Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

18765661_agNDh.jpg

Há algo de surpreendente na actuação de Bruno de Carvalho como presidente do Sporting. Todos nos recordamos da sua auto-suficiência no momento da candidatura. Era a capacidade decisória, os conhecimentos, a experiência empresarial, os investidores… quando alguma coisa parecia falhar, falava grosso aos transeuntes e metia os opositores num saco. Tudo estava previsto, até o 3º elemento que não podia ser identificado porque sofreria sanções.

 

Bruno de Carvalho foi eleito e o tempo correu célere, o “execrável Ricciardi” foi promovido a “amigo Ricciardi”, idem aspas para Álvaro Sobrinho, fez-se a reestruturação financeira que estava na gaveta de Godinho Lopes, lançou-se a celebrada Auditoria no meio de gritos de prisão e outras coisas do género, enviaram-se receitas de Viagra para quem se dizia necessitar, bombardeou-se por aqui e por acolá…

 

Agora, no começo do terceiro ano que está sentado na sua cadeira de sonho, até parece que Bruno de Carvalho perdeu o sentido daquilo que é táctico do que é estratégico. Procura patrocinador mas proclama que o futebol é um “subsistema de ilegalidade”, critica a gestão de Godinho Lopes mas, igualmente, investe no limite para multiplicar os dividendos, a equipa preparava-se para uma eliminatória crucial mas afirmou que se não se passar à fase de grupos da Champions que o plantel será revisto, desanca na UEFA via facebook mas não recorre à diplomacia adequada e efectiva, lamenta o insucesso no play-off mas assistiu sem mexer uma palha aos assobios ao hino da Champions, a Liga Europa pode prestigiar o Sporting na esfera internacional mas a mesma competição é desvalorizada, é assalariado do Sporting mas acusa o futebol de ser um “paraíso do delito”. Mais uma vez recorreu ao facebook e foi buscar a conversa sobre a trampa.

 

Muitos sportinguistas elogiam a forma como o Presidente vive e gosta de defender o Clube, mas não aceitam as atitudes desprestigiantes que assume. Há quem elogie a paixão com que se refere ao Sporting, mas muitos consideram que obsessões retiram o discernimento. Acredito que um dia os sportinguistas voltarão a ter uma relação normal com aquele que presidir aos destinos do Clube, mas para isso será necessário deixar passar, pelo menos, uma geração. Receio que esta lógica primária dos “bons" e dos "maus" de um e do outro lado, com pouco ou nada pelo meio, terá consequências devastadoras. No entanto, um dia, os sportinguistas redescobrirão na matriz leonina uma forma de inter-relacionamento sem recurso a cartilhas de ocasião sobre verdades absolutas nem trarão na algibeira um livrinho com as citações do Mestre, pois recordarão que o dogmatismo inquestionável, em todas as ocasiões e lugares, impediu a adopção de boas práticas e de decisões acertadas.

 

publicado às 15:10

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds