Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Um negócio enigmático

Rui Gomes, em 13.05.22

skysports-erling-haaland-man-city_5765942.png

Este post não se relaciona com o Sporting CP nem com o futebol português, mas há certos assuntos que me fascinam e que eu gosto de comentar, e este é um deles.

Sabemos, de antemão, que é o mercado que dita o real valor de futebolistas, não obstante as avaliações dos sites especializados, como é o caso do Transfermarkt, porventura o mais credenciado nesta matéria.

É do conhecimento público que há um acordo entre o Borussia Dortmund e o Manchester City para a tranferência do exímio goleador norueguês de 21 anos, Erling Haaland, no final da época.

Ao que consta, o negócio foi selado por 60 milhões de euros e é precisamente este valor que me incomoda desde o primeiro instante.

Torna-se incompreensível como é que um dos grandes fenómenos do futebol mundial é vendido por um valor cerca de 100 milhões de euros abaixo da avaliação - praticamente consensual - do seu passe.

No género de explicação - que explica pouco ou nada mesmo - surge agora a informação que foi o falecido empresário Mino Raiola que exigiu que o contrato incluísse uma cláusula de rescisão no valor de 60 milhões de euros pela transferência do jogador para o Borussia Dortmund, em Janeiro 2020.

De acordo com a publicação alemã Bild, Erling Haaland agora exigiu ter uma cláusula de rescisão de 150 milhões de euros, que lhe permitirá rumar a outras paragens a partir da terceira época no City, sem que os ingleses a possam negociar, apesar do seu contrato de cinco anos.

O que eu mais estranho é que se de facto existia essa cláusula de 60 milhões de euros, há muito que outros galácticos - a exemplo do Real Madrid ou Manchester United - só para nomear dois, teriam surgido disponíveis a pagar esse valor. Por mera coincidência, os Reds Devils pagaram ao mesmo Borussia Dortmund - Julho 2021 - 93 milhões de euros por Jadon Sancho, além dos 95 milhões facturados pelo Leicester por Harry Maguire.

O que não é nada de estranhar, são os cerca de 25 milhões de euros de salário anual que Haaland vai auferir em Manchester. Quanto ao resto... há aqui qualquer coisa que não está muito bem explicada, creio eu.

publicado às 03:34

Considerações de Rúben Amorim no final da partida em Manchester...

"Há muita coisa a aprender. Percebemos o nível, mas a equipa aprende rápido e todos os detalhes contam: a sorte no sorteio e a experiência, e isso teve peso sobretudo no início, como no jogo com o Ajax. Estivemos nervosos na estreia. Por isso, é muito importante voltar a estar na UEFA Champions League. Para o ano seremos melhores, certamente".

jl1_0704.jpg

"Estou sempre orgulhoso da equipa, mesmo no 0-5 [em Alvalade]. Não sabe a vitória, fomos eliminados. Temos de ter a noção das diferenças entre equipas, mas claro que é sempre melhor assim para o que vem aí. O sabor é de uma eliminação, o importante agora é o campeonato e volto a dizer: o importante também é voltar a estar aqui".

"Fomos melhores no um contra um nas linhas, os laterais estiveram bem, controlámos as roturas e estivemos bem na linha defensiva. Hoje não sofremos golo de bola parada e há que recordar que em Lisboa foram cinco remates e cinco golos. Fomos competentes, defendemos mais baixos e não saímos para o ataque com qualidade na primeira parte. Na segunda parte, sim e o Edwards ajudou-nos nisso e teve um impacto muito grande na equipa. Vai crescer muito e tem de perceber que tem de fazer isto com regularidade. Manter o nível é o que lhe falta, o talento está lá".

"Gosto sempre das suas exibições. Não joga o tempo que merece. O Bruno treina bem e é um exemplo para todos. Estou muito satisfeito com toda a equipa e com ele, pela forma como trabalha e espera a sua oportunidade. Estou muito satisfeito com o seu jogo mesmo fora da posição. Ele não é um médio, mas é no meio que tem de jogar, no meu entender".

publicado às 07:03

Considerações de Rúben Amorim em síntese...

"Uma das grandes facetas desta nossa equipa é a fé, é o acreditar. Trabalham muito e acreditámos na nossa ideia, sabendo que vamos defrontar uma das melhores equipas do mundo e, claramente, o melhor treinador do mundo na atualidade, com uma base muito forte. Mas essa fome de vencer, às vezes, faz acontecer coisas muito especiais e é isso que esperamos no jogo, tendo essa grande obrigação de deixar os sportinguistas orgulhosos. Os jogadores têm a ideia de enfrentar isto da melhor forma, tudo é possível”.

“É muito difícil tirar o foco dos jogadores deste desafio. O jogo do FC Porto e o que se passou não terá qualquer consequência na abordagem ao jogo por parte dos jogadores. Não vai ter influência nenhuma”.

“O que se passou no Estádio do Dragão não foi bonito, os intervenientes têm muita culpa. Mas estamos aqui a falar de uns oitavos-de-final da Liga dos Campeões contra a melhor equipa do mundo e está-se a focar em coisas que não têm nada a ver com o jogo".

"Eu estou aqui para responder a coisas relacionadas com a Liga dos Campeões, se quisesse falar de outra coisa dava entrevistas, como eu não dou entrevistas, vou passar a focar-me só nisso. O futebol português não vai mudar, por isso não vale a pena estar a chatear-me”.

"Não podemos estar a manipular a nossa equipa de forma a tapar qualquer ideia que o City tenha, porque eles mudam. Tivemos muita atenção na observação da equipa do Man City e vemos o seu treinador a mudar completamente o posicionamento dos jogadores, porque as equipas se apresentam a tentar bloquear o jogo. Para nós, nesse aspecto, foi muito fácil".

"O segundo golo do Sporting no Dragão vem muito dos posicionamentos, já fizeram aquilo e saiu bem. Se repararem, foi quase tudo de primeira e isso tem a ver com o talento dos jogadores, calhou tudo bem. Mérito da equipa técnica e, principalmente, dos jogadores”.

"Pote é um rapaz bem robusto, que não costuma ter lesões. Nunca o vi tão sério a falar com uma equipa médica e um treinador a dizer que estava bem. Fez todos os testes e deu apto para o jogo. Vamos ver, é mais uma opção".

"Acredito que a passagem é possível, mas não vou falar em números ou probabilidades. É possível acontecer, temos de acreditar. Os meus jogadores já me surpreenderam muitas vezes, já fizeram alguns milagres. É mais importante eles acreditarem. Eu acredito que é possível, tenho mais alguns anos disto que eles. Gosto dos meus jogadores também pela forma como acreditam no processo”.

publicado às 04:32

Head-to-Head-Sporting-CP-vs-Man-City-Only-ever.jpg

O Sporting-Manchester City, dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, vai contar com um espectador especial, que virá propositadamente a Lisboa para o jogo de quarta-feira: Xandão, antigo central dos leões que é de particular... má memória para os ingleses, dado que marcou o golo da vitória no encontro entre as duas equipas em Alvalade, nos 'oitavos' da Liga Europa, em 2011/12 - apesar da derrota por 3-2 na 2.ª mão, em Inglaterra, o Sporting acabaria por ultrapassar a eliminatória.

Nuno Mendes, apesar de estar longe com os franceses do PSG, não esquece as suas origens e os seus antigos colegas:

"O Man City é uma grande equipa, como todos sabem. Vai ser um jogo difícil para o Sporting, mas também para o City. O Sporting pode não ter os jogadores que o City tem, mas é uma equipa muito unida, que nunca dá nada por perdido. Demonstra o que é o Sporting, como clube, unido e aguerrido. Vai ser um jogo muito difícil para o Sporting, mas também não vai ser fácil para o Man City. O Sporting vai dar tudo, do primeiro ao último minuto. Como é óbvio, quero que o Sporting ganhe".

João Palhinha considera o Manchester City uma das "três melhores equipas do Mundo", mas acredita que o Sporting pode fazer uma surpresa na Liga dos Campeões:

"Na minha opinião o City é uma das três melhores equipas do Mundo da actualidade, em termos de jogo. É muito bem orientada, tem jogadores que são muito polivalentes e conseguem fazer mais do que uma posição táctica e tecnicamente são dos melhores que há na Europa fora. Temos a ambição de poder mais uma vez surpreender. É isso que nos move".

Matheus Nunes realçou a confiança dos leões num bom resultado e a união do grupo que pode surpreender os ingleses:

"O momento mais importante foi a derrota com o Ajax, por 5-1. Foi um 'abre-olhos' para todos, para percebermos que esses jogos não iam ser fáceis, que seriam diferentes. Nesse jogo, a maioria dos nossos jogadores estrearam-se na Champions. Foi um 'abre-olhos' para percebermos que na Champions as equipas têm mais qualidade e são mais intensas e rápidas.

Temos a nossa união. Temos de olhar para nós, só temos aqueles que estão ali. Dar o máximo de entreajuda. O City pode ter outro estatuto e jogadores com mais qualidade e mais habituados a esse tipo de jogos, mas se calhar não estão à espera de uma equipa que entre com sangue nos olhos para os surpreender. Vamos tentar o melhor resultado, porque é isso que o clube merece".

publicado às 03:33

Screenshot (526).png

Instado a comentar o sorteio da Champions League, Rúben Amorim admitiu que o Man City é claramente favorito, mas sublinhou que o Sporting tem uma palavra a dizer:

"É uma das melhores equipas do Mundo, talvez a melhor em ataque posicional, com um dos melhores, se não o melhor, treinador do Mundo. Temos de aproveitar cada segundo para trabalhar e chegar lá na máxima força.

Temos pequeninas probabilidades... como tínhamos aliás de ganhar o ano passado o campeonato. Sabemos das diferenças entre um e outro e até lá é mais como vamos estar nesse momento. Estar bem nas outras provas terá mais impacto do que a forma com que vamos enfrentar o City".

publicado às 03:02

Última hora

Rui Gomes, em 14.02.20

img_920x519$2020_02_14_19_28_03_1663910.jpg

Decisão histórica por parte da UEFA. O Manchester City foi excluído das próximas duas edições da Liga dos Campeões, depois de uma investigação ter descoberto irregularidades graves cometidas pelo emblema inglês no que ao Fair Play Financeiro diz respeito.

De acordo com o organismo que superintende o futebol europeu, em causa estão as verbas encaixadas por acordos de patrocínio e também o balanço financeiro entre 2012 e 2016, dados que segundo a UEFA terão sido alterados nas comunicações feitas.

Para lá da exclusão das próximas duas edições da Champions, uma decisão histórica para uma equipa da dimensão dos citizens, a UEFA aplicou também uma multa de 30 milhões de euros ao clube.

Segundo o jornal inglês The Guardian, as revelações feitas pela revista alemã Der Spiegel em Novembro de 2018 terão sido decisivas para decretar esta histórica punição.

De acordo com aquela publicação, terão sido os documentos providenciados pelo Football Leaks de Rui Pinto a abrir espaço à investigação iniciada na altura e que agora culmina nesta decisão.

Outro clube que também está a ser investigado pela UEFA, precisamente pelos mesmos motivos do que os citizens, é o PSG, e, por isso, nos gabinetes do emblema do Parque dos Príncipes vivem-se certamente momentos de alguma ansiedade.

publicado às 20:05

img_920x518$2019_07_03_00_39_35_1570371.jpg

"A Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD informa que chegou a acordo com o Manchester City para a transferência do jogador Félix Correia.

A Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD deseja ao jogador as maiores felicidades pessoais e profissionais."

Este, o comunicado do Sporting a oficializar a transferência do jovem avançado de 18 anos para o Manchester City. Os valores do acordo entre clubes não foram divulgados, mas consta que foi por cerca de 3,8 milhões de euros e outros tantos por objectivos.

A bem dizer, terá sido uma transferência forçada, uma vez que o jovem recusou assinar contrato profissional com o Sporting, já tendo terminado o vínculo de formação, que tem a validade máxima de três anos, entre os 15 e 18 anos de idade.

O jogador assinou com o Manchester City até Junho 2024.

publicado às 20:23

 

mw-960.jpg

 

Trabalho muito engraçado o da imagem, que acaba por apenas ilustrar, simbolicamente, com uma boa dose de humor à mistura, o "namoro" do Manchester City de Pep Guardiola para com Bruno Fernandes.

 

Lamentavelmente, parece inevitável a saída do actual melhor futebolista do Sporting, que, aos 24 anos, ainda teria muito para oferecer de leão ao peito caso permanecesse no Clube.

 

A acreditar nas inúmeras notícias que circulam na praça, a Premier League aparenta ser o destino mais provável, com o Manchester City a liderar a corrida.

 

A imprensa inglesa refere 50 milhões de euros e os direitos económicos de Marlos Moreno, extremo colombiano de 22 anos, que esta temporada está ao serviço do Santos Laguna, da primeira divisão mexicana, por empréstimo do emblema inglês.

 

Outro rumor noticioso, este proveniente da Sky Sports News, fala de uma oferta entre os 60 e 70 milhões de euros.

 

É evidente que um encaixe deste nível reforçará e muito a tesouraria do Sporting, mas será muito difícil colmatar a saída deste jogador desportivamente.

 

publicado às 03:34

 

Man of the match: Eric Dier (Tottenham Hotspur)

 

_88270853_edier.jpg

Na vitória do Tottenham sobre o Manchester City, por 2-1

 

O Tottenham Hotspur está na luta pelo título da English Premier League, agora em 2.º lugar, em igualdade pontual com o Arsenal, e apenas dois pontos atrás do líder Leicester City.

 

Eric Dier, esta época, regista participação em 35 jogos, sempre como titular, acumulando 3014 minutos de jogo (33,4 jogos), com 4 golos marcados. 

 

publicado às 05:55

Os magnatas do futebol (3)

Rui Gomes, em 28.12.12

 

Mansour Zayed Al-Nahyan

 

O clube fundado em 1880 como «St. Marks (West Gorton) e que em 1894 mudou o seu nome para Manchester City, é propriedade de Mansour Zayed Al-Nahyan (42 anos), membro da família real do Abu Dhabi, com uma fortuna estimada em 24 mil milhões de euros, que advem de envolvimento em petróleo, banca, seguros, produtos químicos e aviação. 

 

Em agosto 2008, com a situação financeira muito precária sob a liderança de Thaksin Shinawatra - ex-primeiro-ministro da Tailândia que assumiu controlo em 2007 por 100 milhões de euros -  o clube foi adquirido pelo «Abu Dhabi United Group» - consórcio com um estimado valor entre 790 mil milhões e 980 mil milhões de euros - por 270 milhões de euros. Houve uma imediata investida no mercado de transferências com a então aquisição recorde de Robinho do Real Madrid por 40 milhões de euros. No verão de 2009, mais de 130 milhões de euros foram despendidos nas contratações de Gareth Barry, Roque Santa Cruz, Kolo Touré, Emmanuel Adebayor, Carlos Tevez, Joleon Lescott, Vincent Kompany e Pablo Zabaleta. Em Dezembro desse mesmo ano, Mark Hughes foi substituído por Roberto Mancini. Sempre a investir, surgiram as aquisições de Gael Clichy, Sergio Aguero, Javi Garcia, Scott Sinclair, Maicon, Matija Nastasic e Richard Wright. Milhões em cima de milhões e mais milhões. Entre 1999 e 2011, o Machester City gastou cerca de 679 milhões na acquisição de jogadores e com a dúvida de sempre: Qual é o objectivo?...O retorno no investimento é realísticamente impossível. Será o simples prazer de andar na passarela mundial do futebol ou apenas mais um «brinquedo» para quem já tem tantos?...Há aqui um conceito que ainda não impressionou a mentalidade portuguesa: quem investe no «brinquedo» vai querer controlá-lo. Tão simples como isso!

 

publicado às 22:33

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo