Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Bas Dost já recebeu a Bola de Prata

Rui Gomes, em 09.08.17

 

basdost2bota.jpg

 

A BOLA, pela mão do director Vítor Serpa, entregou esta segunda-feira ao avançado do Sporting, Bas Dost, o histórico troféu de melhor marcador da Liga 2016/2017, com 34 golos. Uma tradição que leva já 64 anos e cujo primeiro vencedor foi o mítico Matateu.

 

publicado às 05:14

Fotografia com história dentro (12)

Leão Zargo, em 04.09.16

 

Jordão SCP-UL 1.Junho.1980.jpeg

O segundo golo de Jordão: invasão de campo

 

 

Jordão e a Bola de Prata (1979-80)

 

O sportinguista Rui Jordão conquistou a Bola de Prata em 1979-80, atribuída pelo jornal A Bola. Marcou 31 golos e repetiu o feito de 1975-76 no Benfica. O troféu foi disputadíssimo nesse ano e o vencedor ficou decidido na última jornada do Campeonato. Jordão marcou duas vezes (Sporting-União de Leiria) e Nené ficou em branco (Marítimo-Benfica).

 

Alguns anos mais tarde, Jordão recordou esse jogo: "Ao intervalo os meus colegas fizeram apostas entre eles que eu ainda iria conseguir marcar dois golos. Realmente, acabei por conseguir com a ajuda de todos eles. Jamais esquecerei aquela tarde de Alvalade.”

 

A fotografia documenta a invasão de campo que se verificou atrás da baliza sul logo a seguir ao segundo golo de Jordão, aos 88 minutos. Nesse dia, 1 de Junho de 1980, houve quatro invasões do relvado de Alvalade: por cada um dos três golos marcados ao União de Leiria e, no final do jogo, para festejar o título de Campeão Nacional.

 

publicado às 12:59

Gesto nobre de Cristiano Ronaldo

Rui Gomes, em 13.07.16

 

13627916_126456797786924_61917429_n.jpg

 

"Mais do que um capitão és um campeão! Obrigado pelo presente." Foram estas as palavras que Nani escolheu para agradecer, na sua conta de Instagram, o gesto de Cristiano Ronaldo, que lhe ofereceu a Bota de Prata de segundo melhor marcador do Euro 2016.

 

Tal como o capitão da selecção, Nani marcou três golos em França, mas tanto Ronaldo como o francês Guiroud somaram mais assistências, que serviram de critério de desempate. Guiroud ficou com a Bota de Bronze e Ronaldo com a de Prata, mas o capitão entendeu que Nani merecia a distinção e entregou-lha, numa 'cerimónia' no balneário que Nani partilhou com o mundo.

 

O francês Antoine Griezmann, com seis golos marcados, ganhou a Bota de Ouro, de melhor goleador da prova.

 

publicado às 08:28

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo