Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



22021262_zRY9r.jpeg

No programa Raio-X da Sporting TV, esta segunda-feira, Miguel Braga, Responsáel de Comunicação do SCP, foi muito crítico em relação ao comportamento do assessor de imprensa do FC Porto, no episódio que acabou por marcar o pós-clássico e que envolveu, não apenas o homem que se senta ao lado do treinador nas conferências de imprensa, mas também Sérgio Conceição e um jornalista do site 'Zerozero.pt':

"Faz-me confusão o que se passou na sala de imprensa e nos momentos posteriores. Há um jornalista que faz uma pergunta ao treinador do FC Porto, assinalando um facto verificável, que qualquer pessoa que ponha o jogo para trás pode ver, e que é, no fundo, uma mola que existe no banco do FC Porto, que os obriga a saltar o triplo das vezes que saltou o banco do Sporting.

Houve um jornalista que se deu ao trabalho de contar quantas vezes saltou um banco e outro, porque, nestas últimas semanas, se tem falado muito que o comportamento dos bancos é, muitas vezes, uma forma de pressionar os árbitros. Fez o seu trabalho, está no sítio onde é suposto a imprensa estar a fazer perguntas e o que se passou foi deplorável. Faz-me confusão que num país livre, num país suposto democrático, exista esta espécie de 'bullying' a jornalistas que fazem perguntas que alguém acha incómodas.

É a liberdade de imprensa, é a liberdade de os jornalistas fazerem perguntas e não serem sujeitos a insultos ou tentativas de agressão. Toda a gente viu o que se passou - e depois não viu nada do que se passou... porque as câmaras não estavam lá. Como é possível um assessor de imprensa insultar desta forma um jornalista? É que não só o insultou na sala de imprensa, como foi a insultá-lo até ao carro dele, o que eu acho realmente surreal.

Há certos senhores que estão convencidos de que há uma coutada dentro do país e dentro do Estado de direito. E não existe. Faz-me confusão que algumas entidades, que gerem o nosso futebol, não digam nem uma palavra sobre este caso. Podia ser a primeira vez, mas não é. Desde 2009, pelo menos, há casos de tentativas de agressão e insultos.

Relativamente ao Sérgio Oliveira, o Rúben Amorim já disse tudo e, perante a resposta dele, não é preciso dizer mais nada. O mesmo para o Francisco Conceição. Aquilo que o Pedro Porro disse, deixa-me convencido, mas, olhando para as imagens e tendo em conta o que o Porro disse, percebe-se facilmente onde está a razão.

Além de Artur Soares Dias, há uma geração de árbitros que tem qualidade. Se for uma parceria de intercâmbio, eu não vejo onde é que está o tal atestado de incompetência de que a APAF fala. Até pode ser uma coisa bastante interessante e, se for para melhorar a arbitragem em Portugal, diria... tudo Ok, maravilhoso".

publicado às 05:32

Miguel Braga aponta aos rivais

Rui Gomes, em 17.02.21

maxresdefault.jpg

No programa Raio-X da Sporting TV, Miguel Braga, Responsável de Comunicação do Sporting, condenou as declarações de Pinto da Costa após o jogo com o SC Braga:

"Há uma relação directa entre a conferência de imprensa [de Pinto da Costa] e os actos que se seguiram, nomeadamente as ameaças de morte ao árbitro Luís Godinho e à sua família. Não é descabido afirmar que parte daquelas palavras foram incentivo às acções que se desenrolaram. O Sporting repudia qualquer incentivo à violência.

Essa narrativa de críticas à arbitragem não cola. É um tipo de comportamento que não ajuda nada. Aliás, pelo contrário, só estraga o futebol português. O FC Porto é a equipa em Portugal com menos amarelos e aquela que durante a 1ª volta do campeonato teve mais penáltis a seu favor, mais do que Sporting, Benfica e SC Braga juntos".

A propósito das críticas do Benfica à arbitragem, Miguel Braga teve isto para dizer:

"Estão de alguma forma tentar desvalorizar a liderança do Sporting apontando como argumento os árbitros ou outras coisas mais surreais, como a quantidade de jogos que tem sido desgastante para as outras equipas e o facto de o Sporting não estar na Europa e ter sido eliminado na Taça de Portugal.

Curiosamente, desde o dia 9 de Dezembro até (ante)ontem, se olharmos para os grandes, fizeram exactamente o mesmo número de jogos. A única equipa que fez mais jogos do que o Sporting, mais um, foi o SC Braga. O Sporting lidera o campeonato por mérito e é a única equipa que até ao momento está sem derrotas"

publicado às 03:03

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo