Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Quem tem Bruno Fernandes

Rui Gomes, em 11.02.19

 

hqdefault_live.jpg

 

Reconhece-se que não é fácil jogar futebol no recinto de Santa Maria da Feira e ainda mais difícil perante um adversário excessivamente agressivo e faltoso - seis cartões amarelos no jogo, mas ainda ficaram alguns mais por mostrar -, mas o Sporting tem de arranjar mais e melhores argumentos para ultrapassar equipas deste nível e, em simultâneo, evitar o futebol medíocre a que assistimos, nomeadamente nos primeiros 45 minutos.

 

O Sporting alinhou de início com Renan; Ristovski, Coates, Ilori e Borja; Gudelj, Wendel e Bruno Fernandes; Diaby, Acuña e Bas Dost.

 

Suplentes: Salin, Abdu Conté, Bruno Gaspar, Doumbia, Francisco Geraldes, Raphinha e Luiz Phellype.

 

img_770x443$2019_02_10_08_54_26_1503720.jpg

 

Confrontado com a óbvia necessidade de uma maior rotatitividade do plantel, esperava que Marcel Keizer efectuasse uma ou duas alterações, mas salvo dar continuidade à titularidade de Borja, nada mudou. Diaby no 'onze' no lugar de Raphinha, apenas isso.

 

No entanto, no segundo período, e com os três pontos praticamente garantidos, Bruno Fernandes, Wendel e por fim Diaby, tiveram a oportunidade de descansar um pouco as pernas que já tinham pedalado uns bons quilómetros na partida. Neste processo, viu-se Francisco Geraldes regressar ao relvado de "leão ao peito", após um longa ausência.

 

A defesa leonina sente imenso a falta de Mathieu. O experiente central francês é quase tão importante como o uruguaio Sebastián Coates, e Tiago Ilori, sem ser desastroso, ainda não convence. Borja não deslumbra, mas registou mais uma exibição com nota positiva. Do outro lado, Ristovski, faz-nos esquecer Bruno Gaspar.

 

download (1).jpg

 

Bas Dost não marcou nesta partida, mas trabalhou muito e invariavelmente bem, até no sector defensivo. Foi marcado impediosamente e frequentemente em falta pelo adversário, mas faltou maior verticalidade no que à baliza do Feirense diz respeito.

 

Deixando o melhor para o fim, acredito mesmo que quem tem um jogador excepcional como Bruno Fernandes na equipa tem quase tudo. O melhor leão no relvado, com a sua usual carga pesada de trabalho e dois golos de encher os olhos, os seus nono e décimo da Liga NOS e o vigésimo da época. Sublinha a minha opinião que estamos perante o melhor jogador do campeonato português.

 

O Sporting foi mais uma vez socorrido pelo VAR, no golo anulado ao Feirense. Confesso que fiquei com algumas dúvidas sobre o mérito da decisão, mas uma coisa é certa; mesmo havendo alguma interferência em Renan, ele tem de ser muito mais agressivo na bola em cruzamentos e pontapés de canto. Curioso, este guarda-redes brasileiro; tem a capacidade de cometer erros grosseiros e fazer defesas espectaculares no mesmo jogo.

 

download.jpg

 

Ainda falando da arbitragem, se há alguma causa para debater o referido golo, também há para o segundo cartão amarelo que Manuel Mota perdoou a Vítor Bruno, aos 30', por uma entrada duríssima sobre Bas Dost. Isto, e mais dois ou três cartões amarelos que ficaram por mostrar.

 

Com este resultado, o Sporting não se aproximou do SC Braga e Benfica, dado que ambos venceram os seus jogos, (ouvi dizer que o clube da Luz ganhou por falta de comparência do Nacional), apenas reduziu a distância para o FC Porto para nove pontos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:03

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 11.02.2019 às 09:11

Mais um jogo fraco do Sporting do Keizer…. mais um jogo onde defensivamente fomos um desastre, mais um jogo onde fica a ideia de que não somos verdadeiramente um conjunto como equipa.

Na 1ª parte, o ultimo classificado do nosso campeonato dominou o jogo…. a forma incompetente como defendemos é inadmissível, e isto não é apenas a qualidade dos jogadores, já que eu vejo o Sporting cada jogo que passa, a abrir mais buracos na defesa…. a forma desastrosa como defendemos o jogo aéreo é assustadora!

Na minha opinião exige-se algumas alterações em particular… o Ilori não está ainda integrado na equipa…. o Gudelj não é assim tão bom…. o Wendel perde muitas bolas…. o Diaby é pouco consistente.

Gosto de ver o Acuña a médio e o Borja a lateral…. pelo menos assim temos alguém que corra a médio, em vez de ter o Nani a parar constantemente a bola…. Gosto de ver o Bruno Fernandes a ser o patrão da equipa…. Gosto de ver o Coates a receber a braçadeira de capitão, o uruguaio merece todo o meu respeito pela sua consistência e entrega ao Sporting.
Sem imagem de perfil

De GreenHill a 11.02.2019 às 18:54

Schmeichel,

Diaby pouco consistente? Nos últimos jogos, Braga, Porto, Setúbal, Benfica e Benfica, só em Setúbal é que o Diaby foi titular e num jogo com o Benfica entrou aos 46min. De resto ou não entrou ou foi nos 90min.

Jogou com o Karabakh (6-1), Rio Ave (3-1), Desportivo das Aves (4-1), Nacional (5-2), Rio Ave (5-2), Guimarães (derrota 1-0), Feirense (4-1), Belenenses (2-1), Tondela (Derrota 1-0), FC Porto (0-0), Moreirense (2-1).

E se temos a taça da liga a ele se deve pela sua rapidez a antecipar-se ao Óliver. O Nani teria encolhido a perna para não levar paulada. Quando entrou na Luz a substituir o Jovane fez logo uma arrancada em transporte pela direita que obrigou a defesa e o meio campo a ficarem mais atentos. Portanto não percebo porque diz isso. Ainda ontem fez o cruzamento para o golo do Bruno Fernandes e sofreu a falta que deu o livre do 3º golo, 2º do Bruno Fernandes.

O nosso problema está no meio campo, não é nas alas nem na defesa. Não se ganham jogos sem meio campo. Gudelj nunca está onde é preciso, fica sempre muito estático na defesa e a passar a bola é um desastre. Ontem houve fases do jogo que foi o Bruno Fernandes a ir até aos centrais buscar a bola e tabelar. O Wendel esconde-se muito do jogo.. quando decide correr para ir receber a bola e transportá-la um pouco o jogo melhora logo. Só que só o faz 15min por jogo.
Falta capacidade de trabalho no meio campo. Para jogar com o Bruno atrás do ponta, os outros dois médios têm de ter muita mobilidade e técnica, ou os extremos virem ajudar o meio campo jogando mais compactos.

Reparem, o Bruno Lage tem um jogador semelhante em posicionamento ao Bruno Fernandes: João Félix. Mas com o Samaris e o Félix ficava apenas o Pizzi no meio. Como resolveu o problema? Abdicou de um extremo e colocou o Gabriel, um jogador muito móvel, com pulmão e alguma técnica. Resultado tem 4 jogadores no meio campo para trocar a bola, 2 deles muito móveis e assim há sempre alguém pronto a receber a bola a tabelar...
O nosso problema no tempo do Peseiro era o mesmo: jogadores muito afastados e ninguém no meio campo a tabelar.

Eu gostei de ver o Geraldes ontem sem medo de receber a bola, a tabelar, a sofrer faltas, a passar a recuperar bolas. Gostava que Keiser pensasse na possibilidade de o colocar no onze. Wendel a trinco (ainda não vi o Doumbia a sério), Bruno Fernandes e Geraldes. Este trio. Wendel numa posição onde não tinha de se mexer muito mais pelo menos sabia sair a jogar, receber e passar a bola.


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds