Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



E os "brindes" não param...

Rui Gomes, em 08.09.20

skysports-vitor-ferreira-porto_5089923.jpg

Depois do "brinde" de 40 milhões de euros pelo quase desconhecido Fábio Silva, o FC Porto e o Wolverhampton voltam a fazer mais uma negociata à lá mode, através da qual o emblema inglês recebe outro "reforço" proveniente do clube da Invicta.

Vítor Ferreira (quem?), médio de 20 anos que na época passada jogou principalmente no FC Porto B, ruma a Inglaterra por empréstimo, com opção de compra no valor de 20 milhões de euros.

Curiosamente, o passe dele está avaliado em 5,5 milhões de euros, mas para o efeito deste negócio entre amigos, acaba por ser um factor de pouca significância.

E assim se movimentam alguns... nos corredores obscuros. Em inglês há um adágio muito antigo perfeitamente adequado a estas ocorrências: "The gift that keeps on giving".

publicado às 04:17

Rio Ave confirma interesse portista

Rui Gomes, em 04.08.20

1024.jpg

António Silva Campos, presidente do Rio Ave, confirmou esta segunda-feira o interesse do FC Porto em Nuno Santos e Taremi:

"Há interesse do FC Porto e de outros clubes. O segredo é a alma do negócio e não quero adiantar muito sobre este assunto. Iremos com certeza analisar as melhores propostas que teremos em cima da mesa.

Existe de facto uma cláusula de cinco milhões de euros a pagar ao Benfica (ex-clube de Nuno Santos) se este for transferido para o FC Porto ou Sporting. É uma cláusula um pouco prejudicial para qualquer clube que pense vender o seu activo. Na altura foi o acordo possível, neste momento é um entrave. Penso que com a relação que há entre o Rio Ave e os três grandes iremos ultrapassar de certeza absoluta essa cláusula.

Sempre disse e continuo a dizer que será muito difícil eles continuarem no Rio Ave. O Rio Ave tem cumprido os seus orçamentos, claro que é importante a venda de activos. Temos dois importantes activos, sabemos o real valor deles, não são jogadores que estejam em saldos. Tenho que defender os interesses superiores do Rio Ave e iremos tomar a decisão mais correcta, analisando todas as propostas em cima da mesa para tomar uma decisão o mais acertada possível".

Um cenário algo diferente do que foi ontem reportado pela comunicação social. Além de, pelos vistos, ainda não estar nada confirmado, surge a novidade da cláusula. Esta, não obstante as palavras de António Silva Campos, não será muito fácil de ultrapassar. Se cinco milhões são para o Benfica, quanto é que irão exigir para efectuar a transferência?

Nem sequer comento Mehdi Taremi, pela simples razão de ser um jogador que não me entusiasma. 

Participou em 37 jogos pelo Rio Ave, 31 como titular, e marcou 21 golos. Não é caso para menosprezar, mas, como sempre, ser goleador numa equipa secundária e no Sporting são questões muito diferentes.

Não gosto de ser pessimista, mas não duvido minimamente que se o FC Porto insistir, dificuldades financeiras ou não, leva mesmo os dois jogadores. Pinto da Costa sempre agiu assim, sem olhar a meios.

publicado às 03:47

Ao fim e ao cabo, venceu quem marcou

Rui Gomes, em 16.07.20

cla8.jpeg

O FC Porto não foi brilhante, quanto muito terá sido suficientemente competente para marcar quando houve oportunidade para isso, num lance de bola parada, e assim vencer o jogo e sagrar-se campeão 2019/2020.

O Sporting não jogou mal, aliás, até teve momentos muito bons, mas os muitos miúdos no relvado não conseguiram oferecer o que mais era necessário para chegar à vitória.

Tendo em conta o todo do jogo, talvez seja justo dizer que o segundo golo portista mesmo ao cair do pano foi demasiado penalizador para a equipa leonina.

Da arbitragem não vale a pena falar. Quando em dúvida... mais do mesmo de sempre.

Sporting CP: Luís Maximiano [GR], Eduardo Quaresma (78’, Gelson Fernandes), Sebastián Coates [C], Cristian Borja, Stefan Ristovski (73’, Rafael Camacho), Marcus Wendel, Matheus Nunes, Nuno Mendes, Gonzalo Plata (54’, Francisco Geraldes), Jovane Cabral (78’, Tiago Tomás) e Andraz Sporar.

cla4.jpeg

Rúben Amorim teve isto para dizer:

“Entrámos muito bem no jogo, a ter bola, e tivemos uma oportunidade logo no início, mas depois o FC Porto equilibrou ao seu estilo, com muitos jogadores por dentro. Nós também o fizemos, tentámos pressionar alto porque essa tem de ser a nossa matriz. Tivemos uma bola parada no início da segunda parte, tentámos ir para cima do FC Porto, e até conseguimos, mas faltou-nos sempre qualquer coisa para criar mais perigo. O 2-0 é um resultado claramente exagerado para o equilíbrio que houve no encontro.

GoalPoint-Porto-Sporting-Liga-NOS-201920-90m.jpg

Fiquei com uma boa impressão. Acho que os miúdos se adaptaram muito bem ao jogo, senti-os muito à vontade. Uns jogaram bem, outros não tão bem, mas fico com boas sensações de jogo. Estes jogos são importantes porque para conquistar títulos é preciso um espírito forte e a equipa do Sporting CP vai, certamente, tê-lo. Temos muito trabalho pela frente, mas gostei da forma como eles entraram no jogo e como o equilibraram frente a uma equipa que precisava de um ponto para ser campeã”.

publicado às 03:34

Foto do dia

Rui Gomes, em 16.07.20

cla10.jpeg

publicado às 03:32

Algumas das considerações de Rúben Amorim na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o FC Porto:

"Para mim, volto a dizer que seria importante o FC Porto ter de empatar ou ganhar ao Sporting para ser campeão. É isso que quero porque foco-me no crescimento da minha equipa. O Sporting não pode ser campeão, para mim é indiferente quem for. Eu quero é que estejam todos os factores no jogo".

- "É mais um teste, contra uma equipa forte. O Eduardo Quaresma e o Matheus Nunes, por exemplo, ainda não jogaram estes jogos e vão ter dificuldades que não tiveram até aqui, mas quem está no Sporting tem testes todos os dias."

- "São três pontos e o mais importante é manter esse objectivo, manter a nossa posição e tentar melhorar. O Sporting não pode ter como consolação de uma época em ganhar a um rival seja em que jogo for. Não estamos aqui para impedir que o FC Porto seja campeão, mas para vencermos os nossos jogos e atingir os nosso objectivos".

- "Não é consolação nenhuma, mas queremos vencer. E ainda mais do que vencer, é ver o comportamento da equipa e dos nossos jogadores. Não só o resultado ou os nossos objectivos, mas perceber em que ponto estão os nossos jogadores".

- "O mister Conceição já foi campeão e está a um ponto de o ser novamente. Tem muito mais anos do que eu. Penso que bateu o recorde de pontos do Olhanense, esteve numa final da Taça de Portugal. Não tenho ascendente, pelo contrário. Ele é que tem mostrado mais conteúdo."

publicado às 03:34

Recordar é viver

Rui Gomes, em 29.04.20

publicado às 13:06

Recordar é viver

Rui Gomes, em 05.04.20

publicado às 17:30

Recordar é viver

Rui Gomes, em 27.03.20

publicado às 15:43

Recordar é viver

Rui Gomes, em 21.03.20

publicado às 17:15

4_106.jpg

A equipa de andebol do Sporting perdeu, na noite desta quarta-feira, diante do FC Porto por 23-27, em jogo referente à 25.ª jornada do Campeonato Placard.

Depois do empate na primeira volta, os leões voltaram a encontrar os dragões, desta vez no Pavilhão João Rocha, com a certeza de que, caso triunfassem, ficariam a apenas um ponto de garantir a passagem à fase final da competição.

A formação visitante até foi a primeira a marcar mas, com apenas cinco minutos de jogo decorridos, os comandados de Thierry Anti já venciam por 6-2, resultado contruído com a ajuda das perdas de bola do adversário nas transições ofensivas.

Com as emoções à flor da pele e Frankis Carol em destaque com cinco golos apontados, o conjunto visitante acabou por levar a melhor e desceu aos balneários ao intervalo a vencer por dois golos de diferença (12-14).

Os dragões conseguiram assegurar a vantagem na segunda parte e entraram nos últimos dez minutos a vencer por 19-21, vantagem que não voltariam a ceder até ao apito final.

Este resultado permite ao FC Porto isolar-se na liderança do campeonato nacional quando falta disputar apenas uma jornada até ao fim da fase regular.

Sporting CP: João Pinto, Edilson Araújo, Gonçalo Vieira, Carlos Ruesga (3), Frankis Carol [C] (8), Aljosa Cudic [GR], Tiago Rocha, Carlos Carneiro, Francisco Tavares (4), Manuel Gaspar [GR] (1), Arnaud Bingo (1), Valentin Ghionea (4), Nemanja Mladenović, Marko Vujin (2), Luís Frade, Matevž Skok [GR] e Duarte Seixas.

publicado às 05:00

6a30025e-0a2c-4d67-aad9-cab57b038e47.jpeg

Em jogo da 17.ª jornada do Campeonato Nacional de hóquei em patins, o Sporting foi a casa do FC Porto perder por 6-0 na noite desta quarta-feira. Num duelo em que tudo correu mal, os leões registaram uma exibição que deixa muito a desejar.

Continua uma disputa renhida no topo da classificação com o Benfica agora a liderar com 43 pontos, seguido pelo Sporting com 40, FC Porto 39, Oliveirense 38 e o OC Barcelos com 37.

No rescaldo desta derrota, Miguel Albuquerque, director das Modalidades, teve isto para dizer:

“O que aconteceu aqui hoje nada tem a ver com o Sporting Clube de Portugal. Devemos todos ter a consciência disso. Principalmente quem hoje entrou dentro de campo com a camisola do Sporting CP vestida. Não honraram os nossos valores, nem a nossa história!

Temos de perceber, de uma vez por todas, que o título europeu conquistado na época passada foi muito importante, sem dúvida, mas já está no Museu há muito tempo. Faz parte do passado!!

Uma equipa com esta qualidade individual e com o investimento que esta modalidade tem, não pode, em menos de uma semana, ser eliminado da Liga Europeia e perder um jogo importante, como o de hoje, nas contas do título com resultados humilhantes! O Sporting CP e os Sportinguistas não merecem!

Esta equipa tem qualidade mais do que suficiente e todas as condições para continuar na luta pelo título nacional. Espero sinceramente que já no próximo encontro se lembrem do símbolo que têm ao peito, do que ele representa, e que, sobretudo alguns jogadores, controlem as suas atitudes dentro de campo.

Isto é o Sporting Clube de Portugal. Quem não entender isto, não pode estar aqui!”

publicado às 03:19

Reflexão do dia

Rui Gomes, em 26.01.20

image (2).jpg

Não assisti ao jogo de ontem entre o SC Braga e FC Porto, mas pela informação e imagens disponíveis parece-me que a equipa minhota foi uma justa vencedora e que, no todo da final four da Taça da Liga, foi a melhor formação.

Entretanto, no pós-jogo, e deveras surpreendente, Sérgio Conceição colocou o lugar à disposição, declarando, entre outras coisas:

"Temos de olhar para dentro. É preciso responsabilidade colectiva, a começar por mim. Não estou a falar do grupo de trabalho. É difícil trabalhar em determinadas condições. Primeiro ano sem reforços e sem dinheiro, segundo ano com falta de verdade desportiva e este ano sem união dentro do clube, fica difícil".

É muito improvável que Jorge Nuno Pinto da Costa esteja receptivo a trocar de treinadores nesta altura, mas fica claro que há problemas graves no clube da Invicta.

Pelos vistos, só com o Benfica é que é tudo corre às mil maravilhas, os outros...

publicado às 04:33

Sporting vs AJM/FC Porto

Rui Gomes, em 21.01.20

publicado às 04:01

Leoas do voleibol com grande vitória

Rui Gomes, em 20.01.20

1205f660-3de8-48db-aa1b-e8fb090b0644.jpeg

O Sporting venceu a AJM/FC Porto por 3-1 na 16.ª jornada do Campeonato Nacional de voleibol feminino. As leoas foram mais fortes e conquistaram três pontos na recepção ao líder da tabela classificativa.

Os sets: 25-22, 30-28, 21-25 e 25-16.

No final da partida, grande festejo das leoas com os adeptos no Pavilhão João Rocha. Esta foi a primeira derrota da equipa do Norte.

publicado às 03:20

Sem vender, não haverá reforços...

Rui Gomes, em 06.01.20

GoalPoint-Sporting-Porto-Liga-NOS-201920-90m.jpg

Na realidade, não tenho muito mais a dizer sobre o jogo. Este post visa dar a oportunidade ao leitor que ainda deseja adiantar algum comentário pertinente.

A estatística que desperta maior interesse é a das "faltas cometidas". A bem dizer, indica as faltas assinaladas e não necessariamente cometidas. Das 16 que são atribuídas ao FC Porto, decerto que metade são da pertença de Alex Telles, o tal que teve carta branca de Jorge Sousa para dar "machadadas" a seu belo prazer, e que, com uma arbitragem justa e imparcial, nunca devia ter acabado o jogo.

2020-01-05 (2).png

Como sempre, conta o resultado final e por consequência a tabela classificativa. O Sporting ocupa agora o quarto lugar, a um ponto do Famalicão, e nem o adepto mais optimista alimenta o mínimo de esperança de alcançar as duas equipas que lideram. Parece-me que a derrota de ontem eliminou qualquer possibilidade.

Fala-se em reforços de Janeiro, mas não vejo o Sporting poder ir ao mercado sem vender e para vender irá retirar um activo de valor à equipa. Talvez que haja um clube brasileiro disposto a pagar uns milhões por Luiz Phellype. Uma venda que não me desagrada e que obrigaria uma aposta total no jovem Pedro Mendes, complementado, porventura, por um outro avançado que viesse então do exterior.

download.jpg

(O lance de Bolasie até serve para cartoon)

Compete agora a Jorge Silas e a sua equipa técnica motivar os jogadores para os restantes desafios da temporada, que, muito além do campeonato, incluem a próxima fase da Liga Europa.

publicado às 04:33

Derrota muito injusta...

Rui Gomes, em 05.01.20

81865847_10156516856966555_5269215618472607744_o.j

... Apesar dos dois golos consentidíssimos e alguma ineficácia de finalização. Duas bolas nos ferros e... o habilidoso Jorge Sousa, "bem" complementado por Carlos Xistra no VAR.

A grande penalidade não assinalada pelos dois "artistas", por falta sobre Bolasie, aos 22 minutos, é apenas injustificável.

O Sporting foi superior ao FC Porto em largos períodos do jogo, mas pecou na finalização, face às oportunidades criadas.

E assim se distancia ainda mais do topo da classificação.

Nota: A moderação no post não foi inicialmente activada para permitir livre debate. Na sequência de meia dúzia de 'analfabrutos' que apareceram imediatamente, os comentários serão agora moderados.

publicado às 19:39

Convocatória para o FC Porto

Rui Gomes, em 05.01.20

81222440_10156516154271555_9118323218468306944_o.j

A lista de 18 jogadores convocados por Jorge Silas para o embate deste domingo frente ao FC Porto, a contar para a 15ª jornada da Liga NOS.

Uma convocatória sem surpresas. Luís Neto e Renan continuam a recuperar de lesão, Jovane Cabral já está integrado nos treinos da equipa mas ainda não estará em condições para alinhar em jogos, Rosier terá sido preterido por opção técnica e Pedro Mendes alinhou ontem pelos sub-23.

A única dúvida sobre o 'onze' inicial é se o Mister Silas vai reforçar o meio campo, agora que Rodrigo Battaglia está disponível. Mesmo tendo isto em conta, creio que a equipa será a seguinte:

Luís Maximiano; Stefan Ristovski, Coates, Mathieu e Acuña; Doumbia, Wendel e Bruno Fernandes; Vietto, Bolasie e Luiz Phellype.

Mediante as circunstâncias, Battaglia, Rafael Camacho e Gonzalo Plata são candidatos a entrar no decorrer da segunda parte.

Nota: Luís Maximiano celebra hoje o seu 21.º aniversário.

publicado às 16:16

porto-sporting-andebol (2).jpg

O FC Porto criticou veemente esta quinta-feira a Federação de Andebol de Portugal por esta ter indicado à Confederação do Desporto de Portugal o Sporting para receber o prémio de equipa do ano em 2019.

Num comunicado intitulado de 'Vergonhosa Miopia', emitido no site oficial do clube, os dragões falam em "absoluto desrespeito" pela "equipa, que se sagrou campeã nacional, venceu a Taça de Portugal, a Supertaça e chegou à final four da Taça EHF".

Leia o comunicado do FC Porto na íntegra:

"A Federação de Andebol de Portugal decidiu indicar à Confederação do Desporto de Portugal o Sporting como a equipa que mais se notabilizou na época 18/19, esquecendo os feitos nacionais e internacionais da nossa equipa, que se sagrou campeã nacional, venceu a Taça de Portugal, a Supertaça e chegou à final four da Taça EHF.

Esta decisão da FAP é um absoluto desrespeito pelo FC Porto e pelos seus atletas, que não servem para ser justamente indicados como integrantes da melhor equipa portuguesa, mas servem para jogarem pela selecção nacional.

O ridículo da situação é que em competição directa o FC Porto bateu o Sporting de forma clara no campeonato, que venceu com confortável vantagem, e eliminou-o da Taça de Portugal.

Infelizmente, esta decisão da FAP está em linha com outras tomadas nos últimos anos e em sintonia com a vergonhosa miopia aquando do escândalo Cashball."

Hesito em adiantar comentários porque não acompanho a modalidade o suficiente e por desconhecer os critérios que levaram à decisão da FAP. Em princípio, até me parece que o FC Porto terá razão, mas será que há justa causa para o efeito?

Já a referência ao Cashball pelo clube dos Apitos e afins, é conversa para outra ocasião.

publicado às 02:47

2019-12-10 (1).png

O FC Porto respondeu esta terça-feira às críticas apontadas pelo Benfica ontem na sua newsletter diária que dizia "que nunca, como nesta jornada, foi tão evidente a pressão exercida sobre as equipas de arbitragem de quem anseia desesperadamente por um regresso a um passado de triste memória".

Na newsletter 'Dragões Diário', os azuis e brancos ripostam com duras palavras ao longo de vários parágrafos que intitulam de "Palha para burros":

"É natural que uma instituição que alcançou os maiores sucessos num tempo em que tinha uma ligação estreita com a ditadura e que tem sido nos últimos anos dirigida por uma pessoa que já foi condenada por roubo e por um grupo de indivíduos que inclui um director jurídico que vai ser julgado por corrupção, um director do departamento de apoio aos jogadores preso por tráfico de droga e um director de futsal fugido durante nove anos à justiça seja uma instituição complexada com o próprio passado e com o presente".

publicado às 11:15

6_25.jpg

Depois da vitória frente à UD Oliveirense na última jornada, a equipa de basquetebol do Sporting foi ao Dragão Caixa vencer o FC Porto por 78-89, em jogo da 11.ª ronda da Liga Placard.

Até ao final do primeiro quarto, a equipa da casa foi mais assertiva na hora de atacar e alcançou uma vantagem de quatro pontos (23-19).

No entanto, os leões entraram no segundo quarto a dar mostras de querer virar a contenda e marcaram sete pontos consecutivos, assegurando uma vantagem no marcador que nunca mais largaram até ao final da partida.

3_35.jpg

O Sporting chegou ao intervalo a vencer por um ponto, 37-38, e entrou no último quarto com uma vantagem de seis pontos, 56-62, muito por mérito de uma grande exibição de Ellisor, complementado por Travante Williams que a este ponto do jogo já registava 27 pontos.

Com vários lançamentos de três pontos certeiros, o Sporting controlou os últimos minutos a seu belo prazer perante um conjunto portista que se mostrou incapaz de fazer frente à qualidade individual dos atletas da formação leonina.

Com este resultado, o Sporting CP assume a liderança da Liga Placard juntamente com Benfica e FC Porto, todos com 21 pontos em 11 jogos, seguidos pela Oliveirense com 18.

Na próxima jornada, agendada para 14 de Dezembro, o Sporting defronta o CAB Madeira.

publicado às 03:03

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo