Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

untitled.png

 

Segundo o portal inglês West London Sport, o Sporting está a negociar com o Fulham o pagamento da dívida que ainda existe pela transferência de Bryan Ruiz na época passada. Salvo erro, o jogador costa-riquenho custou 1,2 milhões de euros, mais uma comissão de 120 mil euros.

 

O Sporting terá proposto a cedência de Wallyson por uma época, como forma de pagar esse montante, embora não indique quanto está ainda por liquidar.

 

Além de Wallyson, terão sido propostos  vários outros nomes, casos de Ewerton, Paulo Oliveira, Jefferson, Carlos Mané, Esgaio, Alberto Aquilani, Iuri Medeiros e Matheus Pereira.

 _________________________________________________

 

Muitas horas depois de sair esta notícia (este post também já estava preparado desde ontem), o Sporting emitiu um comunicado a confirmar a dívida com o Fulham de 200 mil euros, relativamente a Bryan Ruiz, mas a negar que tenha proposto o empréstimo de Wallyson como forma de pagamento:

 

Comunicado Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD

 

Em razão de notícias hoje publicadas, a Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD entende esclarecer o seguinte:

 

1 - A Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD tem para com o Fulham uma dívida de 200 mil euros contraída aquando da aquisição do jogador Bryan Ruiz, como resulta da informação financeira prestado oficialmente pelo Clube.

 

2 - Em nenhum momento, a Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD propôs o empréstimo do jogador Wallyson como forma de resolução desta mesma dívida que será liquidada em tempo útil.

 

3 - As decisões sobre empréstimos ou alienações de activos são da exclusiva responsabilidade da Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD, não sendo estas decisões tomadas nas páginas dos jornais. Repudiam-se por isso todo o tipo de notícias em que se elaborem listas de jogadores e que visam desestabilizar o plantel profissional que é, reconhecidamente, de grande valor.

 

Tudo bem, aceita-se perfeitamente o esclarecimento do Sporting, mas ficamos a pensar... uma dívida de 200 mil euros relacionada com a compra de um jogador no ano passado ?... E andamos no mercado supostamente à procura de um ponta de lança que poderá custar milhões ?

 

Ainda bem que "não precisamos de vender" !!!

 

publicado às 05:49

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


52 comentários

Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 17.08.2016 às 07:41

Sinceramente Rui não percebi esse seu considerando final a não se que seja efetivamente o que parece ser uma mera provocação!

Vendo todos os R&C até data em todos eles as rubricas de Clientes (os clubes que nos compram) e Fornecedores (clubes a quem compramos) existiram sempre saldos devedores e credores ... ninguém paga a pronto.

A questão que ninguém fez e que infelizmente o comunicado tb não responde é:

" Sporting falhou o pagamento de alguma prestação ao Fulham !?"

Esta é a questão que sendo verdade ai sim é digna de receber reparos como o que o Rui fez!

Ao senhor de cima espero que não tenha sido parado para soprar ao balão ... seria difícil de explicar a sua situação.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.08.2016 às 08:58

Por outras palavras Sérgio - e não me surpreende que pense assim - acha perfeitamente aceitável face a tudo o que o Bruno diz, que andamos no mercado dos baratos a comprar jogadores "baratos" a prestações de 200 mil euros...
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 17.08.2016 às 09:29

Rui primeiro tudo o que o "Bruno" diz deve ter o devido enquadramento já que ele utiliza o mesmo meio para se dirigir a diferentes intervenientes o que faz com que a sua mensagem não passe.

Depois o ano passado não tivemos vendas relevantes, este ano a mesma coisa como tal face ao investimento feito na época transata, mantendo esta época acho normal que se enquadre os pagamentos a efetuar de acordo com as necessidades e folgas de tesouraria, ter rigor financeiro é algo que estou habituado a lidar a nível profissional e facto de termos ou não disponibilidade no imediato per si não significa que avencemos para um pagamento a pronto ... dependerá muito das necessidades financeira não só presentes como futuras.

É neste nivel que enquadro esta tema e reforço que a pergunta que terá de ser feita é:

" Sporting falhou o pagamento de alguma prestação ao Fulham !?"
Sem imagem de perfil

De Gonçalo a 17.08.2016 às 09:44

Concordo com o Sérgio em relação à pergunta fundamental. E por isso das duas, uma:
1. O comunicado não responde claramente a essa questão porque houve de facto falha/atraso no pagamento.
2. O prazo para o pagamento ainda não se esgotou e então o comunicado falha no essencial.

A 2ª hipótese é obviamente menos preocupante, mas não deixa de ser mais uma trapalhada que todos dispensávamos, sejamos ou não apoiantes desta direcção.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.08.2016 às 09:45

O Sérgio é que invoca a "não falta de pagamento" para minimizar o facto que no futebol movimentamo-nos num mundo de milhões e andamos a comprar jogadores a prestações de 200 mil euros.

Sabe-se, por exemplo, que ainda se deve da compra do "Teo" e talvez seja mais pertinente questionar quantos das dezenas de aquisições de BdC andam a ser pagas a prestações deste nível.

E, reitero, tudo isto face à oratória demagógica, para não dizer mentirosa, constante do presidente
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 17.08.2016 às 09:58

Do Teo tínhamos prestações a pagar não vencidas ao River tal foi esclarecido pela direção do clube Argentino, por isso é que falei nos R&C e dos saldos credores e devedores, mais recentemente falou-se nos prémios, sendo que o problema aqui é que ele queria receber o prémio desta época apesar do empréstimo, não sabendo como tal ficou resolvido junto do SCP já li que o clube atual assumiu esse prémio mas tal carece de confirmação.

Não devemos misturar tudo para simplesmente dar mais força à causa Rui.

Sobre os considerandos à oratória de BdC prefiro não comentar muito já que é de difícil explicação só ele saberá os porque(s) que justificam repetir certas considerações que são facilmente postas em causa.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 10:02

Nao me parece razoável:

1. a SAD fazer um comunicado para um assunto tao trivial

2. misturar alhos com bogalhos: o que é que a postura do clube em relacao a vendas dos melhores jogadores tem a ver com dívidas que ainda nao foram saldadas??? Vai muita confusao na cabeca de algumas pessoas...
[Já percebemos que a cada questao financeira vao invocar a frase "nao precisamos de vender". Depois quando o Joao Mário for transferido por mais 40 ou 50% do que por aqui se considerava ser "uma oferta irrecusável" esperamos pelo pedido de desculpas]

3. as transferencias NUNCA sao pagas a pronto. O Rui Gomes tem experiencia suficiente no mundo do futebol para saber isso. Nao é, pois, nada de extraordinário os jogadores serem "pagos às prestacoes" - é a norma! A grande questao é qual o prazo estipulado para o pagamento dos 200 mil euros e SE o Fulham considera que o Sporting nao cumpriu com o acordo. Se alguém sabe responder a esta questao agradecia que me esclarecesse.
Sem imagem de perfil

De Gonçalo a 17.08.2016 às 10:15

O comunicado devia ter respondido, não? Por isso neste momento a questão seja mesmo: "não respondeu porquê"? Enfim, mais uma trapalhada escusada.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 10:18

Na verdade, responde de uma certa forma. Note que o ponto 2 termina com "(...) desta mesma dívida que será liquidada em tempo útil.". Tempo útil implica que será dentro dos prazos originalmente estipulados.

Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 10:24

Na verdade, responde de uma certa forma. Note que o ponto 2 termina com "(...) desta mesma dívida que será liquidada em tempo útil.". Tempo útil implica que será dentro dos prazos originalmente estipulados.

Nao cabe ao Sporting dizer até exactamente quando a dita dívida deve ser saldada. E se o Fulham achar que o Sporting está em falta, há mecanismos para isso - que nao envolvem os jornais.
Penso que o Sporting terá ficado mais "irritado" com a alusao a um empréstimo de Wallyson para saldar a dívida. A mim preocupa-me a quantidade de coisas que continuam a sair cá para fora. Mas nunca saberemos quanto é especulacao inventada pelos jornais e quanto tem realmente uma fonte do interior do clube.

Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Gonçalo a 17.08.2016 às 11:50

Sim, essa do "tempo útil" pode querer dizer isso, mas não é totalmente conclusiva. O comunicado deixa questões no ar e isso nunca é positivo. E sim, também concordo que a forma como estas questões se sabem acaba por ser o ponto mais negativo desta história toda. Enfim, uma trapalhada, mas sem razão para dramatismos. Todo o mal fosse este.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 12:00

E como é que o caríssimo teria formulado para que fosse conclusiva?
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 12:02

Uma alternativa

"Em nenhum momento, a Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD propôs o empréstimo do jogador Wallyson como forma de resolução desta mesma dívida, que será liquidada dentro de prazos acordados com o Fulham F.C."

Acho que acabo de demonstrar que podia trabalhar numa SAD de futebol
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 17.08.2016 às 12:12

Vê se que não é advogado ... verdade!?
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 12:15

Nao sou, nao. Imagino que o que escrevi acima seja legalmente incorrecto? Agradeco esclarecimento
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 17.08.2016 às 12:21

Entendo mal Petinga o meu comentário não sou jurista para analisar o ponto de vista legal do seu comentário :).

Acontece que o achei claro o que contrasta com o que leio de vários advogados relativamente a questões legais, por vezes no trabalho levo com cada testamento a perguntas objetivas ... meu deus ... tiram-me do sério.

è sempre complicado definir regras e montar processos quando os pressupostos vêm de advogados ... as regras nunca são claras e os desenhos dos processos meu deus mais parecem obras de picasso :).
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 12:24

Hahaha obrigado pelo "elogio", se o entendi correctamente - confesso que em geral também acho os juristas pouco claros. Ou, melhor dizendo, jogam com as palavras de forma hábil mas que nem sempre resulta em clareza para os "leigos"

Aliás, lendo os textos de contratos e acordos no Football Leaks por vezes ficam mais dúvidas do que antes
Sem imagem de perfil

De joao pereira a 17.08.2016 às 10:30

Não há dúvida que os 200 mil são referentes a uma prestação do pagamento ao Fulham.

Se tinham dinheiro, almofadas e não têm de vender... pagar o que se deve também não fica mal a ninguém.
E concordo a 100% com o Rui, se não têm dinheiro para pagar 200 de divida como querem gastar Milhoes num ponta de lança.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 11:01

Acho que nao percebeu duas coisas

1. Misturar a declaracao "nao estamos vendedores" em relacao aos jogadores titulares de maior valor com o pagamento de prestacoes em transferencias de jogadores é pouco inteligente

2. Se for a qualquer clube, verificará que as contratacoes de jogadores sao sempre amortizadas durante vários meses/anos. Ninguém paga montantes a pronto e no momento da contratacao o faseamento é acordado. Por isso relacionar uma tranche do pagamento de Bryan Ruiz com as negociacoes em curso para contratacao de jogadores também pouco inteligente...
Sem imagem de perfil

De joao pereira a 17.08.2016 às 11:44

1- Foi num enquadramento de factos e declarações lógica ao longo do último ano:
- Não precisamos de vender
-Temos 2 almofadas

na minha lógica pouco inteligente isto significa que o Sporting tem dinheiro.

Falta de pagamento da tranche acordada... significa na minha lógica pouco inteligente que não há dinheiro.

2- Sei perfeitamente que as compras de jogadores são amortizadas ao longo de várias épocas, duvidas houvesse vimos todos no Football Leaks.
mas também sabe por certo que na aquisição de jogadores o pagamento de parte das comissões ou a totalidade das mesmas são pagas no imediato ao(s) agentes, tal como a 1ª tranche de pagamento ao Clube vendedor.
por isso não me parece pouco inteligente, posso ter sido sim pouco esclarecido e não ter explicado tudo direitinho.

Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 11:58

Caro joao pereira,

Penso que cada um interpreta as coisas à luz do seu entendimento. Penso que o seu é de que no Sporting há muita falcatruas e que BdC é um aldrabao que está a arruinar o clube financeira e moralmente (agora que leio isto, nao diferirá muito do City Lion).

Eu tento olhar para as coisas de forma abrangente. É OBVIO que o Sporting, como qualquer outro clube, precisa de dinheiro. BdC até pode dizer amanha que ganhou o Euromilhoes, que isso nao vai mudar. Portanto, para mim a maior parte das suas declaracoes nessa matéria (truculentas e a meu ver em alguns casos totalmente desnecessárias, mas ele é assim), das "almofadas" até ao "nao precisamos de vender" sao destinadas a avisar potenciais compradores que nao é só chegar e oferecer um saco de caramelos para levar o William ou o Slimani. É por isso que acho tao repetitivo (e revelador de alguma falta de argumentacao) estar-se sempre a bater na tecla dessa declaracao. O Sporting PRECISA de vender um dos seus melhores jogadores. Mas quer faze-lo pelo valor mais elevado possível. É assim tao difícil perceber isto?

O caro refere-se no seu comentário a "falta de pagamento da tranche acordada". De onde é que retirou essa informacao? Nao vem na notícia e muito menos no comunicado.
No restante, a menos que tenha acesso ao acordo entre Fulham e Sporting para a transferencia de Bryan Ruiz, duvido que possa garantir "quando", "como" e "que" tranches devem ser pagas.
Sem imagem de perfil

De joao pereira a 17.08.2016 às 12:24

"Penso que o seu é de que no Sporting há muita falcatruas e que BdC é um aldrabao que está a arruinar o clube financeira e moralmente"

Por acaso não é esse o meu entendimento.

"O caro refere-se no seu comentário a "falta de pagamento da tranche acordada". De onde é que retirou essa informacao? Nao vem na notícia e muito menos no comunicado."

É simples, se o Bryan Ruiz custou 1,2 M com comissão de 120.000, parti do principio lógico que a comissão já foi paga e os 200.000 fazem parte de uma tranche dos 1,2M...
Parto também do principio que as datas de pagamento das tranches foram previamente acordadas e visto não ter em divida 200.000 na minha lógica rebuscada, admito, parto do principio que a tranche não foi paga na data acordada.

E não tenho acesso ao contrato para lhe poder esclarecer o quando e como.

sobre o facto de ser repetitivo e bater sempre na mesma tecla das declarações do presidente, achei que neste caso especifico são adequadas.
Porque quem apregoa aos 7 ventos que tem saude financeira não pode depois ser apanhado na curva pelo cobrador de fraque - retirando a ironia e o exagero desta última frase -
Pagar o que devemos a quem devemos nos termos previamente acordados, tanto na forma como no prazo são praticas de boa gestão e seriedade, pelo menos é essa a minha maneira de ver as coisas, independentemente da pessoa,negócio ou mercado.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 12:31

"Pagar o que devemos a quem devemos nos termos previamente acordados, tanto na forma como no prazo são praticas de boa gestão e seriedade, pelo menos é essa a minha maneira de ver as coisas, independentemente da pessoa,negócio ou mercado."

Concordo.
No caso específico: nao temos dados que permitam concluir que alguém faltou ao que está acordado.

Tres interpretacoes possíveis:

1. O Sporting já devia ter pago os 200k€. Nesse caso está em falta. O Fulham poderia accionar um processo legal para obter a dita tranche. Ou enviar um "reminder" ao Sporting. Nesse caso, duvido que houvesse comunicado porque o clube estaria em falta.

2. O pagamento dessa tranche de 200k€ é devido, por exemplo, em Outubro de 2016 (para dar como exemplo uma data que resida no futuro próximo). O Sporting, antes do pagamento da dita, indagou junto do Fulham se estaria interessado em determinados jogadores do plantel por empréstimo. Se o empréstimo fosse fechado por 200k€, isso liquidaria a dita tranche. Mas isso é precisamente o que é negado no comunicado.

3. O pagamento é devido numa data futura. A verba está destinada (como contabilisticamente deveria ser). Alguém na SAD achou que se podia usar o dinheiro para outras coisas e propoe um empréstimo. Talvez isso até tenha sido discutido em reuniao ou por telefone ou email. E a informacao sobre essa proposta sai cá para fora antes de o clube sequer se ter movimentado nesse sentido.

Dependendo do grau de "confianca" na gestao de BdC e nível de "City Lionismo" (neologismo que acabo de inventar), cada qual escolherá a sua opcao preferida :D LOL
Sem imagem de perfil

De joao pereira a 17.08.2016 às 13:04

Eu tenho um nivel de "CityLionismo" ? LOL boa boa...

Vamos por partes:
Se o tal site/portal inglês mandou a noticia cá para fora e o SCP mandou um comunicado .
Parto do principio lógico que existe uma divida real de 200.000€ entre o Fulham e o SCP.

Daqui temos as suas opções, não acredito na 3ª opção.
Acredito na 1ª ou ainda numa outra mais rebuscada,
o agente de algum jogador sabendo da divida tentou lançar o barro à parede a ver se pega para pelo menos sacar algum porque já viu que aquele seu activo vai estar parado mais uma época e ele tem de colocar jogadores para realizar dinheiro...
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 13:37

Penso que todos temos um nível de "CityLionismo"... mais elevado para alguns, mais baixo para outros LOL

Nao sabendo quais as fontes do site ingles fica complicado aventar mais.

O ponto #1 do comunicado assume que a dívida existe - nunca me viu escrever que ela nao seria "real".
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 13:38

PS: Veja abaixo o comentário do Profeta em relacao a esta nova unidade de medida que acabei de inventar
Sem imagem de perfil

De joao pereira a 17.08.2016 às 14:45

Já percebi !!!
Sem imagem de perfil

De julius coelho a 17.08.2016 às 15:28

Meu caro acredita mesmo que o Sporting nao consegue pagar 200mil? , vê em algum lugar escrito que o Sporting faltou ao pagamento desses tais 200 mil?
Sabe a data em essa verba terá (tería) que ser liquidada?

Pelo facto de procurar a compra de jogadores quer dizer que o Sporting ou qualquer outro clube tem obrigação de fazer o pagamento das suas dívidas de forma antecipada ás suas datas de liquidação acordadas?Por muito pequenas que sejam?
Entre clubes de futebol em que os seus pricipais activos são os jogadores é de todo errado a sua Direçao tentar "a troca" de dinheiro por jogadores? Quando pode até haver interesse mutuo?

Mas afinal onde está o problema ? E as respectivas confirmações de dívida irregular?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.08.2016 às 15:47

O comentário não está alinhado, não sei portanto a quem está a dirigir as suas observações. Mas no que me compete, vou responder.

O Julius está a levar os seus argumentos para o mesmo incorrecto campo que os outros leitores fizeram.

O post não infere qualquer irregularidade com a dívida com o Fulham. O ponto do post é sublinhar que surpreende que um clube como o Sporting, ao nível que compete, ou pretende competir, tenha a necessidade de pagar em várias tranches uma compra de meros 1,2 milhões, muitíssimo pouco no mercado actual.

Se o Julius acha que está em conformidade com a sua visão do Sporting, tudo bem, não está em conformidade com a minha, especialmente tendo em conta a retórica do presidente. Esta, muito além do que é necessário afirmar publicamente para "inglês ver".

No post, optei por não comentar o comunicado do Sporting, mas a sua ambiguidade faz com que sejam levantadas suspeitas sobre a situação. Se não reflecte a realidade, então o comunicado foi muito mal redigido.
Sem imagem de perfil

De julius coelho a 17.08.2016 às 16:05

Rui agora e de repente nao começamos a exagerar , nao faz muito tempo que eram comuns a quantidade dessas dívidas pequenas e que aos poucos se tem reduzido , pelo menos pouco se fala ou escreve em comparação .

Todos nós gostaríamos de ter um Sporting rico como o Barcelona e dono de um banco mas nao é essa a realidade do nosso clube .

Ficamos felizes quando lemos que as dívidas do nosso clube são regularizadas nos prazos independentemente dos seus montantes .

Hoje a realidade dos 3 grandes de Portugal é muito semelhante entre eles na área das suas finanças , mas não era assim á anos atrás. O Sporting apresentava maiores dificuldades visíveis.

Nao sabemos quantos valores semelhantes aos 200Mil estão na agenda de pagamentos do Sporting , todos juntos podem fazer alguns milhôes mas isso faz parte do rigor da gestão do departamento financeiro do clube , o importante é irem resolvendo as situações e nao entrarem em dívidasd irregulares acumuladas tornando de novo a insustentabilidade financeira do clube.

Um jogador que custou 1 200M nao é de todo disparatado a divisão de alguma tranche de 200mil .

Estranho sería um jogador de 5M ter esse tipo de valor nas suas tranches de pagamento.

E já agora num clube de futebol como o Sporting com um numero considerável de jogadores excedentarios que problema tem tentarem a troca de jogadores por dinheiro para pagamento de dívidas?( dentro dos prazos de regularização)Isso faz parte de uma boa gestão financeira.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.08.2016 às 16:15

Voltamos sempre à mesma. Negativos do passado não fazem positivos dos negativos do presente.

Quanto à referência a jogadores, foi o próprio Sporting que negou esse cenário.

Assente na sua argumentação, seria justo questionar quantos "200 mil" foram despendidos, de uma forma ou outra, com as dezenas de flops que foram contratados de há uns tempos a esta parte.

Um ponto que, segundo parece, todos ignoram. De uma forma ou outra acaba por ser conhecido pelos intervenientes no mercado as condições em que o Sporting compra jogadores. Acha mesmo que este cenário dá uma posição de força ao Sporting quando vai negociar os seus próprios activos ?... Parece-me que não. Se clamamos que não precisamos de vender ou que não venderemos muito abaixo do valor das cláusulas e depois compramos um jogador de pouco mais de um milhão a pagar em tranches de 200 mil, qual é a mensagem ? É muito provável que não haja alternativa por falta de liquidez, mas não altera esta realidade.
Sem imagem de perfil

De julius coelho a 17.08.2016 às 16:42

Isso é irrelevante para quaisquer outras negociações no presente ou futuro para a compras de novos jogadores , todos os negócios têm o seu ínicio e bases e todos são diferentes uns dos outros , o importante é as várias partes ficarem todas de acordo e cumprir-se esses mesmo acordos.

O que nos interessa, a mim particularmente é se o Sporting cumpre o que acorda.

Se existe vendas fracionadas em várias tranches de valores diminuitivos é porque o clube vendedor aceitou .

Preocupamo-nos é quando o nosso clube nao cumpre , isso sim é notícia.

Sem imagem de perfil

De julius coelho a 17.08.2016 às 16:47

Até que desconfio (é minha intenção de opinião ) que o Sporting tem estratégia de fasear ao máximo os pagamentos prevendo que se o jogador entretanto nao vingar e tiver que ser revendido ou emprestado o clube que ficar com ele será negociada a responsabilidade da dívida ainda para com ele. E assim nao ter despendido de vez a totalidade do valor da sua compra.

Tudo é possível no mundo do futebol.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 17:17

Aqui concordo com o Julius.
Sem imagem de perfil

De julius coelho a 17.08.2016 às 16:07

O comentário desalinhado foi para o leitor João Pereira
Sem imagem de perfil

De Rui Moreira a 17.08.2016 às 10:32

Se fizeram um comunicado por isto, porque não fizeram um comunicado a negar a dívida ao Téo?

http://www.record.xl.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/sporting/detalhe/leoes-saldaram-divida-com-teo-gutierrez.html
Sem imagem de perfil

De Petinga a 17.08.2016 às 11:02

O Sergio Palhas responde a isso mais acima
Sem imagem de perfil

De joao pereira a 17.08.2016 às 11:51

Com tanta noticia e contradição se calhar é mais fácil o Clube que irá vender o avançado ao Sporting fazer o seguinte:

- Verificar últimas 20 ou 30 contratações do Sporting
- Fazer 20 ou 30 perguntas por email / telefone aos Clubes Vendedores e questionar sobre o pagamento ou incumprimento das tranches acordadas.

Tal como se pode fazer por via de solicitadores e saber se algum particular / empresa com a qual vamos iniciar um aluguer / negócio se têm dividas a terceiros e como estão os pagamentos das mesmas.
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 17.08.2016 às 12:15

Acho bem mais simples consultar a UEFA e o TAS sobre dividas de clubes sobre os quais tenha havido queixa!

Mas isso seria eu o JP pode seguir o rumo que melhor entender :).
Sem imagem de perfil

De joao pereira a 17.08.2016 às 12:31

Sérgio, eu se fosse presidente de um Clube e tivesse levado calotes de outros e com N processos nos tribunais para reaver o meu dinheiro faria de tudo para não ser enganado novamente, seja por que Clube for.

Tirando os Clubes de Magnatas Asiaticos / Russos e os detidos pelo Qatar/Emirados todos têm problemas de dinheiro.
E têm dificuldades em pagar a tempo e horas.

Alguém me diz que é pura coincidencia o timing do negócio Jimenez-Gaitan ?
"Ficas com este gajo (hipervalorizado) porque não tenho a guita toda para te dar do teu e depois compensamos alguma coisa aqui com um empréstimo ok "
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.08.2016 às 14:20

Caro Sérgio,

Creio que não me fiz compreender devidamente neste post. Primeiro e sobretudo, nem sequer me passou pela mente que existam pagamento(s) em atraso com o Fulham.

Mesmo sabendo por experiência própria como estas questões funcionam, surpreendeu-me imenso o valor referido, ou seja os 200 mil euros, por nunca esperar que numa compra/venda tão pequena (1,2 milhões) fosse necessário várias tranches para efectuar o pagamento. Ainda admitiria duas, no máximo; a primeira, pelas assinaturas e a segunda e última para fechar o dossier. Os 200 mil euros, implicam, na minha ideia, que houve acordo para um número acrescido de tranches, o que a este nível e para o Sporting Clube de Portugal não é dignificante.

Tudo isto e mais, se se tomar em consideração a retórica do presidente, hoje e sempre. Uma retórica que acentua falta de transparência e honestidade.

Tendo esta circunstância em consideração, dá agora para perceber melhor a razão que leva a SAD a arrastar-se no mercado e em negociações, indiferente dos activos.

Eu sempre defendi, desde o primeiro dia, que se devia vender um dos principais activos bem cedo no Verão para permitir liberdade de acção no mercado, a fim de reforçar a equipa com atletas que nos oferecem uma garantia razoável de sucesso. Não me agrada, minimamente, que se ande nos "baratos" à procura de achados. É isso que se anda a fazer há três anos, com percentagem resultadista muito questionável.

No post, não me preocupei com as palavras de Nuno Saraiva, muito menos ainda no contexto jurídico. Por norma, não ligo muito a estas missivas, salvo identificar a sua intenção. O único termo dele que me incomodou, pela sua ambiguidade, foi "tempo útil". Fica ao critério de cada um o seu significado, mas não explica coisa alguma, muito menos ainda juridicamente.
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 17.08.2016 às 14:39

Certo Rui tb achei que o comunicado não foi suficientemente esclarecedor. Devido a ambiguidade do mesmo é que insinuei que teria sido escrito por um advogado :).

As questões financeiras vão embarrar sempre no discurso de BdC sim o SCP até estará financeiramente + equilibrado, mas sem grande folga de tesouraria para ir ao mercado, os empréstimos permitiram apenas atingir alguma folga salarial mas não libertou os M€ necessários para atacar o mercado.

Como o Rui referiu uma venda atempada da joias da coroa ajudaria a contornar as dificuldades agora evidenciadas no entanto ficara sempre a dúvida entre:

Vender por 25/35M€ e ir ao mercado atempadamente;
vs
Vender 35/45M€ e ir ao mercado em cima do fecho;

É difícil de medir, esbarrando entre os potenciais ganhos desportivos vs potenciais ganhos financeiros.

Aqui a opção da direção do SCP é Financeira e não desportiva ao mesmo tempo segurando as joias pode se tb afirmar o contrário ... vai depender muito do desenlace final.

SL,
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.08.2016 às 15:29

Sérgio,

Esta questão que agora comenta nem sequer referi no post, mas sim como um assunto lateral em comentário.

Não vejo que o comunicado tenha sido escrito, necessariamente, por um advogado. Nada da linguagem utilizada me leva a crer isso. Ser advogado, não concede, automaticamente, dom de palavra. Aliás, poucos são os advogados que são bons oradores, por escrito ou de outra forma, especialmente fora de um fórum que não seja estritamente jurídico.

O ponto que pretendi sublinhar no post é válido, e foi essa a minha ideia ao publicar o texto. Não tanto o que entretanto se centralizou no v/debate.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.08.2016 às 15:36

P.S. Acho que nunca me leu a clamar que João Mário ou outro deviam ser vendidos por valores baixos, ou seja, 25/30 milhões. O mercado é que manda e agora verifica-se que o Euro valorizou os activos do Sporting. E se Portugal tivesse tido uma pobre prestação ?... Qual seria a postura do mercado, então, para com os nossos melhores activos ?... É tudo muito problemático.

Este problema com o Slimani já era esperado há muito. É difícil comentar porque, na realidade, não sabemos os valores exactos das propostas que chegaram. Há diversas versões. Uma situação que, na minha opinião, devia ter sido devidamente precavida, além de Spalvis, que infelizmente sofreu a lesão entretanto.
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 17.08.2016 às 15:42

Rui esses valores são uma referência às propostas iniciais que o SCP recebeu em Junho/Julho não tiveram por base comentários seus :).

Sobre o Slimani haveria a hipotese de sair pela clausula que toda gente pensava que seria batida .... ninguém bateu :).

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.08.2016 às 16:03

O menor impacte que o Sporting tem no mercado, mesmo com os seus melhores activos, é, para mim, uma clara indicação de que algo não está bem, muito além da visualidade da equipa na Europa. Não desvalorizando, no entanto, este último factor.
Sem imagem de perfil

De julius coelho a 17.08.2016 às 15:41

Entendo o seu ponto de vista , parece de facto irrisório valores como 200mil quando se trata de clubes grandes que negoceiam milhões, nao passa de uma pequena sandwich.

O facto do Sporting apresentar melhorias consideráveis e visiveis na sua parte financeira nao quer dizer que tem uma caixa forte igual ao do tio Patinhas , imagino que perante as enormes dificuldades obrigou a existir mais rigor e engenharias financeiras nos negócios das compras de jogadoresdo dilatando mais os prazos de pagamento e diminuindo o valor das tranches a pagar , sao de facto 200Mil mas desconhecemos "quantos 200Mil" o Sporting tem na sua agenda de pagamentos .

Depois os clubes vivem de momentos muito altos e muitos baixos tambem e tudo tem que ser previsto com cautela para esses momentos menos bons de tesouraria .

Numa conclusão parece-me normalíssimo que assim suceda.

Afinal e comparando com os seus rivais eles funcionam de igual forma tendo presentes várias dívidas de montantes pequenos a regularizar o que demonstra ser uma normalidade na vida de um clube desportivo independentemente da sua dimensão.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.08.2016 às 16:06

Não interessa o que se passa na casa de terceiros. A nossa única preocupação deve ser o estado da nossa casa. Não aceito argumentos comparativos para justificar seja o que for, nomeadamente as nossas insuficiências.
Sem imagem de perfil

De julius coelho a 17.08.2016 às 16:17

Rui raramente invoco os rivais para justificar problemas que afetem o Sporting , mas o Sporting é um clube desportivo e mesmo que nao se queira temos muitas vezes que fazer comparações com os outros com o mesmo nível de dimensão para melhor nos identificarmos com os problemas que podem ser normais na vida de um clube , ou para melhor compreender e enquadrar a realidade dos problemas do futebol português .

Está ligado muitas das vezes.
Imagem de perfil

De Profeta a 17.08.2016 às 12:49

Enfim, é mais do mesmo. Calotes e processos em tribunal! Onde é que eu já vi isto?

O resto é a palha do costume!...

Ah, e não esquecer a divida de 600 mil euros ao Teo - que teve que ser paga pelo Rosário Central - em que arrastaram a situação no decorrer de toda a época!
Sem imagem de perfil

De Zé Bastos a 17.08.2016 às 16:29

Isto é tudo muito ValeeAzevediano, só me faz lembrar o Poborsky, que todas as semanas tinham enviado um cheque e se tinha extraviado, se precisam de pagar 1,2 M€ a prestações imagine-se o estado daquela tesouraria, não havia o Teo de andar na praia, é só empurrar com a barriga e fazer uns comunicados a atacar os comentadores do SLB para distrair a malta, quero ver a conversa do "não precisamos de vender" se o Inter roer a corda como se fala e for antes buscar outro.
Sem imagem de perfil

De Implacável a 17.08.2016 às 23:23

Essa do "não precisamos de vender" é tão básica que, por muito que me esforce, não entendo como é usada como arma de arremesso por Homens que demonstram ser formados, informados e inteligentes...
Já chega, bolas! Como dizem aqui na minha terra, "o que é de mais cheira mal..."

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo