Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



10373322-3x2-940x627.jpg

A UEFA tem um plano para garantir que as competições de futebol são "decididas no campo" e retomar os campeonatos no verão, segundo uma carta a que a agência noticiosa Associated Press teve esta quinta-feira acesso. A missiva vem assinada pelos líderes da UEFA, Aleksander Ceferin, da Associação Europeia de Clubes (ECA, na sigla inglesa), Andrea Agnelli, e da Associação de Ligas Europeias (EL), Lars-Christer Olsson.

No documento, enviado aos membros daqueles organismos, é elencada uma vontade de "recomeçar o futebol nos próximos meses, com condições ditadas pelas autoridades públicas de saúde", numa resposta à Liga belga, que recomendou o término da temporada 2019/20 com as actuais classificações a serem declaradas finais.

O futebol e o desporto estão suspensos de forma generalizada pelo continente europeu, e no mundo, devido à pandemia de Covid-19, que levou à paralisação das competições ao longo do mês de Março.

A UEFA tem vários grupos de trabalho a tentar encontrar soluções para trazer de volta a competição depois do término planeado, que seria no final de Junho, sendo que o Euro2020 de selecções foi já adiado para 2021. "O trabalho [destes grupos] é agora encontrar cenários que incluam os meses de Julho e Agosto, incluindo a possibilidade de as competições UEFA recomeçarem após a conclusão das ligas domésticas", pode ler-se na carta.

Assim, será necessária "uma gestão conjunta de calendários" para evitar "sobrecarregar" o período de tempo destinado ao arranque da próxima temporada, esperando-se que um plano final seja escolhido "idealmente em meados de Maio". "É da maior importância que mesmo um evento disruptivo como esta pandemia não impeça as nossas competições de serem decididas em campo, de acordo com as regras definidas, e que todos os títulos sejam atribuídos com base em resultados", pode ler-se.

Na Bélgica, que admitiu terminar a época, uma decisão que cabe à assembleia-geral da Liga marcada para 15 de abril, o Club Brugge lidera com 15 pontos de avanço para o Gent, segundo, mas poderá ficar de fora da Liga dos Campeões. "Uma vez que a participação em competições UEFA é determinada pelos resultados desportivos conseguidos no final de uma época doméstica completa, um término prematuro lançaria dúvidas sobre o cumprimento desta condição", acrescenta a missiva.

Assim, fica a cargo do organismo de cúpula do futebol europeu "avaliar a legitimidade dos clubes de serem admitidos a competições europeias em 2020/21".

Reportagem Agência Lusa

publicado às 05:00

UEFA_logo_2012-1 (1).png

A reunião desta terça-feira entre a UEFA e os 55 representantes das federações está a ser aguardada com grande expectativa. Em discussão estarão decisões quanto ao Euro'2020, o formato para concluir as competições europeias e a uniformização de critérios para definir quem são os campeões, quem sobe e quem desce.

Há nesta altura muitíssimas dúvidas e inúmeros rumores, mas esta segunda-feira o jornal espanhol As adianta que, relativamente aos títulos nacionais, a UEFA já tem uma posição.

De acordo com o diário, a UEFA "é partidária que o título seja atribuído a quem liderava no momento em que cada respectivo campeonato foi suspenso caso as competições não voltem".

Ao que consta, contudo, a UEFA ainda acredita que os campeonatos podem ser finalizados "porque o mais que provável adiamento do Euro'2020 deixaria datas livres para fechar o calendário, embora sempre dependente do tempo que demorar a controlar a pandemia de coronavírus".

A reunião com representantes de clubes, ligas e jogadores está agendada para as 9:00 (10:00 horas locais), seguido do encontro às 12:00 (13:00) com as 55 federações, incluindo a Federação Portuguesa de Futebol.Durante a tarde, às 13:00 (14:00 horas locais), o Comité Executivo da UEFA também se reúne.

Enquanto que a UEFA não tem jurisdição para intervir nas provas nacionais, em discussão estará o adiamento do Euro para 2021, muito embora esse agendamento possa vir a colidir com a Liga das Nações da FIFA.

Quanto à Liga dos Campeões e Liga Europa, as duas competições podem ser dadas como terminadas, sem qualquer vencedor.

publicado às 08:00

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Posts mais comentados



Cristiano Ronaldo