Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

45884703_10218302610744597_5776488429072154624_n.j

 

Um post intitulado "Sic transit gloria mundi"  do nosso amigo José Duarte (Leão de Alvalade) no blogue A Norte de Alvalade:

 

Toda a glória mundana é passageira mas há quem não o consiga perceber. E que a vida é um dom demasiado precioso para ser gasta a incensar ídolos, especialmente quando eles têm pés de barro. O tempo é mestre, não é?

 

*** Recomendamos também a leitura dos comentários.

 

publicado às 04:03

Visitar os nosso amigos da blogosfera

Rui Gomes, em 02.02.18

 

informationtechnology.jpg

 

Um post intitulado O SPORTING É NOSSO? Alteração de estatutos: porquê assim e agora? da autoria do nosso amigo José Duarte (Leão de Alvalade), do blogue A Norte de Alvalade, que comenta a revisão estatutária que está a ser promovida por Bruno de Carvalho, e que inclui um texto escrito por Rui Morgado, Advogado, ex-secretário da MAG do SCP, ex-vice-presidente da MAG da SCP-SAD.

 

"(...) Eis então que surgem as já tão faladas alterações estatutárias. Sem muito tempo disponível, socorri-me do favor de alguém que conhece muito bem os estatutos do clube, o Dr. Rui Morgado, Vice-Presidente da MAG da SAD e ex Vice-Presidente da MAG do Sporting e  com cuja opinião aqui expressa concordo. 

 
É muito provável que a partir daqui se façam processos de intenção, juízos de valor e até a promoção das habituais tentativas de destruição do nome e do carácter de ambos. Da minha parte não existe outra vontade que não a preservação da identidade do clube que amo incondicionalmente e que me fez preferi-lo acima de qualquer outro, de forma voluntária, e sem influências de familiares ou amigos. Seguramente que essa é também a intenção que norteia o Rui Morgado."
 
Recomenda-se a leitura deste post, por ser importante, no contexto do que será amanhã debatido na Assembleia Geral do nosso Clube.
 

publicado às 19:31

 

informationtechnology.jpg

 

Um excelente artigo da autoria do nosso amigo José Duarte (Leão de Alvalade), intitulado Obrigado Adrien, boa sorte e desculpa lá qualquer coisinha, no blogue A Norte de Alvalade.

 

Destaque para este comentário ao post do leitor JG:

 

«Excelente comentário meu caro Leão de Alvalade. Mais uma vez a sustentabilidade financeira do Sporting recebe um contributo decisivo da Academia. Um jogador que esteve quinze anos no Sporting e que mostrou uma resiliência notável. O episódio que refere de cedência ao Macabi de Israel, foi um escândalo.


Um jogador que depois de ter encontrado um treinador que apostou nele retribuiu ao seu clube com uma qualidade desportiva ao mais alto nível. Qualidade que o guindou à Selecção Nacional e dez dele um dos mais destacados campeões da Europa em 2016.


Um exemplo, mais um, de como a Academia e o jogador da formação são não só aqueles que transportam a matriz identitária do Sporting, mas também os que garantem, através da sua valorização profissional, o sucesso desportivo do clube e a sua viabilidade financeira».

 

E para este, de um outro leitor não identificado:

 

«Infelizmente para o Sporting foram muitos anos com a braçadeira de capitão sem o título de campeão nacional na camisola. Mas a culpa não foi de certeza do último capitão da formação. Como já não tinha sido do João Moutinho - campeão nos dois clubes que representou a seguir. Ou do Carriço - três taças europeias no Sevilha. Ou até do Rui, ainda no SCP. Só para falar dos últimos. Claro que o aspecto financeiro sobrepõe-se e de que maneira quando falamos numa carreira profissional tão curta. Mas faço votos que ainda consiga chegar outra vez a algum clube com mais expressão. E vamos ver quanto tempo dura no SCP o novo box-to-box argentino. Ou até JJ. Numa das poucas áreas profissionais que conheço, onde depois dos presidentes mecenas, continua-se a insistir em dirigentes sem quaisquer pergaminhos».

  

publicado às 14:08

Ponte de ligação aos leitores

Rui Gomes, em 26.07.17

 

informationtechnology.jpg

 

Um excelente artigo intitulado Matheus Pereira & Francisco Geraldes: como não gerir o telento, do nosso amigo José Duarte, do blogue A Norte de Alvalade, que merece a pena ler e comentar. O parágrafo inicial:

 

«Matheus Pereira e Francisco Geraldes são dois exemplos de como atrasar a progressão e afirmação de um jogador. O jogador de origem brasileira é apontado frequentemente como possuidor de grande talento e potencial mas até agora as possibilidades de o demonstrar e afirmar ficaram-se por jogos no escalão secundário e uns breves fogachos na equipa principal. Com 21 anos de idade tem uma reduzida experiência competitiva ao mais alto nível, o que dificilmente lhe proporciona situações que o desafiem e em consequência o obriguem a crescer. Vai finalmente poder rodar numa equipa de primeira divisão, algo que já podia e devia ter acontecido há pelo menos um par de anos».

 

publicado às 17:11

 

informationtechnology.jpg

 

«Quando, algures no final da década de 80, Pinto da Costa proferiu a célebre frase "enquanto eu for presidente do FCPorto o Sporting jamais será campeão" estava a profetizar o que seriam as próximas décadas. E sabia porque o fazia porque há altura já cevava em bom ritmo o "monstro" que havia de o por a salvo da bola dos imponderáveis de que o futebol é fértil. O mesmo é dizer que estava a ponto de garantir que a falta que era fora da área passava a ser penalty se fosse em seu favor, os cartões vermelhos que subitamente empalideciam e outros fenómenos que não há decisões administrativas que as apaguem da nossa memória».

 

Um parágrafo do texto intitulado Sem memória e sem vergonha da autoria do nosso amigo José Duarte (Leão de Alvalade) do blogue A Norte de Alvalade, que merece a pena ler.

 

publicado às 04:47

 

informationtechnology.jpg

 

Um artigo intitulado "Entradas e saídas que por enquanto não entusiasmam", da autoria do nosso amigo José Duarte (Leão de Alvalade) no blogue a A Norte de Alvalade.

 

Eis o parágrafo inicial do post:

 

«Cromos repetidos

 

Estão para já confirmadas as entradas de André Pinto, Piccini e Matheus Oliveira. Não são merecedoras de grandes entusiasmos estas aquisições, criando a sensação de cromos repetidos. Isto é, de jogadores que parecem não acrescentar grande valor ao que já temos disponível. Exactamente o contrário do que parecia ser necessário: mesmo que poucos, elementos que significassem um reforço indiscutível.
 
 
O caso dos laterais é dos mais carenciados mas Piccini não parece que tenha muito mais a dar que Schelotto já dava. André Pinto é um valor interessante para uma segunda linha mas não representará propriamente a ideia de valor acrescentado em relação a Coates e Paulo Oliveira e não tem a velocidade de Semedo, que acaba de sair. De Matheus, além de partilha da mesma ideia dos anteriores não se percebe muito bem onde JJ o irá por a jogar. Mas sobretudo de quem abdicará, dos jogadores da casa que poderiam fazer a posição, para dar o lugar ao brasileiro».
 

publicado às 03:11

 

informationtechnology.jpg

 

Um post intitulado A hora das malas no futebol português, da autoria do nosso amigo José Duarte (Leão de Alvalade) do blogue A Norte de Alvalade, que merece a nossa consideração.

 

Passo a transcrever dois parágrafos do texto com referência à nomeação de árbitros para os próximos jogos, assim como o agendamento dos mesmos, que, curiosamente, esta época, não serão disputados à mesma hora.

 

As nomeações de Vítor Pereira

 

Já aqui me havia referido ao mau agoiro que representava o anúncio da saída de Vítor Pereira e que convido a (re)lerem aqui (LINK). Bem sei que o quadro de árbitros que nos deixa está ao nível da confiança que os mercados depositam no papel comercial do antigo BES, mas convém disfarçar. 
 
O Fábio Veríssimo vai até à Madeira e continua sem explicar como pôde passar entre os pingos da chuva de uma arbitragem vergonhosa em Braga, que nos pôs fora da Taça de Portugal. Talvez seja porque reparte com Tiago Martins, que ainda ontem abençoou a passagem do SLB à final da Taça Lucílio, a ascensão meteórica. Com ou sem mala, tudo tem que se pagar nesta vida, não é?...
 
 
Horário dos jogos 

A última inovação do futebol português é a ausência de jogos decisivos em simultâneo nas últimas três jornadas. Isto num campeonato infectado pela suspeição. Isto quer dizer que no domingo o SLB jogará na Madeira a saber já o resultado do Sporting. Pode não querer dizer nada mas a informação vale muito, não é?

A Liga, de forma a sacudir a água do capote, já veio lembrar que tal resulta da alteração promovida no ano passado, por decisão dos clubes. Certamente que o fizeram a pensar nas receitas televisivas, pelo menos. É o que dá quando se deixa serem os cifrões a tomar decisões que deviam ser tomadas pelos neurónios. Por curiosidade gostava de saber como votou então o Sporting, que até agora não se pronunciou sobre a matéria quando, em defesa dos seus interesses, já o devia ter feito.
 

publicado às 13:27

Consideração do Dia

Rui Gomes, em 06.04.16

 

leão.jpg

 

«A grande frustração de não sermos actualmente, e de forma inteiramente merecida, os comandantes do campeonato, está precisamente na capacidade de fazer golos. Não fosse isso e ontem (segunda-feira) poderia ter concluído o passeio ao Restelo com uma goleada à moda antiga. Esse é o único capitulo em que perdemos para os actuais comandantes e que, oxalá não ocorra, poderá significar a diferença entre ser e não ser campeão». 

 

 

                                                                                 José Duarte - Leão de Alvalade

 

publicado às 05:06

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo