Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Rafa_Leao_2020.jpg

A acção de execução do Sporting contra Rafael Leão já arrancou a 17 de Dezembro, sob a forma de duas penhoras em Portugal, no valor de 36,7 mil euros. Segundo Miguel Braga, responsável de comunicação do SCP, o processo irá, muito em breve, mais além, em que o ordenado do jogador no AC Milan será alvo da Justiça.

"O Sporting, perante aquilo que é um direito seu, está a agir com a justiça para garantir que será ressarcido. Sabemos que [Rafael Leão] já foi citado na sua morada francesa e italiana e que não se opôs à execução e às penhoras. Não dentro de muito tempo parte do ordenado do Rafael Leão também vai ser penhorado, para continuar a fazer estes pagamentos. É o caminho normal para um processo destes".

Refira-se que, com os juros a contar da data de notificação das partes, a acção de execução já ascende a perto de 18 milhões de euros (17.990.812,94 €). Embora a defesa do agora jogador do Milan tenha interposto um pedido de anulação, este não tem efeito suspensivo.

Assente parcialmente numa reportagem de Ricardo Granada, Record

publicado às 04:32

Bens do Sporting em risco de penhora!

Ricardo Leão, em 27.04.16

 

12122517_1689396541334192_2728901185451766051_n.jp

Doyen solicita penhora dos bens do Sporting.

Leões reconhecem pedidos de execução

 

De acordo com a Rádio Renascença, o fundo de investimento Doyen, depois de já ter garantido a penhora das receitas leoninas na UEFA, quer penhorar os bens do Sporting, como garantia de pagamento da dívida relativa à transferência de Marcos Rojo para o Manchester United.

 

É a segunda investida do fundo de investimento, depois de já ter penhorado as receitas que o clube obtiver das provas da UEFA.

 

A Renascença teve acesso à resposta dos serviços jurídicos do Sporting, que deu entrada no Tribunal da Relação de Lisboa e a SAD leonina pretende evitar nova acção judicial, justificando que já existe a penhora acima referida dos prémios das competições europeias, sendo que esta tinha sido negada há dois dias por Azevedo de Carvalho. Dois dias depois afinal era verdade...

 

Os leões acrescentam que esse pedido, feito às autoridades suíças a 8 de Janeiro, foi deferido sem audiência prévia ao Sporting, pelo que está em vigor desde o dia 12, reconhecendo, assim, a existência da penhora. Em causa está uma dívida de 14 milhões de euros, acrescida de juros, pela transferência de Rojo para o Manchester United, da qual o Sporting recorreu para o Tribunal Federal da Suíça.

 

O que vale é que o Sporting "é nosso outra vez"...

 

publicado às 13:05

Eis o "novo" Sporting !

Ricardo Leão, em 20.04.16

 

19475251_GSPpL.png

 

 "Hoje, a situação do Sporting é um luxo comparativamente à que encontrei quando cheguei".

 

"Já fizemos um trabalho forte na recuperação da credibilidade financeira, institucional e desportiva do clube"

 

Bruno Azevedo de Carvalho, presidente do Sporting

 

publicado às 08:00

Despedimento Colectivo e Penhora

Rui Gomes, em 07.06.13

 

Segundo o que é hoje noticiado por diversos órgãos da comunicação social - este é um exemplo - o Sporting iniciou ontem um processo de despedimento colectivo de - mediante onde se lê - entre "mais de 50" a "mais de "70" funcionários, no âmbito da reestruturação financeira em curso. É reportado que, com isto, o Sporting visa poupar cerca de 3.5 milhões de euros por ano.

 

Como nota de fundo, é igualmente noticiado que o processo está a deixar o presidente "profundamente angustiado" e que "todos os direitos dos trabalhadores serão respeitados".  

 

 

A acompanhar estas notícias, surge uma outra a indicar que a empresa Nova Expressão SGPS, de Pedro Baltazar, avançou com uma penhora sobre a Sporting SGPS no valor de cinco milhões e meio de euros, relativa à venda de acções da SAD acordada em Dezembro de 2010.

O acordo, assinado durante o mandato de José Eduardo Bettencourt, estipula o pagamento da quantia em cinco prestações anuais de cerca de um milhão de euros, ficando salvoguardado que o não pagamento de uma das prestações implicaria a liquidação da totalidade da verba, que é o que a Nova Expressão SGPS pretende com a entrada da acção executiva na justiça.

 

publicado às 08:19

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds