Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Foto do dia

Rui Gomes, em 28.02.21

154846096_10157566640766555_978874046492602594_o.j

João Mário e João Palhinha

publicado às 04:45

A perseguição não tem pausa

Rui Gomes, em 13.12.20

img_920x518$2020_12_12_17_07_09_1790922.jpg

João Mário homenageado antes do jogo com o Paços de Ferreira

pelos seus 100 jogos de leão ao peito.

O Conselho de Disciplina da FPF instaurou um processo disciplinar a Frederico Varandas, Miguel Braga e ainda ao jogador João Mário pelas críticas destes à arbitragem após o jogo Famalicão vs Sporting. Segundo explicou o CD em comunicado, a decisão "tem por base participação disciplinar apresentada pelo Conselho de Arbitragem da FPF, por alegadas declarações proferidas em órgão de comunicação social".

O referido processo foi enviado à Comissão de Instrutores da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, "ficando excluída a publicidade até ao fim da instrução", pode ainda ler-se na nota.

Veremos o que vai sair deste processo. Qualquer eventual sanção a Frederico Varandas e Miguel Braga é de menores consequências, já o mesmo não se pode dizer de João Mário, caso venha a implicar o seu afastamento de jogos.

O que o presidente disse no final do jogo em Famalicão já é bem conhecido. Eis o que João Mário afirmou na flash-interview da Sport TV:

"Anularam-nos um golo limpo, no final, já vi o lance e não consigo ver falta. Faz parte, mas é difícil compreender esta decisão. Há que haver respeito e não houve. Acabamos por responder a algumas bocas do banco do Famalicão. Foi um bom jogo e infelizmente não nos deixaram ganhar.

Sinto orgulho por atingir a marca de 100 jogos pelo Sporting. Faltou a vitória, fizemos por isso, chegámos a marcar, mas o árbitro acabou por anular o lance".

A verdade tem um peso que nenhuma mentira pode falsificar, mas... tem o seu preço!

publicado às 03:33

João Mário regressou ao Sporting Clube de Portugal esta temporada e, nesta quinta-feira, em conversa com jornalistas, deu conta da satisfação pelo regresso.

“Vive-se um ambiente muito agradável e sente-se uma grande lufada de ar fresco desde o presidente, ao treinador até ao roupeiro. Estou mesmo muito contente por encontrar este ambiente no Sporting CP. A equipa é muito jovem e humilde. Vejo muita qualidade e vontade de fazer as coisas bem”.

Pode ler o resto das suas declarações aqui.

publicado às 03:03

img_920x519$2020_10_06_20_43_26_1763006.jpg

João Mário foi oficializado esta terça-feira como novo reforço do Sporting. O internacional português vai voltar a vestir a camisola #17 no regresso a Alvalade, escolha que explicou em declarações ao site oficial do Clube:

"Acredito sempre que no que corre bem não se mexe. Gosto muito deste número. Tentei tê-lo noutras equipas que representei, mas não foi possível. O facto de estar disponível neste momento no plantel do Sporting é um sinal. Tenho muito orgulho em voltar a vestir o 17 com a camisola do Sporting.

As sensações são óptimas. Sempre quis voltar onde me sinto bem, onde quero voltar a ser feliz e para mim é uma grande honra voltar a esta casa, que conheço bem. Sou mais um para ajudar. Quero voltar a ser feliz. Aqui fui feliz e sinto-me bem.

Regresso também pelo facto de ter uma relação muito próxima com o presidente, que me convenceu e fez um grande esforço para que tomasse esta decisão. Volto para uma casa que conheço bem, onde conheço as pessoas e onde quero encontrar o meu melhor futebol.

Tenho de conhecer os meus novos colegas, só trabalhei com o Seba (Coates) e conheço o Neto da Seleção. O treinador é diferente mas gosto do que tenho visto: um plantel jovem e um treinador jovem com excelentes ideias. Identifico-me muito com o projeto. Aposta na formação? Parece bem. O Sporting sempre foi formador e é um orgulho ver tantos jovens na primeira equipa. Quero ajudá-los.

Estou mais maduro e experiente. Estive quatro anos fora onde aprendi bastante".

publicado às 04:33

João Mário foi apresentado

Rui Gomes, em 06.10.20

img_920x518$2020_10_06_20_41_08_1763004.jpg

Nota: Miguel Luís ruma ao V. Guimarães em definitivo. Detalhes da transferência ainda não foram divulgados.

O Sporting inscreveu oito "excedentários" na Liga até às 18h00.

publicado às 20:44

img_770x4332016_02_19_16_26_33_1066354.jpg

O regresso de João Mário a Portugal pode ser dificultado por uma cláusula antirrivais que, garante o Sporting, existe e está em vigor. E, quando se fala em regresso, refere-se, na realidade, a um hipotético regresso, dado que nada existe neste momento nesse sentido.

Esta segunda-feira, através do Twitter, o responsável pela Comunicação do Clube, Miguel Braga, frisou isso mesmo, contrariando informações que apontavam noutro sentido:

"Foi pena se tenham esquecido de mostrar o contrato de revogação entre o jogador e o Sporting. Sim, existe uma cláusula antirrivais de trinta milhões de euros e sim, está em vigor".

João Mário, 27 anos, deixou Alvalade em 2016 para rumar ao Inter. Sem vingar no clube italiano, foi entretanto emprestado ao West Ham United e, na última época, Lokomotiv de Moscovo. Este Verão, já foi apontado em diversas ocasiões ao Benfica.

publicado às 20:07

João Mário como moeda de troca?

Rui Gomes, em 17.05.20

15697830468740.jpg

O Inter continua interessado em duas das principais figuras da I Liga portuguesa e poderá ter em João Mário um trunfo para garantir pelo menos uma delas.

Os 'nerazurri' há muito que seguem Marcos Acuña e recentemente começaram a apontar também baterias para Jesús Corona, do FC Porto. Agora, o portal 'InterLive' afirma que o internacional português poderá vir a ser moeda de troca num eventual negócio com 'leões' ou 'dragões'.

João Mário encontra-se, actualmente, cedido ao Lokomotiv Moscovo, mas é praticamente certo que o emblema russo não exercerá o direito de opção para contratar o médio para a próxima temporada, visto que para esse fim teria de pagar os 18 milhões de euros fixados aquando do acordo de empréstimo.

Já Acuña e Corona têm mesmo sido, pela voz dos respectivos empresários, ligados a uma eventual mudança para o campeonato italiano.

No que diz respeito a Acuña, duvido muito que o Sporting esteja disposto a abrir mão num negócio que possa envolver troca por outro jogador, mesmo que esse jogador seja o João Mário.

O antigo leão nunca se realizou lá fora ao nível a que assistimos no futebol português e é expectável que tenha um salário muito além do que o Sporting estará receptivo e apto a aceitar.

Por outro lado, Acuña é visto como um dos elementos mais importantes da equipa, até pela sua notável polivalência. A sair de Alvalade, será por um valor bastante elevado, pelo menos parece-me lógico que assim seja.

publicado às 04:04

6aa5b7fbb053569a05298cc348200787-63976-95723157c8e

João Mário respondeu a perguntas dos fãs nas redes sociais e, sem surpresa, os tempos de Sporting foram recordados:

"É difícil escolher o melhor momento no Clube. Lembro-me dos tempos da formação em que fiz amizades para toda a vida. Lembro-me muito bem do último ano em Alvalade, uma época que correu de feição a nível individual. Foram muitos os bons momentos e guardo o Sporting para sempre no meu coração".

O campeão europeu por Portugal (2006) falou ainda, inevitavelmente, sobre a pandemia que assola o Mundo:

"Não sou especialista pelo que a única coisa que posso dizer é que devemos todos seguir os conselhos dos especialistas de saúde e medidas dos governos para controlar esta situação e para que possamos voltar à vida normal o mais rapidamente possível".

O jogador do Lokomotiv garante "adorar Moscovo, uma cidade óptima para se viver" e confessa que não é fácil aprender a língua russa. "Sei algumas palavras que me ajudam no dia-a-dia, tanto nos treinos como nos jogos. Tento, semana após semana, melhorar o meu russo".

João Mário confessou ainda que é algo supersticioso e que escolheu alguns números de camisola ao longo da carreira com base nisso.

publicado às 03:17

maxresdefault.jpg

João Mário, actualmente na Rússia ao serviço do FC Lokomotiv Moscovo, adiantou esta observação sobre o Sporting, clube da sua formação, em entrevista ao jornal Marca:

"É um clube pelo qual terei sempre muito carinho, uma vez que foi lá que me tornei jogador de futebol. Infelizmente, o Sporting não consegue ter a estabilidade necessária para que possa ser um clube altamente competitivo. Espero que consiga encontrar essa estabilidade, para voltar a ganhar esse campeonato tão desejado por todos os adeptos. A estabilidade é o requisito essencial que falta ao Sporting".

publicado às 13:37

 

image.jpg

 

João Mário e André Silva conviveram com os alunos de uma das escolas leirienses afectadas pela tragédia dos incêndios. Os jogadores ofereceram bilhetes aos jovens para o o encontro desta noite frente aos Estados unidos; informa a Federação Portuguesa de futebol no seu site oficial.

 

publicado às 20:14

 

islam-slimani-95749.jpg410281-4d9d684feb705644490b181621065682-57005-d41d

 

O nosso estimado leitor PSousa abordou-me com a sugestão que os nossos leitores teriam interesse em debater a viabilidade de o Sporting recuperar Islam Slimani e João Mário na próxima abertura da janela de transferências, nem que seja por empréstimo. Recorda o leitor aquele histórico mês de Janeiro de 2000, em que o Sporting se reforçou com André Cruz, César Prates e Mbo Mpenza, com o resultado que todos nós sabemos.

 

Parece ser verdade que os dois jogadores não estão satisfeitos nos seus respectivos clubes e que Slimani até já fez saber que gostaria de sair em Janeiro. Creio que recomprar estes dois futebolistas é uma realidade muito distante do Sporting. Recorde-se que Slimani saiu para o Leicester em Julho 2016 por cerca de 30 milhões de euros. Tem contrato até Junho de 2021 e, segundo o portal Transfermarkt, vale actualmente 25 milhões de euros. João Mário, partiu para Milão sensivelmente na mesma altura, com o Inter a pagar cerca de 40 milhões de euros. Tem contrato até Junho de 2021 e é suposto valer 30 milhões de euros.

 

Perante este cenário, qualquer deliberação neste sentido seria com empréstimos em mente, e mesmo assim o Sporting teria de assumir uma boa parte ou até a totalidade de dois salários muito substanciais.

 

O jornal argelino L'Expression avança que Islam Slimani pretende aproveitar o mercado de Inverno sair do Leicester, clube que o contratou ao Sporting no final de agosto de 2016, numa transferência que ficou registada por cerca de 30 milhões de euros. A notícia, que salienta o regresso do avançado à selecção da Argélia, sustenta que Slimani pretende deixar o clube inglês o mais depressa possível de forma a poder jogar com regularidade, recuperando assim a imagem e estatuto de finalizador implacável.

 
Slimani soma apenas 307 minutos de jogo esta temporada, resultantes de participações em seis encontros da Premier League (107 minutos) e Taça da Liga (200), onde já marcou quatro golos, depois de também não ter sido muito utilizado em 2016/17: 31 jogos (23 na liga inglesa), num total de 1757 minutos (1277 na liga inglesa) - nove golos (sete na liga inglesa).

 

À margem dos trabalhos da Selecção Nacional, João Mário foi instado a comentar a sua situação e o seu futuro: "Contra factos não há argumentos. É óbvio que queria jogar mais, como qualquer um na minha situação, mas acredito sempre que as coisas podem mudar e é nisso que trabalho. Ainda é cedo, falta algum tempo para o mercado. Irei ver o que irá acontecer e depois tomarei uma decisão, sempre com noção do que é melhor para mim e do que ambiciono para a minha carreira."

 

Consta que há vários outros clubes interessados em ambos, por conseguinte, qualquer tipo de regresso a Alvalade teria de primeiro ultrapassar essas exigências do mercado. Nada é impossível, mas, na minha opinião, muito pouco provável, mesmo admitindo o interesse do Sporting.

 

publicado às 04:45

Muito fumo para tão pouco

Rui Gomes, em 10.06.17

 

Se há algo relacionado com o Sporting que possa ser "adornado" de forma negativa, podemos ficar tranquilos que órgãos noticiosos cá do burgo, nomeadamente A Bola ou o Correio da Manhã, só para nomear dois, encarregam-se de trazer a mensagem para a praça pública portuguesa, hoje e sempre, diga-se.

 

maxresdefault.jpg

 

O jornal A Bola reporta esta sexta-feira que a imprensa italiana, nomeadamente o Calciomercato, revela que 13 milhões de euros referentes à transferência de João Mário para o Inter não chegaram aos cofres do Sporting.

O Calciomercato noticia que teve acesso aos documentos relativos ao negócio, que comprovam os pagamentos de 4 milhões de euros a uma empresa designada Sports Invest UK, mais 9 milhões de euros à Quality Football Fund Ireland Limited, que detinha 25 por cento do passe do internacional português.

A confirmaram-se estes valores, são 13 milhões de euros pagos pelo Inter de Milão numa transferência anunciada no Verão passado por um total de 40 milhões de euros, mais cinco por objectivos.

A mesma fonte já tinha revelado dados sobre o negócio de Gabigol que forçou igualmente o Inter a dois pagamentos extraordinários: 12 milhões de euros por 40 por cento do passe, que pertencia ao próprio jogador, mais 6 milhões à Doyen Sports, que detinha 20 por cento dos direitos do brasileiro.

Feitas as contas, o Calciomercato refere que 35 milhões de euros (42 por cento) do total das duas transferências não foram directamente para o Sporting nem para o Santos.

 

No que ao Sporting diz respeito, desconheço o envolvimento da empresa Sports Invest UK, embora esta seja facilmente identificável. Não me referi ao respectivo Relatório e Contas da Sporting SAD, mas se o valor refere a uma qualquer intermediação no negócio, deve estar devidamente documentado. Já quanto à Quality Football Fund Ireland Limited não existe mistério algum. A empresa detinha uma percentagem dos direitos económicos do jogador e foi devidamente compensada.

 

Salvo existir algo por explicar com a Sports Invest UK, parece-me mais um caso de muito fumo para tão pouco, na procura do usual sensacionalismo mediático.

 

publicado às 03:44

João Mário é baixa na selecção

Rui Gomes, em 07.06.17

 

João Mário, a contas com uma lesão muscular é baixa para o selecionador Fernando Santos e foi dispensado dos trabalhos da selecção portuguesa. O médio do Inter sofre de uma lesão muscular num gémeo e pela frente tem uma paragem de dez dias. João Mário está, por isso, fora do jogo de sexta-feira na Letónia, de apuramento para o Mundial da Rússia, e é também carta fora do baralho para a Taça das Confederações.

 

19636043_a1kFs.jpg

 

Está assim encontrado o nome que Fernando Santos tinha de riscar para a Taça das Confederações. O seleccionador chamou 24 jogadores para o jogo com a Letónia, mas tinha até esta quarta-feira para enviar para a FIFA a lista final (23 nomes) de escolhidos para a prova que se joga entre 17 de Junho e 2 de Julho.

 

Lamenta-se a indisponibilidade de um jogador da qualidade de João Mário mas, mediante o sistema de jogo e as opções de Fernando Santos, talvez seja uma boa oportunidade para Gelson Martins. Já no encontro amigável contra o Chipre a sua entrada no segundo tempo deu logo uma dinâmica extra às manobras ofensivas da 'equipa das quinas'.

 

publicado às 12:00

 

 

João Mário marcou este domingo o seu primeiro golo pelo Inter (aos 55'), embora os nerazzurri tenham perdido em casa diante do Cagliari, por 2-1.

 

publicado às 04:53

João Mário vai falhar a Selecção

Rui Gomes, em 27.09.16

 

joao-mario_43789.jpg

 

João Mário vai falhar os dois próximos jogos da Selecção Nacional, da fase de qualificação para o Mundial 2018, devido a lesão. O médio do Inter de Milão tem paragem estimada para três semanas, depois da lesão sofrida antes do jogo com o Bolonha, neste último fim-de-semana. Sofreu um estiramento no gémeo da perna esquerda, lesão que o clube italiano confirmou.

 

Além de falhar os jogos da Selecção Nacional, o antigo jogador do Sporting também não defrontará a Roma, pelo Inter. Poderá voltar à competição a 16 de Outubro, no desafio com o Cagliari, de Bruno Alves.

 

Os encontros da equipa das quinas estão marcados para 7 de Outubro, em Aveiro, contra Andorra e 10 de Outubro frente às Ilhas Faroé, como visitante.

 

Desejamos a sua rápida recuperação.

 

publicado às 04:11

João Mário não inscrito na Europa

Rui Gomes, em 02.09.16

 

img_FanaticaBig$2016_09_02_12_45_22_1151602.jpg

 

A bem dizer, a vida de João Mário já nada tem a ver com considerações sportinguistas, mas não resisti comentar recém-notícias provenientes da Itália, em que é revelado que o antigo jogador do Sporting não foi inscrito na UEFA, pelo Inter de Milão, de modo a poder participar na Liga Europa. Isto, alegadamente, relacionado com as regras de fair-play financeiro.

 

Confesso que não sou um perito nesta matéria, mas há aqui algo que me ultrapassa completamente, aliás, diria até que ultrapassa, em princípio, qualquer racionalidade lógica.

 

O jogador foi contratado - entre outros - está nos registos financeiros do clube e está inscrito na Liga italiana. Qual será o impacte de competir ou não na Europa, neste enquadramento ? Não vejo...

 

Faz mais sentido - que até foi noticiado inicialmente - que a exclusão de João Mário e de mais um ou dois - deve-se exclusivamente à gestão do plantel por Frank de Boer, de algum modo semelhante ao que Jorge Jesus fez no Sporting na época passada, por outras vias, dado que o objectivo prioritário do Inter é o título da Série A e não as provas europeias. 

 

publicado às 18:46

 

Joao-Mario-1711-e1471687781995-610x400.jpg

 

O Sporting confirmou esta noite que João Mário foi oficialmente transferido para o Inter de Milão, por 40 milhões de euros, mais 5 milhões por objectivos, dando termo a uma "novela" que se arrasta há meses:

 

«A Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD informa que chegou a acordo com o Inter de Milão para a transferência definitiva do jogador João Mário por 45 milhões de euros, 5 dos quais mediante objectivos».

 

A venda mais valorosa na história do Sporting de um jogador que, curiosamente, há três épocas, nem sequer 'tinha lugar' na equipa leonina e acabou por ser emprestado ao Vitória de Setúbal. A vida oferece as suas ironias e o futebol ainda mais.

 

João Mário termina assim a sua estada de catorze anos de "leão ao peito", período em que regista 82 internacionalizações pelas Selecções jovens de Portugal e 18 pela Selecção A, culminando com a histórica conquista do Campeonato da Europa.

 

Não posso deixar de confessar que preferia que a transferência tivesse sido para um clube inglês, apenas e tão só porque, na minha opinião, as suas características são mais adequadas ao futebol que é praticado na Premier League.

 

Depois de ter constado que uma proposta do Liverpool foi rejeitada pela Sporting SAD, o único outro clube que manifestou interesse genuíno foi precisamente o Inter. Com a chegada de Frank de Boer a Milão e a sua conhecida admiração por João Mário, a transferência ficou selada, salvo em papel.

 

Boa sorte João Mário !

 

 

Mensagem de despedida de João Mário

 

«Por onde começar.. catorze anos maravilhosos que não vou esquecer aconteça o que acontecer !

 

Neste momento só me vem à cabeça a palavra agradecimento. Agradecimento ao Sporting por tudo o que fez por mim. Comecei como qualquer criança que chega à academia e sonha em chegar à equipa principal, passando por vários anos numa formação única.

 

Joao-Mario.jpg

Desde o primeiro dia soube que tinha feito a escolha certa e agradecer a todas as pessoas sem excepção que fizeram parte desta história. Desde toda as Direcções, todos os treinadores que tive, todas as pessoas com quem trabalhei durante anos na academia, o meu MUITO OBRIGADO! Ficarão todos no meu coração, assim como todos os sportinguistas pelo carinho que sempre me deram e toda a admiração. A partir de hoje sou mais um adepto a torcer pelo Sporting Clube de Portugal e começa já amanhã (hoje) !

 

Obrigado ao Inter por esta oportunidade e por todo o carinho que tiveram comigo durante esta jornada. Ansioso por começar». 

 

publicado às 22:48

 

ESCLUSIVA TMW - Inter, intrigo Joao Mario-Pedro Delgado: le ultime sull'affare

 

23.08.2016 12:47 di Alessio Alaimo    articolo letto 23991 volte
© foto di Matteo Gribaudi/Image Sport
 
ESCLUSIVA TMW - Inter, intrigo Joao Mario-Pedro Delgado: le ultime sull\'affare
 
Inter al lavoro, ancora per Joao Mario. Trattativa che continua, ma che si sbloccherà la prossima settimana. Joao Mario idea molto concreta, Inter in pressing. E nell'affare rientrerà Pedro Delgado, che intanto si allena a Portimao, autorizzato dalla società nerazzura. Un vero e proprio intrigo di mercato, perché Delgado era praticamente del Benfica. Manca ancora l'intesa, bisognerà aspettare perché lo Sporting Lisbona vuole che Joao Mario giochi questo week end contro il Porto. Ultima apparizione in settimana, poi la fumata bianca con l'Inter per entrambe le operazioni. Joao Mario all'Inter e Delgado - che ha offerte anche da Spagna e Inghilterra - allo Sporting, ci siamo quasi...
 
__________________________________________________
 
 
Esta, a versão desta terça-feira do portal italiano TuttoMercato, em que indica que o acordo entre clubes é total e que a operação deve incluir o passe do jovem Pedro Delgado, que mantém-se em Portimão, onde aguarda a conclusão das conversações por João Mário para assinar pelo Sporting.
 

Segundo a publicação, tal deverá ocorrer na próxima semana, já que o Sporting terá pedido ao Inter para que João Mário pudesse alinhar no Clássico da terceira jornada, frente ao FC Porto, antes de dar como fechada a transferência.

 

Dizer que esta "novela" já se tornou cansativa, é dizer pouco, mas enquanto o caso não for definido de uma vez para sempre, continuará a despertar a atenção tanto da imprensa desportiva como dos adeptos.

 

publicado às 15:47

 

19854510_c5T8r.jpg

 

* Negócio de João Mário estará prestes a ruir, o que não será necessariamente mau, se o jogador não permanecer contrariado em Alvalade, ou se esta sua permanência se revelar fundamental à conquista de títulos.

 

Março de 2015, Estados Unidos

 

A General Electric encontrava-se novamente perante o abismo, após a grande crise de 2008. O outrora poderoso grupo (que chegou a ter uma cotação de 280 Biliões de Dólares em Bolsa) avaliava-se neste momento pouco mais de 30 Biliões de USD, fruto de uma desastrosa política financeira de sobrevalorização de activos sobre os quais não detinha suporte (cash flow) suficiente para os manter. Na ocasião, uma das maiores Holdings gestoras de participações norte-americana – a JP Morgan – procurava desbloquear um cativo patrimonial de 33 Biliões de USD à GE (que detinha património imobiliário um pouco por todo o mundo avaliado em cerca de 10 de Biliões de USD). Sem sucesso.

 

Para ultrapassar o impasse, eis que surge então um novo grupo de Private Equity, que com uma “pequena” equipa de 98 gestores, 4 semanas de trabalho e um Leverage Buyout (quando se adquire a participação pela compra de dívida), delibera a cisão total dos “activos tóxicos” da GE, possibilitando o grupo industrial concentrar-se exclusivamente na sua recuperação financeira. O resultado? Aumento de 11% em Bolsa com o fecho de ano a alcançar 17,3 Biliões em lucro (contra 27 Biliões negativos do ano anterior).

 

"This type of business provides us with deep insight into the market, letting it put more capital to work.”

Uma fonte da GE, ao Wall Street Journal

 

Agosto de 2015, Lisboa

 

Proveniente de Inglaterra, chega a Alvalade uma proposta de aquisição do passe de Carrillo por valores a rondar os 50% do montante descrito pela cláusula compensatória desportiva entre o atleta e o clube. O Sporting rejeita a proposta, considerando a aposta no jogador fundamental às suas aspirações imediatas – eliminatória de acesso à Liga dos Campeões. A equipa inglesa e o atleta são porém informados que a partir o 26 de Agosto – após o jogo da segunda mão com a equipa de Moscovo, haverá abertura a diálogo. O Sporting tinha eliminado recentemente SL Benfica no jogo a contar para a Supertaça, e todas as expectativas estavam elevadas para uma época de sucesso desportivo e financeiro.

 

O primeiro jogo com o CSKA corre de feição. Carrillo tem uma das melhores exibições, estando presente nos dois golos do Sporting. A astúcia de Bruno de Carvalho no adiar do negócio estava “alinhada com as estrelas”. Dias mais tarde, perante a nossa eliminação, chega-nos uma segunda proposta por valores bem mais baixos dos que apresentados anteriormente. O Sporting rejeita a proposta, oferece um novo contrato ao jogador (elevando para o dobro a cláusula de rescisão) oferecendo metade do vencimento líquido descrito na proposta do clube inglês. O resultado? A história que todos conhecemos.

 

“If it's good only appears the proposal of Leicester, that colossus of world football? When I was young I also believed in Santa Claus, but then I stopped believing."

Bruno de Carvalho, 2015

 

Uma reflexão

 

Deverá imperar alguma ponderação nesta política de sobrevalorização de activos e posição negocial de “off-business” a que a que se está a sujeitar o Sporting, afim de evitar graves riscos a médio/longo prazo pelo inflacionamento do impacto salarial. Entre o Sporting não querer vender ou os clubes não quererem comprar ao Sporting, poderá existir uma falta de razoabilidade que iniba o aparecimento de mais propostas por um jogador nosso, partindo do princípio que as maiores verbas a circular nesta industria são efectivamente as transacções entre clubes. Esta posição do Clube poderia ter feito bastante sentido há alguns anos atrás, quando emergiam os Fundos ou se contratavam “Hulk’s” por 60 Milhões. Hoje, devemos considerar a criação de relações entre clubes e Cash-Flow imediato como uma solução para os próximos 10 anos, afim de se garantir estabilidade desportiva no clube (e financeira obviamente), que a falta de soluções de receitas próprias não nos permite manter. Não se trata do Sporting ter de aceitar qualquer proposta que nos ofereçam por um activo, mas do facto de estarmos a negociar com apenas um clube que na realidade não tem capacidades financeiras para alcançar o que o Sporting pretende.

 

Outra face deste modelo de gestão é a observável dificuldade em valorizar jogadores de segunda linha para o mercado primário – à excepção dos campeões europeus – algo em que o nosso treinador terá sido bem sucedido no passado. Poderão Gelson, Matheus e Semedo valorizar tanto quanto João Mário ou William, por exemplo? Dois caminhos nos podem assistir: a opção entre esta política de marchand de obras de arte, ou o aproveitamento reconhecido das aptidões de Jorge Jesus em formar, valorizar, ganhar e vender.

 

publicado às 13:00

João Mário fora dos convocados

Rui Gomes, em 19.08.16

 

img_770x433$2016_08_19_17_41_21_1146026.jpg

 

Quem o diz é o jornal Record, citando a proverbial fonte anónima. O Sporting, por norma, só revela a lista dos atletas que vão "calçar" no dia do jogo, por conseguinte, em princípio, teremos de esperar até amanhã pela confirmação oficial.

 

Sendo verdade, isto só pode ser indicação de que a oficialização da transferência de João Mário está por horas. O grande mistério, cuja revelação aguardamos ansiosamente, é as condições do negócio.

 

publicado às 19:37

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo