Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Só podemos esperar mais dissabores !

Rui Gomes, em 15.02.19

 

ponturi-pariuri-sporting-vs-villarreal-europa-leag

 

Cheguei finalmente à conclusão que eu mais receava: com Marcel Keizer ao leme, não há hipótese!

 

Este Sporting é um conjunto que existe no abstracto e que pratica um futebol agonizante. Se já havia causa para duvidar da sua capacidade, o golo sofrido aos 3' foi o suficiente para revelar uma equipa sem o mínimo de chama, dinâmica e intensidade de jogo, que passou o resto do primeiro período sem sequer ameaçar a baliza adversária.

 

Nem vale a pena falar de Bruno Gaspar novamente como titular, porque só o treinador vê nele aquilo que nos elude a todos, mas com um meio campo constituído por Petrovic e Miguel Luís - sim, o muito desejado Miguel Luís - era missão praticamente impossível sair dali algo minimamente construtivo.

 

img_920x519$2019_02_14_22_38_47_1505650.jpg

 

Na linha da frente, um Bas Dost a trabalhar muito mas pouco ou nada consequente, dado que só uma ou duas vezes foi servido de modo a poder tentar violar a baliza do Villarreal, e numa dessas ocasiões o guarda-redes fez uma grande defesa.

 

Raphinha com uma primeira parte desastrosa, e ocasionalmente ameaçador no período complementar, rematando até ao poste, mas longe do melhor que já vimos dele. Jovane Cabral muito esforçado, mas a acusar falta de ritmo, porventura pela sua pouca utilização em dias recentes e porque também nunca rendeu muito quando é titular.

 

Por fim, o incontornável Marcus Acuña, a deixar a sensação que o seu objectivo prioritário neste momento é fazer as malas e seguir caminho para a Rússia. Até sofreu falta no lance que levou ao primeiro amarelo, mas protestar com um árbitro com disposição inclinada, só podia ter um fim. Quando essa oportunidade surgiu, aos 77', o juiz francês nem hesitou.

 

img_920x519$2019_02_14_22_29_19_1505636.jpg

 

Houve dois jogadores no relvado que deram o que nas circunstâncias tinham para dar: Coates e Bruno Fernandes. Muito pouco para tanto. Outros que não deram mais porque o seu pouco talento não o permite e ainda alguns que simplesmente não executaram como se exige.

 

Tudo isto, complementado por um sistema de jogo quase impossível de compreender, faz com que a missão se torne muito complicada. O resultado alimenta a esperança de se poder dar a volta à eliminatória em Espanha, mas não a jogar como se jogou ontem, nem com algumas das mesmas opções do técnico. E... só a pensar que no domingo temos o SC Braga.

 

Ao longo dos meus anos no futebol tive ocasião de demitir alguns treinadores, mas como mero adepto, é um acto muito longe do meu pensamento. Hesito em adiantar que se deve tomar medidas agora e não esperar pelo fim da época, apenas porque não sei qual será a melhor solução. Uma coisa é certa; salvo uma mudança nada menos do que drástica, este Sporting só vai sofrer mais dissabores.

 

Nota: Alerto, desde já, que se surgirem aqui os usuais opositores de má fé a tentarem aproveitar-se da ocasião menos agradável, como é seu hábito, é minha intenção eliminar todos os seus comentários.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:48

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


165 comentários

Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 15.02.2019 às 08:40

E isto, não dá mesmo para mais. Aqueles três primeiros jogos foi só mesmo para iludir. De resto, não dá para falar mais porque já tudo foi dito, em todos os jogos desde Guimarães. São escolhidos sempre os mesmos pernas-tortas, com tática inexistente, com ritmo parado, com vontade nula e sempre em desvantagem no marcador logo desde muito cedo. Com tudo isto, para alguém que se dizia ser um impulsionador das camadas jovens, mata Jovane, mata Miguel Luís. O que vimos ontem é resultado da frustração dos jogadores ao ver que fizeram o seu melhor, grandes jogos (Belenenses é muito superior ao Villareal e Miguel Luís fez gato-sapato daquele meio campo) e são encostados durante um mês e meio sem razão aparente. Um jogador não deixa de saber jogar futebol em um mês e meio, para o que se viu ontem... E hoje só dá mesmo para isto, porque foi um jogo mesmo, mesmo, mesmo muito mau. Muito deplorável!

Num aparte, vale-nos a vitória mínima do Benfica para capturar pontos e tentar recuperar o segundo lugar na Champions, porque até o Porto não conseguiu. Uma jornada para as equipas portuguesas nas competições europeias, esta.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 08:48

Miguel Luís é obviamente um talento a ser aproveitado, mas nem os problemas nem a solução passam por ele.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 15.02.2019 às 09:08

Já agora, por favor, digam a Keizer que existe uma tática muito portuguesa, muito pragmática, que pode adoptar. Jogar que nem um leão nos primeiros 45mins e depois estacionar o autocarro. Se o plantel é curto, se tem falta de qualidade, então que joguemos como pequenos. Defendemos muito e joga-se no contra-ataque. O que se tem visto, de golos nos primeiros 5 mins tem sido mato e impossível de contrariar, pela falta de qualidade de plantel...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.02.2019 às 09:14

É verdade que o plantel tem falta de qualidade, a execução individual é uma lástima, mas preocupa imenso a ausência de um sistema de jogo.

Pior ainda, a indecisão de Keizer. Parece-me óbvio que algo tinha de ser feito ao intervalo ontem, mas ele só começou a mexer, salvo erro aos 70 minutos.

Muito pouco, muito tarde.
Sem imagem de perfil

De M1950 a 15.02.2019 às 10:13

Miguel Luís esteve mal nesse jogo até ao golo e mais um ou dois lances que teve , a sua falta de capacidade em assumir o risco no passe apesar da qualidade técnica que tem foi o que permitiu a subida do bloco dos Belenenses como vimos , a análise das pessoas foi induzida em erro pelo golo , até ali ele e o Gudelj este principalmente só conseguiam passar para trás e para os lados.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo