Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

hqdefault.jpg

 

As selecções participantes na Taça das Confederações vão poder realizar 4 substituições caso os jogos cheguem a prolongamento, anunciou esta quinta-feira o director-geral de desenvolvimento da FIFA, Marco van Basten, em conferência de imprensa, em São Petersburgo:

"É o sítio ideal para testar a experiência da substituição de um quarto jogador durante o prolongamento".

 
A Taça das Confederações vai ser disputada entre sábado e 2 de julho, na Rússia, com Portugal, campeão da Europa, a integrar o Grupo A, juntamente com México, primeiro adversário da seleção lusa, no domingo, Rússia e Nova Zelândia.

Além da substituição suplementar, possível nas meias-finais, na final e na atribuição do terceiro lugar, Van Basten revelou ainda que os jogos da prova vão contar com mais tempo de compensação, tendo sido dadas ordens aos árbitros para maior controlo do tempo das interrupções e do anti-jogo.

"Habitualmente acrescenta-se um minuto na primeira parte e três na segunda. Mas os incidentes consomem mais tempo, incluindo as comemorações dos golos, e os adeptos querem jogos mais dinâmicos. A FIFA instou os árbitros a controlarem de forma mais rigorosa o tempo de compensação".

O holandês recordou o tempo limite de seis segundos para os guarda-redes deterem a bola, que é continuamente infringida, admitindo, por seu turno, que ainda não está na agenda, mas é uma questão de tempo, o fim do fora de jogo, ao qual Van Basten já se mostrou favorável.

Refira-se que o vídeo-árbitro também será testado nesta competição.
 
Nota: Coincidência curiosa, Van Basten ter mencionado o tempo limite de seis segundos que um guarda-fredes pode deter a bola. A única ocasião que me vem à memória - ou melhor, o único jogo a que eu assisti - em que o árbitro assinalou falta contra um guarda-redes por ter infringido esta regra, foi no Campeonato do Mundo de Sub-20 de 2007, realizado no Canadá, e o guarda-redes chama-se... Rui Patrício. Se não estou em erro, sucedeu no jogo contra a Argentina de Di Maria.
 

publicado às 03:51

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds