Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Screenshot (232).png

O que é que Luís Godinho viu no monitor - com a cumplicidade de Tiago Martins (VAR) - diferente do que viu no relvado no momento real do lance?

O facto de ser o mesmo VAR que agiu na época passada em Moreira de Cónegos, tal como Frederico Varandas refere nas suas declarações, deve ser "mera" coincidência, decerto?!?

O árbitro assinalou falta de Zaidu sobre Pote na área numa primeira instância e exibiu o 2º cartão amarelo ao lateral-esquerdo portista. No entanto, reavaliou o lance no monitor e reverteu a decisão.

(O vídeo do lance disponível aqui)

Frederico Varandas, em conferência de imprensa, manifestou a sua indignação:

"Hoje o Sporting CP está triste porque perdeu dois pontos e acho que o futebol português também está triste porque teima em não mudar. Já vi o lance várias vezes, e só faço uma pergunta: este mesmo lance, este possível penálti, sabem quando é que era revertido no Estádio do Dragão ou na Luz? Nunca, nunca. O árbitro vê empurrão nas costas, assinala penálti, depois o VAR surge a analisar se há intensidade, se é dentro ou fora da área. É o costume... o VAR só deve analisar num erro clamoroso. Para mim é penálti, é. O jogador leva um encosto no ar, para mim é penálti. Foi marcado, em Alvalade, é revertido. Mas também vi em Tondela o Doumbia ser pisado, o árbitro bem a mostrar o vermelho, o VAR chamou e reverteu em amarelo. Também vi um penálti claríssimo em Moreira de Cónegos que o mesmo VAR de hoje não viu. O VAR chamou o árbitro, viu, mas o árbitro continuou a achar que não era penálti.

São estas coisas que acontecem frequentemente no futebol português, mas sobretudo ao Sporting. O mesmo VAR não vê o vermelho directo ao Zaidu, qual é a dúvida? E é por isso que acho que o futebol português devia estar triste. Infelizmente, em Portugal, para triunfar só por mérito, é muito difícil. No futebol ainda mais. Não interessa se a pessoa foi apanhada em escutas, se tem processos judiciais, interessa é se tem poder, se ganhou e aí todos prestam vassalagem.

O Sporting dá todo o apoio ao presidente da arbitragem mas já disse isto três vezes: Se os soldados não prestam, encostam-se. E se virmos, há um denominador comum muitas vezes. Há valores que o Sporting não abdica, não vamos fazer o que se fazia, não vamos jogar sujo. Mas se tivermos de gritar, vamos gritar bem alto. Custe o que custar, vamos vencer."

__________________________________________________

ADENDA

Faltava, neste post, os pareceres de alguns "peritos" cá do burgo...

Jorge Faustino (nota 3) - Arbitragem que confirmou a maturidade de um "jovem" internacional onde alguns erros de critério não influenciaram o resultado. Trabalho globalmente positivo.

- Zaidu, na tentativa de jogar a bola, mas numa abordagem muito negligente, acertou com a sola da bota no pé de Pedro Porro. Vantagem bem aplicada e correta a exibição do amarelo na interrupção seguinte.

- Existe contacto do braço de Zaidu nas costas de Pedro Gonçalves que parece não ter impacto na movimentação deste. Lance de interpretação de intensidade onde se aceita a decisão de não sancionar penálti.

Marco Ferreira (nota 3) - Cometeu alguns lapsos a nível técnico e disciplinar. Errou em assinalar o pontapé de penálti com o VAR a intervir correctamente. Acusou a pressão do jogo acabando por não influenciar o resultado final.

-  Zaidu aborda tarde a bola e pisa o pé do adversário de forma negligente, Árbitro aplica a lei da vantagem e adverte na interrupção. Boa decisão.

- Zaidu e Pedro Gonçalves tentam disputar a bola dentro da área do Porto com o avançado a cair, Árbitro assinala pontapé de penálti. VAR aconselha o árbitro a verificar o monitor e reverte a decisão correctamente. Lance normal sem infracção.

**** Surpresas?... Nenhuma!!!

publicado às 04:04

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


51 comentários

Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 18.10.2020 às 09:01

Eu não marcaria este penalty, também. Há contacto físico, mas não vi nenhum puxão nem um empurrão.

O que vi foi Pote a "voar" após sentir a mão de Zaidu, num voo evidentemente auto-infligido.

Venha agora o Gil Vicente que este ano estamos na luta!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 10:02

"O que vi..."

Viu muito pouco e muito mal!!!
Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 18.10.2020 às 10:21

É a sua opinião, Rui. Sou sportinguista, mas penso pela minha cabeça e analiso qualquer lance sem as lentes do clubismo.

E na minha opinião o Pote tentou cavar o penalty.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 10:30

Este lance não tem nada a ver com "lentes do clubismo"!!!

Houve falta clara, se foi com mais ou menos intensidade é irrelevante.

Só não vê quem não quer ver!!!
Sem imagem de perfil

De João Tavares a 18.10.2020 às 10:42

Não está em causa se tentou ou não cavar o penalti. Há uma mão nas costas dentro da grande área. É penalti.
O FV fez bem em falar, o Sporting vai ter que fazer muito e muito mais barulho.
Imagine-se o barulho que iria ser feito do outro lado caso a decisão não tivesse sido revertida.
Infelizmente, o Sporting tem de contratar "jogadores" para fazer essa parte do jogo. Não se pode calar e fazer muito, mas muito barulho. Ser muito inconveniente, dentro da legalidade, mas muito inconveniente.
FV tem toda a razão, nunca na Luz ou no Dragão esta decisão seria revertida, NUNCA.
Sem imagem de perfil

De Bento a 18.10.2020 às 16:28

👍 Muito bem
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 16:53

Curiosamente, atirou aquelas "bocas" sem nexo para o ar e depois fugiu. Agora aparece com o dedo no ar a indicar o quê?

Como já referi, é possível chegar agora à conclusão que não percebe patavina de futebol e para agravar as coisas, até parece que comenta de má fé.

Quem disse o que o caro disse, sujeita-se a levar respostas menos politcamente correctas!!!
Sem imagem de perfil

De GreenHill a 18.10.2020 às 14:51

Juskowiak, a partir do momento que dizemos que depende da intensidade tanto pode ser como não ser. Agora há dois factos inegáveis:
1) Zaidu coloca a mão para quê? Para impedir que Pote jogue a bola como quer. Vale agarrar, abraçar ou empurrar o adversário? Não. Portanto quem não quer fazer falta não coloca a mão sobre o adversário. Alguém tem dúvidas que se esta falta fosse assinalada no meio campo o VAR não chamava o árbitro a ver o lance?
2) sendo um lance em que - como já falado - colocando a mão sobre o adversário - é falta - passamos à fase de discutir se houve intensidade suficiente... portanto ninguém discute que Zaidu agarrou Pote (o que não é permitido nas regras) mas sim se foi suficiente. E aqui entramos no real problema: é que sendo um lance de interpretação o VAR não pode chamar o árbitro. Está no protocolo. Porque é a interpretação de um versus a interpretação do outro. Com a agravante de que o lance visto em câmara lenta tem naturalmente outro impacto e ao ser chamado a visualizar as imagens o árbitro vai logo condicionado na sua convicção.

Ontem vi o Jorge Andradre a comentar e disse que era falta e concordo com ele. A alta velocidade e a saltar qq empurrãozinho ou puxãozinho faz toda a diferença.

Facto: Zaidu interfere na jogada.
Sem imagem de perfil

De Carla Pinho a 19.10.2020 às 10:29

Em elevação deixa de poder aplicar-se "a teoria da intensidade". No ar, um toque, por mais leve que seja, desequilibra.

Certamente já ouviu falar na Lei da Gravidade, certo? É por ai!

"do que eu vi", ele tem ambos os pés, e pernas adjacentes, em elevação.

Nao se trata de lentes de clubismo, nem pensar pela própria cabeça, trata-se apenas de dar uso a um dos cinco sentidos na sua forma mais rudimentar.
Sem imagem de perfil

De LG a 18.10.2020 às 09:10

Faço aqui o meu comentário geral.
Sobre o jogo
Gostei do jogo do Sporting, principalmente na primeira parte, penalizado por alguns erros próprios, mas gostei da forma como a equipa joga, muito unida, o que é muito "culpa" de Ruben Amorim.
Na segunda parte houve pouco jogo, com um Sérgio Conceição a parecer um LIto Vidigal, a equipa valendo-se sempre que podia para perder tempo, o Sporting com dificuldades no ataque (a falta de opções atacantes paga-se).

Sobre a arbitragem
Mais do mesmo: em dúvida é contra o verde, há-de nascer o dia em que as regras do Var sejam interpretadas pro-Sporting. Só a favor do Sporting é que amarelos não são transformados em vermelhos (olá Zaidu) e erros não claros são revertidos.
Zaidu, nesse aspeto, éum bom exemplo , do que foi o Sporting nos últimos anos: primeiro jogo, faz falta para vermelho aos 20 minutos (que o VAR não "vê"), faz assistência para o empate quando não deveria estar em campo e depois é salvo da expulsão pelo VAR. Se jogasse de verde teria jogado 20 minutos e seria zurzido na imprensa, assim safou-se e ainda dirão que esteve bem (assim se defende um jogador do Porto que acabou de chegar).
Mas como já sei do que a casa gasta, não dou um dia para que venham vários spins a doutrinar-nos dizendo que o Sporting teve sorte e foi beneficiado pela arbitragem

Sobre as declarações de Varandas
Quase que lhe grew a pair Esteve bem, mais vale tarde do que nunca. Mas será que ele acha mesmo que o "Futebol Português", essa entidade difusa e, principalmente, recomendável, está "triste"? Quem mais para além do Sporting e Sportinguistas, estará triste com o que aconteceu ontem? O "Futebol Português" quer um Sporting campeão ou, pelo menos, no segundo lugar?
mas podia ter aproveitado o embalo, já que referiu episódios de épocas passadas, para ter contado tudo o que sabia sobre a época 15/16.


Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 10:27

Falta de "opções atacantes"...

A sério???

Continuam a sonhar com um ponta de lança milagreiro que nem os clubes galácticos têm!
Sem imagem de perfil

De Bento a 18.10.2020 às 09:33

Boa análise, não há penalti nenhum.
O presidente do Sporting podia-se queixar num lance em que houvesse realmente razão para queixa, mas neste caso não tem razão.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 10:00

Mais do mesmo da sua parte. Na realidade, foi o Pote que cometeu a falta!?!
Sem imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 18.10.2020 às 09:50

Rui Gomes

Não estou triste estou revoltado. Já escrevi dezenas de vezes que os apitadores são quem fomentam os vencedores no futebol. e consequentemente elegem os seus favoritos, que por curiosidade são sempre os mesmos os que vencem os campeonatos. Neste século já nos ROUBARAM descaradamente 3 campeonatos, em 2005. 2006 . 2015. Tal como alguém dizia antes de estar no SCP é tudo limpinho, limpinho. E também ouvi ELE dizer que sabia como se ganham os jogos noutros locais, onde tinha estado, mas não concretizou a sua afirmação.
Analisando este jogo eu estou satisfeito, pois tirando 3 jogadores do FCP a equipa do SCP na minha opinião foi superior em todo o jogo e não vi qualquer supremacia, do actual campeão, embora a CS diga maravilhas dos jogadores nortenhos. Repito estou satisfeito, pois gostei da forma como jogámos contra uma equipa que demonstrou não ser aquilo que apregoam. O apitador de serviço mais uma vez foi o actor principal, pois por incompetência ou por medo,
não expulsou um jogador do FCP e depois deu uma barraca enorme da forma como anulou o penalti aos amigos nortenhos. Uns podem ofender o apitador com palavras ordinárias , outros são expulsos por dizerem a verdade. Também não gosto do treinador do FCP, clube da minha terra, que merecia outro profissional. Não esteve em campo, pois as mentiras que disse são para se desculpar dos pontos perdidos. Deve respeitar o adversário que teve um filho na sua Academia. Desculpar-se com as duas últimas semanas é vergonhoso, pois o SCP teve o mesmo problema, ou não sabe que o SCP tem mais de uma dúzia de jogadores, que estiveram ao serviço das selecções ?
Uma última palavra para os adeptos, do SCP que todos os dias arrasam os nossos jogadores. Esta foi a melhor forma de os calar, pois jogámos contra o campeão actual e que por curiosidade está na liga dos campeões, coisa rara em Portugal. e demonstrámos que temos equipa e treinador para sermos competitivos, Aguardemos (.Fernando Albuquerque (SCP)
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 10:21

Escreveu tanto que não dá para responder. Subscrevo genericamente as suas considerações.

P.S.: Há muito que conhecemos o treinador do FC Porto. Ele que aproveite a ganhar alguma coisa no clube do Norte, porque não o vai conseguir em qualquer outro clube.
Sem imagem de perfil

De FF a 18.10.2020 às 10:08

Bom-dia,
Não costumo comentar o futebol.
No entanto espanta-me que ainda há quem se admire que estas coisas aconteçam.
Os miseráveis assopradores de apito são gente do mais baixo jaez moral que integram a pandilha dos corruptos de que o país se encontra recheado.
Uma palavra de apreço para o Presidente Varandas que recusa, e muito bem, participar em jogadas sujas, cujos maiores expoentes são sobejamente conhecidos
FF
Imagem de perfil

De PSousa a 18.10.2020 às 10:19

Que não se marque este penalty, ok.
Apesar de eu leio é que ele não o empurra, verdade. Mas para mim ele não o deixa é saltar, quantas faltas são marcadas ao contrário em cantos ou livres, só porque tem a mão ou braço no ombro?
Mas este penalty não existia, se o mesmo VAR tivesse chamado à atenção o senhor de rosa, para um lance de Zaidu sobre Porro. Para mim, vermelho direto. E assim, com 1 a 0 e com menos um, nem este penalty existia.
Venham os próximos que estes miúdos merecem o nosso apoio.
Nota: o Porto, não podia perder 2 jogos seguidos.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 10:42

Ele agarra mais do que empurra. Vê-se bem na gola da camisola e não precisa de ser com muita força.

O árbitro e o Tiago Martins (VAR) estavam distraídos no outro lance do Zaidu.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.10.2020 às 12:51

É isso mesmo Rui.
Quantas faltas marcam ao contrário em lances de livres ou cantos?
Ele não o deixa saltar, não o empurra mas não deixa saltar. Logo penalty.
Mas dou de barato, porque se aos 20 minutos, o mesmo VAR fosse tão rigoroso, tinha de chamar o árbitro para ver o lance de Zaidu, que sem dúvida é Vermelho.
Estávamos a ganhar 1-0 e ficaríamos com um jogador a mais.
Mas como já fui referindo em vários fóruns, o Porto não podia perder.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 13:06

Identificação???
Sem imagem de perfil

De Orlando Santos a 18.10.2020 às 10:30

Zaidu põe a mão nas costas do jogador do Sporting, eu diria que é falta, agora a intensidade do toque já é outra questão. Falando em geral, atendendo que este é um Sporting em construção e (em principio) não está lutar para o título, foi um resultado razoável.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 10:38

Ao terceiro jogo da equipa, duas vitórias e um empate, conclui-se que "não está a jogar para o título"?!?

Está-se a jogar para o quê???
Sem imagem de perfil

De João F. a 18.10.2020 às 10:32

Para aqueles que dizem com toda a certeza que não foi penalti, pergunta-se o que é que o jogador do Porto quis fazer ao pôr a mão nas costas do Pote.
Como toda a gente sabe que o futebol se joga com todo o corpo menos com os braços e as mãos, imagina-se que para essa gente, o jogador do Porto deu o empurrão para lhe chamar a atenção e dizer-lhe: Ó pá! Não marques o golo...
E quanto à intensidade do empurrão, pergunta-se, se o árbitro tem um aparelho para medir a intensidade da falta! Já pelo facto de ter pousado a mão nas costas do adversário, devia de ser castigado. Na justiça castiga-se por uma tentativa de crime! Se se fizesse o mesmo no futebol, logo que houvesse uma tentativa de fazer falta, que é anti-jogo,o futebol praticado campo seria muito mais limpo.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 18.10.2020 às 10:57

Eu até aceito ser um lance duvidoso.... para mim a questão é a reversão do lance que só poderia acontecer com a certeza de que não houve falta. O Sporting mais uma vez prejudicado.

Quanto ao jogo, gostei da nossa equipa com exceção da defesa, Feddal e Neto mauzinhos, li aqui no outro dia a dizerem que o Neto era importante no balneário porque tinha experiência.... pois eu digo regressa rápido Eduardo Quaresma.
Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 18.10.2020 às 11:28

Ou então o Inácio, que há muito clama por uma real oportunidade. É uma dor de alma ter um possível grande central no banco e Neto a jogar.

Tenho a percepção de que não temos centrais de qualidade suficiente para este sistema, mas ontem a presença de Palhinha disfarçou esta lacuna.

Espero que não saia mais do 11.
Sem imagem de perfil

De João F. a 18.10.2020 às 13:05

O Inácio para além de ser esquerdino, não tem rotina de jogar no lado direito da defesa.Se o RA o tivesse feito, estariam aqui alguns a condená-lo por improvisar.
Sinceramente! É muito difícil ser-se prior nesta freguesia.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.10.2020 às 16:34

É preciso notar que este sistema de jogo exige centrais específicos para cada uma das 3 posições.
Não sendo advogado de defesa do Neto e percebendo que ele tem limitações, não podemos esconder que ele não as características para jogar naquela posição, o que o prejudica. Já não tem a velocidade, nem a saída de bola necessárias. O Coates pelo posição mais fixa que ocupa sai beneficiado, mas experimentem colocá-lo sobre o lado direito e veremos se não será crucificado pelos erros cometidos.
Este é o problema dos 3 centrais. Não basta ser um bom central é preciso ser específico para a posição atribuída.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2020 às 16:56

Primeiro e sobretudo, se não se identificar não voltará a ser publicado. Não é a primeiro vez que o alerto para esta exigência do blogue.

Segundo, se viu bem o jogo, deve ter reparado que o Coates jogou quase sempre do lado direito na segunda parte. Mesmo sendo menos veloz, ele está acima dos colegas em termos de qualidade. A bem dizer, ele é o coração da defesa.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 18.10.2020 às 17:59

Rui,
O comentário anterior é meu. Estava fora do meu lugar de comunicação habitual e esqueci-me que ele não assume a identificação automaticamente. Peço desculpa pela distração.

Em relação ao Coates concordo que ele ontem se saiu bem enquanto esteve no lado direito e o facto de ter qualidade superior aos colegas contribuiu para esse desempenho, mas não podemos esquecer que foi numas circunstâncias específicas. O Porto na segunda parte tentou "arrefecer" o jogo, saindo apenas pela certa, muito apoiado, a perder tempo e com preponderância da zona central. Tentou alguma profundidade, mas muito cautelosamente.
De forma contínua e com volume ofensivo do adversário pelo nosso corredor direito duvido que o Coates, mesmo com a sua qualidade, desse sempre conta do recado. Agora não duvido que teria melhor desempenho que o Neto.
Mas como disse ele é o coração da defesa e o coração está no centro. Pode estar ligeiramente lateralizado, mas essencialmente no centro.
Imagem de perfil

De Greenlight a 18.10.2020 às 11:09

Frederico Varandas tem razão, o penalti nunca seria revertido se tivesse sido marcado a favor do Fcp. As Tvs, nomeadamente o execrável Pedro Garcia da Sic, ainda insistiu no suposto penalti de Neto, para ver se pegava e equilibrava os erros da arbitragem, mas ninguém lhe ligou nenhuma. A Varandas não lhe competia dizer, mas digo eu, onde estava o VAR, na semana passada, quando o árbitro assinalou um penalti inexistente sobre o Marega? O Marítimo acabou por vencer o jogo porque o Telles falhou a concretização mas é, também, assim que a Administração caquética e corruptora do Fcp vai alcançando vitórias para esconder a sua gestão vergonhosa.
Dispenso concordância dos adeptos encarnados pois o LFV é farinha do mesmo saco.

Comentar post


Pág. 1/3





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo