suficiente para fazer a diferença no marcador.

 

Mais um jogo em que o jovem Ryan Gauld não entrou. Cada vez mais estou a ficar com a ideia de que é mais um para fazer estágio de longo prazo em Alvalade, antes de começar a jogar.

 

O Sporting regressa amanhã a Portugal, para se preparar para o jogo de apresentação aos sócios e adeptos, frente à Lazio, no dia 1 de Agosto.

 

publicado às 03:16

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Balajic a 28.07.2014 às 23:20

Depois de ter visto os seguintes jogos da pré-época:
- contra o Belenenses;
- contra o Carnide;
- contra o Achilles;
- contra o Utrecht; e
- contra o Twente;

Só me vem à cabeça uma pergunta: Quantos dos seguintes jogadores têm capacidade para fazer parte do 11 titular do Sporting? André Geraldes, Paulo Oliveira, Oriol Rosell, Ryan Gauld, Simeon Slavchev, Junya Tanaka?

Talvez Rosell?

Mais ainda. Da equipa que se perfila como titular (Patrício, Cedric, Maurício, Dier, Jefferson; William, Adrien, A.Martins; Carrillo, Capel e Montero/Slimani), quantos foram contratados por esta direcção? 3. A formação "fornece" 6 e 2 foram contratados pela direcção anterior.

Temos, portanto, quanto a contratações desta direcção (entre a época passada e esta, até agora), e para além dos 6 acima referidos desta época: Welder, Maurício, Jefferson, Piris, Vítor, Gerson Magrão, Hugo Sousa, Shikabala, Montero, Slimani, Heldon, Cissé, Dramé, Sambinha, Lewis Enoh, Jorge "Gazela" Santos, Matias Perez e Everton Tiziu.

Temos, portanto, um plantel contratado, ou seja, 24 contratações (diria, "cirúrgicas") até agora (18+6), das quais apenas 3 são titulares da equipa principal.

Resta o Naby Sarr que apenas tem como efeito elevar estas contas para 25. Vamos ver ainda o que vale...

Daquelas 24, por sua vez, já saíram (ou estão na calha para sair): Welder, Piris, Magrão, Vítor, Cissé, Matias Perez (acho) e Everton Tiziu. Ou seja, 7.

E, pior, quantos destes são realmente superiores a jogadores da formação, sendo que muitos deles tapam os lugares a eles?

Já chega para analisar esta "política" (se é que há alguma) de contratações ou ainda vamos continuar a falar do Freitas?

Aviso já que, para mim, o facto de haver menos dinheiro não torna as pessoas "menos incompetentes". Ainda por cima porque ufanaram-se de que havia que "fazer mais com menos"...
Sem imagem de perfil

De Gonçalo Catarino a 29.07.2014 às 12:02

No entanto os factos mostram que esta política até agora resulta.

Lamento por si.

Sem imagem de perfil

De FCS a 29.07.2014 às 12:13

Apenas uma época e já chegou a essa conclusão absoluta ? Grande visão...
Sem imagem de perfil

De Gonçalo Catarino a 29.07.2014 às 12:39

Qual foi a minha conclusão absoluta?






Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds