Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Camarote Leonino em destaque

Rui Gomes, em 04.11.19

5-Best-Ways-To-Speed-Up-Mac-Lion-OS-X.png

No mês de Outubro de 2019 o SAPO fez 19 destaques diários, entre segunda a quinta-feira, e mais 4 durante os fins de semana, para assinalar o "top-ten" dos blogues mais comentados nesta plataforma em cada dia.

Camarote Leonino foi merecedor de 20 menções durante este período, assente em 915 comentários, uma média de 46 comentários por post.

Por ordem cronológica, os posts foram os seguintes:

Sporting responde à Associação Nacional de Treinadores (33)

A alma do Sporting (23)

Reflexão do dia (58)

O que é que não agrada sobre Pedro Mendes? (33)

Reflexão do dia (28)

Varandas ganha crédito (43)

Vive-se um clima de ordinarice e destabilização no Sporting (56)

E que tal Academia CR7? (24)

Muito além da derrota, um colectivo exacerbante (49)

Crise no Sporting: dos abutres à realidade paralela (57)

O poder de decidir (54)

A desunião crónica e os cancros do Sporting (39)

Comunicado do Sporting CP e Sporting SAD (74)

Dos "pecados" de Varandas à Guerra Suja (97)

A cabeça de Varandas é prémio por Alcochete? (44)

"Trata-se de saber se os estádios, os pavilhões, os clubes e o futebol é deles ou é nosso" (52)

Ontem houve jogo em Alvalade! (56)

"Foi um bom resultado mas não fizemos um bom jogo" (21)

"Frederico Varandas agiu com coragem" (38)

Equipa B para regressar? (36)

O justo e merecido reconhecimento para a dedicação e devoção da equipa de redactores e a confiança dos nossos estimados leitores, sem os quais o Camarote Leonino não seria o sucesso de registo.

publicado às 20:00

fotoag1.jpg

Frederico Varandas viu o Relatório e Contas da época passada aprovado com 52,95% dos votos a favor mas mais votantes contra (55,92%). Isto numa Assembleia Geral quente em que o presidente do Sporting voltou a ser contestado por uma franja de adeptos defensores do ex-presidente destituído e elementos das claques.

Resultados da AG: No que respeita a votos, foram 52,95% a favor e 47,05% contra, num total de 7431 votos. Quando a votantes (1352), 55,92% (756) votaram contra, ao passo que 44,08% (596) votaram a favor. Apesar de mais associados terem votado contra, o facto de alguns sócios terem mais votos acabou por ditar o resultado final.

Em nota separada mas relacionada com a Assembleia Geral, José Sousa Cintra, que não conseguiu falar devido às vaias, teve isto para dizer após sair da reunião magna:

2019-10-10 (3).png

"Varandas não está a conduzir bem os destinos do Sporting e queria dizer isso frente a frente. Só disparates. Não entendo como não houve uma palavra de agradecimento ao trabalho fantástico da Comissão de Gestão, uma coisa absurda. Estiveram lá por amor ao clube, sem ganhar nada.

Depois o chorrilho de disparates, disse-lhe que lamento bastante, ele disse coisas que não são verdade. Sobre Bas Dost, aumentei apenas o empresário. Sobre Bruno Fernandes, tive de aumentar o empresário que o Sporting devia-lhe dinheiro. Fiz o que era possível fazer. E o que ele tem feito? Não respeita minimamente os sócios, não tem jeito para ser presidente do Sporting, para isto. Parece que é dono da quinta, só ele basta".

Aumentou os empresários?... Há aqui qualquer coisa que me ultrapassa. Mais um episódio típico do antigo presidente, em que privilegia o ego e a vaidade em detrimento do bom senso.

No que diz respeito à votação, ou melhor, aos 756 sócios que votaram contra o Relatório e Contas, só fica por esclarecer a inexactidão da informação apresentada que os afrontou, ou se votaram apenas para fazer oposição.

Quanto à inadmissível conduta dos arruaceiros que marcaram presença na reunião, que dá para imaginar que serão a maioria dos acima referidos 756, composta por apoiantes do lunático ex-presidente e elementos das claques, uma qualquer medida terá de ser tomada. O Sporting não pode continuar a ser subjugado a este indecoroso clima de ordinarice e desestabilização.

Considerações de Rogério Alves, presidente da Mesa da Assembleia Geral:

rogerioalves2.jpg

"Não compete à Mesa fazer análise política dos votos. Compete à Mesa fazer aquilo que os Estatutos mandam. Uma vez mais, todas as pessoas que se inscreveram usaram a palavra e o Conselho Directivo respondeu através de vários dos seus membros. Agora compete ao Conselho Directivo analisar estes resultados. Da minha parte, tivemos aqui 1352 sócios, mas temos um universo muito mais vasto.

Temos de encontrar uma maneira - que, na minha opinião, passa por uma reformatação dos Estatutos - para que muitos mais sócios participem na vida do clube. Os resultados são o que são, os sócios votaram como quiseram e relatório foi aprovado. As ilações políticas deverão ser tiradas pelo Conselho Directivo.

A divisão no clube está patente. Por vezes é mais exacerbada, outras menos, o que desejo é que o sucesso do Clube seja o reboque que vai levar à união. Como sportinguista interessa-me muito que sejamos capazes de fazer esse trajecto. Não podemos olhar para uma ou outra coisa que correu mal e hipotecar um projecto que terminará em 2022. Por isso, digo que, como factor crítico do sucesso, deve estar a nossa união e o nosso apoio".

publicado às 04:02

ranking-uefa.jpg

Portugal somou apenas um triunfo na 2.ª jornada da fase de grupos das taças europeias de futebol, mas, junto com um empate, deu para ficar ainda mais perto do ‘milionário’ sexto lugar do ‘ranking’ da UEFA da Rússia.

O Sporting, que bateu em casa o LASK por 2-1, e o Sporting de Braga, ‘empatado’ em casa pelo Slovan Bratislava (2-2) após ter estado duas vezes a vencer, deram 0,6 pontos a Portugal.

Este registo deu para aproximar da Rússia, que somou apenas 0,333 pontos, também de um único triunfo – mais os mesmos três desaires de Portugal -, o do Zenit na recepção ao Benfica, por 3-1, quarta-feira, na segunda jornada do Grupo G da Liga dos Campeões.

Além dos ‘encarnados’, também não pontuaram um perdulário FC Porto (0-2 na casa do Feyenoord), que vinha numa série de oito triunfos consecutivos em todos as provas, e o Vitória de Guimarães (0-1 na recepção ao Eintracht Frankfurt).

Por seu lado, as restantes formações da Rússia esbarraram na recepção a três equipas espanholas: na ‘Champions’, o Lokomotiv perdeu por 2-0 com o Atlético de Madrid, culpa em grande parte de João Félix, e, na Liga Europa, o CSKA Moscovo caiu perante o Espanyol (0-2) e o Krasnodar face ao Getafe (1-2).

img_920x518$2019_10_04_12_28_32_1610621.jpg

Desta forma, a distância encurtou de 0,367 pontos (43,216 contra 42,849) para escassos 0,1 (43,549 contra 43,449), o que significa que Portugal, que só precisava de mais uma vitória, já só necessita de mais um empate do que os russos.

As formações lusas estão em maioria (cinco contra quatro) na fase de grupos e todos os pontos que somarem (dois por vitória e um por empate) são divididos por cinco (0,4 por vitória e 0,2 por empate), enquanto os russos têm de dividir os seus por seis (0,333 por triunfo e 0,166 por igualdade).

Portugal, que já sabe que em 2020/21 (7.º nas contas entre 2014/15 a 2018/19) manterá a situação actual – uma entrada directa na ‘Champions’ e outra na terceira pré-eliminatória -, está bem posicionado para acabar a presente temporada no sexto posto e conseguir, em 2021/22, recuperar uma segunda entrada directa.

publicado às 03:30

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo