Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Só podemos esperar mais dissabores !

Rui Gomes, em 15.02.19

 

ponturi-pariuri-sporting-vs-villarreal-europa-leag

 

Cheguei finalmente à conclusão que eu mais receava: com Marcel Keizer ao leme, não há hipótese!

 

Este Sporting é um conjunto que existe no abstracto e que pratica um futebol agonizante. Se já havia causa para duvidar da sua capacidade, o golo sofrido aos 3' foi o suficiente para revelar uma equipa sem o mínimo de chama, dinâmica e intensidade de jogo, que passou o resto do primeiro período sem sequer ameaçar a baliza adversária.

 

Nem vale a pena falar de Bruno Gaspar novamente como titular, porque só o treinador vê nele aquilo que nos elude a todos, mas com um meio campo constituído por Petrovic e Miguel Luís - sim, o muito desejado Miguel Luís - era missão praticamente impossível sair dali algo minimamente construtivo.

 

img_920x519$2019_02_14_22_38_47_1505650.jpg

 

Na linha da frente, um Bas Dost a trabalhar muito mas pouco ou nada consequente, dado que só uma ou duas vezes foi servido de modo a poder tentar violar a baliza do Villarreal, e numa dessas ocasiões o guarda-redes fez uma grande defesa.

 

Raphinha com uma primeira parte desastrosa, e ocasionalmente ameaçador no período complementar, rematando até ao poste, mas longe do melhor que já vimos dele. Jovane Cabral muito esforçado, mas a acusar falta de ritmo, porventura pela sua pouca utilização em dias recentes e porque também nunca rendeu muito quando é titular.

 

Por fim, o incontornável Marcus Acuña, a deixar a sensação que o seu objectivo prioritário neste momento é fazer as malas e seguir caminho para a Rússia. Até sofreu falta no lance que levou ao primeiro amarelo, mas protestar com um árbitro com disposição inclinada, só podia ter um fim. Quando essa oportunidade surgiu, aos 77', o juiz francês nem hesitou.

 

img_920x519$2019_02_14_22_29_19_1505636.jpg

 

Houve dois jogadores no relvado que deram o que nas circunstâncias tinham para dar: Coates e Bruno Fernandes. Muito pouco para tanto. Outros que não deram mais porque o seu pouco talento não o permite e ainda alguns que simplesmente não executaram como se exige.

 

Tudo isto, complementado por um sistema de jogo quase impossível de compreender, faz com que a missão se torne muito complicada. O resultado alimenta a esperança de se poder dar a volta à eliminatória em Espanha, mas não a jogar como se jogou ontem, nem com algumas das mesmas opções do técnico. E... só a pensar que no domingo temos o SC Braga.

 

Ao longo dos meus anos no futebol tive ocasião de demitir alguns treinadores, mas como mero adepto, é um acto muito longe do meu pensamento. Hesito em adiantar que se deve tomar medidas agora e não esperar pelo fim da época, apenas porque não sei qual será a melhor solução. Uma coisa é certa; salvo uma mudança nada menos do que drástica, este Sporting só vai sofrer mais dissabores.

 

Nota: Alerto, desde já, que se surgirem aqui os usuais opositores de má fé a tentarem aproveitar-se da ocasião menos agradável, como é seu hábito, é minha intenção eliminar todos os seus comentários.

 

publicado às 03:48

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


165 comentários

Sem imagem de perfil

De Joao a 15.02.2019 às 06:06

Infelizmente chego à mesma conclusão, keizer não dá, não percebo como se passa de um início que parecia interessante para algo tão mau, foi mais um jogo patético, miserável.....
E este silêncio do Varandas também começa a cansar, nestes momentos precisa de aparecer, sob pena de também ser arrastado.....pessoalmente estou farto dos 2!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:26

Não me parece que a continuidade do presidente deve ser chamada à conversa, salvo para tomar uma decisão sobre o estado de coisas.
Sem imagem de perfil

De MG a 15.02.2019 às 08:43

O Presidente não deve ser chamado à conversa? Porque não? Então não foi o Presidente que, após 7 vitórias seguidas, veio botar faladura dizendo que percebe muito de futebol, que conhecia o Keiser desde que nasceu e que estava muito atento a tudo o que se passa por esse mundo fora? A não ser que saiba que esta Série Negra ainda não acabou (e está à espera que ela acabe) já devia vir dizer qualquer coisa. E não é mandar bocas e atacar o Benfica antes dos jogos importantes, é falar daquilo que interessa aos Sportinguistas, O SPORTING.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 11:02

Meu caro,

Se tem uma outra agenda, o problema é seu, mas não venha com a conversa que agora a continuidade de qualquer presidente está directamente associada à imprevisibilidade de resultados e treinadores.
Sem imagem de perfil

De MG a 15.02.2019 às 15:16

É óbvio que não considero isso. O Presidente é que veio “levantar a lebre”, como se costuma dizer. Se veio falar quando “tudo eram rosas”, sem ninguém o invectivar a isso, também deveria vir falar agora “quando estamos numa Série Negra”. Mas eu sei que que “mudam-se os tempos, mudam-se as vontades”. Ou você considera que o que está a suceder não merece qualquer reparo? Eu sei que se colocaram expectativas muito altas, tendo em consideração o plantel e o estado de coisas. Só um néscio é que poderia pensar que o Sporting, está época, podia contar para o totobola. Ganhou-se a Taça da Liga, o que é fantástico (considerando o estado actual do Sporting) mas, pensar que mais pode acontecer, só no campo do fantástico. Mas o Presidente tem de baixar as espectativas que ele próprio colocou nos píncaros. Não me move qualquer agenda, mas tão só a necessidade de uma palavra quando tudo corre mal. Farto de palavras quando tudo corre bem, estamos nós.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 15:41

É por de mais óbvio que não se deu ao trabalho de ler os comentários que já fiz neste post. Abrangem as suas considerações.
Sem imagem de perfil

De Joao a 15.02.2019 às 21:45

Não concordo, este treinador foi aposta do presidente, tem de assumir e dizer alguma coisa. Como também tem de dizer porque razão está a despachar jogadores a 3 meses do fim da época
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 15.02.2019 às 07:02

Não é tanto pelo resultado com uma equipa que há 2 meses não ganhava, mas pelo não demonstram dentro de campo desde há muitos jogos.
O golo sofrido antes dos 5 minutos de jogo...quantas vezes tem acontecido?
E no recomeço das segundas partes?
Keizer não serve!
E agora, o que fará o presidente que dizia saber tudo sobre futebol?
"Futebol, fácil fácil!" Dizia Varandas na campanha eleitoral.Uma anedota.

Dispensa Keizer e fica com umas marcas, ou continuam o caminho de mãos dadas? Como será Varandas?
Rogério Alves, o presidente sombra, estará certamente a cozinhar uma solução.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:28

De onde vem essa ideia que Rogério Alves é o "presidente sombra"???

Se ele quisesse ser presidente, tinha-se candidatado e tinha sido eleito.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 15.02.2019 às 09:27

De onde vem essa ideia que Rogério Alves é o "presidente sombra"???
Também José Roquette não avançou de imediato, lançou primeiro Santana Lopes às feras.
O tempo dará a resposta.

O Presidente não deve ser chamado à conversa????
Mas não foi o presidente que afirmou na campanha eleitoral, que José Peseiro era o seu treinador? À primeira oportunidade mandou o homem embora.
Peseiro é mau, mas tem resultados melhores que Keizer. Isto são factos.
Quem votou em Varandas a pensar que Peseiro seria efectivamente o treinador como prometido, foi enganado.
Quem votou em Varandas a pensar que Peseiro era para mandar embora (a promessa de ficar era para a treta), também foram enganados porque Varandas mentiu.
Quem apostou às cegas e contratou Keizer?
Ou Varandas só sabe brilhar quando Keizer estava em alta, aproveitar a onda e dar entrevistas na TV e jornais?
Como já lhe tinha dito, lá para o verão veremos o que sucede em Alvalade desportiva e financeiramente.
Se o futuro do SCP passa por Varandas e Keizer, não será certamente risonho.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 09:32

A eterna mentalidade do José Sousa vem sempre à superfície. Nada de construtivo contribuiu no passado recente e insiste na mesma tecla.

Associar o futuro de um presidente à imprevisibilidade de um treinador, só serve para abastecer almas de má fé.

E nada do que possa vir a explicar me fará mudar de opinião porque já o conheço muito bem.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 15.02.2019 às 09:40

O que pode haver de construtivo numa base inexistente?
"Associar o futuro de um presidente à imprevisibilidade de um treinador, só serve para abastecer almas de má fé."
O que o Rui Gomes fez no reinado de BdC/JJ?

Vai dizer que nunca viu este filme em Alvalade? Se quer fazer de conta, tudo bem.
Não sou pessimista, longe disso, mas a minha fase de ver tudo cor-de-rosa já lá vai e prefiro ser pragmático. Há coisas que saltam à vista!

Não conhecia Frederico Varandas, mas na campanha não foi nítido para quem quis ver, que não foi feito para estas andanças? Tenha paciência!
Sem imagem de perfil

De antonio a 15.02.2019 às 10:56

É que nem para estas andanças nem para outras.
Nunca se viu um mau (péssimo) comunicador comandar seja o que for, só mesmo num clube como o Sporting uma pessoa destas consegue ganhar umas eleições, é mesmo caso de estudo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 11:04

Quem é que pediu a sua opinião sobre o nosso presidente, especialmente vindo de um adepto de um clube cujo presidente é quase um analfabeto???
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 15.02.2019 às 11:12

Independentemente do timing ter sido o melhor ou não , o presidente do Sporting nao disse nenhuma mentira , ou disse? Fazem-vos doer assim tanto as verdades?
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 15.02.2019 às 11:25

Oh juliuscoelho,
Não acha que já chega de falar em terceiros? Já andamos nesta lenga-lenga há muitos anos.
O que se vai seguir? Falar novamente do presidente do Braga para desviar as atenções?
Se nos focarmos para dentro, resolvermos as questões internas, sermos mais competentes e fortes, não há terceiros que nos derrubem.
É nisso que temos que nos focar!
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 15.02.2019 às 12:07

Imagem de perfil

De juliuscoelho a 15.02.2019 às 13:12

O facto de falar de terceiros tem muito que se lhe diga o Sporting tem toda a legitimidade de defender-se contra os trapaceiros contra os batoteiros que fazem batota nas mesmas competições onde o Sporting compete.
Podemos e devemos sim, comentar e até criticar os timings errados para o fazer.
Sem imagem de perfil

De antonio a 15.02.2019 às 15:13

Trapaceiros e outros, isso és tu a falar.
O Bruno o Geraldes o Cristóvão o Mustafá, são de quem e do quê?
Sem imagem de perfil

De Bhodi a 15.02.2019 às 07:18

O Keiser veio do Al Jazira. Sabem quem veio do Al Jazira, o Vercauteren. Acho a primeira lição construtiva, é que nunca mais se vai buscar um treinador ao Al Jazira!

Dito isto, repito o que disse a quando do Peseiro, a manta é curta e a pressão não ajuda.

A época do Sporting foi arruinada pelo ataque a Alcochete. Os jogadores que saíram nunca foram devidamente substituídos e, como se isso não bastasse, o Cintra em vez de aproveitar a desculpa para devolver aos jogadores a alegria de jogar sem pressão dos adeptos, diz que o SCP é candidato ao título. É tão louco quanto o outro. Ou é um sacana que quis envenenar a presidência de quem se seguisse, que deixou de ter a opção de ser realista e dizer o que qualquer pessoa normal perceberia, este é um ano zero.

Depois de um arranque que dava a esperança que mesmo que o SCP poderia estar a caminho de jogar bom futebol, o Keiser perdeu-se. Em vez de arriscar-se a perder, porque há posições na equipa onde a qualidade não abunda e podem num instante por tudo a perder, e insistir no futebol corajoso dos seus primeiros jogos, onde também se arriscava a ganhar, peseirizou-se.

A peseirização do Keiser pode ser devida ao plantel ser curto de qualidade. Ou pior, de fraco carácter. Depois dos primeiras semanas, para se mostrarem ao novo treinador, voltaram a treinar displicentemente. O que explicaria Bruno Gaspar, que é coxo das duas pernas, ser sempre chamado. Se calhar nos treinos mostra mais vontade de trabalhar que outros mais talentosos, e a sua chamada é um recado interno para o balneário.

A verdade é que quando se muda 7 jogadores "para dar frescura" e os que mais trabalharam em campo são os que não foram mudados é sinal que o plantel é curto. De talento e de carácter.

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:30

É verdade o que diz sobre o plantel, mas não menos que Keizer se perdeu, se é que alguma vez se encontrou. Estamos perante uma equipa moribunda.
Sem imagem de perfil

De GreenHill a 15.02.2019 às 11:35

Não concordo que a época tenha sido arruinada por causa de Alcochete. Não ajudou é certo mas creio que nesta altura a equipa deveria estar a produzir muito mais.
Acho que é para todos evidente que o Plantel tem elementos para fazer muito mais:

Dost, Bruno Fernandes, Coates, Matieu, Ristovski, Acuna, Nani, Raphinha, Diaby e Jovane são jogadores acima da média de todos os clubes da 1ª divisão tirando Porto e Benfica.

O problema está sempre no meio campo. Wendel tecnicamente é bom mas não tem intensidade. Petrovic e Gudelj são duas anedotas a médio defensivo, não saem muito da zona defensiva - também não têm qualidade técnica para sair a jogar portanto protegem-se e evitam assumir a construção de jogo.
Ontem voltamos a ver o Bruno Fernandes a fazer sprints defensivos para ir cortar a bola.. Não dá. Assim não dá.

Ontem o Keiser com receio do Braga, decidiu colocar o Miguel Luís e Petrovic no meio e foi o que se viu - jogámos sem meio campo. O Miguel Luís não é um "Adrien", mas tendo atitude pode ser útil. Só tem um problema: é um puto, e os putos precisam de jogar com regularidade para renderem. O Keiser tirou-o da equipa quando estava a começar a render e agora lança-o? Então porque usou o Geraldes no domingo e agora não usou novamente o Geraldes?
Estes treinadores ainda não aprenderam que a rotatividade deve-se fazer preventivamente? Não depois da equipa estar nas lonas e andarem a trocar jogadores à parva?!!.. Não percebo..




Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 11:40

Diz muitas coisas certas, mas minimizar o enorme impacte do evento de Alcochete não é uma delas. Entre outras considerações, os jogadores de qualidade que a equipa perdeu que, para o Sporting, é quase impossível compensar.
Imagem de perfil

De Greenlight a 15.02.2019 às 07:56

O único momento positivo do jogo foi a lesão do Bruno Gaspar, não porque deseje o mal para o jogador, mas porque será a única maneira de não voltar a fazer parte da equipa, nos próximos jogos. Mas e infelizmente não é esse o maior problema do Sporting. É verdade que, como o Bruno Gaspar, haverá outros jogadores de segunda categoria no Sporting mas o maior problema, parece ser, termos um treinador de terceira categoria. Assim como Bruno Gaspar os outros jogadores medíocres foram herdados por Varandas mas o treinador foi um problema que ele criou o que é inexplicável para quem se dizia tão conhecedor de futebol. Para que conste, eu votei em Varandas e não estou a pedir que ele se demita mas sim que resolva o problema, chamado Keizer, que ele adicionou aos problemas que o Sporting já tinha. O que se viu ontem é de uma pobreza franciscana e como já foi dito, não se vislumbra como é que pode melhorar com o Sr.Keizer ao comando. No próximo Domingo jogamos com o Braga que não tem melhor plantel que o Sporting mas tem um treinador, ordinário é verdade (e que eu não gostaria de ver no Sporting), mas que coloca a equipa a jogar futebol. O que é o Sr. Keize vai inventar, desta vez, para se opor a uma equipa que vem a Alvalade para vencer?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:34

Marcel Keizer está completamente perdido. A dúvida é se devemos dar a época como perdida e adiar decisões para Maio ou agir de imediato. Gostaria de poder dizer qual é o melhor curso a seguir.
Imagem de perfil

De Greenlight a 15.02.2019 às 08:47

Concordo em absoluto.
Imagino que se vencermos o Braga, o Keizer ganhará um pouco de oxigénio, caso contrário acredito que seja despedido na próxima semana. Eu desejo muito que o Sporting vença o Braga, o Keizer poderá ser despedido mais à frente pois, terá, concerteza mais oportunidades para fazer asneiras.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 11:41

É de admitir que esse jogo com o SC Braga possa ser decisivo.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 15.02.2019 às 08:10

Eu espero que o presidente mantenha Keizer até final da época. Nem que seja para se perceber se o homem consegue ou não meter a equipa a jogar só com 1 jogo por semana (sim, porque não tenho dúvida que iremos ser eliminados daqui a 1 semana).
Estando fora da Europa, acabaram as desculpas de não ter tempo de descanso.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:35

O problema do calendário de jogos não se tem relacionado com a Liga Europa, mas sim com a absurdidade das provas domésticas.
Sem imagem de perfil

De E-mocho a 15.02.2019 às 17:05

Parece-me um exagero o atirar da toalha ao chão já, na Liga Europa! O resultado, sendo negativo, não me parece de todo irrecuperável.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 15.02.2019 às 18:22

Não é pelo resultado que eu acho que seremos eliminados, mas porque a equipa não joga nada.
Sem imagem de perfil

De E-mocho a 15.02.2019 às 22:49

De facto...é difícil explicar o que está a acontecer. É que tem jogos onde aparece o pior do Sporting e há outros, bem próximos, em que, sendo raramente exuberante, dá claramente para o gasto. Basta ver até o jogo contra o Porto, jogo contra o Benfica para a taça (mesmo não tendo ganho).
Sem imagem de perfil

De André Carreira de Figueiredo a 16.02.2019 às 14:05

Miguel,

Eu até há duas semanas concordaria consigo, pois se formos a observar, Keizer quer jogar com a defesa subida e em transições rápidas, mas Peseiro há 14 anos queria fazer isso com Enakharire, Beto, Polga, Rui Jorge, Miguel Garcia e Rogério, o que se revelou suicida.

O Sporting precisava de 2 defesas mais rápidos, um médio de contenção com maior mobilidade e maior profundidade no corredor esquerdo. E com esse objectivo foram buscar o Ilori, Borja e Doumbia. Era importante dar ao Mister peças com as características(sobretudo físicas) para ver se o seu modelo de jogo funcionava para além de uma fase inicial(e contra equipas mais modestas).

Agora, há algo que me deixa a questionar a inteligência do treinador, a sua persistência em meter a jogar(ou como titulares) unidades como Miguel Luís, Jovane, Petrovic, André Pinto e Bruno Gaspar. Um treinador que comete ciclicamente equívocos desses não me parece ser um treinador lógico ou perspicaz, e seria um erro gastar dinheiro em contratações para um treinador sem visão para um Clube como o Sporting.

Há duas semanas que o digo, ou o Sporting faz uma excelente reformulação do seu plantel no verão de 2019, ou Keizer vai fracassar em 2019/20 e com isso, arrastar o Sporting para eleições entre o Inverno e Verão de 2020. Mas cada vez mais, questiono se mesmo com uma boa reformulação, se Keizer será o homem certo.

A consulado de Varandas ganharia força se no Verão houvesse o regresso de Jorge Jesus, mas não me parece que haja dinheiro para isso, ou que haja vontade do treinador para isso.

S.L.
Sem imagem de perfil

De José Nunes a 15.02.2019 às 08:29

Tudo isto é o reflexo duma época mal planeada, que começou na semana que antecedeu a final da taça de Portugal.
Sinceramente eu não entendi o despedimento do Peseiro, sim a equipa jogava um futebol de nenhuma qualidade mas tendo noção das limitações a equipa era pragmática e estava competitiva, hoje a equipa entra derrotada em campo e é mau demais olhar pros jogos da equipa.
O presidente falhou no despedimento e falhou na contratação, não votei nele, mas não quero que se demita, como já foi aqui dito, quero que resolva o problema.
Não vou entrar no discurso do pro ano é que é, mas gostava de ver uma época planeada decentemente.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:38

Não sei se Peseiro serve de argumento. Estávamos a jogar um futebol miserável com ele ao leme e fica a pergunta no ar onde estaríamos hoje com o número de jogos já realizados e a jogar praticamente cada três dias.
Sem imagem de perfil

De LeaoCovilha a 15.02.2019 às 09:37

Apesar de não achar o Peseiro um treinador português de topo, é um treinador que conhece o campeonato português e é resultadista, como sabia que não tinha um plantel bom para competir com os outros grandes, preparava a equipa para obter resultados e até não estava mal, tendo em atenção que neste plantel só quatro jogadores é que são de topo, Mathieu, Bruno Fernandes, Coates e Bas Dost. Depois numa segunda linha nomes como Raphinha, Nani, Jovane e Miguel Luís são jeitosinhos mas é muit pouco para uma equipa que ambiciona títulos. Já Keiser creio que ainda não percebeu bem as limitações do plantel e, ou muito me engano ou, caso não dê algum descanso a Bruno Fernandes, ele irá rebentar um dia destes.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 10:57

Como pode garantir como estaria hoje a equipa depois do maior número de jogos realizados e, especialmente, a jogar a cada três dias como temos vindo a fazer?
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 15.02.2019 às 11:06

Caro Rui,

Com Peseiro também jogávamos cada três dias e não estávamos no segundo pelotão. Jogávamos mau futebol, certamente, mas havia noção das limitações e jogávamos com pragmatismo. Com este plantel é difícil jogar bom futebol.

Exceptuando o jogo de Portimão, ganhámos a quem devíamos ganhar, incluindo o Setúbal que agora nos tirou pontos. Os piores jogos de Peseiro foram com a equipa alternativa, o que levou ao seu despedimento, apesar de não ter comprometido nenhum objectivo.


Continuo a dizer que a troca de Peseiro por Keiser foi um erro, que mostra a falta de experiência do Presidente. E continuo a estar convicto que com Peseiro estaríamos melhor em termos pontuais.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 15.02.2019 às 11:18

Naçao valente custa-lhe tanto admitir que Peseiro tambem nao é treinador para o Sporting e para qualquer um dos grandes de Portugal? Isto dos treinador acertar num, no indicado nao é facil e depois os treinadores são momentos , todos eles têm os seus momentos que acabam gastos e tem que se renovar de novo é uma constante mutação.

Peseiro é um treinador ultrapassado pelo tempo , foi util num momento muito especial muito conturbado do clube , mas depois quando se voltou á normalidade veio ao de cima as suas enormes lacunas. Peseiro é passado e temos que seguir em frente.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 15.02.2019 às 12:08

Caro JC,

Nunca me ouviu dizer que Peseiro era treinador para um "grande". O que sempre disse foi que assumiu a equipa numa fase em nem se sabia qual seria o plantel, que manteve a equipa em todas as lutas, apesar da falta de qualidade, e que merecia acabar a época, dando ao Presidente tempo para preparar a próxima, com a contratação de um treinador com currículo.
Varandas arriscou sem necessidade, e agora é ele que também está a ser contestado. Na altura, muita gente disse com propriedade, que tinha deitado borda fora o seu escudo protector.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 11:22

Caro Nação Valente,

Não estou convencido que estaríamos melhor.

Peseiro realizou um total de 14 jogos oficiais nesta segunda passagem pelo clube entre Campeonato, Taça de Portugal, Taça da Liga e Liga Europa, com nove vitórias, um empate e quatro derrotas – três nos últimos cinco encontros, que muito além do Portimonense, inclui o Estoril em Alvalade.

Quais são as garantias?
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 15.02.2019 às 12:01

Caro Rui,
Neste aspecto não estamos de acordo. Opiniões.
Derrota com o Braga num jogo disputado até ao limite. JJ também não perdeu? Derrota com o Estoril para poupar a equipa para os Açores e para o Arsenal? Lembra-se que equipa jogou?
Qual a vantagem de substituir Peseiro? Para pagar a dois treinadores?
Garantias? As mesmas que estão na contratação de Keiser.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 12:09

Também recordo as vitórias quase milagrosas nos instantes finais.

Enfim, temos opiniões diferentes, e eu até nunca fui grande crítico de Peseiro, mas o futebol que praticámos com ele era desmoralizador, e não apenas por falta de talentos.

Sempre acreditei que com ele, o pior ainda estava para vir, e o insucesso de Keizer em nada afecta essa consideração.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 15.02.2019 às 13:21

Amigo Nação Valente , estamos perfeitamente de acordo que Peseiro foi util de inicio e juntou alguns cacos espalhados por varias partes , mas o trabalho do presidente é esse mesmo arriscar , ninguem é bruxo e advinhar que o keizer depois do amasso que levou em Guimarens optou pelo pior caminho com estratégias muito temerosas sem risco bloqueando a criatividade no fundo encolhendo-se onde quizá tem revelado a sua real personalidade como treinador .
É um falhanço sem duvida e agora é confortável que perante a realidade seria mais valido manter Peseiro toda a epoca .
Eu opino que devemos sempre mudar o que nao esta bem sabendo sempre que ao fazê-lo existe sempre uma percentagem elevada de risco.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.02.2019 às 00:08

Na minha opinião, a alteração drástica no jogo da equipa, depois do sucesso inicial, ainda está por explicar, pelo menos de forma a fazer sentido.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 16.02.2019 às 00:22

O amasso de Guimarens afetou a todos treinador e jogadores.

Recorda o sue escrevi antes desse jogo ?
Precisamente desvalorizei as goleadas e que Guimaraes era o grande teste. E a equipa falhou em toda a linha e ficou marcada e nao mais se encontrou e aí falhou duplamente o treinador que tem mostrado uma enorme incapacidade de juntar as tropas e injectar-lhes a motivaçao que era exigida e necessaria depois daquela derrota.
E so tem piorado de jogo para jogo e toda essa contaminaçao de falta de liderança contagiou todo o balneario.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.02.2019 às 00:28

Bem... se é exclusivamente essa a causa à raiz, o ónus recai totalmente sobre Keizer e a sua incapacidade de liderança.

Mas parece-me inconcebível, em termos técnicos, que todos deixassem de executar como fizeram nos primeiros 6/7 jogos.

Mesmo admitindo o factor que cita, creio que há algo mais. Parece-me uma explicação excessivamente simples.

Enfim...
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 16.02.2019 às 00:35

Nao é tao simples Rui como possa parecer, todos sabiam e sentiam que era o grande teste e imagino que se o passam com uma grande vitoria a equipa embalava.
O que mais me surpreendeu foi ter sido o proprio treinador o mais afectado e nao mais o superou quando devia ser ele a dar a volta por cima.
A partir dai começaram as confusoes nas convocatorias e as estrategias mal organizadas, inadaptadas para os adversarios que a equipa defrontava.
O que tem afectado ainda mais os jogadores que perderam a alegria e a confiança.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.02.2019 às 00:39

Bem... vou terminar a conversa por agora, dado que já tenho dificuldades em ver o teclado, tal o cansaço.

Já lhe respondi no comentário anterior e reitero: com atletas profissionais de alta competição, problemas deste género não podem perdurar. Ponto!!!
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 16.02.2019 às 00:40

Boa noite Rui tambem vou à deita.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.02.2019 às 00:41

Boa noite Julius.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 16.02.2019 às 00:28

Porque ha perder e perder e aquilo foi de facto um amasso que afecta qualquer um.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.02.2019 às 00:35

São profissionais de alta competição, não pode ser permitido!
Sem imagem de perfil

De J.s a 15.02.2019 às 08:31

Depositava esperança em Marcel Keizer mas definitivamente não é treinador para nós, não tem bases defensivas, estoirou a equipa em três tempos e não percebo muito bem a lógica de tirar jogadores depois de boas indicações.. portanto era aguentar até ao fim da época e ir buscar um treinador sólido. O silêncio aterrador do presidente também já começa a assustar, viemos de uma diarreia comunicacional e passámos a uma prisão de ventre, na minha opinião precisamos de um meio-termo. Temo que isto faça com que seja mais difícil de contratar num futuro pois é difícil convencer um jogador pelo projeto desportivo e como não estamos a nadar em dinheiro também não os convencemos financeiramente, enfim.. é esperar que melhores dias venham e continuar a apoiar até onde for humanamente possível
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:41

Acho que a decisão deve ser tomada agora e não adiada, de uma forma ou outra. Para esse fim, o presidente deve pronunciar-se, para sabermos em que ponto ficamos até ao final da época.
Sem imagem de perfil

De J.s. a 15.02.2019 às 08:52

Era definitivamente a obrigação do presidente, vamos ver. Eu não sei se era bom trocarmos de treinador agora, seria mais difícil contratar outro a meio da época.. ou talvez não. Olhe não sei, a única coisa que sei é que gostava que encontrássemos estabilidade enquanto clube e isso parece difí
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.02.2019 às 00:10

Os meus sentimentos, também.
Sem imagem de perfil

De Cantona a 15.02.2019 às 08:34

O Keizer demorou menos de 4 meses a ver lenços brancos. Uma mini-cronologia:

1. É contratado quando não entrava no top 20 de treinadores de ninguém, e assina até 2021. Contrato longo apesar de não ter nada que se pareça com um currículo de clube que luta por troféus, e sabendo que ele desconhecia o futebol português. Além disto, a experiência no Ajax foi um desastre.

2. Varandas, em Dezembro: "A escolha do treinador define muito o que é esta administração da SAD. Aposta de risco? Para 99% das pessoas. Para mim não teve nenhum risco. Assentou em quatro fatores: competência técnica, gestão do grupo e comunicação. Era a opção que me dava mais garantas. É um grande treinador, é um grande senhor."

"Quando lancei o nome dele [Keizer] muita gente ficou em pânico. Vamos pensar pelas nossas cabeças."

3. Fevereiro: lenços brancos com a equipa a 7 pontos do Braga, e uma derrota em casa com o 19º (!!!) da liga espanhola.

Neste momento qualquer decisão vai criar uma instabilidade enorme. A sua continuidade é praticamente insustentável, não só pelos resultados, mas pelas exibições, comunicação, gestão do plantel... Uma troca deixa Varandas numa situação extremamente delicada, pois não existem treinadores "óbvios" no mercado. Portugueses creio que só o Paulo Sousa, que fracassou em Itália e Inglaterra.

A meu ver Varandas só pode despachar Keizer se tiver garantido um nome com "peso" suficiente para chegar ao final da época com a imagem intacta. Se tivesse que apostar, diria que Keizer não só acaba a época como inicia a próxima, pois Varandas não só não vai querer admitir que cometeu um erro estrondoso após tudo o que disse, como parece acreditar que o problema não é Keizer mas o plantel: "Se calhar temos um plantel de qualidade reduzida".
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:45

O grande risco que Varandas assume em não reconhecer que falhou com a escolha de Keizer, é arrastar a credibilidade da sua presidência de mãos dadas com a equipa a caminho do abismo.

Mudar agora de técnico é tudo menos uma missão fácil, mas como presidente deve no mínimo pronunciar-se sobre o estado de coisas.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 15.02.2019 às 10:44

"O grande risco que Varandas assume em não reconhecer que falhou com a escolha de Keizer, é arrastar a credibilidade da sua presidência de mãos dadas com a equipa a caminho do abismo."

Mas então não está a dizer o mesmo que me critica lá mais acima?

"Associar o futuro de um presidente à imprevisibilidade de um treinador, só serve para abastecer almas de má fé." Respondeu-me o Rui Gomes.

O futuro imediato de qualquer presidente, treinador ou mesmo jogador (no caso do SCP estão sempre desculpados), depende dos resultados desportivos.
Ganhar, ganhar é o projecto do SCP e caso não se consiga não tem lugar.
Esta é a realidade de quaquer clube e não há volta dar.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 10:47

A diferença é que eu não comento de má fé, ou com segundas intenções, como o José Sousa faz.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 15.02.2019 às 10:56

Mas quais 2ªs intenções? Mas é algum segredo que não quero Frederico Varandas como presidente, porque lhe falta quase tudo para cargo.
Penso que esta minha opinião é clara há muito tempo!
É uma questão de tempo, não será preciso intenções, rezinhas ou outra coisa qualquer.
Varandas mostrou, mostra e vai convencer quem ainda acredita, da sua inaptidão para ser presidente. Ele próprio o fará sem interferência de ninguém.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 15.02.2019 às 11:21

JS,
Varandas, que não era meu candidato, foi ou não foi eleito pela maioria dos votantes? E qual é a duração do seu mandato? Brincamos aos presidentes? Desde Dias da Cunha qual foi o Presidente que ganhou um campeonato? Por outro lado quem contratou o plantel, com uma ou outra excepção, que agora existe?
Varandas, na minha opinião, precipitou-se e contratou um treinador sem currículo. O que lá estava, mesmo sendo mau como dizem, não faria pior. Em má situação financeira paga a dois. Por outro lado um Presidente tem que ser avaliado pelo seu trabalho na gestão do Clube, e não apenas pelos resultados no futebol. Por esse critério nenhum tinha ficado mais de um ano.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 15.02.2019 às 11:33

"Por outro lado um Presidente tem que ser avaliado pelo seu trabalho na gestão do Clube, e não apenas pelos resultados no futebol. Por esse critério nenhum tinha ficado mais de um ano."

Esse é mundo ideal e fantasioso. A realidade é que o futebol dita a duração dos mandatos, por muitas piruetas que se possa dar....para mais no SCP que precisa de ganhar a liga como de pão para a boca.
É assim no nosso clube, assim como nos rivais.
Acha que Pinto da Costa estaria tantos anos na presidência se não fosse assim? Basta recordar a contestação de que foi alvo durante o tetra do Benfica...e estamos a falat do presidente mais titulado do futebol.
Acha que o LFV estaria tantos anos se não tivesse ganho? Volte no tempo em que era contestado no início do seu reinado, depois contratou JJ e começou a ganhar...senão também tinha saido borda fora.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 15.02.2019 às 11:51

P.S.,

O que diz faz algum sentido. Mas mesmo LFV quantos anos esteve sem ganhar? Uma Direcção precisa de tempo. O caminho do Sporting tem sido de Direcção em Direcção até à derrota final. Por este caminho nunca vai ver o Sporting campeão.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 15.02.2019 às 13:23

Muito provavelmente ainda vai ter que pagar a ...3.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 15.02.2019 às 08:56

Para mim, seria tentar saber se Silas tem algum interesse em agarrar o projecto Sporting, como está e com a janela de transferência de verão em perspectiva. Apesar de Keizer não ter tido a oportunidade de uma janela de transferências, o seu futebol resume-se ao que se vê em todos os jogos. Não sabe organizar a equipa defensivamente, não sabe avaliar os jogadores, não consegue alterar taticamente o rumo de um jogo que está a correr mal, mau timing em tudo, e não tem opções táticas e pragmáticas para equilibrar o seu jogo ofensivo, jogando de forma exigente ou de bola para a frente (entendam que estou a avaliar pelo que Keizer nos tem presenteado ao longo das jornadas, chamando sempre os mesmos apesar da falta de qualidade, por isso, assumo que não saiba avaliar qualidade).

Foram mesmo apenas 3 jogos para inglês ver, infelizmente. Ao primeiro embate de frente, tremeu e continua a tremer das pernas. Não sei se deveríamos aguentar este treinador até ao final da época, mas fica a questão se, com essa decisão, não estaríamos a hipotecar desde já a próxima?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:59

Não posso dizer que sei que Silas representa a solução e, de qualquer modo, não é agora que vai mudar de clube. Pelo menos, não me parece viável.
Sem imagem de perfil

De João Gonçalves a 15.02.2019 às 10:34

Não tenho nada a ver com o assunto, mas para um observador externo como eu, o resumo do leitor Cantona é perfeito.
Faltou apenas uma adenda à má forma de comunicação do presidente, que se devia focar unicamente no seu clube e nos problemas que tem para resolver. A entrevista dele à SIC foi um momento de bazófia completação desnecessário.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 10:45

Tem razão, não tem nada a ver com o assunto e esse outro clube não é chamado para a conversa neste momento.
Sem imagem de perfil

De João Gonçalves a 15.02.2019 às 10:55

Perfil Facebook

De Filipe Cruz a 15.02.2019 às 12:12

Mas ninguém vê que o Silas("treinador" do belenenses SAD) tem o perfil certo para treinar o Sporting?
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 15.02.2019 às 13:26

Faz 2 anos que apresentei aqui a minha opinião sobre Silas e recentemente quando tão longe (viagem á Holanda) foram desencantar um "pouco esperto" tendo ali mesmo ao lado melhor solução (Restelo) quase que dava para ir a pé buscá-lo.

Nao resolverá todos os problemas mas irá trazer uma mentalidade mais adequada ao nosso balneário e á nossa equipa condizente com a realidade do futebol portugues.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 13:39

Não refuto essa possibilidade, mas não abraço o entusiasmo que se vê aqui por reconhecer que liderar o Belenenses ou qualquer outro não "grande" e assumir o Sporting, com a inevitável pressão de vencer imediatamente, é um desafio muito diferente e, em simultâneo, uma incógnita, por muitas virtudes que ele tenha.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 15.02.2019 às 14:18

Dentro das possibilidades financeiras do Sporting parece-me das opçôes mais validas.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 15.02.2019 às 08:40

E isto, não dá mesmo para mais. Aqueles três primeiros jogos foi só mesmo para iludir. De resto, não dá para falar mais porque já tudo foi dito, em todos os jogos desde Guimarães. São escolhidos sempre os mesmos pernas-tortas, com tática inexistente, com ritmo parado, com vontade nula e sempre em desvantagem no marcador logo desde muito cedo. Com tudo isto, para alguém que se dizia ser um impulsionador das camadas jovens, mata Jovane, mata Miguel Luís. O que vimos ontem é resultado da frustração dos jogadores ao ver que fizeram o seu melhor, grandes jogos (Belenenses é muito superior ao Villareal e Miguel Luís fez gato-sapato daquele meio campo) e são encostados durante um mês e meio sem razão aparente. Um jogador não deixa de saber jogar futebol em um mês e meio, para o que se viu ontem... E hoje só dá mesmo para isto, porque foi um jogo mesmo, mesmo, mesmo muito mau. Muito deplorável!

Num aparte, vale-nos a vitória mínima do Benfica para capturar pontos e tentar recuperar o segundo lugar na Champions, porque até o Porto não conseguiu. Uma jornada para as equipas portuguesas nas competições europeias, esta.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:48

Miguel Luís é obviamente um talento a ser aproveitado, mas nem os problemas nem a solução passam por ele.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 15.02.2019 às 09:08

Já agora, por favor, digam a Keizer que existe uma tática muito portuguesa, muito pragmática, que pode adoptar. Jogar que nem um leão nos primeiros 45mins e depois estacionar o autocarro. Se o plantel é curto, se tem falta de qualidade, então que joguemos como pequenos. Defendemos muito e joga-se no contra-ataque. O que se tem visto, de golos nos primeiros 5 mins tem sido mato e impossível de contrariar, pela falta de qualidade de plantel...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 09:14

É verdade que o plantel tem falta de qualidade, a execução individual é uma lástima, mas preocupa imenso a ausência de um sistema de jogo.

Pior ainda, a indecisão de Keizer. Parece-me óbvio que algo tinha de ser feito ao intervalo ontem, mas ele só começou a mexer, salvo erro aos 70 minutos.

Muito pouco, muito tarde.
Sem imagem de perfil

De M1950 a 15.02.2019 às 10:13

Miguel Luís esteve mal nesse jogo até ao golo e mais um ou dois lances que teve , a sua falta de capacidade em assumir o risco no passe apesar da qualidade técnica que tem foi o que permitiu a subida do bloco dos Belenenses como vimos , a análise das pessoas foi induzida em erro pelo golo , até ali ele e o Gudelj este principalmente só conseguiam passar para trás e para os lados.
Sem imagem de perfil

De Augusto Bala a 15.02.2019 às 08:42

Como é possível num clube como o nosso, contratar um péssimo treinador e despedi-lo para contratar um ainda pior. Só nós para darmos tiros nos pés.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:50

Nunca saberemos quantas negas levámos antes de se chegar a Peseiro. O evento de Alcochete e tudo o que isso implica deixoi marcas muito profundas e ninguém digno da posição quereria então vir para o olho do furacão.

Comentar post


Pág. 1/4





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo