Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Tanto por tão pouco !

Rui Gomes, em 04.05.18

 

image (1).jpg

 

Em inglês temos uma frase que descreve esta situação na íntegra... "so much ado about nothing" (ou seja, tanto barulho por nada). Na véspera de um dérbi que pode vir a ser decisivo no que diz respeito ao acesso à Liga milionária na próxima época, o centro das atenções mediáticas recai sobre a incerteza se o presidente do Sporting irá ou não assistir ao jogo no banco de suplentes, contrariando o castigo que lhe foi imposto pelo Conselho de Disciplina da FPF.

 

No programa Verde no Branco, Sporting TV, esta quinta-feira à noite, Bruno de Carvalho explanou a sua mais recente versão do estado de coisas:

 

"A minha primeira decisão foi ir para o banco. Mas o meu advogado fez-me uma pergunta que acho muito pertinente. Perguntou-me se preferia mostrar a minha indignação indo para o banco - e nesse caso, independentemente de ter a certeza que o castigo de seis dias me seria retirado, a pessoa em questão [José Manuel Meirim] me poderia dar outra suspensão. Ou se por outro lado prefiro ver o jogo calmamente, apreciar a vitória e mostrar a minha indignação vencendo o processo no Tribunal a este senhor.

 

Ao que então respondi que prefiro muito mais, em nome do Sporting e do futebol português, vencer um processo que permita que Portugal inteiro verifique que este tipo de pessoas não podem estar no futebol, do que realmente mostrar a minha indignação no banco e ainda sofrer com isso mais um castigo e dar uma alegria adicional a quem fez isto. A minha opção é, por isso, não ir para o banco, não lhe dar essa alegria e mostrar a minha indignação ganhando este processo cível.

O banco é o sítio onde gosto de estar, ao pé dos meus e de observar os pormenores. Isto é uma questão pessoal pura. Toda a gente sabe que o presidente gosta de ver o jogo ali. Então pensaram 'sim senhor, então vamos esperar uns dias e não o deixar ir'. O bullying não são os X’s dias de castigo, mas sim o facto de eu não ir ao jogo. Espero que as pessoas tenham percebido o que está em causa".
 
Claro, quando ele refere "o meu advogado", quer na realidade dizer o advogado contratado pelo Sporting, uma vez que é o Clube que assume o pagamento de todos os custos dos inúmeros processos em curso.
 
Todos nós percebemos o que está em causa. Bruno de Carvalho ficou indignado com o timing do castigo de seis dias que lhe foi imposto. A bem dizer, também acho que não deixa dúvidas quanto à intenção do órgão disciplinar, podendo ser argumentado que agiu em má fé. Contudo, se Bruno de Carvalho tivesse um comportamento mais digno e em linha com a posição que ocupa no Sporting, nada disto teria acontecido. 
 
Com tudo isto, refiro o post do meu colega Nação Valente, que argumenta, com razão de ser, que Bruno de Carvalho vende, e vende-se, e a comunicação social aproveita-se disso. Sem pretender apelidar o presidente do Sporting de "lixo", na realidade, vivemos numa sociedade global em que "lixo" vende mais e melhor. Daí a explicação para tanto por tão pouco.
 
Última hora: Pelos vistos, o Tribunal Central Administrativo do Sul deu provimento esta sexta-feira à providência cautelar que Bruno de Carvalho interpôs e, por consequência deste juízo, é de esperar ver o presidente no banco.
 
Mas que autêntica telenovela carnavalesca !!!
 
Adenda: Perante alguns comentários que se verificam no post, sinto-me obrigado a dar uma explicação adicional para evitar equívocos quanto à nossa posição, ou melhor, à minha posição, sobre este caso que considero deveras insólito.
 
Ninguém refuta o direito de Bruno de Carvalho agir em defesa própria, como cidadão e/ou presidente do Sporting, se se sentir injustiçado por uma decisão do Conselho de Disciplina da FPF ou de outra entidade. O que indigna mentes sensatas, é o circo mediático em torno de um assunto que no fim do dia tem pouca ou nenhuma importância, muito em especial relativamente ao dérbi de amanhã.
 
O caso devia ter sido limitado aos locais próprios e não transportado para a praça pública, onde a atenção mediática era inevitável. É verdade que houve o usual aproveitamento da comunicação social, mas não sem a comparticipação do próprio Bruno de Carvalho, através das suas declarações durante a semana e da sua intervenção de ontem à noite na Sporting TV, protagonismo este que ele persegue incessantemente.
 
Já referi e reitero que se a sua conduta fosse mais digna e em linha com o que se espera de um presidente do Sporting Clube de Portugal, nada disto teria acontecido. Será pedir muito?... Pelos vistos é!
 

publicado às 16:02

 

19183537_7SlQw.jpeg

 

A Bola - Bruno de Carvalho vai assistir ao clássico entre Sporting e FC Porto, referente à segunda mão das meias-finais da Taça de Portugal, no banco de suplentes dos leões. Trata-se do regresso do presidente à flor da relva depois das ausências nos jogos com Atlético Madrid, em Alvalade, e Belenenses, no Estádio do Restelo.

 

Record - Bruno de Carvalho não só vai assistir ao clássico como voltará ao banco de suplentes. O líder leonino já estava praticamente decidido a regressar aos jogos no Estádio José Alvalade, e a principal dúvida era se ficava no camarote presidencial ou no banco de suplentes. A decisão final está tomada e, esta quarta-feira diante do FC Porto, o dirigente máximo do clube leonino vai voltar a sentar-se ao lado da equipa técnica e dos jogadores.

 

O Jogo - Bruno de Carvalho vai voltar a estar junto da equipa no jogo desta quarta-feira, com o FC Porto. O presidente do Sporting vai sentar-se no banco, como é seu hábito, isto depois de ter falhado os dois últimos jogos, com o Atlético Madrid e com o Belenenses.

 

Sapo Notícias - Bruno de Carvalho deve assistir ao clássico entre o Sporting e o FC Porto a partir do banco de suplentes. A decisão já está tomada e que o líder leonino vai sentar-se novamente próximo da equipa técnica e dos jogadores. A última vez que Bruno de Carvalho se sentou no banco de suplentes foi na partida com o Paços de Ferreira.

 

Jornal de Notícias - Bruno de Carvalho vai voltar ao banco de suplentes de Alvalade no clássico de quarta-feira com o F. C. Porto, a contar para a segunda mão das meias-finais a Taça de Portugal. A última vez que o líder leonino ocupou esse lugar foi na recepção ao Paços Ferreira, jogo em que foi assobiado e insultado pelos adeptos, que chegaram a pedir a demissão.

 

Expresso - Uma das grandes dúvidas é se Bruno de Carvalho vai para o banco ou se assistirá ao jogo ao lado de Pinto da Costa na tribuna presidencial, depois de ter ficado longe da equipa no encontro com o Belenenses. Perante o clima de guerrilha, ter o foco do conflito no banco é um factor de desestabilização ou pode unir a equipa?

 

TSF - Bruno de Carvalho regressa esta quarta-feira à noite a Alvalade e ao banco do Sporting. A última vez que Bruno de Carvalho esteve no banco da equipa foi no jogo com o Paços de Ferreira no dia 8 de Abril e, no final do encontro, ouviu assobios dos adeptos que lhe mostraram também lenços brancos e pediram a demissão. Depois disso, o presidente viu pela televisão o encontro com o Atlético de Madrid para a Liga Europa. Na altura, Bruno de Carvalho estava a acompanhar a mulher e a filha recém-nascida mas, ainda assim, mantinha à distância a ligação e o trabalho no clube.

 

Rádio Renascença - Bruno de Carvalho vai regressar ao banco de suplentes, onde estará junto da equipa do Sporting, na quarta-feira, no jogo da segunda mão das meias-finais da Taça de Portugal, em Alvalade, diante do FC Porto. O presidente do Sporting voltará a sentar-se no banco, em Alvalade, depois de ter interrompido a tradição na segunda mão dos quartos de final da Liga Europa, diante do Atlético de Madrid. A última vez que Bruno de Carvalho assistiu a uma partida com a equipa foi na recepção ao Paços de Ferreira, durante o conflito com os jogadores. Na altura, o líder leonino foi assobiado e vaiado pelo próprio público e, após o apito final, lamentou "a ingratidão e a parvoíce" dos adeptos.

 

publicado às 11:00

Tanto por tão pouco

Rui Gomes, em 05.08.17

 

img_770x433$2017_04_22_00_21_17_1254454.jpg

 

"A Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD vem por este meio informar que foi tomada a decisão, pelo Presidente do Conselho de Administração, de este não estar presente nos jogos fora e no banco de suplentes, assistindo na Tribuna aos jogos disputados no Estádio José Alvalade.

Esta decisão prende-se com a morosidade dos processos na justiça desportiva, que se entende terem contribuído para o denegrir do seu bom nome e o da instituição a que preside, e de decisões, ou falta delas, em processos graves como os vouchers, os e-mails, os SMS, a ausência de decisões em processos em que o próprio é visado sem razão e sem qualquer justificação, a deplorável demora na apreciação do recurso que foi interposto relativamente ao castigo de 180 dias que, entretanto, já foi cumprido, bem como as constantes alterações normativas que vão sendo produzidas e que surgem no panorama nacional sempre que uma certa entidade necessita".

 

Que seja necessário um comunicado para este fim, é nada menos do que espectacular, mas, como sempre, sublinha a importância que Bruno de Carvalho atribui à sua pessoa.

 

De igual modo, escapa a lógica, pelo menos a minha, a relação entre a morosidade do processamento da justiça desportiva e a presença/ausência do presidente dos estádios e/ou do banco de suplentes.

 

Caso haja interesse, o resto do comunicado desta sexta-feira pode ser lido aqui.

 

publicado às 12:37

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo