Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sporting ambiciona pleno das Taças

Rui Gomes, em 17.05.19

 

33638435_770x433_acf_cropped.jpg

 

O Sporting chega ao 'clássico' com o FC Porto sem outro horizonte que o terceiro lugar na I Liga, mas com tudo em aberto para o pleno nas taças, um ano após o traumático ataque à Academia.

 

Com as marcas de um evento que manchou a história do Clube ainda vivas na memória, os leões estão prestes a viver a época mais bem sucedida da última década. A Taça da Liga foi conquistada em Janeiro diante dos ‘dragões’, nas grandes penalidades (4-3, após empate a um golo nos 90'), e o duelo volta a repetir-se para os dois derradeiros compromissos: o jogo da 34.ª jornada, sábado, e a final da Taça de Portugal, no dia 25.

 

Numa temporada na qual as expectativas iniciais eram baixas, o Sporting - primeiro sob o comando técnico de José Peseiro e depois com o holandês Marcel Keizer – reergueu-se e atinge esta fase na sua melhor forma da época. As 11 vitórias e os dois empates nas últimas 13 jornadas – logo a seguir à derrota (2-4) com o Benfica - expressam a reacção de uma equipa à qual somente faltou uma maior regularidade para lutar com os rivais pelo título.

 

A um jogo do epílogo no campeonato, a equipa leonina soma 23 vitórias, cinco empates e cinco desaires em 33 jornadas. Contabilizando ainda as outras competições nacionais, o Sporting apresenta um registo de 44 desafios disputados, com 30 triunfos, sete empates e outras tantas derrotas.

 

Os números dos leões denunciam o Inverno nefasto para o sonho de recuperar um título de campeão que foge pela 17.ª época seguida – iguala o maior ‘jejum’ da sua história: em apenas mês e meio, entre 23 de Dezembro de 2018 e 03 de Fevereiro de 2019, o Sporting efectuou sete jogos para a I Liga e só venceu dois, ofuscados por três desaires e dois empates. Foi aí que se decidiu a (má) sorte ‘leonina’.

 

Da irregularidade colectiva sobressaiu a regularidade individual de Bruno Fernandes, a figura maior da equipa. Com 20 golos no campeonato – e 32 no somatório de todas as provas -, o jogador de 24 anos bateu todos os registos pessoais e tornou-se o médio mais goleador da história do Sporting e dos principais campeonatos europeus, superando, entre outros, o inglês Frank Lampard (Chelsea) ou o brasileiro Alex (Fenerbahçe).

 

O internacional português raramente foi bem secundado pelos colegas, estando demasiado só para disfarçar as lacunas da equipa – mais evidentes com o ‘emagrecimento’ financeiro do Clube e que 'obrigou' as saídas de Nani e Montero no decorrer da época - e o ocaso de outros protagonistas, nomeadamente, Bas Dost. O avançado holandês, afectado por lesões, ‘só’ marcou 15 golos em 21 jogos nesta I Liga, longe dos 27 tentos de 2017/18 e dos 34 na temporada anterior.

 

Contra o FC Porto, o Sporting, já sob a orientação de Marcel Keizer, logrou dois empates, embora um tenha resultado no fim na vitória na Taça da Liga. Agora restam apenas dois jogos e um único título em disputa, que pode abrilhantar uma época à qual se vaticinavam essencialmente desilusões.

 

publicado às 03:33

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


3 comentários

Sem imagem de perfil

De LeaoCovilha a 17.05.2019 às 16:33

Keiser já disse que o próximo clássico é mais importante que este. Espero que o Sporting não saia do Dragão humilhado..
Sem imagem de perfil

De Ghost a 17.05.2019 às 16:45

Sei que certamente não vai acontecer... mas gostava que alguma luz iluminasse o Keiser e lhe desse a ideia de deixar BF de fora deste jogo. O Porto vai fazer de tudo para o condicionar para o jogo da taça. Não vale a pena o risco para este jogo que não decide nada para o SCP.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 17.05.2019 às 18:17

Acho que é um jogo para dar oportunidade a outros jogadores, espero bem que essa luz ilumine o treinador

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo