Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




img_920x519$2021_04_19_13_23_13_1840033.jpg

Os adeptos do Liverpool deslocaram-se esta segunda-feira até Anfield para demonstrar a sua revolta face à participação do clube na criação da Superliga Europeia. É possível ler, em alguns dos cartazes afixados nas grades que limitam o Estádio do clube, mensagens como "Vergonha", "Os adeptos do Liverpool estão contra a Superliga Europeia", juntamente com a data de fundação e... fim do clube "R.I.P LFC - 1892-2021"

FREDERICO VARANDAS

"Com a informação recolhida até ao momento, esta Superliga Europeia vai contra todos os princípios democráticos e de mérito que devem imperar no futebol".

LUIS FIGO

"Esta denominada 'Superliga' é tudo menos 'Super'. Este movimento ganancioso e insensível seria um desastre para o futebol de base, feminino e a comunidade futebolística em geral... apenas para servir proprietários, que há muito deixaram de se preocupar com os adeptos e desprezam o mérito desportivo. Trágico".

MESUT OZIL

"As crianças crescem a sonhar vencer o Mundial e a Liga dos Campeões, não uma Superliga. A piada dos grandes jogos é que eles acontecem apenas uma ou duas vezes por ano, não todas as semanas."

ALEX FERGUSON

"“A conversa sobre a Super Liga é um afastamento de 70 anos de futebol europeu entre clubes. Tanto como jogador do Dunfermline nos anos 60 como enquanto treinador do Aberdeen, quando ganhámos a Taça das Taças, para um pequeno clube da Escócia era como escalar o Monte Evereste".

GARY NEVILLE

"“Penso que fazer propostas dessas no meio da pandemia, no meio de uma crise económica, é um escândalo absoluto. O United e os outros seis “grandes” da Premier League que subscreveram o projecto, contra o resto da liga, deviam ter vergonha. Não consigo concentrar-me no jogo. Deviam tirar pontos a essas seis equipas inglesas que aderiram".

ROY KEANE

“Tem tudo a ver com dinheiro, ganância. Ainda não ouvimos nada da parte da FIFA mas isto não soa bem, esperemos que eles (FIFA) consigam parar isto a tempo porque é apenas pura ganância”.

BORIS JOHNSON

"Vamos ver tudo o que podemos fazer com as autoridades do futebol para garantirmos que isto não vai para a frente como está planeado". 

publicado às 14:00

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


15 comentários

Sem imagem de perfil

De João Gil a 19.04.2021 às 14:56

A UEFA e a FIFA talvez devessem deixar estes clubes criar e jogar a superliga. Deviam era retirar (desde o anúncio já feito pelos clubes promotores) todas as consequências disso e sancionar os clubes participantes em todo o alcance dos estatutos das associações, federações e confederações em que esses clubes estão filiados. Não penalizando jogadores, que não são tidos nem achados nesta decisão, mas simplesmente as federações deixando de licenciar esses clubes para os respectivos campeonatos nacionais. Não faz qualquer sentido que queiram ao mesmo tempo açambarcar os recursos financeiros todos e ao mesmo tempo comer do bolo gerado pelas competições nacionais em que afinal não querem assim tanto participar a não ser que fiquem com o dinheiro todo e possam ser campeões por decreto ou por uma espécie de direito consuetudinário. O Real Madrid passaria a ser o crónico campeão da comunidade autónoma de Madrid, o Barcelona o campeão para sempre da comunidade autónoma da Catalunha, o Liverpool o campeão definitivo do Merseyside, etc, etc. A base de recrutamento destes clubes arrisca-se a desaparecer depressa e criar um desastre para o futebol associativo e federado. Como adepto, não vejo mal desde que deixem de participar nas competições que afinal de contas os colocaram neste patamar de notoriedade e de riqueza e vão fazer pela vida em modo mais restrito, embora por enquanto milionário. Por quanto tempo, se veria. A competição e o futebol do povo e para os adeptos talvez ganhasse alguma coisa, por paradoxal que possa parecer. Os clubes grandes toda a vida precisaram dos clubes mais pequenos para sobreviver e recrutar as suas estrelas. Sem isso, não aparecem Messis nem Ronaldos. E esses clubes vão desesperadamente precisar de estrelas. Porque sem elas não há futebol, nem espectáculo, nem dinheiro. SL

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo