Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Rumores do mercado que ainda não é

Rui Gomes, em 29.03.14
 

 

É de crer que alguns clubes, incluindo o Sporting, já se encontram no processo de planificar a próxima época que inclui, inevitavelmente, a contratação de alguns reforços. No caso muito particular do Sporting, a estruturação da equipa terá de ser cuidadosamente analisada pela muito provável participação na Liga dos Campeões, seja por apuramento directo à fase de grupos ou por via dos "play-offs", o percurso destinado ao terceiro classificado da I Liga.

 

Muito por isto, porventura, já começam a surgir alguns rumores sobre contactos com clubes e jogadores. Como sempre, esta informação que é divulgada pela Imprensa desportiva, poderá ou não ter fundamento concreto e o leitor terá de ter essa incerteza em mente.

 

É hoje noticiado que o Sporting fez uma primeira abordagem ao médio-defensivo Fernando Alexandre (28 anos) que está em final de contrato com a Académica. Segundo  fonte noticiosa, a abordagem não foi bem sucedida pelos cerca de 150 mil euros de salário anual que foram propostos, pouco mais do que a própria Académica já lhe oferece. Não me identifico com esta nova realidade do Sporting e, por isso, limito-me a questionar se são cerca de 12 mil euros mensais que vão atrair um atleta de qualidade destinado à equipa principal.

 

Fernando Alexandre foi formado no Benfica e já passou por diversos clubes, a exemplo do Estrela de Amadora, Leixões, SC Braga e Olhanense. Esta época com os "estudantes" realizou 24 jogos como titular - 1765 minutos de jogo (19 jogos) - com três golos marcados.

 

Um segundo jogador hoje também em destaque noticioso é Gonçalo Santos (27 anos) que tem contrato com o Estoril Praia até 2015. A cláusula de rescisão é suposta ser no valor de 800 mil euros, 30% dos quais são detidos pelo próprio jogador. Também ele médio-defensivo, realizou 38 jogos como titular em todas as competições esta época pelo Estoril Praia, acumulando 2742 minutos de jogo (30,4 jogos).

 

Confirmando-se o interesse nestes jagadores, diria um observador atento que a saída de William Carvalho é considerada inevitável, não obstante Bruno de Carvalho ter afirmado que ainda não surgiram quaisquer propostas pelo jovem do Sporting.

 

Não conheço estes jogadores o suficiente para adiantar uma opinião formada mas, em princípio, porventura prematuro, não me parecem o tipo de reforços para uma equipa que vai disputar a Champions.

 

publicado às 15:45

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


12 comentários

Sem imagem de perfil

De MaxMartins a 29.03.2014 às 18:38

Enquanto forem esses "jornalecos a colocarem" os jogadores...
Dentro ou fora do Sporting...não dá para me preocupar minimamente ...
Estou convencido que eles saberão tanto dessas movimentações quanto eu, ou seja...: Nada...!

E perante isso...para que hei-de eu andar a fazer exercícios mentais...se eles não acertam uma...?

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.03.2014 às 19:09

De vez em quando acertam. Até acho piada porque para aparecerem com alguns dos nomes que temos visto ao longo dos anos, requer muita imaginação.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 30.03.2014 às 07:20

Independentemente da veracidade ou falta dela (porque se eu lancasse 234 nomes também era capaz de acertar em 4 ou 5), merece nota esta linha

"Não me identifico com esta nova realidade do Sporting e, por isso, limito-me a questionar se são cerca de 12 mil euros mensais que vão atrair um atleta de qualidade destinado à equipa principal (...)"

Diria que é capaz de ser melhor que comece (o Rui e toda a massa associativa) a identificar-se porque nao me parece que o Sporting gastador volte tao cedo.
Quanto aos 12 mil euros mensais, perguntaria singelamente quanto auferem Maurício e William Carvalho (ou até Vitor), para dar apenas 2 exemplos. No caso de um atleta já com 28 anos proveniente da Académica duvido que fizesse sentido propor um salário muito mais elevado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.03.2014 às 11:22

Muito depende do que considera ser "gastador" em contexto do mundo actual do futebol. Porque também lhe digo, que se nos damos a pensar que vamos fazer épocas de excelência low-cost, com regularidade, vamos ter uma muito desagradável surpresa.

Já sabia há muito dos baixos salários de muitos do plantel.

Eu iria mais longe e afirmaria que não faz sentido ir buscar um jogador de 28 anos à Académica para este Sporting. Ponto !
Sem imagem de perfil

De Petinga a 30.03.2014 às 13:54

Muito depende do que o Rui considera ser uma "época de excelencia". Considera a actual temporada excelente?

"Eu iria mais longe e afirmaria que não faz sentido ir buscar um jogador de 28 anos à Académica para este Sporting. Ponto !"

Entao chegámos ambos à mesma conclusao: esta notícia é especulacao que muito provavelmente nao tem qualquer relacao com a realidade.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.03.2014 às 16:04

Provavelmente não, mas contrário às ideias dos "leões de Leiria" cá do burgo, a intenção da abordagem neste espaço é precisamente para precipitar troca de impressões como estamos agora a fazer. Publicar diariamente num blogue sobre o Sporting é exercício extremo, salvo se nos dedicarmos exclusivamente a comentar as entrevistas do presidente.

As ocasionais subtil mensagens que deixo no espaço são lidas por quem de direito, disso tenho conhecimento, o que não significa necessariamente que tenham influência nas decisões, mas tudo faz parte de um processe cerebral e o cérebro não ignora as informações que recebe, recorrendo a umas mais do que a outras.

Posso publicar artigos de fundo como faço com alguma frequência e como hoje farei (mais logo), mas salvo rara excepção os adeptos não se preocupam com o estado geral das coisas, focando as suas atenções no dia a dia e intrigas caseiras.

Para responder à sua outra pergunta, deve primeiro compreender que eu fui criado num setting " que só visa sucesso ao mais alto nível, tudo o resto é secundário, muito embora, por vezes aceitável. Por outras palavras, excelente é vencer o que há para vencer.

Esta época, de acordo com o que eu refiro, não é excelente, mas sim muito boa ou aceitável, face ao que ocorreu na época passada e tendo em consideração o estado psicológico da nação leonina. As questões financeiras, por importantes que sejam, são secundárias. Como já disse inúmeras vezes, não obstante a paupérrima gestão da anterior SAD , se os resultados tivessem aparecido, ainda hoje estaria no lugar. É assim que este nosso mundo funciona. Não vamos conseguir ser campeões, mas muito provavelmente asseguraremos o acesso directo à Champions , que é muito importante. Não conquistámos mais nada, mas recuperámos algum do respeito perdido, igualmente importante. Ainda não se sente (pelos eu não sinto) que "já chegámos", mas poderemos estar no curso certo. A preparação para a próxima época irá longe para determinar o passos dados em frente, porque o desafio das competições para o ano vai ser muito superior, tanto no contexto doméstico como fora fronteiras.

Ao que concerne o Sporting, em geral, tenho mais do que um nível de excelência:

1.º Conquistar o título nacional e a Taça de Portugal, e ter uma participação digna na Europa, nomeadamente na Champions . De preferência, conseguir ir pelo menos uma eliminatória além da fase de grupos. Em tudo isto, apresentar um tipo de futebol atractivo e sobretudo eficaz.

2.º Não conseguir ser campeão mas estar na luta até ao fim e vencer uma das Taças, por importância, a de Portugal. Ter igualmente uma participação digna na Europa.

À mistura com estes dois níveis de excelência, a valorização de dois ou três activos da Academia, tanto para promoção à equipa principal a tempo inteiro como, se necessário, para transferir para o exterior por verbas muito razoáveis.

Deixo isto em síntese, dado que é temática que exige muita ponderação e comentário.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 30.03.2014 às 19:23

Muito obrigado pelo comentário detalhado. Vejo que estamos no mesmo comprimento de onda!

Também eu penso que estamos longe de ter "chegado" a onde quer que seja; a actual temporada foi o "reset" do caminho vertiginoso e calamitoso que o Sporting estava a seguir, sobretudo em termos de gestao desportiva. O mais difícil este ano era recuperar esta confianca e a sensacao de que, arbitragens à parte, o Sporting até é capaz de se bater com os seus rivais directos sobretudo quando joga em casa. A verdade até é que, se modificássemos a táctica para um esquema mais defensivo, até em casa dos rivais poderíamos ficar perto do empate; mas já aqui escrevi que LJ parece apostado em jogar sempre olhos nos olhos (resultando inevitavelmente em jogos muito abertos).

A segunda temporada do percurso vai ter, entao, a dificuldade acrescida da Champions League. Penso que se conseguíssemos, em 2014-15, voltar a ultrapassar os 65 pontos na Liga (como parece que vai finalmente suceder esta época, ao fim de 5 anos) seria um excelente sinal. Nao tenho ilusoes em relacao à Champions: provavelmente estaremos no pote 4 e vamos seguramente enfrentar um duo tipo Real Madrid-Man City, pelo que a maior esperanca é em tentar nao ficar em 4o lugar. Nao me parece, também, que a performance do Sporting na Champions League 2014-15 dependa muito de reforcos e investimento na equipa, tal é o abismo entre o Sporting e as equipas-líder do futebol europeu. O equilíbrio da equipa entre as diversas competicoes, sim, dependerá da profundidade do plantel e será determinante para recuperar os jogadores depois de inevitáveis desaires a meio da semana. Conseguir mais de 6-7 pontos (significa 2.0-2.5 M€) na Champions League 2014-15 já seria bastante positivo em termos realistas!

Quanto à valorizacao dos activos da Academia, parece que com Leonardo Jardim essa tarefa está bem entregue. Este é o ano de William e Adrien, o próximo poderá ser o ano de Joao Mário ou a afirmacao definitiva de Carlos Mané (só para dar alguns exemplos).

Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Petinga a 30.03.2014 às 19:26

PS: vencer uma das Tacas é algo a que o Sporting pode sempre aspirar, mas penso que depende (e muito!) da vicissitude dos sorteios. Pode suceder, na Taca de Portugal, sempre que se consiga evitar um dos rivais directos até aos 1/4 de final. No caso da Taca da Liga, o regresso aos 3 primeiros garante que o Sporting nao mais terá que defrontar um dos outros rivais na fase de grupos, exigindo-se aí o apuramento para as 1/2 finais.
Se este ano o Sporting nao estivesse no grupo do porto na Taca da Liga muito provavelmente já teria jogado a 1/2 final. Se nao tivesse sido forcado a defrontar o benfica tao cedo na Taca de Portugal, sabe-se lá até onde poderíamos ter chegado.
Sem imagem de perfil

De Leão de Leiria a 30.03.2014 às 11:51

Eu iria mais longe e diria que, para alimentar especulações e desestabilizações ,mais vale estar calado, ponto!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.03.2014 às 11:55

Perdeu essa grande oportunidade, de facto. Não sei quem manda em sua casa, eu sei quem manda na minha, e essa pessoa não está à espera das opiniões de um qualquer "leão de Leiria" !!!
Sem imagem de perfil

De Leão de Leiria a 30.03.2014 às 17:18

Um Leão é-o sempre com letra maiúscula, mesmo quando não gostamos do que ele diz!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.03.2014 às 17:48

O "leão" será respeitado quando aprender a respeitar e quanto ao que foi dito, não gostei nem deixei de gostar porque, concretamente, nada de possível aproveitamento foi dito.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo