Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




img_920x518$2017_01_29_20_19_06_1216614.jpg

O Futebol é um desporto para ser visto com a família e os amigos. Por vezes, os horários dos desafios de futebol quebram esta tradição e os preços dos bilhetes, por exemplo, também nem sempre ajudam a concretizar esta deslocação familiar aos estádios, tal como a  qualidade dos espectáculos que nem sempre é motivadora.

Como vemos em Inglaterra, os jogos são televisionados, com receitas para os clubes muito generosas, mas sempre com estádios cheios e com espectáculos verdadeiros, para quem aprecia os "artistas da bola". Em Portugal, infelizmente, a televisão, os horários e a falta de qualidade tanto das arbitragens como dos jogos, leva a que tenhamos muitos jogos com assistências muito baixas, tornando as receitas de bilheteira e as inerentes receitas de publicidade cada vez menos importantes nos orçamentos, com todas as consequências na capacidade aquisitiva da maioria dos clubes.

Como se não bastasse tudo isso e a agravar esta situação (contribuindo também para este estado de coisas) temos espectadores de várias categorias, isto é, existem os espectadores que compram os seus bilhetes, ou pacotes anuais e as claques legais e ilegais (GOA-Grupos organizados de adeptos, assim designadas as claques).

img_1280x720$2020_01_04_22_04_02_1646357.jpg

Pergunta-se como é possível haver num estádio, num espectáculo pago,  com a presença tanto de polícia como de segurança privada, algo como claques ilegais? Afinal quem vende esses bilhetes, quem financia os transportes, as refeições,  as tarjas, etc?

Considero inteiramente inaceitável esta situação de toda a gente saber que existem, mas não se fazer nada. Os artefactos pirotécnicos são proibidos, mas eles lá estão e continuam a ser lançados nos diferentes estádios. Afinal, será que é necessário voltar a haver uma desgraça para que se tomem medidas? 

publicado às 03:46

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


2 comentários

Sem imagem de perfil

De LG a 09.01.2020 às 08:30

Comento aqui.Há algum salto lógico em relacionar a atividade das claques com a descida de espetadores no estádio que não consigo perceber (é mentira, até consigo).O Porto tem claques, o Benfica "não tem", mas com o que têm ou "não têm" conseguem encher os estádios. Já no Sporting, a forte descida de espetadores verificada tem como culpados as claques. Basta ver as estatísticas no site da Liga (ontem Varandas falou em -20%, a realidade é mais negra), será uma mera coincidência o facto de as assistências serem bem mais fracas em anos em que a "estrutura" do futebol é mais incompetente e a equipa é mais fraca. Em termos de assistências estamos a regredir aos tempos de Godinho LopesQuanto a impedir quem causa distúrbios de frequentar o estádio, concordo. Mas não há muita vontade nisso em quem o pode fazer. e o que é que o Regulamento de segurança do estádio diz a esse respeito?Quanto a não serem os clubes a pagar, não concordo. A frase de Varandas vai contra a forma como esta questão está (bem) definida em Portugal e na FIFA, os clubes são responsáveis, sem prejuízo de depois poderem exigir o direito de regresso. Curiosamente, Varandas foi ao encontro da posição defendida pelo Benfica, aquele-que-não-tem-claquesFrase de Rui Barreira, "Os artefactos pirotécnicos são proibidos, mas eles lá estão e continuam a ser lançados nos diferentes estádios".Muitos dos artefactos pirotécnicos são permitidos para outras atividades, não podem é ser utilizados nos estádios. Mas quando muitos são do tamanho ou mais pequenos do que os cigarros, só é apanhado antes de os lançar quem quer. Se os esconderem na roupa interior, o que é que se pode fazer?
Sem imagem de perfil

De RASR a 09.01.2020 às 10:46

Para isso existem os spotters e para isso existe a legislação. Se o adepto em questão fosse identificado imediatamente pelo arremesso do objecto pirotécnico e, posteriormente, visse a sua responsabilidade criminal assacada e condenado no pagamento da multa do clube por imediato à FPF e outras sanções acessórias, como a proibição de frequentar recintos desportivos durante X tempo, acredite que a brincadeira iria terminar!!! Nem tenha dúvidas.

O maior incentivo à conduta correta e à sujeição à lei e aos regulamento é a aplicação das respectivas sanções ao primeiro e ao último infractor, não é o constante olhar para o lado de todas as instituições contra quem o Sporting tem constantemente advogado para que se cumpram os regulamentos e as leis.

Por isso, até podem levar nas meias, nos bolsos, nas cuecas ou no recto, não importa, os spotters deviam fazer o seu trabalho (porque o ato de se atirar algo a uma grande distância envolve sempre um movimento do corpo que se nota (spot) e é evidente), imediatamente identificar e expulsar o adepto e, no dia seguinte, ser presente a tribunal. Se existirem gravações eletrónicas desse ato, o processo até podia ser abreviado, assim como num caso de condução sob o efeito de álcool.

Há sempre soluções quando exista a motivação.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds