Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Saída de Eric Dier não mereceu capa

Rui Gomes, em 01.08.14
 

 

A controversa - ou talvez não - saída de Eric Dier não mereceu destaque central na capa de nenhum dos diários desportivos. Pelos vistos é uma questão banal, e quiçá, será mesmo. O jornal "A Bola" dá destaque a Junya Tanaka, não sei bem a que propósito. O "Record" centraliza Slimani com a manchete "Slimani avisa Sporting: não sei se fico". O "O Jogo" ocupa o espaço com a possível ida de Jiménez para o FC Porto e no rodapé, pequena referência "Dier forçou e saiu".

 

Veremos se surgirão mais algumas surpresas até a apresentação da equipa esta noite. Talvez que a "novela" Rabia, que se arrasta há mais de um mês, seja oficializada. Ao fim e ao cabo, pela saída de Eric Dier, o Sporting vai precisar de mais centrais. Sobre Filip Kostic, porventura o "reforço" mais importante de todos, nada de novo consta no momento da publicação deste post.

 

publicado às 04:46

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


9 comentários

Sem imagem de perfil

De Balajic a 01.08.2014 às 09:12

Rui,

A capa do Jogo de que fala é a da Edição Norte. Na Edição Sul vem ao contrário...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.08.2014 às 10:01

Bem... eu vi a edição que estava online.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.08.2014 às 10:14

Obrigado pelo alerta. Já publiquei a outra capa.
Sem imagem de perfil

De Mike Portugal a 01.08.2014 às 11:02

Já que o jogar com regularidade para poder crescer era o maior problema do Eric, ainda bem que conseguiu encontrar um clube Inglês que lhe dê garantias que vai jogar. looool
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.08.2014 às 11:17

Mike , não faço a mínima ideia do que irá acontecer no Tottenham . Na minha opinião, e é apenas minha, a essência do problema começou com a preferência por Mauricio , em detrimento do Eric , logo a partir do primeiro dia. Não culpo o jogador brasileiro, que até fez uma boa época, mas a aposta devia ter sido no Eric , um jogador com provas dadas do seu talento e margem de progressão. Este cenário foi agravado por Leonardo Jardim, se por iniciativa própria ou aconselhado, não sei. Mas sabes bem que eu já publiquei aqui o registo da época inteira do Eric , os minutos jogados, os jogos, etc.. A realidade é que indiferente da grande exibição que poderia fazer hoje, e fez algumas, a exemplo do jogo do FC Porto, no dia seguinte estava garantido o banco. Estou a estar diversos jogos sem sair do banco depois de boas exibições.

Agora, esta época, ele foi aposta do Marco Silva porque o Rojo estava ausente. Regressa o Rojo, que provavelmente nem sairá porque a SAD não está interessada devido ao 25% do passé, não jogará a lateral, por conseguinte, qual é o destino do Eric ?... o banco novamente, para jogar apenas de vez em quando.
Sem imagem de perfil

De paulo a 01.08.2014 às 12:00

e como é possível gerir uma equipa se se tem como ponto de partida garantir que os jogadores se sentem confortáveis e jogam.

teremos 11 satisfeitos e 19 insatisfeitos.

desculpe Rui mas isso não é critério.

Dar a titularidade a Dier apenas como arma para garantir a sua renovação não me parece adequado. E muito menos agora me parece certo quando sabemos que uns "meros" 5ME permitem a saída directa para um clube inglês de um DC da qualidade de Dier, que mesmo não jogando regularmente na equipa principal do Sporting, era suplente dos titulares e jogava regularmente nas selecções inglesas.

Dier não era propriamente um coitadinha mal tratado na equipa do Sporting!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.08.2014 às 12:45

A título de curiosidade, o Paulo pretende debater FUTEBOL comigo ?
Sem imagem de perfil

De José Guinote a 01.08.2014 às 13:20

A saída do Eric é um acto de má gestão desportiva e financeira do clube. Um lugar comum. Invocar as culpas das direcções anteriores é apenas uma cobardia. Para gerir o clube a partir dos erros cometidos anteriormente é que se marcam e realizam eleições e se elegem os projectos alternativos. Invocar sempre que algo corre mal os erros anteriores é o caminho mais fácil. Para isso qualquer um serve. A direcção de Bruno Carvalho nunca quis renovar com Eric tratou-o como se sabe ao longo do último ano e colhe agora as consequências do seu comportamento. Vender um jogador deste nível por 5 milhões equivale a oferecer uma prenda ao Totenham entre 10 e 15 milhões. Coisas de ricos, tesos que nem um carapau.
Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 02.08.2014 às 06:14

Da maneira como os ingleses fazem as coisas, ou Eric Dier se impõe ou arrisca-se a ter de ser emprestado a emblemas de menor gabarito para poder jogar. O pior deste negócio é haver a possibilidade, remota?, de regressar a Portugal, para representar outro emblema...

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo