Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



publicado às 12:00

Entrevista a Ristovski

Rui Gomes, em 15.02.20

publicado às 15:30

Esclarecimento...

Rui Gomes, em 07.11.19

img_920x518$2019_11_07_01_38_17_1623600.jpg

Ontem, pela publicação da convocatória para o jogo da Liga Europa desta quinta-feira com o Rosenborg, afirmei que não tinha a certeza se Stefan Ristovski tinha sido inscrito na UEFA para as provas europeias, disposição que agora confirmo.

À data limite das inscrições da UEFA, o lateral não estava fisicamente apto a jogar e não havia espaço na lista A, não estando ele elegível para a lista B. Se o Sporting continuar em competição, a dita lista A poderá ser alterada em Janeiro.

A propósito da foto em que se vê a equipa técnica no treino de ontem na Noruega, verifica-se que neste momento a temperatura na cidade de Trondheim, onde o jogo terá lugar, é de 4º negativos, sem contabilizar o factor do vento.

publicado às 11:00

 

ristovski5.jpg

 

O Conselho de Disciplina da FPF chumbou o recurso do Sporting da punição de Stefan Ristovski com dois jogos de suspensão na sequência do cartão vermelho directo que o macedónio viu no encontro com o Tondela.

 

O CD ouviu novamente a equipa de arbitragem do encontro, liderada por Tiago Martins, que manteve a posição em relação ao cartão vermelho e, o CD manteve assim o castigo.

 

Bem... não há muito mais para dizer sobre o acto irresponsável, até infantil, de Ristovski. Sem pretender desculpar o jogador, acho que a decisão em campo de Tiago Martins foi excessivamente rigorosa e não duvido, minimamente, que o mesmo caso com jogadores dos rivais teria sido tratado com mais benevolência.

 

Uma baixa importante para o Sporting, não por Ristovski ser um fora de série, mas sim porque as alternativas para a posição são muito limitadas. Confesso que não dá para imaginar dois jogos contra o FC Porto, com Bruno Gaspar a lateral direito.

 

Se ele for titular hoje, e creio que vai ser, Marcel Keizer terá ampla oportunidade de avaliar o seu desempenho e, se necessário, tomar outras medidas para a final do Jamor.

 

publicado às 03:33

 

image.jpg

 

Stefan Ristovski foi castigado com dois jogos de suspensão pelo cartão vermelho de que foi alvo no jogo com o Tondela.

 

Segundo o comunicado do Conselho de Disciplina, o jogador "pontapeou o adversário com força excessiva". Recorde-se que é reincidente e, por este motivo, o castigo poderá ter sido agravado.

 

O departamento jurídico do Sporting já recebeu o comunicado e tem agora 72 horas para recorrer. Consta que já foi decidido avançar para esta via pois, esta época, o defesa já foi despenalizado após ter sido expulso no Bonfim, e os responsáveis leoninos acreditam que esta nova pena é exagerada. Caso o castigo seja anulado ou reduzido, o macedónio poderá disputar a final da Taça de Portugal, no dia 25 de Maio.

 

2019-05-15.png

O momento exacto em que Ristovski pisa o advesário (topo da imagem)

 

Fica-se a reflectir se de facto o relatório de Tiago Martins indica que o jogador "pontapeou o adversário com força excessiva", porque não corresponde à verdade. Ristovski deu uma pisadela no jogador do Tondela, não o "pontapeou" e até não foi com "força excessiva".

 

Esperamos que o recurso do Sporting tenha sucesso, pelo menos em reduzir o castigo para um jogo, de modo a libertar Ristovski para o último embate da época.

 

publicado às 05:00

Recurso sobre Ristovski indeferido

Rui Gomes, em 03.04.19

 

img_920x519$2019_03_30_19_58_51_1527444.jpg

 

Não posso dizer que é surpresa alguma o Conselho de Disciplina da FPF indeferir o pedido do Sporting para despenalizar Ristovski.

 

Para além de uma exposição enviada ao órgão federativo, o Sporting requereu, ainda, que o organismo ouvisse os jogadores envolvidos - Ristovski e Niltinho - e voltasse a chamar a equipa de arbitragem para prestarem declarações. 

 

Este último pedido foi recusado, uma vez que Manuel Mota e Vasco Santos já o tinham feito, enquanto as restantes diligências foram consideradas inócuas e indeferidas.

 

Segundo o relatório do árbitro, mais tarde reiterado nos esclarecimentos complementares, Ristovski agiu com... "brutalidade". "Tackle com força excessiva pondo em perigo a integridade física do adversário, atingindo com a sola da bota na perna. Não causando consequências".

 

O defesa leonino foi assim punido com um jogo de castigo e não poderá alinhar no embate desta quarta-feira frente ao Benfica.

 

Curiosamente, no outro jogo das meias-finais realizado ontem, entre o SC Braga e FC Porto, viu-se Maxi Pereira atingir João Palhinha com muito mais "brutalidade", lance que nem sequer mereceu o cartão amarelo de Manuel Mota. Enfim, é apenas a arbitragem portuguesa.

publicado às 03:02

 

20973671_TOhCZ.jpeg

 

Em face da informação ontem e hoje trazida a público sobre o recurso interposto pelo atleta Ristovski, a Sporting SAD entende como oportuno referir o seguinte:
 
Em primeiro lugar, é de lamentar profundamente que os órgãos federativos tenham optado por discutir publicamente um processo disciplinar e seu recurso, para mais omitindo pormenores que seriam relevantes para o cabal esclarecimento da questão;
 
Em segundo lugar, esclarecer o seguinte:
 
2.1. O mapa de castigos contendo a sanção de suspensão por 2 jogos aplicada ao jogador Ristovski foi divulgado no dia 01 de fevereiro, às 16.58;
 
2.2. Às 17.52 do mesmo dia, foi solicitada à FPF a documentação que fundamenta a decisão;
 
2.3. A esse pedido, respondeu a FPF, às 10.00H do dia 4/2;
 
2.4. O recurso foi preparado e deu entrada nos serviços da FPF às 20:47 do mesmo dia 4/2.
 
O recurso interposto foi julgado sem ouvir qualquer testemunha, analisando apenas a prova videográfica apresentada;
 
Tal decisão poderia, obviamente, ter sido tomada de imediato, a partir das 20.47H do dia 4/2, desconhecendo a Sporting SAD por que razão foi designada a inquirição de uma testemunha cujo depoimento, afinal, se entendia ser inútil para a decisão que veio a ser tomada.
 
É incompreensível, portanto, que, em face dos factos referidos supra, se refira uma alegada demora do Sporting, quando a FPF – porventura porque os serviços estarão encerrados ao fim de semana – demorou mais de 60 horas (!!) a enviar a documentação que fundamenta a decisão.
 
Sublinhe-se: o recurso foi interposto 75 horas e 49 minutos após a divulgação do mapa de castigos. Desse lapso temporal, são atribuíveis ao jogador 11 horas e 41 minutos para a solicitação dos fundamentos e a elaboração do recurso após a recepção e análise daqueles; as remanescentes 64 horas e 08 minutos correspondem ao tempo que a FPF tardou em proceder ao mero envio dos elementos solicitados (que nem careciam de ser elaborados, porque já existiam), de que depende o início do prazo para recurso.

 

ristovski3.jpg

 

É igualmente incompreensível, e caricato, que a FPF aplique uma sanção de suspensão por dois jogos por mapa de castigos, com a mera indicação da norma aplicável, mas já sinta a necessidade de lavrar 23 (vinte e três!) páginas de texto para reduzir essa sanção para um jogo.

 

Quantas horas tomou essa redacção? Porque não comunicar de imediato ao interessado o sentido da decisão, que se sabe ser urgente, e remeter os fundamentos posteriormente, se solicitados?
 
É fundamental que os órgãos dirigentes da FPF dotem o organismo dos meios que possam assegurar que os recursos são decididos em tempo útil, sendo obviamente descabido responsabilizar os recorrentes por isso não ter acontecido.
 
A Sporting SAD lembra que o primeiro jogo em que o castigo foi cumprido se realizou no Domingo e que foi a FPF que tornou manifestamente impossível recorrer do castigo, nessa parte.
 
E termina lembrando que o atleta Ristovski foi despenalizado do segundo jogo de castigo que lhe foi aplicado, o que bem atesta que tinha razão no recurso que interpôs. E que, por isso, foi injustamente afastado do jogo de ontem.
 
A Sporting SAD vai requerer à FPF uma reunião de urgência sobre o tema da adequação dos regulamentos e procedimentos à lei e sobre a necessidade de a FPF garantir o julgamento dos recursos em tempo útil.

 

publicado às 17:54

Ainda a "obra" de Hélder Malheiro

Rui Gomes, em 01.02.19

 

img_920x518$2019_02_01_17_22_35_1500332.jpg

 

Segundo recém-reportagens, Stefan Ristovski foi punido com dois jogos de suspensão na sequência da expulsão em Setúbal por decisão de Hélder Malheiro.

 

De acordo com o relatório desse apitador, citado pelo mapa de processos sumários, o lateral-direito do Sporting viu o vermelho por dirigir-se ao árbitro "de forma agressiva, esbracejando e a gritar 'Para o c******'. 

 

Depois da expulsão, Ristovski "voltou a ir na direcção do árbitro de forma agressiva, sendo agarrado por vários colegas, e tentando chegar ao pé daquele gritou 'filho da p***', 'filho da p***', 'filho da p***'".

 

Também expulso neste jogo foi Vasco Fernandes, secretário-técnico leonino, por palavras dirigidas ao apitador após a partida, ainda dentro de campo. "Hoje f****** o trabalho de uma semana desta gente toda", pode ler-se no relatório do árbitro. 

 

Bem... nada de espectacular nestes acontecimentos. Já era de esperar castigo para Ristovski, e com o vermelho directo por insultos ao juiz da partida, dois jogos de suspensão são a norma.

 

Pelos vistos, por água abaixo foi a tese da cuspidela, assente em rumores circulados por alguns encarnados e pseudo-sportinguistas.

 

É por de mais óbvio que Ristovski, que até não é um jogador agressivo, terá de controlar os ânimos de futuro, para evitar semelhante punição. Igualmente óbvio, é que a reacção dele deve-se ao facto de o apitador ter completamente ignorado a agressão que sofreu, tenha sido esta voluntária ou involuntária por parte do jogador do V. Setúbal.

 

Já agora, gostaria de saber a avaliação ao trabalho de Malheiro, tendo em conta as muitas ocasiões em que prejudicou o Sporting com as suas (não) decisões.

 

publicado às 17:42

 

img_770x433$2017_08_26_19_23_42_1305751.jpg

 

«Tem sido falado para os dois clubes de Lisboa, mas neste momento, como é normal e natural, só posso de quem tenho. Estou extremamente satisfeito com o plantel que o Sporting formou e equilibrou ao longo desta pré-temporada. Como é óbvio, até ao mercado fechar não sei o que vai acontecer. É mais fácil perder do que adquirir jogadores, pois há vários futebolistas do Sporting ainda pretendidos por algumas equipas, infelizmente para mim, enquanto os nossos rivais estão sossegadinhos. Eu ainda sofro com essa situação, sem saber o que pode acontecer, mas faz parte do jogo e tenho de estar preparado para o que possa suceder. Os clubes deixam sempre o último dia para atacar os seus alvos e às vezes não dão hipótese de ter alternativas. Espero que não aconteça isso... Quanto ao Gabriel Barbosa, não vou falar, porque não é meu jogador».

Se pudesse escolher, entre manter William Carvalho ou contratar o avançado que já admitiu querer, o que escolheria Jesus? A resposta foi... assim: «Tenho de contar com quem tenho. Se puder ficar com os que tenho - sabendo que são jogadores que estão na órbita de equipas com capacidade financeira... - já ficava satisfeito. Mas isso faz parte da dinâmica financeira, para o clube ter uma estabilidade segundo aquilo que o presidente acaha que é o mais correto para o clube. Aí já não passa por mim».

 

Instado a comentar Piccini e o novo lateral direito, ainda por jogar, Stefan Ristovski:

 

«O Ristovski é um jogador que contratámos para fazer face a um lugar no qual apenas tínhamos o Piccini. Está a aprender as rotinas da equipa, a adaptar-se a Portugal e ao Sporting. O Piccini nestes jogos tem feito os 90 minutos e, na fase final na Roménia, deu a entender algum cansaço. É um jogador que, na minha opinião, é muito forte a defender. É muito difícil batê-lo a defender. O Ristovski é uma alternativa para o que possa suceder. Pode ser convocado amanhã. Estou a pensar nisso, mas só amanhã vou definir».

 

Quanto à primeira parte do comentário, Jorge Jesus a fazer o papel de vítima, exagerando, diga-se, porque se é verdade que poderá perder algum jogador até ao fecho do mercado, é igualmente factual que lhe foi dado uma mão cheia de reforços - dez ou onze, salvo erro - para melhor enfrentar a época e porventura conseguir concretizar alguns dos objectivos delienados. Não tem razão de queixa, indiferente do que ocorre com os rivais.

 

A segunda parte do comentário até é interessante, uma vez que nos permite compreender o que ele pensa de Piccini, sublinhando as características defensivas do jogador italiano. Quanto a Ristovski, não há muito para dizer por enquanto, uma vez que ainda não tivemos a oportunidade de o ver jogar. É natural, no entanto, que necessita de algum tempo para se adaptar ao seu novo milieu.

 

Só conheço do jogador macedónio aquilo que está disponível nos vídeos, e bem sabemos que essas imagens podem ser muito ilusórias. Creio, contudo, por aquilo que se viu, que se for razoavelmente a defender poderá "roubar" a titularidade a Piccini devido à vertente ofensiva do seu jogo, uma área em que o italiano é muito limitado.

 

publicado às 04:08

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo