Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Erros não escandalosos

Rui Gomes, em 09.01.17

 

  

Não é um caso escandaloso, de modo algum, mas na realidade Joel Campbell está em linha com o jogador do Feirense e o seu cruzamento para Gelson Martins coloca este em posição clara para fazer golo.

 

Houve um outro fora de jogo semelhante mal assinalado, também com iminência de golo, assim como no segundo tento do Sporting Alan Ruiz poderá estar milimetricamente em posição irregular.

 

Para rever o lance de Joel Campbell, faça click na imagem.

 

publicado às 05:11

Os "casos" para resolver

Rui Gomes, em 01.01.14

 

Tudo indica que o Sporting irá tentar resolver alguns dos seus "casos" - aliás, negociações diversas estarão já em curso - pela abertura da "janela" de transferências de Janeiro. Pelos factos à vista, existem três de maior importância: Elias, Labyad e Jeffrén.

 

Elias - Segundo as mais recentes notícias, as negociações entre o Sporting e o Flamengo - onde Elias realizou a época passada por empréstimo - estarão num impasse, pelo menos é isso que o vice-presidente do clube brasileiro - Wallim Vasconcelos - afirmou aos microfones da Rádio Globo: "Estamos numa encruzilhada, os valores pedidos pelo Sporting (cinco milhões de euros) são muito acima do que aquilo que tinha sido acordo durante a negociação quando Eliseu (pai e empresário do jogador) esteve em Portugal. Quando o Sporting fez a oferta, ficaram muito acima do que o Flamengo esperava. Efectivamente, a negociação do Elias travou. Elias deve apresentar-se no Sporting no dia 2 e espero que ele consiga convencer o dirigente (Bruno de Carvalho) a voltar ao valor inicial."

 

Esta é a versão do Flamengo. Desconhece-se a do Sporting, dado que ainda não houve qualquer esclarecimento nesse sentido. Chegou a constar que o negócio poderia envolver algum jogador como moeda de troca, mas são apenas rumores não confirmados. Se, por um lado, o Flamengo está interessado em manter o jogador e adquirir a parte dos seus direitos económicos que são da pertença do Sporting, por valores acessíveis, também é verdade que o Sporting não tem interesse algum em integrar o jogador novamente em Alvalade e, sobretudo, assumir a totalidade do seu salário. Muito por isto, tudo leva a crer que as exigências do Sporting terão de ser dentro de parâmetros razoáveis para não arriscar ficar com o jogador sem pretender utilizá-lo. O contrato de Elias é válido até 2016.

 

Labyad - Como é já bem conhecido, o jogador limita-se a treinar com a equipa B e não está inscrito nas competições oficiais. Consta que havia uma reunião agendada na segunda-feira passada entre o Sporting e o empresário do jogador, mas pelo impedimento deste foi adiada para or primeiros dias do novo ano. Os rumores noticiosos há longo que insistem que tanto o Fulham como o PSV Eindhoven estão interessados em Labyad, provavelmente por empréstimo, com opção de compra - tem contrato até 2017 - já que é duvidoso que algum clube esteja disposto a avançar com uma compra neste momento, pela não actividade competitiva do jogador. 

Já nem vale a pena argumentar que o jogador seria muito útil ao Sporting, uma vez que tudo leva a crer que Bruno de Carvalho há longo que decidiu que o seu único destino é a saída. Isso, ou continuar a ser muito bem remunerado para não jogar. Há quem continue a não compreender - e eu sou um deles - a razão de o jogador ser deliberadamente desvalorizado - por não jogar, pelo menos na equipa B - quando o objectivo é transferi-lo e tentar recuperar o investimento do Sporting. "Há razões que a própria razão não compreende" !

 

Jeffrén Outro caso muito complexo; tal como Labyad, treina com a equipa B mas não pode jogar. O seu empresário, Brian Pugach, estará em Lisboa na próxima semana para tentar resolver a situação, que passará, decerto, por um empréstimo. O obstáculo principal será a exigência do Sporting de que o clube que o pretenda assuma o seu salário na totalidade. A exigência é compreensível, o problema reside com o interesse de clubes nessas condições, sobretudo por o jogador não jogar. O empresário não hesitou em afirmar que há clubes interessados mas que se nada for resolvido, o jogador continuará como está "a receber o que tem direito". Jeffrén, de 25 anos, tem contrato até 2016.

 

Rinaudo - Não sei se este pode ser considerado um "caso", mas poderá muito bem vir a ser a curto prazo. Muito embora o jogador não tenha manifestado qualquer descontentamento em público, não será surpresa alguma vir a saber que estará significativamente desagradado com a sua actual situação. A inesperada ascensão de William Carvalho tapou-lhe o lugar no onze inicial e Leonardo Jardim ainda só lhe concedeu escassos minutos de jogo até este ponto da época. Aliás, o seu papel principal, além de treinar, aparenta ser alternar com Magrão e Vítor Silva a ver jogos da bancada.

Vale o que vale, mas é noticiado que o internacional argentino pediu à Sporting SAD que ponderasse o seu futuro, indicando que face às circunstâncias a sua preferência é sair em Janeiro. Dando-se essa eventualidade, não surpreenderá saber que o Sporting prefere que essa saída seja a título definitivo e, para o efeito, exigirá 5 milhões de euros. Rinaudo tem contrato até 2015 e terá um salário muito razoável. Nestas condições, uma transferência não será muito fácil. Um outro cenário que surgiu recentemente nos espaços noticiosos, é que o Universidade de Chile mostrou interesse em Fito, por empréstimo, no entanto, para este fim, é alegado que o Sporting exige 400 mil euros, valor que poderá impedir a cedência.

 

Welder - O defesa brasileiro chegou a Alvalade por empréstimo, salvo erro por uma época, com opção de compra, mas pelo que é possível observar, os seus dias em Lisboa estarão contados. Treina com a equipa B e apesar de estar inscrito, tem visto muito pouco tempo de jogo. Desconhece-se as cláusulas do contrato mas, sendo possível, deverá deixar o Sporting em Janeiro.

 

Magrão - Chegou ao Sporting depois de ter rescindido com o Figueirense da segunda divisão brasileira. Apesar do optimismo inicial, não tem merecido a confiança de Leonardo Jardim, que até este ponto da época ainda só lhe concedeu 87 minutos de jogo com a equipa principal na I Liga. Entretanto, já realizou 251 minutos na II Liga. Assinou contrato por uma época, com duas de opção. É um caso peculiar em que pouco ou nada justifica a sua permanência - a exemplo de Rinaudo e Vítor Silva, alterna a ver os jogos da bancada - no entanto, é um jogador experiente e o técnico não pretenderá ficar com o banco dos suplentes ainda mais desguarnecido do que já está - especialmente com médios -, por conseguinte, por muito que se admita a sua saída, não surpreenderá que permaneça até ao final da época.

 

Cissé - Este não é uma "caso", mas mais uma situação que talvez necessite algum ajustamento. Chegou ao Sporting no Verão de 2013 por 750 mil euros - 75% do passe - assinou contrato até 2018 e ficou com uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros. Apesar da ser ainda muito jovem - 21 anos - a lógica indica que a intenção original da Sporting SAD era de o integrar exclusivamente na equipa principal, onde se desejava que continuasse no percurso que registou na Académica em 2012/13: 25 jogos como titular - 16 como suplente utilizado - com 9 golos marcados.

Não impressionou Leonardo Jardim o suficiente para merecer minutos de jogo na I Liga - ainda não entrou em campo - e foi encaminhado para a equipa B onde já participou em 8 jogos na II Liga, acumulando 617 minutos de jogo e marcando 5 golos. Com a ascensão do "residente" Betinho, a sua utilização tem vindo a ser reduzida e não surpreenderá vê-lo ser emprestado em Janeiro para uma equipa da I Liga, onde poderá ter a oportunidade de continuar o seu desenvolvimento no escalão superior do futebol português. Consta que o Arouca é o candidato mais provável para os seus serviços.

 

publicado às 23:43

Um por um

Rui Gomes, em 07.08.13

 

 

Estamos a 12 dias do primeiro jogo oficial da época e a 24 do fecho do mercado de Verão e ainda com inúmeros casos por resolver ao que concerne algumas dúvidas nos planteis actuais da equipa principal, da equipa B e dos chamados excedentários:

 

- Oguchi Onyewu: esteve no Málaga por empréstimo durante a época passada, no termo desta juntou-se à Selecção dos EUA que participou no Gold Cup e estará agora a gozar alguns dias de férias. Não existem indicações de regresso à equipa espanhola e ainda com contrato até Junho de 2014 e um salário que andará à volta dos 900 mil euros, necessita urgentemente de ser colocado a título definitivo ou novamente por empréstimo até ao final do seu contrato com o Sporting. Chegou ao Clube a custo zero mas actualmente este só detém 80% dos seus direitos económicos.

 

- Valerei Bozhinov: jogou no Vincenza por empréstimo na época de 2102/13 e actualmente encontra-se a treinar sozinho na Bulgária enquanto aguarda instruções do Sporting quanto ao seu futuro. Tem contrato até 2016 e o Sporting detém 75% dos seus direitos económicos.

 

- Elias Trindade: foi para o Flamengo por empréstimo em Janeiro de 2013 até ao fim do ano, com opção de compra por 8 milhões de euros. Uma decisão que só terá de ser enfrentada daqui a alguns meses. O Sporting detém 50% dos seus direitos económicos.

 

- Evaldo Fabiano regressou ao Sporting depois de uma época por empréstimo no Deportivo da Corunha e tem treinado com a equipa B e a principal, tendo recentemente jogado por esta. Tem contrato até Junho de 2014 e consta que o Sporting já lhe ofereceu renovação por um ano com metade do seu actual salário. Diz o seu empresário que espera ver o caso resolvido no decorrer desta semana. O Sporting detém 90% do seu passe.

 

- Khalid Boulehrouz: não foi convidado a se apresentar para os trabalhos de pré-época apesar de ainda ter um ano de contrato. Desconhece-se onde se encontra neste momento enquanto espera que o seu futuro seja esclarecido pelo Sporting. O Clube detém 100% do seu passe.

 

- Danijel Pranjic: esteve emprestado ao Celta de Vigo durante parte da época de 2012/13 e tem andado a treinar com a equipa B, jogou inclusive na Taça de Honra. O Panathinaikos tem manifestado interesse nele e até chegou a um acordo com o jogador quanto ao seu salário, mas teve de recuar do negócio perante as exigências financeiras do Sporting. Aguarda que o jogador resolva a sua situação com o Clube, uma vez que tem contrato até 2015. O Sporting detém 100% dos seus direitos económicos.

 

- Diogo Salomão: tal como Evaldo e André Santos, esteve emprestado ao Deportivo da Corunha em 2012/13. Tem vindo a fazer a pré-época com a equipa principal mas não aparentar fazer parte dos planos de Leonardo Jardim. Tem contrato até Junho de 2014.

 

- Atila Turan: fez a época de 2012/13 no Orduspor da Turquia por empréstimo. Apresentou-se ao Sporting após o período de férias e foi notificado que não fazia parte dos planos da SAD. Tem  andado a treinar com a equipa B mas não tem sido autorizado a participar nos jogos particulares de pré-época. O seu empresário assegurou o interesse do Stade de Reims da França que chegou a um princípio de acordo com o Sporting, acordo esse que foi renegado pelo Sporting à última da hora, levando o clube francês a emitir o comunicado oficial já conhecido. O jogador continua com um futuro incerto, mas tem contrato até 2016 e o Sporting detém 90% do seu passe.

 

- André Santos: o terceiro elemento ao serviço do Corunha na época passada. Não foi apresentado na equipa oficial apesar de ter feito o estágio no Canadá e foi entretanto relegado para a equipa B. Surpreendente, foi convocado para o Torneio do Guadiana no lugar de Labyad, embora ainda não tenha jogado. Tem contrato até Junho de 2014 e também um futuro incerto. Consta que recusou renovação, mas nada está confirmado.O Sporting detém 25% dos seus direitos económicos.

 

- Jeffrén Suarez: tudo indica que não faz parte dos planos da SAD e está na lista dos transferíveis. Treina com a equipa B actualmente e está com um futuro muito incerto. Tem contrato com o Sporting até 2016 e o Clube detém 75% dos seus direitos económicos.

 

- Zakaria Labyad: é alvo de transferência desde o primeiro dia, muito embora tenha vindo a treinar e a jogar com a equipa principal. Impedido de participar no Torneio do Guadiana por ordem do presidente, o seu futuro está no ar. Consta que será relegado à equipa B até algo ser resolvido. Tem contrato com o Sporting até 2017, que detém 35% do seu passe.

 

- Diego Capel: outro que é alvo de transferência desde o primeiro dia, a fim de viabilizar algum encaixe financeiro e baixar a folha salarial. É visível que se sente incomodado com esta situação e que a sua performance tem sofrido com isso. Rumores de interesse tanto do Liverpool como do Marselha mas até à data nada de concreto. Tem contrato até 2016 e o Sporting detém 75% do seu passe.

 

- Marcos Rojo: apesar de Leonardo Jardim gostar dele e pretender mantê-lo na equipa, também é alvo de transferência desde o primeiro dia. O Sporting recusou uma proposta do Cantania, 8.º classificado da Série A na época passada. O internacional argentino já afirmou que está receptivo a mudar-se, de preferência para um clube de topo numa das melhores ligas da Europa. Tem contrato até 2017 e o Sporting detém os 25% dos seus direitos económicos que adquiriu logo à partida.

 

- Diego Rubio: muito leva a pensar que o jovem chileno também está na lista dos transferíveis. Não foi convidado a fazer a pré-época com a equipa principal e tem-se mantido a treinar coma equipa B, embora com pouco tempo de jogo, a exemplo do que aconteceu na Taça de Honra. Tem contrato até 2016 e o Sporting detém 25% dos seus direitos económicos.

 

- Rui Patrício: o alvo mais apetecível do Sporting no mercado, pelo seu valor e potencial para encaixe financeiro. Depois de uma oferta de 10 milhões do Arsenal ter sido recusada pela anterior Direcção, semelhante recusa foi dada ao Mónaco. Mantém-se a expectativa de uma transferência até ao fecho do mercado. Tem contrato até 2018 e se o Sporting já recuperou os 20% da Holdimo, terá agora 65% do seu passe.

 

Leonardo Jardim ainda não definiu a base da equipa que, contrário ao que Augusto Inácio inicialmente indicou, deverá contar com 23 ou 24 jogadores. É conhecido que a equipa B também anda com um excesso de jogadores e algumas decisões terão de ser tomadas nesse sentido.

 

Por tudo isto, verificam-se muitos casos por resolver - cerca de 14/15 - só com os jogadores acima referidos e pouco tempo para os resolver.

 

publicado às 16:37

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds