Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



gettyimages-1239725422-612x612.jpg

Os 17 golos que Pablo Sarabia marcou pelo Sporting fazem eco em Espanha. Este domingo, a agência de notícias EFE dedicou uma análise aos jogadores do país espalhados pelas principais ligas europeias e conclui que o esquerdino do PSG, emprestado ao Clube, foi o melhor espanhol da jornada.

"É o líder do Sporting. Ninguém na equipa apresenta números tão espectaculares", pode ler-se no artigo, reproduzido entre outros pelo diário desportivo ‘As’, na sequência do bis de Sarabia em Tondela, que ajudou a garantir a vitória por 3-1.

O atacante do Sporting, que já havia marcado na Ligue 1, antes de se mudar para Alvalade, atingiu os 18 golos no total da temporada, pelo que está agora a apenas cinco de igualar a melhor campanha da carreira (2018/19) desde que é profissional, em termos finalização, quando fez 23 (e 14 assistências) em 42 jogos pelo Sevilha (convencendo o PSG a pagar 18 milhões de euros pela sua contratação).

Depois de facturar no campeonato francês (no 4-2 ao Estrasburgo, a 14 de agosto), Sarabia tornou-se no artilheiro-mor do Sporting, com 11 golos na Liga, 2 na Champions, 2 na Taça de Portugal e 2 na Allianz Cup (mais 4 na selecção de Espanha).

De notar que Sarabia, no Sporting, além dos golos regista também 9 assistências.

publicado às 04:34

Sarabia destacado em Espanha

Rui Gomes, em 05.02.22

178436.jpg

As exibições de Pablo Sarabia no Sporting não estão a passar despercebidas em Espanha, naturalmente, e esta semana o jornal Marca destaca a "estrela indiscutível" da equipa leonina.

A publicação lembra os prémios de melhor em campo nos últimos três jogos do Sporting e refere o seu "enorme êxito em poucos meses" do internacional espanhol. "Se havia alguma dúvida acerca da sua capacidade técnica e da insistência de Luis Enrique (seleccionador espanhol) nele, o rendimento que está a ter dissipa-as. O avançado ex-Sevilha, Getafe e Real Madrid está num nível espectacular".

Sarabia, 29 anos, chegou a Alvalade esta temporada, por empréstimo do PSG, e soma onze golos e oito assistências em 30 partidas, acumulando 1692 minutos de jogo, uma média de 56 minutos por jogo.

Tem contrato com o PSG até Junho 2024 e o seu passe está neste momento avaliado em 27,5 milhões de euros, factor que, em combinação com o seu elevado salário ( 6 milhões de euros por época), praticamente impossibilita a sua continuidade em Alvalade na próxima época. A única possibilidade, e é muito remota, recai sobre a disponibilidade do PSG em prorrogar o empréstimo, o que implica que continuará a assumir uma grande parte do dito salário. Isto, ainda, se o jogador também estiver receptivo a continuar.

A época em curso ainda está muito distante do seu desfecho e veremos então a totalidade da sua contribuição de leão ao peito. É de crer, no entanto, mesmo admitindo a sua saída, que a curta estada em Alvalade deixará um excelente registo no Clube e na apreciação dos adeptos leoninos.

publicado às 20:15

Pablo Sarabia em destaque

Rui Gomes, em 07.10.21

img_920x518$2021_10_06_22_14_51_1912622.jpg

Pablo Sarabia foi titular e actuou cerca de 75 minutos na vitória da Espanha em Itália (1-2), contribuindo para a sua selecção garantir o passaporte para a final da Liga das Nações. O avançado do Sporting CP mereceu vários elogios da imprensa espanhola, que destacou a importância e grande atitude do jogador no desafio, mesmo sem ter marcado ou assistido directamente.

Marca

"Começou como '9' mas andou por todo o lado... Numa das situações do jogo em que descaiu para a ala esquerda esteve na origem da primeira grande ocasião da Espanha, finalizada por Oyarzabal. As suas desmarcações deixaram louca a defesa italiana, como no segundo golo espanhol. Deu tudo, até não conseguir mais."

Sport

"Facilitador. Enquanto que Oyarzabal e Ferran Torres brilhavam com golos e assistências, Pablo abria espaços para eles. Num papel mais secundário mas de igual importância, o terceiro homem do ataque foi um incómodo constante para a Itália".

publicado às 03:02

gettyimages-1235369220-612x612.jpg

Os leões Pablo Sarabia e Pedro Porro foram convocados esta quinta-feira para a selecção espanhola, que vai disputar a final four da UEFA Nations League.

Luis Enrique, seleccionador espanhol, chamou os dois Leões para a meia-final contra a Itália, que se realiza a 6 de Outubro no Stadio San Siro, em Milão. Na outra meia-final, que vai ter lugar no Juventus Stadium, em Turim, a 7 de Outubro, a Bélgica encontra a França. Tanto a final (Stadio San Siro) como o jogo do terceiro e quarto lugares (Juventus Stadium) acontecem a 10 de Outubro.

Tanto Pablo Sarabia como Pedro Porro já contam com internacionalizações no currículo. O avançado jogou 12 vezes por Espanha, tendo marcado quatro golos e participado no último Campeonato da Europa, e o lateral vestiu a camisola da equipa principal da La Roja pela primeira e única vez em Março deste ano, tendo sido titular numa deslocação à Geórgia.

publicado às 03:00

Quem segue para a final do Euro 2020?

Rui Gomes, em 06.07.21

skysports-italy-spain-mancini_5438025.png

Sem Portugal no palco das grandes decisões do Euro, por quem torcer agora?

A Dinamarca será a equipa mais simpática, mas começando com a meia-final de hoje entre Itália e Espanha, porventura as duas selecções mais equilibradas da prova, qual delas vai seguir para a final?

Não hesito em confessar que não tenho preferência, mas parece-me que os italianos têm uma ligeira vantagem.

Qual é o prognóstico do leitor?

publicado às 03:19

Portugal tem muito a "pedalar"

Rui Gomes, em 04.06.21

Screenshot (152).png

Bem sei que foi um jogo de preparação, mas o que se viu de Portugal não promete muito. Falhou a finalização espanhola, caso contrário teríamos sofrido um grande dissabor.

Fernando Santos sempre a mistificar, com um onze inicial que, para não variar, mais parecia um dez, mas há "meninos" que na sua ideia justificam preferência.

Na realidade, Portugal só começou a mostrar algum do seu futebol quando o seleccionador decidiu mexer no onze e, mesmo assim, muito pouco para o que se espera desta Selecção.

Veremos o próximo embate frente a Israel que, em princípio, é um adversário inferior a Espanha.

publicado às 20:30

image (1).jpg

A Selecção Nacional de sub-21 apurou-se, esta quinta-feira, para a final do Campeonato da Europa que se disputa na Eslovénia, ao derrotar a Espanha, por 1-0, em jogo da meia-final, carimbando a terceira presença na decisão da prova.

Portugal, que vai agora defrontar os Países Baixos ou a Alemanha na final da competição europeia de selecções, nunca conseguiu erguer o troféu, que ainda pertence à congénere espanhola. Os portugueses foram finalistas derrotados em 1994 e em 2015.

Comentário de Rui Jorge:

"É uma alegria tremenda estar entre as duas melhores da Europa. É um sentimento extraordinário, algo merecido por todo o trajeto que os jogadores têm feito. É a 12ª vitória consecutiva, algo difícil de fazer. Tivemos qualidade, alguma sorte também. A Espanha fez um jogo muito bom mas a sorte bafejou-nos e estamos na final. Foi injusto para a Espanha mas justo para Portugal. Tínhamos de nos aguentar no momento de maior pressão, alterámos para 4x3x3 e as coisas serenaram. É evidente que estou emocionado. É uma final. Mesmo que tivéssemos caído aqui já era um orgulho termos aqui chegado. Todos sabem a dificuldade que é chegar a este nível".

Parabéns e boa sorte para a final!

publicado às 19:15

Foto do dia

Rui Gomes, em 08.10.20

img_920x519$2020_10_07_19_52_10_1763361.jpg

Portugal 0 Espanha 0 -  Estádio José Alvalade - 7 Outubro 2020

O primeiro jogo com público em Portugal Continental desde o início da pandemia de Covid-19

___________________________________________________

Gostei desta frase da "nossa" Mariana Cabral, em Tribuna Expresso:

"2500 espectadores viram o Portugal -Espanha e 2511 viram a Espanha jogar, até Portugal acordar".

publicado às 03:18

1024px-Alvalade0023.jpg

O jogo amigável entre as selecções de Portugal e Espanha, agendado para esta quarta-feira, pelas 19h45, vai preencher 5% da lotação do Estádio José Alvalade. 

Foram distribuídos, via online, 2500 bilhetes para a partida. Os ingressos são nominais, isto é, cada adepto está devidamente identificado, pois a cada bilhete corresponde um email com os respectivos contactos de quem estará no estádio. 

Os bilhetes são destinados a adeptos do clube de fãs das selecções Portugal +, parceiros e família do futebol.

É absolutamente obrigatório o uso permanente de máscara, estarão disponíveis vários pontos de higienização das mãos nas entradas do estádio, onde será feito o controlo da temperatura (quem apresente igual ou superior a 38 graus não terá autorização para entrar). 

Os lugares foram atribuídos com o distanciamento físico e a entrada é desaconselhada a crianças, a pessoas com mobilidade reduzida ou pertencentes a grupo de risco para a COVID-19.

Os contactos dos adeptos presentes poderão ser, em caso de necessidade epidemiológica, disponibilizados às Autoridades de Saúde.

Em termos práticos e tendo sempre em conta a segurança de todos os presentes, foram desenhados perímetros de circulação bem definidos, com sinalética abundante e clara. A entrada dos espectadores será efectuada por várias portas, respeitando o distanciamento físico. Não haverá serviço de bar (a venda de produtos será feita ao lugar), nem guarda objectos.

Os adeptos com bilhete podem entrar no estádio a partir das 18h00.

publicado às 16:21

Recordar é viver

Rui Gomes, em 04.05.20

publicado às 14:00

img_920x519$2019_12_24_13_46_44_1642405 (2).jpg

img_920x519$2019_12_24_13_46_44_1642406 (3).jpg

publicado às 02:30

Leoas começam pré-temporada

Rui Gomes, em 04.08.19

67632918_1554333454701917_4169333481047851008_o.jp

A equipa principal de futebol feminino do Sporting realizou este sábado os primeiros jogos de pré-época. As leoas participaram no Torneio Triangular, na Ciudad Deportiva del Viejo Vivero, em Badajoz.

Os jogos foram todos disputados neste dia e o Sporting e o Santa Teresa CD terminaram o torneio empatados (mesmo número de pontos, de golos marcados e de sofridos).

Resultados dos jogos:

C.D. Pozoalbense 1-2 Sporting CP
Santa Teresa C.D. 0-0 Sporting CP 
Santa Teresa C.D. 2-1 C.D. Pozoalbense

publicado às 02:41

 

48221787_1395191240617855_2416238361804013568_n.jp

 

A equipa de futebol de praia do Sporting CP sagrou-se vencedora da edição de 2018 da Beach Soccer Mar Menor Cup, torneio internacional realizado em Murcia, Espanha.

 

A formação Leonina derrotou na final o Levante UD por 6-5, com os golos a serem apontados por Belchior (três), Cepeda, Coimbra e Duarte. Belchior foi mesmo eleito o melhor jogador da competição.

 

Para chegar à final, o Sporting superou o BSC Madrid e o CD Marbella na fase de grupos, assim como o Playas de S. Javier na fase a eliminar.

 

Confira todos os jogos e marcadores do Sporting na Beach Soccer Mar Menor Cup:

 

Sporting CP 9-1 BSC Madrid
Madjer (quatro), Duarte Vivo (três), Eliott e Pedro Marques

Sporting CP 6-1 CD Marbella
Madjer, Coimbra, Pedro Marques, Belchior, Alan e Duarte Vivo

Sporting CP 5-4 Playas de S. Javier (a.p.)
Belchior (dois), Duarte Vivo, Ricardinho e Coimbra

Sporting CP 6-5 Levante UD
Belchior (três), Cepeda, Coimbra e Duarte Vivo

 

Parabéns leões!!!

 

publicado às 13:45

Explicação incompreensível !

Rui Gomes, em 16.06.18

 

image (2).jpg

 

O árbitro do jogo Portugal-Espanha (3-3), Gianluca Rocchi, recorreu a "uma verificação" do lance que levou ao primeiro golo de Espanha sem, no entanto, visionar o video-árbitro, indicou a FIFA:

 

"Ele [o árbitro] teve uma comunicação com o árbitro principal [VAR] sobre o golo de Diego Costa, após o contacto com Pepe. Ele perguntou: 'rapazes, viram alguma coisa?' E os assistentes responderam: 'Está bom, Gianluca, continua'", explicou a instância suprema do futebol, em declarações à AFP.

 

O VAR não foi, contudo, utilizado ainda no Mundial de Futebol, acrescentou. Para a sua utilização está previsto que o árbitro deva desenhar um ecrã com os seus dedos e consultar o ecrã de controlo na margem do campo.

 

E o VAR  não devia ter intervido ?... Não é essa a sua principal função ?

 

publicado às 12:04

 

image.jpg

 

Muito bom jogo entre duas excelentes equipas, acabando por vencer aquela que foi mais eficaz, ou talvez, a que menos erros cometeu. Portugal foi infeliz ao ter sofrido um golo tão cedo num remate fortuito, com a bola a tabelar num defesa e a trair Varela, mas a equipa espanhola apresentou um melhor jogo colectivo, com a portuguesa a abusar pontualmente do individualismo. O terceiro golo espanhol, mesmo ao cair do pano, resultou de um erro grosseiro de Rúben Semedo, ao não aliviar uma bola de fácil alcance. Portugal fez 21 remates contra os 10 dos espanhóis.

 

Há opções de Rui Jorge que merecem discussão. Difícil de compreender a substituição de Daniel Podence, talvez o melhor jogador em campo, quando ainda havia mais de 30 minutos para jogar. E não digo isto pela entrada de Bruma, que, aliás, acabou por marcar um golo espectacular. Podence terá despendido muito energia com os seus constantes "rasgos", mas creio que ainda tinha mais para oferecer. No outro lado da moeda, a insistência em Gonçalo Guedes a realizar o jogo completo, mas com uma exibição muito fraca. Dá para compreender ter realizado uma época muito abaixo do que era esperado no PSG. Rúben Neves ficou condicionado com o cartão amarelo que levou ainda na primeira parte e passou o resto do tempo muito ao lado do jogo. A entrada de um ponta de lança, Gonçalo Paciência, fez uma diferença notável, disposição que nos leva a questionar a sua não utilização logo de início.

 

  

Fica tudo agora para decidir no terceiro e último jogo da fase de grupos, a ser realizado na sexta-feira. Portugal defronta a Macedónia e a Espanha terá a Sérvia pela frente. Espanha lidera o grupo com 6 pontos, seguida por Portugal com 3, Sérvia e Macedónia com um cada, após o empate de hoje. Recorde-se que apenas os três vencedores dos grupos e o melhor segundo classificado avançam para as meias-finais da prova. A vitória de Portugal sobre a Macedónia pode não ser suficiente.

 

Esta é a primeira derrota dos sub-21 desde Outubro de 2011 (Rússia).

 

publicado às 04:53

 

2875289_full-lnd.jpg

 

A Espanha venceu esta quarta-feira pela primeira vez a Algarve Cup de futebol feminino, ao vencer o Canadá, vencedor em 2016, por 1-0, num encontro disputado no Estádio Algarve.

 

Leila Ouahabi marcou, logo aos cinco minutos, o único golo da partida, permitindo à Espanha ser a sétima equipa a inscrever o seu nome no historial de vencedores do torneio algarvio.

 

Após 24 edições, os Estados Unidos lideram destacadamente o palmarés de vencedores, com 10 títulos, mais seis do que a Noruega e sete do que Suécia e Alemanha.

 

publicado às 05:41

 

COMISS.jpg

 

A Comissão Europeia confirmou que recebeu uma queixa das Ligas de Portugal e Espanha sobre a decisão da FIFA em querer decretar o fim da partilha de passes de jogadores por terceiros (vulgo fundos) e que está a apreciar o dossier:

 

«Ambas as Ligas entendem que a tomada de posição da FIFA é uma afronta contra os fundos de investimento e é violadora da liberdade de movimentos de capitais e de empresas bem como contra a actual regulamentação da União Europeia. Os queixosos entendem que deverá existir uma regulação dos fundos e não a proibição total da sua participação financeiro-económica.»

 

Segunda consta, a iniciativa partiu da Liga espanhola que, entretanto, pediu à portuguesa que se juntasse à tentativa de impedir o organismo mundial de acabar com os fundos já a partir do dia 1 de Maio de 2015.

 

Assunto que ainda vai dar muita discussão...

 

publicado às 13:11

Quem diria ?

Rui Gomes, em 13.06.14
 

 

O jogo que muitos consideravam uma final antecipada, acabou por se tornar numa muito inesperada goleada, com a Holanda a marcar 5 golos à Espanha e a reduzir os Campeões do Mundo, em título, quase ao insignificante, uma autêntica humilhação.

 

Não obstante o resultado, a arbitragem esteve novamente em destaque - embora não tanto como no jogo do Brasil e no do México - Camarões - com uma grande penalidade assinalada por uma muito discutível falta sobre e Diego Costa e, já na segunda parte, salvo erro no terceiro golo holandês, terá havido carga ilegal sobre Casillas.

 

Com um falhanço colectivo desta dimensão - nomeadamente nos segundos 45 minutos - não será justo apontar o dedo a Casillas, mas cada vez mais se verifica que ele já não é guarda-redes que foi e, a exemplo do que acontece no seu clube - não justificará a titularidade.

 

Os homens do jogo, na minha opinião: Robin van Persie com dois golos, o primeiro dos quais um golaço à ponta de lança, e o inevitável Arjen Robben, que também bisou e esteve muito activo no jogo.

 

Com tudo isto, é apenas um jogo e com todo o talento disponível, não se deve menosprezar os espanhóis.

 

publicado às 21:38

Tão estranho este "nosso" futebol

Rui Gomes, em 21.11.13

A Espanha até em derrota é beneficiada. A selecção dos nossos vizinhos foi derrotada pela África do Sul, por 1-0, em um amistoso realizado em Joanesburgo na terça-feira. No entanto, segundo a EFE (agêngia espanhola de notícias), citando a rádio sul-africana "Eyewitness News", a partida, para efeitos do ranking da FIFA, simplesmente não existiu.

 

Aos 81 minutos de jogo o lesionado guarda-redes espanhol Victor Valdez foi substituído por Pepe Reina, uma troca que excedia as seis regulamentares. Por considerar que o jogo acabou por ficar manchado de irregularidade, o organismo que superintende o futebol mundial decidiu anular o resultado, evitando, deste modo, que a Espanha fosse penalizada no ranking pela derrota.

 

africano, provocando mesmo um desentendimento entre o seleccionador Gordon Isegund e membros da federação espanhola. Curiosamente - ou talvez não - a decisão em campo foi autorizada pelo equipa de arbitragem sem sequer consultar os sul-africanos.

 

Em análise final, a Espanha, na actualização do mês, até conseguiu somar mais 42 pontos, enquanto que a África do Sul perdeu 13. Sem surpresa alguma, assim anda o "nosso" futebol por esse Mundo fora.

 

publicado às 03:32

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds