Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Relvado de Alvalade tramado pelo microclima

Responsável da empresa que substituiu relvado explica razões para tantos problemas

Rui Gomes, em 21.11.21

Rúben Amorim foi, depois do jogo com o Varzim, o 10.º oficial em Alvalade esta época, taxativo sobre o estado do relvado. “Obviamente que me preocupa, apesar de saber que as pessoas estão a fazer o melhor que podem”, atirou o treinador, reconhecendo, porém, que o estado do tapete teve “impacto” na lesão contraída por Jovane Cabral.

Frederico Machado, principal administrador da empresa ‘Sport Relva’, responsável pela substituição do relvado ao fim de cinco anos e respectiva manutenção, explica as questões "históricas" que persistem desde a abertura do estádio a 6 de Agosto de 2003, já lá vão 18 anos:

img_920x518$2021_09_26_03_09_14_1908320.jpg

"Temos de olhar para o passado do estádio e perceber que sempre apresentou problemas complexos, desde a fraca ventilação ao facto de receber momentos de luz diferentes em várias zonas do recinto; a zona Sul, por exemplo, recebe muito menos sol que a maioria da área em questão.

Estando a falar de um ser vivo, um relvado natural, sabemos que podemos controlá-lo até certo ponto, mas que é uma planta e que tem vontade própria, ou seja, que sente o microclima onde está e que isso tem consequências. Estamos, por isso, a incentivar o relvado a ganhar raiz, algo que lhe falta, e intensificámos as acções – já diárias – nessas tais zonas em que apanha pouca luz.

O relvado estará pronto para o jogo com o Borussia Dortmund. Ao receber um novo tapete, há uma fase de adaptação, especialmente na primeira época que é sempre mais instável, mas não há risco de agravamento".

Relvados de Alvalade XXI.png

No site da Liga, verifica-se que Alvalade é classificado como o quinto melhor relvado, fruto das avaliações dos delegados (média de 4,18 numa escala de 1 a 5 em 6 jogos). A nota mais baixa foi um 3,39 na jornada 7, na recepção ao Marítimo.

Reportagem parcial de Bruno Fernandes, em Record

publicado às 03:05

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


1 comentário

Sem imagem de perfil

De GreenHill a 22.11.2021 às 13:40

Acho que está na altura de estudarem a possibilidade de colocarem uma banda de espelho pendurada na cobertura para refletir o sol para o relvado do topo sul...
Quanto à ventilação comprem 2 charutos dos que se colocam nos túneis e coloquem-nos no meio do relvado durante a semana...

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Cristiano Ronaldo