Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ranking da UEFA

Rui Gomes, em 28.02.20

ranking-uefa.jpg

1.º Espanha, 98.997 pontos (6 equipas em prova de 7 que começaram)
2.º Inglaterra, 87.748 pontos (6/7)
3.º Alemanha, 70.784 pontos (6/7)
4.º Itália, 67.939 pontos (5/7)
5.º França, 56.415 pontos (2/6)
6.º Portugal, 49.449 pontos (0/5)
7.º Rússia, 45.549 pontos (0/6)

O actual ranking após os dois desastrosos dias de competição em que as quatro equipas lusas foram eliminadas da Liga Europa: SC Braga, na quarta-feira; Sporting, Benfica e FC Porto, ontem.

Num ano em que garantiu que voltará a ter três equipas (duas directas e outra nas pré-eliminatórias) na Liga dos Campeões 2021/22, Portugal encerra a presente temporada com 10.300 pontos, o 5.º melhor registo entre todos os países.

Como a Rússia também já não tem nenhuma equipa em prova, é certo que acabará a época no 6.º posto. Porém, a França (5.ª) pode cavar ainda mais o fosso, pois conta ainda com Lyon e Paris SG para pontuarem.

publicado às 06:01

UEFA_logo_2012-1 (1).png

Finalizada a jornada europeia para os clubes portugueses, o Sporting foi a única equipa portuguesa a somar pontos (2) para as cores nacionais.

Com o sexto lugar garantido, agora o objectivo será dilatar a vantagem para a Rússia (já não tem equipas nas competições europeias) e quiçá aproximar-se da França.

2020-02-20 (1).png

Nesta jornada, Portugal aproximou-se da França, uma vez que o PSG perdeu e que o Lyon ainda não jogou e vai defrontar a Juventus na Champions.

Portugal agora soma 49.249 pontos, contra os 45.549 da Rússia e os 56.082 da França. Os pontos das equipas francesas dividem por seis e o dos portugueses é dividido por cinco.

publicado às 03:30

img_467x599$2019_11_29_02_43_33_1632952.jpg

Portugal, com duas vitórias e três empates na quinta jornada da fase de grupos das taças europeias, reforçou ainda mais o 'milionário' sexto lugar do ranking de clubes da UEFA.

O Sporting (4-0 na recepção ao PSV) e o FC Porto (2-1 no reduto do Young Boys) somaram triunfos na Liga Europa, prova em que SC Braga (3-3 com Wolverhampton) e Vitória de Guimarães (1-1 com Standard Liège) repetiram a igualdade do Benfica (2-2 com o Leipzig, na Alemanha) na Liga dos Campeões.

Com estes resultados, Portugal totalizou 1,400 pontos, passando a somar 47,249, para fugir ainda mais à Rússia, que se ficou pelos 0,833 pontos (dois triunfos, uma igualdade e um desaire), para um total de 45,216.

Além dos pontos somados, já estão garantidos dois representantes lusos nos 16 avos de final da Liga Europa, o SC Braga e o Sporting, para apenas uma equipa que já sabe que ficará fora das taças europeias, o Vitória de Guimarães.

O panorama dos russos é bem diferente, pois ainda nenhuma equipa se qualificou e duas estão fora da Europa, o Lokomotiv Moscovo, na Liga dos Campeões, e o CSKA Moscovo, na Liga Europa.

As formações lusas estão em maioria (cinco contra quatro) na fase de grupos e todos os pontos que somarem (dois por vitória e um por empate) são divididos por cinco (0,4 por vitória e 0,2 por empate), enquanto os russos têm de dividir os seus por seis (0,333 por triunfo e 0,166 por igualdade).

Portugal, que já sabe que na próxima época (sétimo nas contas entre 2014/15 a 2018/19) manterá a situação actual - uma entrada directa na 'Champions' e outra na terceira pré-eliminatória -, está muito bem posicionado para acabar a presente temporada no sexto posto e conseguir, em 2021/22, recuperar uma segunda entrada directa.

publicado às 12:34

Ranking da UEFA

Portugal aumenta vantagem para a Rússia

Rui Gomes, em 25.10.19

UEFA_logo_2012-1.png

Depois de na quarta-feira ter superado os russos graças à vitória do Benfica, Portugal conseguiu esta quinta-feira, mercê dos resultados da noite de Liga Europa, abrir uma vantagem já bastante importante no ranking UEFA. O nosso país tem agora 44.849 pontos, contra os 43.883 dos russos.

A contribuir para esta 'fuga' estiveram as duas vitórias de Sporting e SC Braga, assim como o empate do FC Porto, ao passo que a única equipa a não pontuar foi o V. Guimarães, isto apesar de até ter estado muito perto de contribuir. Com isto tudo, de notar que Portugal esta época até é o quinto país com mais pontos conquistados, apenas atrás da Espanha, Inglaterra, Alemanha e Holanda.

Para mais, os russos também deram uma 'ajuda' preciosa, já que apenas conseguiram uma vitória em quatro encontros (com o Krasnodar a bater esta noite o Trabzonspor por 2-0). Os outros encontros, de Lokomotiv Moscovov (diante da Juventus), Zenit (diante do RB Leipzig) e do CSKA Moscovo (com o Ferencvaros) acabaram todos em derrotas.

Ranking UEFA:

1. Espanha, 90.855 (7/7)
2. Inglaterra, 79.605 (7/7)
3. Alemanha, 62.355 (7/7)
4. Itália, 61.225 (6/7)
5. França, 52.415 (5/6)
6. PORTUGAL, 44.849 (5/5)
7. Rússia, 43.883 (4/6)

publicado às 03:15

ranking-uefa.jpg

Portugal somou apenas um triunfo na 2.ª jornada da fase de grupos das taças europeias de futebol, mas, junto com um empate, deu para ficar ainda mais perto do ‘milionário’ sexto lugar do ‘ranking’ da UEFA da Rússia.

O Sporting, que bateu em casa o LASK por 2-1, e o Sporting de Braga, ‘empatado’ em casa pelo Slovan Bratislava (2-2) após ter estado duas vezes a vencer, deram 0,6 pontos a Portugal.

Este registo deu para aproximar da Rússia, que somou apenas 0,333 pontos, também de um único triunfo – mais os mesmos três desaires de Portugal -, o do Zenit na recepção ao Benfica, por 3-1, quarta-feira, na segunda jornada do Grupo G da Liga dos Campeões.

Além dos ‘encarnados’, também não pontuaram um perdulário FC Porto (0-2 na casa do Feyenoord), que vinha numa série de oito triunfos consecutivos em todos as provas, e o Vitória de Guimarães (0-1 na recepção ao Eintracht Frankfurt).

Por seu lado, as restantes formações da Rússia esbarraram na recepção a três equipas espanholas: na ‘Champions’, o Lokomotiv perdeu por 2-0 com o Atlético de Madrid, culpa em grande parte de João Félix, e, na Liga Europa, o CSKA Moscovo caiu perante o Espanyol (0-2) e o Krasnodar face ao Getafe (1-2).

img_920x518$2019_10_04_12_28_32_1610621.jpg

Desta forma, a distância encurtou de 0,367 pontos (43,216 contra 42,849) para escassos 0,1 (43,549 contra 43,449), o que significa que Portugal, que só precisava de mais uma vitória, já só necessita de mais um empate do que os russos.

As formações lusas estão em maioria (cinco contra quatro) na fase de grupos e todos os pontos que somarem (dois por vitória e um por empate) são divididos por cinco (0,4 por vitória e 0,2 por empate), enquanto os russos têm de dividir os seus por seis (0,333 por triunfo e 0,166 por igualdade).

Portugal, que já sabe que em 2020/21 (7.º nas contas entre 2014/15 a 2018/19) manterá a situação actual – uma entrada directa na ‘Champions’ e outra na terceira pré-eliminatória -, está bem posicionado para acabar a presente temporada no sexto posto e conseguir, em 2021/22, recuperar uma segunda entrada directa.

publicado às 03:30

Futsal leonino lidera ranking da UEFA

Rui Gomes, em 26.06.19

2602390_w1.jpg

O Sporting Clube de Portugal está na primeira posição do ranking das equipas que vão participar na UEFA Futsal Champions League em 2019/2020. Os leões, actuais detentores do título, registam o coeficiente de 67,833, superando por larga margem a concorrência.
 
Na segunda posição aparece o FC Barcelona, campeão espanhol, com 46,501, enquanto o AFC Kairat, que perdeu com o Sporting na final da UEFA Futsal Champions League, fecha o pódio com 42,667.
 
A UEFA anunciou ainda que a ronda principal da competição, em que o Sporting vai participar, realiza-se entre 8 e 13 de Outubro, seguindo-se a ronda de elite (de 19 a 24 de Novembro) e a fase final (23 e 24 ou 25 e 26 de Abril). O sorteio da ronda preliminar e da ronda principal acontece já no próximo dia 4 de Julho.

publicado às 14:26

Ranking UEFA (clubes)

Rui Gomes, em 05.06.19

ranking-u-e-f-a.jpg

O FC Porto terminou a temporada em 10.º lugar no ranking da UEFA, com um total de 93 000 pontos, sendo por isso a equipa portuguesa com melhor coeficiente.

Os 'dragões', curiosamente, surgem um posto acima do Liverpool (11.º), vencedor desta edição da Champions, o que lhe permitiu somar 17 902 pontos.

O Real Madrid, que não foi além dos oitavos de final da Liga dos Campeões, após três épocas consecutivas a vencer a prova, manteve a liderança do ranking, acima do Barcelona e Bayern, clubes que completam o pódio.

No que diz respeito às equipas portuguesas, o Benfica termina a temporada no 21.º posto, dez lugares à frente do Sporting, enquanto o SC Braga fecha o top 50.

De referir que o coeficiente corresponde às pontuações alcançadas pelos clubes nas provas europeias nas últimas cinco (5) épocas:

Classificação

1.º Real Madrid, 146 000

2.º Barcelona, 138 000

3.º Bayern, 128 000

4.º Atlético de Madrid, 127 000

5.º Juventus, 124 000

6.º Manchester City, 106 000

7.º Sevilha, 104 000

8.º PSG, 103 000

9.º Arsenal, 101 000

10.º FC Porto, 93 000

11.º Liverpool, 91 000

(...)

21.º Benfica, 68 000

(...)

31.º Sporting, 50 000

(...)

50.º Braga, 31 000

Nota: Alterei há instantes a explicação sobre o período de pontuações para determinar o coeficente de 15 para 5 épocas. Inicialmente, estranhei a referência a 15 anos e até não a incluí no post, e só voltei a transcrever depois de verificar que toda imprensa nacional publicou o mesmo.

Agora, com mais disponibilidade, investiguei a questão directamente no portal da UEFA e confirma-se que é de facto 5 épocas e não 15, como sempre foi aliás. A explicação do organismo europeu encontra-se aqui e a lista oficial completa pode ser verificada aqui.

Existe também uma classificação ao longo de um período de 10 anos, mas segundo a UEFA reflecte apenas a distribuição de receitas.

publicado às 12:00

 

champions_europa_premiação.jpg

 

Após as seis jornadas da fase de grupos das duas competições europeias, Portugal, que é sétimo, soma 45.832 pontos, ainda longe dos 49.716 da Rússia, que, contudo, já perdeu quase dois pontos para as cores lusas esta temporada (8500 contra 6750).

 

Os três clubes portugueses ainda presentes em competição - F. C. Porto, Benfica e Sporting - garantiram o apuramento e somaram triunfos na última jornada da fase de grupos, com 'dragões' a vencerem o Galatasaray e as 'águias' o AEK, na Liga dos Campeões, enquanto os 'leões' bateram o Vorskla Poltava, na Liga Europa.

 

As três equipas portuguesas seguem em prova, com o F. C. Porto na Liga dos Campeões, depois de ter sido a melhor equipa da fase de grupos, com 16 pontos, e o Benfica e o Sporting na Liga Europa.

 

Das seis equipas com que a Rússia começou as competições europeias em 2018/19 apenas Zenit São Petersburgo e Krasnodar conseguiram seguir em frente na Liga Europa.

 

Os pontos que as equipas portuguesas conseguirem na próxima fase serão divididos por cinco - número de equipas com que o país começou esta temporada (Sporting de Braga e Rio Ave foram afastados na fase preliminar da Liga Europa) -, enquanto os dois russos vão ver os seus pontos divididos por seis.

 

Atrás de Portugal está a Bélgica, que tem apenas duas das suas cinco equipas e tem 39.300 pontos.

 

A Espanha, que ainda mantém sete equipas, lidera o "ranking" a grande distância, com 97.569 pontos, seguida da Inglaterra (75.605), da Itália (72.154), da Alemanha (69.784) e da França (57.165).

 

publicado às 12:00

 

img_infografias$2018_04_13_08_34_11_1386338.jpg

 

O Sporting venceu esta quinta-feira o Atlético Madrid mas despediu-se das competições europeias nos quartos-de-final da Liga Europa. Ainda assim, juntamente com o FC Porto, foi a equipa portuguesa que mais pontos fez esta temporada, contribuindo assim com a principal fatia no que toca ao ranking da UEFA.

Os leões terminaram esta campanha com 17 pontos (fruto de seis vitórias, três empates e cinco derrotas), tantos quanto os dragões em oito encontros, seguindo-se Sp. Braga (9 pontos), Benfica (4 pontos), V. Guimarães (4 pontos) e Marítimo (1,5 pontos). É através da soma destas pontuações individuais, dividida depois pelo número de equipas do país que começaram em prova, que é construída a pontuação total de Portugal no ranking da UEFA desta temporada.

Refira-se que no caso do Benfica, apesar de ter perdido todos os encontros, somou quatro pontos devido à entrada na fase de grupos da Liga dos Campeões.

 

publicado às 12:56

 

img_FanaticaBig$2017_11_23_01_04_41_1337261.jpg

 

A quinta derrota consecutiva do Benfica na presente edição da Liga dos Campeões diante do CSKA Moscovo prejudicou o ranking de Portugal na UEFA e permitiu à Rússia ganhar ainda mais vantagem na consolidação do sexto lugar.

 

Portugal ocupa actualmente o sétimo lugar do ranking da UEFA com um total de 43.748 pontos, e está agora mais longe da Rússia na luta pelo sexto lugar. O triunfo de ontem do CSKA de Moscovo permitiu aos russos somar pontos diante de um 'rival' directo num jogo que se assumia decisivo para o somatório de pontos dos clubes portugueses.

 

Tanto o FC Porto como o Sporting têm contribuído esta época para somar pontos para o ranking, mas a má prestação da equipa de Rui Vitória na fase de grupos da Liga dos Campeões acaba por anular o esforço dos outros clubes portugueses.

 

E, em antecipação dos inevitáveis comentários, a grande contribuição do clube da Luz nos últimos cinco anos que enquadram o ciclo para a contabilização do ranking, não passa despercebida.

 

publicado às 17:25

Aliviemos o pessimismo

Rui Gomes, em 04.11.17

Desta vez, a aventura europeia rendeu vitórias e pontos. Tirou outras dúvidas.

 

20656241_y8zmj.jpg

O arrepiante comportamento das equipas portuguesas na terceira jornada da fase de grupos das competições europeias havia levantado, mais uma vez, a questão da verdadeira competitividade das equipas portuguesas quando chamadas a trocar experiências com adversários estrangeiros, sejam eles mais ou menos conhecidos. Cinco derrotas em cinco jogos deixaram toda a gente a pensar se somos mesmo capazes de competir entre iguais ou se ainda lá andamos por convite ou a reboque de feitos do passado. Todas as equipas têm noites más, há jornadas complicadas, condicionantes de vária ordem e outras desculpas. O facto de ter acontecido o mesmo aos representantes da Alemanha na ronda anterior aliviou um pouco o tormento, mas isso de alemães a perder é lá com eles. Connosco é que não pode ser.

 

Para sossego das almas mais agitadas, a ronda desta semana aliviou tormentos e até massajou alguns egos. FC Porto e Vitória de Guimarães conseguiram vitórias importantes e indiscutíveis frente a adversários fortes. O empate do Braga deixou-o na luta para seguir rumo às rondas a eliminar. A tendência para o quase tem marcado a campanha do Sporting, mas desta vez deu um ponto e ainda há contas a fazer, seja para continuar no escalão principal ou para tentar a sorte no segundo. Só o Benfica, Pote 1 da Champions, passou ao lado.

 

Os pontos no ranking andam minguados, o ataque aos lugares de cima está complicado, mas o sétimo degrau está defendido. Deixemo-nos de pessimismos. Pelo menos até à próxima jornada.

 

Carlos Machado, jornal O Jogo

 

23774300253_6e529fcdd0_b.jpg

 

1.º Espanha - 95.426 pontos 7/7 clubes em competição

2.º Inglaterra - 69.176 pontos 7/7

3.º Itália - 67.416 pontos 6/6

4.º Alemanha - 66.141 pontos 6/7

5.º França - 51.081 pontos 5/6

6.º Rússia - 47.982 pontos 4/5

7.º Portugal - 43.248 pontos 5/6

8.º Ucrânia - 38.333 pontos 3/5

9.º Bélgica - 37.700 pontos 2/5

10.º Turquia - 33.000 pontos 3/5

 

*Actualizado - 3 de Novembro de 2017

 

publicado às 03:47

 

ranking-UEFA-13.jpg

 

Portugal mantém-se longe do sexto lugar e da Rússia depois da 4ª jornada de Liga dos Campeões. A derrota do Benfica e o empate do Sporting contra a vitória do CSKA Moscovo em Basileia fizeram aumentar, na terça-feira, a desvantagem de 5,1 para 5,4 pontos, mas o triunfo desta quarta-feira do FC Porto perante o RB Leipzig, que contrastou com a derrota do Spartak Moscovo em Sevilha, voltou a reduzir distâncias para cerca de 5 pontos.

 

O cenário continua, no entanto, grave. Ou seja, Portugal continua longe recuperar as duas entradas directas e uma na 3ª pré-eliminatória na Liga dos Campeões de 2019/20, aquelas que teve no início desta temporada, mas que, já sabia, não irá ter em 2018/19.

 

Na próxima época haverá apenas uma equipa com entrada directa na Champions e uma outra na terceira pré-eliminatória.

 

Nesta data, a Espanha lidera o ranking com 94.569 pontos e ainda com sete equipas em competição. Segue a Inglaterra, com 70.462 pontos e igualmente sete equipas no activo. O sexto lugar é ocupado pela Rússia, com 47.782 pontos e quatro equipas em competição, e temos então Portugal em sétimo, com 42.748 pontos e com 5 equipas a disputar as duas provas europeias.

 

Sistema de cálculo: são consideradas as últimas cinco temporadas. Para cada uma, o total de pontos conseguidos pelas equipas (2 por vitória, 1 por empate, metade destes valores nas pré-eliminatórias) é dividido pelo total de equipas desse país que participam nas competições europeias do ano em causa. O acesso à ronda de grupos da Liga dos Campeões rende quatro pontos de bónus. A isto há que acrescentar cinco pontos de bónus por cada presença nos oitavos-de-final da Champions e, depois, nas duas provas, um ponto pelos quartos-de-final, meias-finais e outro ainda pela chegada à final.

 

publicado às 05:12

Ranking da UEFA

Rui Gomes, em 19.10.17

 

img_FanaticaBig$2017_10_19_01_34_38_1324887.jpg

 

Finalizada a terceira jornada desta fase de grupos, as equipas inglesas têm razões para sorrir. Man. United, Man. City e Chelsea lideram os respectivos grupos de forma isolada, enquanto o Tottenham reparte o primeiro lugar com o Real Madrid. Com a derrota do CSKA Moscovo, a Rússia também não aproveitou os desaires de Benfica e Sporting para ganhar vantagem sobre Portugal no ranking da UEFA.

 

publicado às 03:45

Ligeira melhora no ranking da UEFA

Rui Gomes, em 28.09.17

 

uefalogo.jpg

 

Portugal está ligeiramente mais perto do sexto lugar e da Rússia.

 

A causa é o triunfo do FC Porto no Mónaco. Os portistas foram a única equipa a pontuar, uma vez que o Benfica foi goleado em Basileia e o Sporting perdeu em Alvalade com o Barcelona. Os russos só tiveram ainda duas equipas em campo, e somaram um empate, precisamente o do Spartak frente ao Liverpool. O CSKA foi humilhado esta quarta-feira pelo Manchester United e não pontuou.

 

A ronda prossegue esta quinta-feira, na Liga Europa. O Vitória de Guimarães visita o Konyaspor, enquanto o Sp. Braga também terá pela frente um conjunto turco, o Istambul Basaksehir. Pelos russos, jogam Lokomotiv e Zenit.

 

Portugal divide os pontos acumulados por 6 (o número de equipas com que começou as duas competições), enquanto a Rússia tem de fazer operação idêntica, mas por 5.

 

A vantagem dos russos baixou para já (de 3,800 para 3,667) nesta segunda ronda, mas Portugal continua longe de recuperar as duas entradas diretas e uma na 3ª pré-eliminatória na Liga dos Campeões de 2019/20.

 

Recorde-se que Portugal terá na próxima época apenas uma equipa com entrada directa na Liga dos Campeões e uma outra na terceira pré-eliminatória.

 

Curiosamente, a Alemanha já caiu desde o início da temporada da segunda para a quarta posição, tendo sido ultrapassada por Inglaterra e Itália.

 

 País13/1414/1515/1616/1717/18TotalEquipas
1 Espanha 23.000 20.214 23.928 20.142 5.428 92.712 7/7
2 Inglaterra 16.785 13.571 14.250 14.928 6.500 66.034 7/7
3 Itália 14.166 19.000 11.500 14.250 5.166 64.082 6/6
4 Alemanha 14.714 15.857 16.428 14.571 2.428 63.998 6/7
5 França 8.500 10.916 11.083 14.416 3.833 48.748 5/6
6 Rússia 10.416 9.666 11.500 9.200 4.800 45.582 4/5
7 PORTUGAL 9.916 9.083 10.500 8.083 4.333 41.915 5/6
8 Bélgica 6.400 9.600 7.400 12.500 1.200 37.100 2/5
9 Ucrânia 7.833 10.000 9.800 5.500 2.600 35.733 3/5
10 Turquia 6.700 6.000 6.600 9.700 2.600 31.600 3/5

 

 

publicado às 05:52

 

ranking-UEFA-13.jpg

 

Por muito que possa desagradar, já era esperado e não pode ser ignorado: fruto do desempenho entre as épocas de 2012/13 e 2016/17, o Sporting ocupa o 57.º lugar do ranking da UEFA, dois lugares abaixo do SC Braga e muito distante do Benfica e FC Porto.

 

O clube da Luz, apesar de ter caído do 6.º lugar para o 9.º, continua a liderar os clubes portugueses e a figurar entre os dez melhores da Europa, tendo sido ultrapassado pelo Paris Saint-Germain, Borussia Dortmund e Sevilha. 

 

Em sentido contrário temos o FC Porto, que subiu do 16.º lugar para o 13.º da geral. Mas a grande surpresa nesta altura vai mesmo para o facto do SC Braga ter ultrapassado o Sporting, colocando-se como o terceiro clube português do ranking.

Ranking de clubes da UEFA:

1. Real Madrid, 176.999
2. Bayern Munique, 154.899
3. Barcelona, 151.999
4. Atlético Madrid, 142.999
5. Juventus, 140.666
6. PSG, 126.333
7. Borussia Dortmund, 124.899
8. Sevilha, 112.999
9. Benfica, 111.866
10. Chelsea, 106.192
[...]
13. FC Porto, 98.866
[...]
55. Sp. Braga, 37.366
[...]
57. Sporting, 36.866

 

publicado às 04:36

Ranking da UEFA - Abril 2017

Rui Gomes, em 13.04.17

 

img_infografias$2017_04_13_10_43_32_1250915.jpg

 

Com o triunfo do Mónaco,  a França reforçou o 5.º lugar, aproximando-se da Itália. Já a Espanha lidera com mais vantagem, após a vitória de Real e Atlético, beneficiando ainda das derrotas dos perseguidores alemães Dortmund e Bayern. Portugal ocupa a 7.ª posição, condenado que está a apurar apenas uma equipa directamente para a Liga dos Campeões, edição 2018/19.

 

publicado às 19:33

 

medium.jpg

 

Portugal vai perder uma equipa na Liga dos Campeões de futebol em 2018/19, depois de ter ficado confirmada a queda para a sétima posição do ‘ranking’ da UEFA, após as eliminações de Benfica e FC Porto na ‘Champions’.

 

As saídas de ‘águias’ e ‘dragões’ nos oitavos de final da Liga dos Campeões deixaram Portugal sem possibilidade de pontuar até ao final da época, vendo confirmada a queda do quinto para o sétimo lugar, ultrapassada por França e Rússia.

 

Assim, daqui a duas temporadas, apenas o campeão português terá entrada directa na fase de grupos da Liga dos Campeões, com o segundo classificado a entrar na terceira pré-eliminatória, tendo de ultrapassar ainda o ‘play-off’.

 

Portugal terá mesmo menos uma equipa nas competições europeias, com o vencedor da Taça de Portugal a entrar directamente na fase de grupos da Liga Europa, enquanto os terceiro e quarto posicionados da I Liga vão disputar a terceira pré-eliminatória.

 

publicado às 02:49

Ranking da UEFA

Rui Gomes, em 24.02.17

 

OriginalSize$2017_02_22_23_44_22_1228482.jpg

 Não inclui os resultados da Liga Europa desta quinta-feira.

 

publicado às 04:18

 

IMG.jpg

 

No ranking da UEFA actualizado após os últimos jogos da fase de grupos da Champions, verifica-se que Portugal está neste momento no 6.º lugar, tendo ultrapassado a Rússia. Isto, quase inteiramente graças à vitória do FC Porto e ao subsequente bónus por garantir a continuidade na competição e apesar das derrotas do Sporting, Benfica e SC Braga, este na Liga Europa.

 

Recorde-se que esta é a última posição do ranking que permitirá colocar três equipas na Champions em 2018/19.

 

Que sirva de esclarecimento - se é que esclarecimento é necessário - para aqueles que navegam a blogosfera com argumentos irrisórios, numa tentativa fútil de minimizar a desastrosa campanha europeia do Sporting com Jorge Jesus ao leme, pelo segundo ano consecutivo, tanto neste contexto como no que diz respeito à vertente financeira, que nos coloca muito atrás dos nossos mais directos rivais. 

 

publicado às 18:15

O cenário do "ranking" da UEFA

Rui Gomes, em 07.12.16

 

ranking-UEFA-13.jpg

 

Sem os jogos desta quarta-feira e ainda o SC Braga, é prematuro fazer muitas contas, mas a continuidade do Benfica na Champions, apesar da derrota diante do Nápoles, em combinação com outros resultados, permite a Portugal alimentar a esperança de alcançar a Rússia no sexto lugar do ranking da UEFA, o último que permite colocar três equipas na Liga dos Campeões de 2018/19.

 

O Benfica garantiu cinco pontos de bónus (pela passagem à próxima fase), ao passo que a Rússia apenas fez um (empate do Rostov em casa do PSV). Para cálculo do coeficiente, os nossos pontos são a dividir por 6 (o número de equipas que começou a época nas provas europeias), enquanto os dos russos são a dividir por 5. À entrada para a última jornada, a vantagem da Rússia era de 1,533 pontos. Agora, é de 0,900 pontos.

 

A Rússia já não pode apurar nenhuma equipa para os oitavos-de-final da Champions, pelo que se o FC Porto conseguir acompanhar o Benfica, então há boas hipóteses de Portugal recuperar o sexto lugar já hoje. E o cenário ideal era mesmo os dragões conseguirem derrotar o Leicester e o Sporting o Légia Varsóvia (seriam mais quatro pontos no ranking), e o Tottenham vencer o CSKA, em casa, eliminando o clube russo da Liga Europa.

 

publicado às 04:32

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo