Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

 
Através de comunicado à CMVM, verifica-se que a Sporting SAD apresenta 3,7 milhões de euros de lucro referente ao primeiro semestre da época de 2013/14. Em comparação, o FC Porto apresenta um prejuízo de 29,239 milhões de euros e o Benfica de 15,9 milhões de euros.
 

Além da informação disponibilizada pelo comunicado, este resultado requer comentário mais detalhado e para esse efeito espero que o meu colega de blogue, Desert Lion, venha a publicar um post nesse sentido em breve.

 

O que foi revelado à CMVM pode ser lido aqui e aqui.

 

Reitero aqui o que já disse em resposta a um leitor. Por norma, evito comentar Relatórios e Contas por ser necessário uma leitura mais abrangente da informação e números divulgados em comunicado. Enquanto que este resultado da SAD aparenta indicar um saldo operacional positivo, muito se não tudo resume-se, por um lado à venda de Bruma e Ilori e, pelo o outro, à redução de custos, nomeadamente salários, fornecimentos e serviços externos. No entanto, também se verifica que o passivo sofreu um acréscimo de 5,2 milhões, devido essencialmente ao aumento do financiamento bancário.

 

publicado às 09:32

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


31 comentários

Sem imagem de perfil

De L a 01.03.2014 às 10:01


“Aposta em Shikabala divide Jardim e Inácio”. O Rui está recordado de outro leitor que já tinha focado o mesmo? E claro que não é um caso isolado, inclusive fartou-se de acontecer o mesmo no sentido contrário, com jogadores com que o treinador contava e que falta que nos fazem hoje. Num dia em que o entretenimento vai ser mais falar de contas e na forma como continuamos obrigados a baixar custos operacionais na sequência das medidas da reestruturação operacional implementadas e por implementar, porque alguém faltou com o prometido mais uma vez. Daqui ao novo empréstimo bancário que só engorda o passivo e que tanto se criticou foi um saltinho. Já da maior perda de autonomia que há memória no Sporting é que nem é bom falar porque o que os outros queriam era implementar um PER. Para rirmos todos enquanto não chega a explicação do estratagema.

Claro que por exemplo Capel também sabe desde o 1º dia que é dispensável e claro que a sua súbita ausência também está directamente relacionada com a seca de Montero. Não foi por acaso que ocorreram logo tantos defensores do profeta ao post em que o Rui questionou isso mesmo e em vez da estatística era mais fácil atentar nas características dos outros alas para se evitar fazer certas figuras. Como ainda se vai notar mais a sua ausência já este fim-de-semana só com Slimani na área, caso volte a não ir a jogo, até porque não é nada fácil motivar um jogador que já sabe de antemão que não contam com ele.

E ainda é um sinal de alerta maior na medida em que é precisamente este tipo de interferências que Leonardo Jardim nunca tolerou no passado.

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.03.2014 às 10:15

Caro L, em relação a Shikabala, é um cenário plausível, sem dúvida, mas teremos de recorrer a fonte mais credível do que o Correio da Manhã.

Que algumas das cedências não foram bem vistas pelo treinador, há longo que se comenta a disposição, não só por algumas informações disponíveis mas, sobretudo, por ser tão lógico. Decisões da SAD que o técnico não teve alternativa senão aceitar.
Sem imagem de perfil

De L a 01.03.2014 às 10:33


Neste caso a fonte mais credível era mesmo o outro leitor. A prova que o CM não vale mesmo nada é o tempo que demoram a perceber o óbvio. Mas claro que cada um acredita no que quer, no caso do caro Rui, menos mal, pelo menos não acredita só no que dá jeito. A justificação para eu ter abordado aqui e agora o caso Shikabala é porque sei que o Rui acalenta algumas esperanças em relação a mais um jogador que nunca devia ter vindo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.03.2014 às 10:48

O meu agrado pelo Shikabala, podia ser qualquer um outro, deve-se, como bem sabe, ao meu desejo de ver um criativo com capacidade para jogar no miolo, nesta equipa do Sporting. Se ele é ou não a solução, só o passar do tempo demonstrará.

Raramente acredito totalmente na informação à vista, seja no que for, e quando comento sem conhecimento concreto de causa, assumo determinadas cautelas.
Sem imagem de perfil

De L a 01.03.2014 às 11:06


Para além de termos no início da época soluções já mais integradas para o que o caro Rui preconiza, nesta altura o problema do Inácio é muito simples, vê o tempo, que normalmente traz perguntas mais incómodas, a passar. Para já, não é nada disto que visa um reforço de Inverno.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.03.2014 às 11:13

Até já comentei, por outras palavras, que um reforço de Inverno tem de estar apto para entrar na equipa quase de imediato, por razões óbvias. Quanto às opções à mão logo no início da época, vamos revisitar uma discussão que não vale a pena, agora.
Sem imagem de perfil

De L a 01.03.2014 às 11:37


Concordo outra vez. A comentar, sempre o mesmo "modus operandis" e mais uma pressão inadmissível sobre o treinador, desta vez ao plantar que Slimani já estava apto para Setúbal. A verdadeira razão deste último mal estar, que preocupa muito quem como eu gostava muito de poder continuar a contar com Leonardo Jardim.

Senão falarmos mais entretanto , um excelente fim de semana para o caro Rui Gomes e claro, que consigamos bater o Braga.
Sem imagem de perfil

De L a 01.03.2014 às 11:47


E como é óbvio, antes, Shikabala já estava apto para Setúbal.
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 01.03.2014 às 11:57

Desculpe, mas você é confidente do Leonardo Jardim? Sente-o oprimido? Ou estará a projectar, por determinado interesse?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.03.2014 às 11:01

PS: Se Carlos Mané conseguisse fazer o que fez quando saltou do banco no último jogo, como titular e com regularidade, para mim já era o suficiente. E não me estou a referir ao golo.
Sem imagem de perfil

De L a 01.03.2014 às 11:07


Claro que concordo e o problema é mesmo esse.
Sem imagem de perfil

De UnHu_man a 01.03.2014 às 16:30

Um post positivo sobre o Sporting e mesmo assim conseguem criar uma caldeirada anti-BdC nos comentários.

Qual a vossa intenção ao criticar Bruno de Carvalho? Mudar a opinião geral acerca do mesmo? Secalhar preferiam o Couceiro que estava disposto a vender a Academia de Alcochete?

Se querem distituir BdC espero que tenham uma solução plausível e não uma fundamentada pelo candidato ser um conhecido da casa, experiente no futebol ou velhadas betinho. Se têm uma ideia tão eclética sobre o mundo do Sporting e sobre o que é positivo para levantar o clube (mais que BdC) com resultados superiores ao mesmo, então força sejam da oposição, criem uma onda anti-BdC para o retirar de lá mas depois candidatem-se nas próximas eleições.

Se estão a critica-lo por não aceitarem a sua personalidade (por pior que seja) ou por não gostarem do estilo de gestão dele, por favor não tentem influenciar quem gosta, pois não há razões para criticarmos uma direcção que está a fazer um bom trabalho. Querem ciritcar façam-no na esplanada, não num blog que até dizem ser frequentado por elementos da direcção do clube, e também muitosa adeptos. Em relação ao Sporting atual, o mérito deve ser todo do Inácio e do LJ, mas quem os escolheu é um sacana. Não quer o bem do clube nem percebe nada de futebol.

Pensem que com o que estão a fazer em público podem piorar a situação do Sporting, situação que ainda é precária apesar de nos ultimos tempos ter-nos sido transmitida uma ideia e uma ambição excedentárias. As alternativas podem não ser melhores para o Sporting só pelo candidato ser conhecido da casa, experiente no futebol ou velhadas betinho. No que está bem não se mexe.

Espero que reconsiderem as vossas posições e comecem a agir com maior moderação e sem excessos de ousadia.

Se criticam, que apresentem soluções. Será essa o vosso amigo Couceiro? Se Couceiro for presidente do Sporting será o fim do nosso clube, posso dizer isto com mais fundamento do que vós que criticam BdC que está com resultados à vista e sem razões para um movimento geral de oposição, por piores atitudes que ele tenha, não podemos esquecer os pontos positivos. E uma coisa é agir para corrigir, outra é ser do contra.
Sem imagem de perfil

De M. a 01.03.2014 às 18:20

E eis a prova, o CM afinal é espectacular. Tanto dá mega-operações para contratar Gareth Bale, Pavlyuchenko e Tosic como dá animsodades entre Director Desportivo e Treinador do SCP....

E pelo meio, o caro L., que lê a secção de desporto do CM como se duma fonte indubitável se trate, demonstra perfeitamente o nível da sociedade portuguesa. Aquela que se alimenta de polémicas invenções, ao invés de notícias de facto.
Sem imagem de perfil

De L a 02.03.2014 às 19:32


O caro M tem mesmo a certeza que quer falar do CM? Nós quando não sabemos como as coisas funcionam, neste caso o grupo Cofina todo, o melhor que fazemos é mesmo não nos pronunciarmos. Sobre o CM, que mais uma vez tanto indignou os adeptos leoninos a semana passada, devia antes começar por se interrogar porque é que desta vez teve que ser o treinador a vir defender o Mané? Já viu de certeza como eu comunicados no site oficial por muito menos. Se calhar acabou-se a tinta ou se calhar não.

O maior problema a montante é que o caro M também joga de certeza na equipa do Bruno, enquanto a aliança foi dando umas abébias na arbitragem também ninguém o ouviu. Agora já é mais o trivial quem não chora não mama e o pior é que não mama na mesma. Esta direcção do Sporting já mostrou claramente que o único problema do sistema é quando ficamos de fora e infelizmente ainda entramos algumas vezes.
Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 01.03.2014 às 22:43

"Num dia em que o entretenimento vai ser mais falar de contas e na forma como continuamos obrigados a baixar custos operacionais na sequência das medidas da reestruturação operacional implementadas e por implementar, porque alguém faltou com o prometido mais uma vez. "

O Godinho Lopes prometeu 100 milhões de euros para investir no Sporting na campanha eleitoral que antecedeu a sua "eleição". Os 100 milhões nunca chegaram a aparecer na totalidade, menos de metade talvez. Fica a questão: de onde é que veio o dinheiro? Sabe?


Já Bruno de Carvalho prometeu 15 a 20 milhões de investimento e "cumpriu". Falta cumprir é a reestruturação do Grupo Sporting, porque até agora, apesar da mesma estar aprovada, parece que mais nada aconteceu entretanto. Num ano sem competições europeias, acaba por ser tolerável que o descoberto bancário aumente e que continuemos a depender do financiamento bancário.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.03.2014 às 23:22

Outra vez o Godinho Lopes ?... Ainda não se cansou dessa "lenga lenga" ?

E, já agora, esclareça quando e como chegaram os tais 15/20 milhões, dado que ninguém se apercebeu disso.
Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 02.03.2014 às 00:25

Se o clube chegou ao estado a que chegou, foi porque alguém o pôs lá. E se José Eduardo Bettencourt contribuiu com "apenas" -72,178 milhões de euros entre 2009/10 e 2010/11, elevando o passivo da SAD leonina de -110,358 milhões de euros para -182,532 milhões de euros, já Godinho Lopes, nas duas temporadas seguintes, registou -89,763 milhões de prejuízos e deixou a Sporting SAD "às portas da morte", com um passivo acumulado de -272,295 milhões de euros.

Tendo em conta este panorama, não admira que Bruno de Carvalho, no seu programa eleitoral tenha deixado isto bem vincado:

«- Limitação dos gastos operacionais a 90% do total das receitas em duas temporadas e a 60% a médio prazo».

«"O rigoroso plano de gestão e financeiro foi apresentado aos parceiros bancários e a tesouraria a nível de questões prementes está assegurada. Tenho parceiros neste momento que poderão fazer entrada de 15 a 20 milhões de euros"

(...)

"Vamos superar o défice de tesouraria até junho através de uma forma mista, com a banca e através de parceiros externos"»

http://expresso.sapo.pt/o-que-disse-bruno-carvalho-na-campanha-sobre-as-financas=f799276


Quanto aos 15/20 milhões de euros prometidos para o imediato, a resposta está algures aqui:

«“Da Holdimo, passar de crédito para capital [20 milhões de euros] e de [aumento de capital de] 18 milhões. O Sporting está a tratar de assuntos que envolvem as Finanças, temos alguns pedidos relativamente a IMT e imposto de selo, por causa destes processos de fusão. Quanto tivermos a resposta daremos andamento ao processo de fusão e aumento de capital. E eu apresentarei os investidores dos 18 milhões”, garantiu.»

http://www.publico.pt/desporto/noticia/bruno-de-carvalho-assume-titulo-de-campeao-de-futebol-como-objectivo-do-mandato-1607015


Portanto, assim que o Estado fizer a sua parte, é possível que o dinheiro entre depois. De caminho, sabemos que por alturas de Dezembro de 2012, por troca de percentagens dos direitos económicos de vários jogadores, a Holdimo injectou 20 milhões de euros, ficando essa parcela depois registada como dívida não corrente nas contas da SAD.

Com Bruno de Carvalho, de acordo com a reestruturação proposta aos sócios, essas percentagens voltam a ser do Sporting, e a dívida (não corrente) à Holdimo, converte-se em capital social na SAD, deixando-se de ter de pagar a sua devolução, pelo que uma dívida ou crédito, passou a investimento, através de uma espécie de perdão, resta agora esperar pelos outros 18 milhões.

Quanto a Godinho Lopes, para além do dinheiro que a Holdimo meteu no Sporting, tudo o resto veio da banca, com o aumento da dívida e do passivo que é de todos conhecida. Godinho Lopes pensou que bastava atirar dinheiro para resolver os problemas do Sporting, Bruno de Carvalho está a mostrar o que o seu antecessor não foi capaz de fazer, nem ele nem Carlos Freitas ou Luís Duque, incapazes de criar um espírito de grupo (ou corpo se preferirem) no plantel leonino, e de ter uma postura de combate, que apesar de "alheia" ao nosso historial mais antigo, se exige e é preciso ter nas actuais circunstâncias. As organizações que não souberem adaptar-se, simplesmente desaparecem...

Entre outras, só falta a Bruno de Carvalho ter uma segunda linha de correligionários para na imprensa, semana após semana, servirem de tropa de choque no combate leonino, para fazer frente à imprensa hostil que vamos tendo, basta recordar uma das recentes (vergonhosas, asquerosas e nojentas) manchetes do CM em relação ao Carlos Mané.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.03.2014 às 01:04

Não era necessário tanto para uma pergunta tão simples.
Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 01.03.2014 às 23:21

"Claro que por exemplo Capel também sabe desde o 1º dia que é dispensável e claro que a sua súbita ausência também está directamente relacionada com a seca de Montero. Não foi por acaso que ocorreram logo tantos defensores do profeta ao post em que o Rui questionou isso mesmo e em vez da estatística era mais fácil atentar nas características dos outros alas para se evitar fazer certas figuras. "


Se calhar, de todos os jogadores que chegaram pela mão de Godinho Lopes, Carlos Freitas e Luís Duque que ainda estão no Sporting, Diego Capel é capaz de ser o que tem custos mais elevados, excluindo Elias, pois não acredito que o André Carrillo ganhe tanto ou mais que Diego Capel, já em relação a Marcos Rojo não tenho tantas certezas, pois foi contratado, tal como Valentin Viola, com cedências a fundos e numa altura em que o dinheiro era coisa que já faltava e muito nas contas da SAD...

Daí a tentar arranjar colocação para ele em função do seu custo/benefício em função da nova estratégia empresarial do Sporting, especialmente no último defeso, não me pareceu ser uma má decisão, mesmo sabendo que o jogador preferiu sempre o Sporting a ir para outros clubes tendo em conta as propostas salariais recebidas, que eram todas de valor equivalente ao que já recebe pelo Sporting.

Já nas últimas semanas antes da saída da equipa, foi visível a baixa de rendimento do Capel e as estatísticas reflectem isso mesmo, em especial numa altura em que apenas haviam 3 jogadores para 2 lugares, logo mais tempo de jogo para todos, uma vez que Diogo Salomão nunca foi verdadeira opção e Carlos Mané apareceu muito mais tarde.

Entretanto chegaram mais dois jogadores para as alas, um entrou de início, mas que para mim não tem acrescentado muito mais, o outro parece que afinal está sem ritmo de jogo, não está sequer dentro daquilo que Leonardo Jardim quer ou vê que ele pode fazer pela equipa.

Leonardo Jardim vai ter em Shika Show um desafio muito difícil, pois é um jogador com grande qualidade técnica, mas que até agora, tal como Diego Capel em certa medida quando começou a jogar pelo Sevilha, ou André Carrillo quando chegou ao Sporting, é um jogador muito habituado a jogar "sozinho", decidindo mais por si ou para si, em vez de jogar ou decidir pela equipa.

Aliás, Leonardo Jardim chegou a deixar de fora André Carrillo de fora do onze inicial também, mas parece que o mesmo não era transferível. Entretanto, hoje Diego Capel voltou a entrar (para o lugar de André Carrillo, que esteve muito bem, tendo em conta as suas características e aquilo que pode fazer) e no pouco que pôde fazer com bola, não parece que tenha estado mal, mas também não foi decisivo em algumas das suas intervenções.

Como o Rui Gomes tem dito e com razão, Leonardo Jardim não foge à regra, e teimoso como todos os treinadores costumam ser, tem insistido no mesmo modelo de jogo, um modelo de jogo imperfeito, mas que tendo em conta os jogadores que temos, nos tem colocado na luta pelos três primeiros lugares.

A grande vantagem que Leonardo Jardim tem, que Jesualdo Ferreira, Franky Vercauteren, Sá Pinto ou Domingos Paciência não tiveram, é ter uma estrutura de apoio que já faltava ao Sporting há muito tempo, algo que se consegue inferir pela forma como a equipa dá constantes manifestações de união, de garra, de luta constante e uma capacidade para dar a volta às várias situações de infortúnio que sofre. Pode haver quem escamoteie esse mérito, mas que ele está lá, disso não há dúvidas.

Além disso, Leonardo Jardim sabe que tem de fazer mais com menos, e este menos, é ter jogadores cuja a totalidade dos custos anuais, é bem inferior aos dos rivais directos na corrida pelo título e pelo acesso à Liga dos Campeões. E isto deve-se à incapacidade do Sporting em gerar mais receitas, pois ao contrário dos outros dois clubes, não tivemos ainda nenhum José Mourinho a "injectar" muitos milhões nos nossos cofres, nem temos empresários a controlar as convocatórias na selecção ou imprensa não-hostil, que faz sempre campanha de valorização dos nossos activos, antes muito pelo contrário.

Num ambiente bipolarizado, tal como acontecia por exemplo em 1976, só resta ao Sporting lutar e ir ao combate por melhores e iguais condições. ;)
Sem imagem de perfil

De L a 01.03.2014 às 10:14


Pode ser que apareça alguém também a dizer que não foi o treinador que encostou o Capel. Ou que pelo menos não é o treinador principal que está a forçar para que a coisa ainda aconteça mesmo.
Sem imagem de perfil

De sergiom a 01.03.2014 às 18:28

Explica aí a quem é que o capel tira o lugar?
Sem imagem de perfil

De MaxMartins a 01.03.2014 às 10:17

Sem "estar por dentro" do que possa ter levado a esses valores e como um sportinguista anónimo como muito outros...
Satisfaz-me mais que não se tenha continuado no caminho do abimo e se tenha aparentemente, entrado numa racionalização de custos, que permitiu ter um pequeno saldo positivo...
Quanto aos "outros que se amanhem", não me vão tirar o sono, embora fique um "nadinha mais descansado", sabendo que "quanto mais fracos tiverem os dentes"...menos nos irão morder...!
Que a SAD continue a fazer, aquilo que parece à primeira vista, uma governação equilibrada...!
Que não se desvie e se continue a lembrar de que "os vícios" não se podem manter sem dinheiro...ou se forem...
Sem uma hecatombe...!!

Sporting Sempre...!

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.03.2014 às 10:27

Por norma, evito comentar Relatórios e Contas porque é necessário uma leitura dos números mais profunda do que é comunicado. Enquanto este resultado aparenta indicar um saldo positivo, muito se não tudo resume-se, por um lado à venda de Bruma e Ilori e, pelo o outro, à redução de despesas, nomeadamente salários, fornecimentos e serviços externos, no entanto, o passivo sofreu um acréscimo de 5,2 milhões de euros.

Sim, concordo que o estado dos outros não vai beneficiar o Sporting.
Sem imagem de perfil

De sergiom a 01.03.2014 às 18:34

Como é obvio os resultados positivos veem sempre da venda de ativos. Tal como acontece nos outros clubes. Era inclusive o plano de carlos freitas, luis duque e godinho lopes, comprar barato e vender caro. Tal como o fez soares franco (esse para além da venda de miudos da academia ainda escondeu muito prejuizo com a venda de muito patrimonio).

Não sei qual é a novidade nem o que tem isso de mal.

Se o futebol é uma industria os jogadores são o produto, ponto.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.03.2014 às 23:18

Se há algum mal ou não, é muito subjectivo, como eu sei que sabe, pelos activos que são vendidos. Mas o ponto fulcral é que foi praticamente a única receita de relevo, novidade ou não.
Sem imagem de perfil

De Sergio Palhas a 02.03.2014 às 12:04

Para além da subida do passivo em +6M€ houve também um aumento de 9M€ do lado do activo, como Rui deve saber as análises a serem feitas devem ter em contas as duas "perspectivas".

4. Relativamente à Situação Patrimonial a 31 de Dezembro de 2013, comparativamente com a situação patrimonial a 30 de Junho de 2013, o valor do Ativo aumentou cerca de 9.345 milhares de euros, fruto fundamentalmente dos valores a receber relativos à alienação de direitos desportivos de jogadores. O Passivo sofreu um acréscimo de cerca de 5.621 milhares de Euros relacionados fundamentalmente com o aumento do financiamento bancário que tem permitido o pagamento de valores em dívida a fornecedores e outros credores bem como de indemnizações."
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.03.2014 às 12:17

Eu disse logo no início que não iria comentar as contas em detalhe. Esse aumento do activo deve-se, como referi, à venda de Bruma e Ilori, a única receita notável de registo.

Não compreendo bem porque se dá ao trabalho de repetir o que já está disponibilizado no post.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.03.2014 às 12:34

PS: Uma das ilações que eu tiro deste relatório - mas não a única - e não sendo novidade alguma, é quão importante foi para esta SAD a venda dos dois jogadores, independente dos múltiplos argumentos nesse contexto, na altura.
Sem imagem de perfil

De iorda9 a 01.03.2014 às 17:03

Desculpem o Off.topic, mas vou falar das contas

As dos outros não me dizem grande coisa, mas o que sabemos é que em termos operacionais - dão todas negativo e ao primeiro olhar a SAD do Sporting é ainda assim a mais equilibrada

Estamos a falar de cerca de 3M de lucro total sendo que para isso contribuiu cerca de 13M de diferença positiva na transacção de passes de jogadores

Ou seja sem comprar nem vender jogadores - teríamos um prejuízo na ordem dos 10M daqui que me pareça que estamos bem melhores nesse aspecto que os nossos rivais.

Para além disso - a redução da folha salarial está ainda em curso e não tendo já de pagar ordenados a jogadores com Jeffren, Labyad e espero (muito) brevemente Elias - acredito que as contas possam ser ainda mais equilibradas.

Onde estamos claramente a perder é na relação com empresários como por exemplo Jorge Mendes, que arranja negócios de sonho (a acreditar que sejam verdade) para os nossos rivais e se assim não fosse acredito que um deles já estaria bem pior do que nós alguma vez estivemos

Voltando à nossa realidade - acredito que sejam precisos cerca de 18M a 20M de entradas extraordinárias para entrarmos no verde.

É assim fundamental entrar na Liga dos Campeões - o 3º lugar está relativamente seguro, mas seria muito importante aproveitarmos o desnorte do fonseca e garantirmos o 2º lugar

Também é fundamental continuar a apostar na formação - somos uma das melhores academias do mundo e para já a ideia que me dá é que esta direcção tem conseguir tirar mais partido que outras dos trabalho feito, mas que está a descurar o trabalho de base

De resto acho que estamos no bom caminho
Sem imagem de perfil

De sergiom a 01.03.2014 às 18:37

"Jorge Mendes, que arranja negócios de sonho"- ehehe Jorge Mendes não dá nada a ninguém, tal como todos os empresários.
Sem imagem de perfil

De iorda9 a 01.03.2014 às 19:17

Dinheiro a sério existe em meia duzia de clubes e J Mendes canaliza-o para ele e para os amiguinhos

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo