Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Objectivo e estratégia comuns

Rui Gomes, em 06.10.21

FASChs9UUAwGL52 (2).jpg

Muito me tem surpreendido, bem pela positiva, a prestação da nossa equipa feminina. Gosto de ver esta matriz que actualmente caracteriza de forma clara as equipas de futebol sénior do Clube. De referir que muito se deve a dois jovens e excelentes treinadores que foram apostas da Direcção do Sporting contra a maioria das correntes de opinião.

Leão do Norte

De facto, ao consultar artigos nos jornais ou ler entrevistas à treinadora Mariana Cabral, verifiquei que há diversas coincidências na comunicação e no discurso com o treinador Rúben Amorim. Mas, para além de tudo isso, há uma estratégia comum no que refere à constituição do plantel com base fundamental na Formação sportinguista e em algumas jogadoras experientes.

Leão Zargo

publicado às 04:03

Foto do dia

Rui Gomes, em 30.09.21

243111361_10157961147156555_3095921671440818913_n.

Rúben Amorim e Mariana Cabral, dois grandes treinadores

publicado às 04:18

est2.jpg

______________________________________________________________

Algo surpreendente o impacte deste post do dia 20 entre os

nossos leitores, com mais de 1000 Likes de Facebook.

______________________________________________________________

Pablo Sarabia estreou-se como titular de leão ao peito frente ao Estoril e Rúben Amorim não hesitou em elogiar a exibição do jogador espanhol que foi cedido ao Sporting CP pelo Paris Saint Germain:

"Pablo Sarabia é um jogador muito inteligente, percebe os momentos, ainda vai perceber melhor os momentos de saltar para a pressão e ficar, mas é um jogador que dá peso à equipa, é um internacional espanhol, um jogador com muitos jogos na pernas, está num momento certo da carreira e vai-nos ajudar muito, é muito humilde, não trabalhou para ele, trabalhou para a equipa".

Já o jogador recorreu às redes sociais para manifestar o seu contentamento:

"Ficámos com os três pontos numa partida muito disputada. Feliz pela minha primeira vitória como leão". 

publicado às 13:45

img_920x518$2021_09_15_22_30_24_1904154.jpg

Algumas considerações de Rúben Amorim no final do encontro com o Ajax:

Ingrato começar a sofrer dois golos?

"Logo no primeiro minuto... depois temos de ir atrás e eles estavam confortáveis. Equipa algo inexperiente. Tentámos dar a volta, sofremos o terceiro, fizemos um que foi anulado e poderia mudar o jogo. Depois sofremos o quarto e não soubemos gerir. Tenho muito orgulho neles, são muito corajosos. Disse para fecharem em 5x4x1 e eles não quiseram. Ajax foi melhor."

Ausência de Coates e lesão de Inácio

"Foi complicado. Foi tudo. São jogadores importantes. É uma noite infeliz que acontece. É um grande sofrimento para os jogadores. Há que olhar para isto como sendo futebol e seguir em frente."

O golo anulado a Paulinho e o 1-4

"Mata o jogo, seria diferente se contasse. Anulando o nosso e sofrendo a seguir acabou o jogo. Jogadores estiveram a sofrer em campo e há jogos assim. Eles são homens, já se viu no ano passado. Já fizeram muito, vamos crescer… é o que é."

"Sofro muito mais por eles do que por mim. Durmo bem a preparar o jogo e sabíamos o que fazer. Esta é uma equipa muito experiente na Europa, nós não. E sentimos os dois primeiros golos. Tivemos alguns jogadores nervosos, mas guardo a forma como reagimos.

Temos de aprender, principalmente o treinador. É olhar para o jogo e ver bem o que fizemos mal. Esta equipa tem muito coração, tenho orgulho neles. Se fazem isso sempre, têm sempre o treinador do lado deles".

O aplauso dos adeptos no fim

"Não estava à espera, sei bem o amor que os adeptos têm pelo Clube. Eles estão atentos e sabem o que é este projeto. Mas não podemos ter tantos erros, o ano passado perdemos 4-1 e quando isso acontece o responsável é o treinador. Obrigado aos adeptos, sei que não dura para sempre mas eles reconhecem o que está a ser feito (...) temos de conquistar isto diariamente mas sabemos que estamos no bom caminho no que respeita ao projecto".

publicado às 03:02

Estatísticas do jogo

Rui Gomes, em 12.09.21

GoalPoint-Sporting-Porto-Liga-Bwin-202122-90m.jpg

Considerações de Rúben Amorim...

A ANÁLISE AO JOGO

"Uma primeira parte onde podíamos ter ido para o intervalo com um resultado mais volumoso, aproveitámos algumas transições, tivemos boas saídas de bola com o FC Porto a pressionar alto. As únicas ocasiões, que nem sequer foram ocasiões, do FC Porto, foi quando perdemos a bola a querermos de trás. Gostei da personalidade da equipa e fomos melhores do que temos sido contra o FC Porto. O resultado não foi o melhor e há que continuar".

FALTOU EFICÁCIA?

"Sim, tivemos essas duas flagrantes do Nuno Santos. Mas, como disse, estivemos melhor contra o FC Porto, estamos a crescer como equipa e este é o caminho".

E ANDAMENTO À EQUIPA?

"O FC Porto é uma equipa mais madura, não há como fugir disso, há certos momentos do jogo e que se nota que o FC Porto está mais habituado a este tipo de jogos. Nós vamos lá chegar, por isso é que temos uma nova competição, precisamos de jogos destes semana sim, semana não. para crescermos".

AS AUSÊNCIAS NOTARAM-SE?

"O nosso grupo é muito assim, todos vão jogar e todos estão preparados. O treino conta muito e mais do que estarmos aqui a dizer que todos contam e são importantes, no Sporting é mais fácil mostrar do que estar a dizê-lo".

A ESTREIA DE PABLO SARABIA

"É um jogador com muita qualidade, em certos pormenores já se viu, falta-lhe algum andamento, que vai agora ganhar. Tem muita vontade e é muito humilde, é mais um para ajudar".

FICA A QUATRO PONTOS DA LIDERANÇA DO BENFICA

"O ano passado tivemos muitos pontos de avanço e tudo pode mudar. Obviamente que não queremos deixar fugir, mais o importante é irmos vencendo jogos e não deixar fugir".

publicado às 03:46

A questão dos avançados

Rui Gomes, em 21.08.21

img_920x519$2021_08_20_19_34_00_1893290.jpg

Uma questão que tem sido debatida frequentemente pelos adeptos e que Rúben Amorim abordou na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Belenenses SAD.

O treinador do Sporting foi instado a comentar os avançados da equipa e, em particular, o possível interesse em Slimani, jogador que admitiu não há muito tempo que gostaria de voltar para Alvalade:

"A ideia passa por ficar com apenas dois avançados, Paulinho e Tiago Tomás, e em caso de emergência temos jogadores que poderão passar por lá. Sei que os adeptos gostam muito do Slimani, mas esta é a nossa ideia e passa por aí".

Recorde-se que o avançado argelino teve isto para dizer pela visita do Lyon na disputa do Troféu Cinco Violinos:

"Voltar? Sim, vamos ver. Eu quero, mas… Para mim o Sporting tem uma equipa muito boa, um grande treinador. Fiquei muito feliz por terem ganho o campeonato no ano passado. Vejo 50 por cento dos jogos do Sporting. O Sporting vai ficar no meu coração para sempre, o Sporting é a minha casa".

publicado às 06:16

0jl25921.jpg

O suspeito do costume... 3 golos em 2 jogos (mais o da Supertaça)

Algumas considerações de Rúben Amorim no pós-jogo:

"Os cinco triunfos não reflectem a direrença entre as equipas. Voltámos a ser superiores na primeira parte, fizemos o segundo golo no início da segunda e desligámos um pouco a intensidade ainda antes da expulsão. A expulsão do Matheus alterou tudo porque íamos mexer na equipa. O SC Braga tentou o golo, defendemos bem e aguentámos o resultado até ao fim. Até ao 0-2, éramos a equipa com ascendente no jogo".

Fomos justos vencedores. Aguentámos bem o golo do SC Braga para não ser logo a seguir à expulsão, o que dá confiança. (...) A seguir ao 0-2 tivemos alguma culpa porque desligámos um pouco. Com menos um, é difícil. (...) Agora, há que dar mérito à equipa do Sporting CP até ao 0-2. Foi superior a maior parte do jogo e [o resultado] acaba por ser justo".

"Algum cansaço também… Ali no Feddal e eles a meterem muita gente desse lado. Mas o Sp. Braga também aprende, as equipas e treinadores vão aprendendo onde quebrar um bloco baixo de 10 jogadores. Há sempre variáveis que não controlamos mas mérito dos jogadores por aguentarem o resultado".

"Cada jogo tem sua história e não conta nada. Agora é preparar o Belenenses SAD. São seis pontos, mas está tudo no início e há muito para melhorar e trabalhar."

publicado às 03:17

ruben_amorim_sporting_6-750x417.jpg

Rúben Amorim na conferência de imprensa de antevisão ao jogo de hoje com o Vizela, para dar o pontapé de saída à Liga BWIN:

O que se espera desta época?

"A época que passou, passou. Há que ter em conta que tudo pode mudar ao contrário. Temos de estar atentos e trabalhar muito. Começa já com o Vizela. É uma equipa que conhecemos bem desde o CNS. Conheço bem o míster Pacheco e eles não vêm desfrutar. Disse aos jogadores para se focarem no campeonato. Têm alguns jogadores novos, mas não vão entrar tantos na equipa. Têm um espírito parecido com o nosso. Vai ser um jogo difícil contra uma equipa que não tem nada a perder."

Está confortável com as opções que tem para avançado?

"Estamos muito confortáveis e a nossa decisão de emprestar o Pedro Marques foi por aí. O Paulinho luta com o TT. Temos vários jogadores que podem passar por ali. O nosso melhor jogador de cabeça é o Coates. Em situações de emergência podemos sempre meter o Coates lá na frente. O Jovane também já passou por lá. Penso que o Paulinho e o TT são suficientes para atacar a época. Fui eu quem faltou com o Pedro Marques, não quero que um jogador pense que é a terceira ou quarta opção. A verdade é que o nosso melhor cabeceador é o Coates, até nos cria espaço para treinar de vez em quando lá se precisarmos."

Já contava ter Ugarte? Nuno Mendes vai a jogo?

 "Nuno está fora do jogo. Vinagre é uma das opções mais claras para o lugar. Ugarte, vamos ver. Estou muito satisfeito com os médios que temos. Até ao final do mercado pode haver entradas e saídas. Neste momento, estou satisfeito com o plantel que temos."

Algum sector que gostaria de melhorar?... Já se sente um talismã?

"Temos que melhorar várias coisas. Nem tudo foi bom na Supertaça. Estivemos bem defensivamente, mas há coisas que podemos melhorar. Os jogadores vão subir de forma. Temos várias opções. Agora, podemos e devemos melhorar em vários aspectos. Podemos ser dominadores durante a época.
Começou-se a olhar mais para o universo do Sporting quando o futebol começou a ganhar, mas o Sporting sempre foi um clube muito grande e vencedor. Não me sinto nada talismã. Tenho grandes jogadores e uma grande equipa técnica. Sinto que tenho alguma sorte. Há que estar muito atento a estes momentos pois pode haver algum relaxamento, mas da nossa parte não haverá".

Quem parte melhor, dos três grandes? Matheus Nunes mais perto da saída?

"Em relação aos três grandes, não faço ideia. Vimos o Braga muito. Continuam fortes, como vimos na Supertaça. O Vizela é uma divisão acima. Matheus Nunes? Depende do mercado, já foi o Nuno, agora é o Matheus. Eu faço o meu papel, que é todos os dias dizer ao presidente e ao Hugo Viana para não vender, para não vender. Mas vamos ver."

Possíveis assobios? 

"Eles estão preparados para isso. Quando sofremos o golo [frente ao SC Braga] não ouvimos assobios. Os jogadores responderam da melhor forma dentro de campo, sem ajuda do treinador. Vai haver momentos em que a nossa equipa não vai estar muito bem e podemos ouvir assobios, é normal. Vamos jogar a Liga dos Campeões, algo que também é diferente."

A preferência por Matheus Nunes para a Supertaça e o facto de Bragança ter ficado de fora do jogo.

 "Foi uma opinião que foi mudando, é claro que o adversário também conta muito. Mas foi sobretudo pelo que me foram dando e mostrando durante a semana. O Bragança também esteve bem, mas só temos 18 jogadores para levar a jogo. O Tabata também fazia bem aquela posição.

Quando estamos a fazer a convocatória, tentamos ter todos os cenários em conta. O Tabata, fazendo duas posições, garante-me mais opções e foi sobretudo por isso. O Dani [Bragança] vai voltar à convocatória. O Gonçalo Inácio era praticamente o único central na última temporada. Durante a semana, não me interessa se é o Palhinha ou o Dário, serão sempre opção. Entendemos que os que estiverem melhores são aqueles que irão sempre a jogo."

publicado às 03:03

20210725-sm2_2254.jpg

Eis o que Rúben Amorim teve para dizer no final do jogo em que o Sporting conquistou o Troféu Cinco Violinos pela sétima vez, vencendo o Lyon por 3-2:

"Nós fizemos um excelente jogo contra uma equipa que não é um adversário qualquer. Estivemos mais soltos fisicamente do que no Algarve, o que é normal. Deu para toda a gente se preparar para o jogo que interessa, que é o da Supertaça. Estou, obviamente, satisfeito, mas sabemos que é pré-época. Não conta para nada a não ser para ganhar ritmo e criar rotinas para arrancar bem a época.

Paulinho é um jogador que tem mais tempo, mas há que realçar a entrada do Tiago Tomás e a forma como melhorou o seu jogo de cabeça para ganhar as primeiras bolas. Ia fazendo um golo, mas por centímetros não estava em jogo. Também a capacidade dele de entender o jogo e os timings de pressão. O Paulinho está mais entrosado e o Tiago Tomás está cada vez melhor, mais jogador. É o primeiro ano de sénior e fico muito satisfeito com a evolução deles.

O jogo da Supertaça vai ser muito mais exigente do que este. Não sei se tanto a nível de intensidade, mas sim a nível de pressão do jogo e da forma como o SC Braga nos conhece. Não nos vamos iludir com jogo, mas sim tirar ilações e melhorar o que temos de melhorar. Sofremos dois golos, o que não é bom, mas temos muitas coisas boas da pré-época para aproveitar e levar para a Supertaça.

isa_3477.jpg

Alguns chegaram muito em cima da hora. O Coates fez um excelente jogo e parece que não parou, mas temos de levar isto com bastante cuidado. Estão preparados, mas há que salvaguardar os outros, que são o suporte da equipa. Não há titulares na nossa equipa, há um grupo. Estão todos preparados para a Supertaça. Agora, os jogadores que foram muito importantes na época passada e que vieram das selecções precisam de tempo e temos de ter cuidado com eles.

Claro que estou preparado para perder jogadores, faz parte do processo. Mas para isso é que arranjamos soluções, contratámos mais para a B do que para a A. Chegámos a um ponto em que para substituir os nossos jogadores temos de pagar mais. Por isso temos de criá-los.

Esta época a  responsabilidade é muito maior mas a ideia não mudou. Temos um ano de experiência mas também a têm os nossos adversários. Ganhámos um campeonato mas não mudámos muito desde então. Temos de correr muito e lutar muito. Essa é a grande força".

publicado às 04:32

Foto do dia

Rui Gomes, em 23.07.21

217440948_10157848668406555_4838958293021163740_n.

Rúben Amorim acompanha um treino, observado ao perto

pelo seu principal "adjunto"... Paulinho.

publicado às 03:01

31191350151122947c41defaultlarge_1024.jpg

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) revpgou o castigo de 15 dias de suspensão aplicado a Rúben Amorim - já cumprido - na sequência do Sporting-Famalicão. O técnico, recorde-se, foi impedido de orientar a equipa nos jogos com o Farense (1-0) e Belenenses SAD (2-2), e ainda foi multado em 6.375 euros.

O treinador sempre reclamou a sua inocência garantindo não ter proferido as declarações injuriosas no relatório do árbitro Rui Costa, que por indicação do seu auxiliar, Rui Manso, escreveu que o responsável técnico terá dito "vai para o c..., vai-te f... conseguiste o que querias". O Sporting pediu que no processo fossem anexados os áudios do VAR, mas a solicitação foi recusada pelo Conselho de Disciplina da FPF. Após a divulgação da pena, a SAD recorreu.

Já no início do mês, o Sporting viu o TAD aceitar uma providência cautelar para impedir a interdição do Estádio José Alvalade, por um jogo, em mais um processo relacionado com Rúben Amorim. Resta assinalar que a FPF pode recorrer desta decisão.

publicado às 03:02

Rúben Amorim eleito Treinador do Ano

Rui Gomes, em 09.07.21

214625097_10157832649306555_8046461946208164929_n.

Campeão Nacional pelo Sporting, Rúben Amorim foi ontem eleito Treinador do Ano da Liga Portugal.

Acompanhado da sua equipa técnica, o Míster teve isto para dizer:

"Sem eles não era possível, o prémio é deles, têm muito mérito neste título, tal como o presidente, o Hugo Viana e os jogadores. Tenho muito orgulho em ser o líder deles.

O Sporting não se pode desviar do caminho que traçou. Um título não pode mudar o que queremos fazer. Ainda temos distâncias para encurtar para os rivais e, por isso, é obviamente que... vamos tentar! No ano passado acreditávamos, este ano sabemos que é possível. É jogo a jogo, mas com olhos nos títulos, a começar pela Supertaça".

Questionado sobre se considera ser melhor jogador ou treinador respondeu: 

"Vamos ver... Acho que sou mais treinador, também porque tenho mais ajudas. Como jogador o corpo não me deixou ser melhor devido a lesões, mas tudo isso contribuiu para ser o treinador que sou e espero que me permita continuar a evoluir".

Parabéns Rúben Amorim, distinção bem merecida!

publicado às 05:05

"Rúben Amorim teve-os no sítio"

Rui Gomes, em 20.06.21

img_920x519$2021_06_19_10_22_03_1865381.jpg

José Mourinho, actual técnico da Roma, comentou o título nacional ganho pelo Sporting na última época e elogiou não só a equipa, como também Rúben Amorim, em entrevista à GQ Portugal:

"Há uma série de factores que terão contribuído para isso. Começo pelo meu jovem colega [Rúben Amorim], que foi líder. Cometendo aqui e acolá algum excesso - eu cometi tantos quando era da idade dele, ou até mais velho... - mas à boa maneira portuguesa teve-os no sítio, muitas vezes foi líder daquele grupo.

Depois, o plantel tinha muito jogador com fome de ganhar, de crescer, de atingir outro patamar. Havia pouca gente rica, de barriga cheia ou acomodada. Eventualmente, e seguramente, há mérito também da Direcção e da estrutura que o suportou.

Para um plantel como o do Sporting, um jogo por semana foi uma grande vantagem. O facto de terem sido eliminados prematuramente das competições europeias deu-lhes uma vantagem tremenda relativamente ao rival directo, cujo sucesso levou a muitos jogos a uma dimensão altíssima.

Defrontar tanto a Juventus como o Manchester City tem um nível de exigência mais elevado do que o que se joga em Portugal. Foi mais difícil para o FC Porto acompanhar a 'pedalada' do Sporting, que estava a jogar um jogo por semana. Mas acho que foi bom para o futebol português. Parabéns, foi merecido".

publicado às 03:00

img_920x518$2021_05_13_02_59_23_1849905.jpg

O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol pronunciou-se esta terça-feira sobre os processos instaurados relativamente ao Famalicão-Sporting (5 de Dezembro de 2020) e Belenenses SAD-Sporting (27 de Dezembro de 2020), aplicando quase 10 mil euros em multas, que passamos a detalhar.

Do primeiro duelo, referente à jornada 9 do campeonato, saíram sanções de 306 euros para os jogadores Luís Neto, Feddal e João Palhinha, enquanto Hugo Viana 'subiu' para os 612 €. Este processo está relacionado com os acontecimentos no túnel depois do apito final de um jogo que terminou empatado a dois golos e com muita polémica, dado o tento anulado a Coates já na compensação.

Quanto ao duelo com a Belenenses SAD, no Jamor, Rúben Amorim foi multado em 1.910 euros e o Sporting em 6.380, sendo o processo contra Emanuel Ferro, adjunto, arquivado. O CD sustenta a coima a Rúben Amorim com a inobservância de deveres e aos leões por apresentarem "um quadro técnico sem as habilitações mínimas", ou seja, pela postura do seu treinador no jogo quando ainda não estava inscrito no IV nível da UEFA.

Somando tudo, temos 9.820 euros, em decisões que, como tem sido norma, deverão ser alvo de recurso por parte dos visados - jogadores, director-desportivo e sociedade.

What else is new???

publicado às 04:02

E tudo Pote levou...

Rui Gomes, em 20.05.21

img_467x599$2021_05_20_02_49_05_1852774.jpg

PEDRO GONÇALVES (POTE)

"Estou muito orgulhoso. Um ano de muito trabalho, quero agradecer a todos os que me apoiaram ao longo do ano, nos momentos mais difíceis. É dedicado a todos eles.

Desconhecia ser o o primeiro português a conseguir o troféu desde Domingos Paciência, em 1995/96. É um orgulho. Um excelente trabalho de toda a equipa. Agradecer aos meus colegas por tudo o que fizeram.

Abraço para todos na minha terra. Sinto um orgulho enorme ser videiguense, espero que estejam tão felizes como eu".

JOÃO PEREIRA

"Para já sinto felicidade, acabei da melhor maneira, como campeão do Sporting, algo que o clube precisava e merecia mais do que eu. É o fecho de um ciclo e vai começar outro.

Já dava para imaginar um pouco vir a terminar como campeão, porque o Sporting estava em primeiro, mas a vida deu uma grande volta. Aconteceu o que aconteceu com o meu clube na Turquia, estive quase a assinar por outro clube mas quando me chamaram do Sporting vim a correr. Foi a melhor coisa que me podia ter acontecido. Não era precisar cativarem-me muito para voltar, o Clube deu-me muito.

O meu próximo cargo ainda não está definido, são coisas que tenho de falar. O presidente e o Hugo Viana irão falar na altura apropriada.

O Sporting é um clube muito grande: continuem a apoiar-nos. Isso tem de continuar e não só quando as coisas correm bem. É a única forma de levar este clube ao topo, que é onde merece estar."

RÚBEN AMORIM

João Pereira foi um jogador muito importante na nossa época, acabou a jogar como titular, como campeão. Fizemos questão que fosse substituído sozinho, para ter a ovação, não só dos adeptos, mas de toda a equipa. Fico muito feliz por ele, o Sporting tem sorte de ficar alguém como ele, que vai ser treinador. Espero que não me roube o lugar. Vamos mandá-lo ali para os sub-14 [diz com risos], pois está difícil para todos… Tristes porque acabou a carreira dele, mas a vida continua.

Pote e os seus 23 golos na Liga: mérito da equipa, dele… Um jogador que não forçou nada, pois tem muito golo e uma equipa que gosta muito dele. Entrámos, por isso, muito bem no jogo, perdemos algo disso no 3-0, mas eles não descansaram enquanto ele não fizesse três golos. Se fossem precisos mais, ele iria marcar mais. Foi o dia do Pedro, que nos deu muito. É o prémio merecido de um grande jogador que vai fazer uma grande carreira.

Apostámos na formação, criámos uma equipa, fomos realmente uma equipa, ganhámos dois títulos em três possíveis, mas agora vamos preparar e enfrentar um novo ano, que vai ser muito complicado, mas estamos preparados."

publicado às 07:03

Fotografia com história dentro (247)

O presidente, o tempo e a circunstância

Leão Zargo, em 16.05.21

thumbnail_SCP 2020-21 Varandas, Viana e Amorim.jpg

Frederico Varandas obteve 42,32% dos votos e foi eleito presidente do Sporting em 9 de Setembro de 2018 nas eleições mais concorridas de sempre com a participação de 22 400 sócios. Não teve o habitual “estado de graça”. Os apoiantes de Bruno de Carvalho nunca lhe deram descanso e o facto de João Benedito ter alcançado cerca de 1 100 votantes a mais ficou na memória de muitos. O Sporting é um clube autofágico, depois de Ribeiro Ferreira (1946 a 1953) não teve um presidente consensual para os adeptos.

Frederico Varandas foi posto em causa em diversos momentos. Perante o fracasso dos treinadores que contratou não conseguia ser claro, oportuno e convincente. Nos jogos em Alvalade foram frequentes as manifestações de contestação. Num clube como o Sporting o presidente não decide tudo, constitui equipas multidisciplinares nas diferentes estruturas nas quais delega competências e que respondem perante ele. O segredo da liderança está na escolha das pessoas certas para as diversas áreas.

Foi o que aconteceu, finalmente, com o triângulo Varandas - Viana - Amorim. Apesar de ser muito activo e sempre presente nos bastidores, o presidente deu todo o protagonismo a quem devia, mantendo-se longe dos holofotes. Esta fotografia pode constituir uma síntese extraordinária do grau de sucesso que alcança um modelo de governo do Sporting com práticas efectivas de exigência, organização e partilha de responsabilidades.

publicado às 14:30

Rúben Amorim não escapou

Rui Gomes, em 13.05.21

publicado às 03:00

image.jpg

Líder do campeonato e a dois pontos do título de campeão, o Sporting tem protagonizado uma grande temporada e suscitado a atenção fora de Portugal. O jornal francês L'Équipe entrevistou Rui Vitória, treinador, que adiantou a sua opinião sobre o sucesso leonino esta época:

"A primeira explicação é que o Rúben é um bom treinador. Depois, há a construção de uma equipa feita à sua imagem. Ele sabia muito bem o que queria e sabia como construir a equipa. E há esse vínculo muito forte entre o treinador e a estrutura, neste caso o presidente. As pessoas sentem isso, que todos estão trilhando o mesmo caminho e então tudo fica mais fácil.

O Rúben mostra uma grande personalidade e aproveitou muito bem os erros cometidos pelos adversários. O Benfica gastou energia na Europa, o FC Porto também, o Sporting aproveitou. Os bons resultados validaram esse esquema (3x4x3) e esse esquema permitiu alcançar bons resultados.

Não é uma equipa que foi sempre foi brilhante, mas está bem conectada, consistente. Acreditam a todo o momento que podem vencer, que vai correr bem. Grandes equipas são as que nem sempre se preocupam em fazer grandes partidas, mas que sabem ser muito pragmáticas.

Pessoalmente, gosto muito quando a minha equipa é desinibida, leve, ataca a competição de forma positiva. Ter uma equipa à vontade em campo é um verdadeiro prazer como treinador. E também é um prazer ver que a equipa está confortável a defender. Ver essa alegria, esse prazer com e sem bola, é a satisfação de um treinador".

publicado às 03:17

Foto do dia

Rui Gomes, em 06.05.21

img_920x519$2021_05_05_23_27_48_1846567.jpg

Decorriam os descontos do Rio Ave-Sporting quando Rúben Amorim

não aguentou a emoção, sendo visível uma lágrima no canto do seu olho.

"Temos um grande coração, honramos o nosso Clube"

publicado às 04:17

img_920x518$2021_05_04_10_14_28_1845886.jpg

Rúben Amorim foi suspenso por 6 dias pelo Conselho de Disciplina. Irá estar fora do jogo com o Rio Ave esta quarta-feira.  O treinador do Sporting foi punido por declarações após o Sporting-FC Porto de Outubro 2020, onde foi expulso por protestos contra a equipa de arbitragem. Após a partida Amorim apontou dualidade de critérios do árbitro. O Sporting fala em "deliberação ilegal e injusta" e vai "interpor recurso a interpor sobre ela junto do TAD".

Na altura, o Conselho de Disciplina instaurou um processo de inquérito, que foi convertido em processo disciplinar a 9 de Janeiro. A audiência disciplinar foi marcada para 1 de Março, mas nessa altura vigorava a suspensão de prazos processuais decorrente do Estado de Emergência.

A suspensão de prazos processuais, que se iniciou a 22 de Janeiro, terminou a 6 de Abril. A audiência foi então realizada a 21 de Abril, sendo agora conhecido o castigo, véspera do jogo em Vila do Conde.

Em comunicado (disponível aqui) a Sporting SAD já reagiu ao castigo:

"Trata-se de uma deliberação injusta, desproporcional e que expõe a Justiça desportiva ao julgamento óbvio: as declarações do nosso treinador, no contexto em que foram proferidas, não têm qualquer relevância quando comparadas com outras atitudes de outros agentes desportivos".

"A Justiça desportiva expõe-se, assim, ao ridículo de quem não procura a verdade nos processos e, numa interpretação ilegal dos regulamentos, pretende impor a lei da rolha a quem, justamente, se limitou a referir-se a uma injustiça que o vitimava e continua a vitimar".

A escumalha do Conselho de Disciplina da FPF não olha a meios para atingir fins. Mais uma autêntica vergonha à vista!!!

publicado às 13:15

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo