Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Apenas Paulo Silva, o empresário que subornou dois árbitros de andebol, alegadamente a mando de André Geraldes, então director-geral da SAD do Sporting, é o único arguido do processo 'Cashball', que irá a julgamento, adianta a TVI. O ex-funcionário do clube de Alvalade, bem como os outros dois elementos detidos e interrogados em Março de 2018, João Gonçalves e Gonçalo Rodrigues, foi ilibado de toda e qualquer suspeita, por falta de provas, conclui a investigação conduzida pela Polícia Judiciária.

Segundo a estação televisiva, pelo processo de nove volumes e também pelos testemunhos dos visados, Paulo Silva, alegadamente mandatado por intermediários para corromper árbitros de andebol e jogadores de futebol adversários para que favorecessem o Sporting, ofereceu, em 2017, 2.500 euros a dois árbitros e ainda 25.000 euros a um futebolista que defrontou os leões.

img_800x533$2018_11_20_12_57_53_798830.jpg

Os árbitros em questão foram Roberto Martins, corrompido para condicionar o FC Porto, num encontro com frente ao ABC, disputado em Abril de 2017; e Ivan Cavaleiro, para que assumisse igual comportamento numa partida dos dragões com o Sporting. No que diz respeito ao futebolista tratava-se de Leandro Freire, do Desportivo de Chaves, abordado para que facilitasse a vida aos leões nos dois jogos da Liga com os flavienses.

Paulo Silva é acusado de três crimes de corrupção desportiva na forma tentada, ele, que, na denúncia, apresentou mensagens, alegadamente, enviadas pelos três funcionários do Sporting CP e que a perícia desvalorizou por concluir que os conteúdos podem ter sido adulterados de forma a incriminar os visados. Além do mais, nas perícias aos telemóveis de André Geraldes, João Gonçalves e Gonçalo Rodrigues não foram detectadas as trocas de mensagens. Como tal, os três são ilibados.

Reportagem de João Lopes, em Record

publicado às 19:00

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


13 comentários

Imagem de perfil

De Leão do Norte a 16.11.2020 às 23:04

Quem esteve atento às declarações desse sujeito, Paulo Silva, verificou as sucessivas contradições que elas continham. Então aquela entrevista televisiva encomendada foi o expoente máximo. Algumas formas de corrupção que relatava eram tão básicas, que nem um principiante as faria.
Este processo foi nitidamente encomendado para desviar atenções de outros bem mais graves. Seria importante verificar quem esteve por detrás da encomenda. Não esqueçamos que antes deste processo ser conhecido, já o inqualificável Boaventura o insinuava nas redes sociais!

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo