Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



img_920x518$2021_06_01_13_21_52_1857511.jpg

Os treinadores do Portimonense, Paulo Sérgio, e do FC Porto, Sérgio Conceição, foram suspensos, na sequência do desentendimento entre ambos na partida da 24.ª jornada da Liga NOS, e se alguém esperava um castigo digno da ocasião, especialmente ao técnico portista, deve repensar as suas ideias.

Na segunda parte do encontro entre as duas equipas, que o FC Porto venceu por 2-1, os dois treinadores desentenderam-se e acabaram por ter de ser separados e levados para o balneário, depois de o árbitro Rui Costa lhes ter mostrado o cartão vermelho.

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol decidiu suspender Sérgio Conceição por 10 dias e aplicar-lhe uma multa de 7.650 euros, enquanto a Paulo Sérgio foi aplicada uma suspensão de três dias e uma multa de 765 euros.

Apenas 10 dias a quem já foi expulso uma dúzia de vezes esta época?... Rúben Amorim, por muito menos, só no último castigo, levou 15 dias.

publicado às 03:18

Ana Capeta suspensa por 3 jogos

Rui Gomes, em 30.05.21

IMG_20201114_143606.jpg

Ana Capeta foi suspensa por três jogos e multada em 51 euros pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência da expulsão e posterior gesto obsceno na direcção do banco de suplentes do Benfica no recém-dérbi entre as duas equipas.

A suspensão da avançada do Sporting CP é dividido entre uma partida pela expulsão (por acumulação de amarelos) e duas pelo tal gesto, a ser cumprido na próxima época.

O incidente, que ocorreu no último jogo da época 2020/21, é referenciado aqui.

publicado às 03:00

"Um bandido será sempre um bandido"

Rui Gomes, em 27.05.21

Varabdas (2).jpg

Frederico Varandas foi suspenso por 45 dias e multado em 7650 euros pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência de declarações prestadas a 23 de Outubro do ano passado, antes da partida para os Açores.

Nessas declarações fez alvo de Pinto da Costa - que havia dito que o presidente do Sporting faria um grande favor ao clube se se dedicasse à medicina -, lembrando as escutas do Apito Dourado e considerando o líder do FC Porto um "bandido", que "não podia ser dirigente do que quer que fosse num país de primeiro mundo."

Esta é a segunda vez em que Varandas é suspenso por 45 dias (e também multado em 7650 euros), sendo que a anterior punição foi aplicada em Fevereiro, na altura por conta de declarações prestadas a 17 de Outubro, depois do clássico com o FC Porto na primeira volta.

Quem ousa dizer a verdade, pode ter a certeza que haverá factura a pagar!

publicado às 04:04

img_920x518$2021_05_04_10_14_28_1845886.jpg

Rúben Amorim foi suspenso por 6 dias pelo Conselho de Disciplina. Irá estar fora do jogo com o Rio Ave esta quarta-feira.  O treinador do Sporting foi punido por declarações após o Sporting-FC Porto de Outubro 2020, onde foi expulso por protestos contra a equipa de arbitragem. Após a partida Amorim apontou dualidade de critérios do árbitro. O Sporting fala em "deliberação ilegal e injusta" e vai "interpor recurso a interpor sobre ela junto do TAD".

Na altura, o Conselho de Disciplina instaurou um processo de inquérito, que foi convertido em processo disciplinar a 9 de Janeiro. A audiência disciplinar foi marcada para 1 de Março, mas nessa altura vigorava a suspensão de prazos processuais decorrente do Estado de Emergência.

A suspensão de prazos processuais, que se iniciou a 22 de Janeiro, terminou a 6 de Abril. A audiência foi então realizada a 21 de Abril, sendo agora conhecido o castigo, véspera do jogo em Vila do Conde.

Em comunicado (disponível aqui) a Sporting SAD já reagiu ao castigo:

"Trata-se de uma deliberação injusta, desproporcional e que expõe a Justiça desportiva ao julgamento óbvio: as declarações do nosso treinador, no contexto em que foram proferidas, não têm qualquer relevância quando comparadas com outras atitudes de outros agentes desportivos".

"A Justiça desportiva expõe-se, assim, ao ridículo de quem não procura a verdade nos processos e, numa interpretação ilegal dos regulamentos, pretende impor a lei da rolha a quem, justamente, se limitou a referir-se a uma injustiça que o vitimava e continua a vitimar".

A escumalha do Conselho de Disciplina da FPF não olha a meios para atingir fins. Mais uma autêntica vergonha à vista!!!

publicado às 13:15

Isto é uma autêntica farsa!!!

Rui Gomes, em 28.04.21

img_920x518$2021_04_28_12_28_20_1843613.jpg

Segundo Record, o arruaceiro-mor do clube do Norte foi suspenso APENAS por 21 dias, na sequência da sua expulsão no jogo com o Moreirense. Ainda foi multado 10,200 euros, o que é inconsequente, dado que o clube é que paga.

Uma autêntica farsa, digna de um futebol terceiro mundista. Muito pior do que o próprio castigo, é o Conselho de Disciplina da FPF tomar a decisão consciente de que todo o País tem conhecimento que é no mínimo moralmente vergonhosa.

De acordo com o relatório do árbitro, o treinador portista "após o final do jogo entrou no terreno de jogo para contestar a equipa de arbitragem e disse: "És uma vergonha, roubaste-nos o campeonato".

Após a exibição do cartão vermelho começou a bater palmas na direcção do árbitro e continuou a dizer: "És fraco e má pessoa, roubaste-nos dois campeonatos, escreve tudo, és uma vergonha do caralho, és um ladrão, estás sempre a foder-nos". 

publicado às 18:45

img_920x518$2021_04_27_17_48_40_1843346.jpg

Para lá dos processos disciplinares instaurados ao Sporting e a Hugo Viana e ainda a multa aplicada a Rúben Amorim (383 euros por não ter utilizado máscara no camarote), o duelo com o SC Braga valeu ainda uma suspensão de oito dias e uma pesada multa (5,100 euros) a Jorge Vital, treinador dos guarda-redes. Tudo por conta das palavras deste na direcção do árbitro aquando do cartão amarelo exibido a Adán, que tira o espanhol do próximo jogo - por ter cumprido uma série de cinco cartões amarelos.

"Eu já sabia! Isto é uma vergonha! Eu já sabia que vocês iam dar amarelo ao guarda redes para o tirar do próximo jogo. É uma vergonha isto!", disse Vital, de acordo com o relatório do árbitro, que considera estas palavras enquadradas no âmbito da "lesão da honra e da reputação e denúncia caluniosa".

Para lá de Adán, o mapa de castigos confirma igualmente as suspensões de Gonçalo Inácio (expulsão por duplo amarelo) e de Tiago Tomás (quinta admoestação na Liga). Os três jogadores são baixas certas no próximo encontro dos leões, diante do Nacional, no sábado.

Continuamos... CONTRA TUDO E CONTRA TODOS!

P.S.: Se Jorge Vital apanha 8 dias e mais de 5 mil euros de multa, apenas por ter dito isto, qual vai ser o castigo do arruaceiro-mor do FC Porto que, decerto, disse mil vezes pior?

publicado às 03:33

Recurso por Rúben Amorim arquivado

Rui Gomes, em 21.04.21

img_920x518$2021_04_21_02_28_42_1840662.jpg

Rúben Amorim vai mesmo cumprir um castigo de mais 15 dias e terá de pagar uma multa de 6.375 euros, uma vez que o Pleno do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol não deu provimento ao recurso apresentado, negando a defesa que o técnico do Sporting apresentou.

Sendo assim, não vai estar no banco verde e branco nos próximos dois jogos: no de hoje frente ao Belenenses SAD e depois na visita ao SC Braga.

Como Miguel Braga já referiu, "O Sérgio Conceição foi expulso 8 vezes e levou 23 dias de suspensão. Já o Rúben Amorim com quatro expulsões foi suspenso 36 dias. Há dois pesos e duas medidas óbvias. Deixo a quem de direito pensar se há ou não perseguição a Rúben Amorim".

ADENDA

Em notícia de última hora, parece que o Sporting vai recorrer ao Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) para tentar impugnar a decisão do Conselho de Disciplina (CD) da FPF relativa ao castigo de 15 dias aplicado a Rúben Amorim, na sequência da expulsão no final do jogo com o Famalicão.

O recurso ao TAD não tem efeitos suspensivos sobre o castigo, ou seja, Amorim terá de cumprir na íntegra a sanção do CD que, refira-se, termina na segunda-feira dia 26 de Abril. O técnico, de 36 anos, continuará assim na bancada esta noite na receção ao Belenenses SAD e não poderá, também, orientar a equipa no encontro do próximo domingo com o SC Braga. O primeiro de três jogos de afastamento, nestes 15 dias de suspensão, foi cumprido em Faro.

Pode ler aqui o extenso e bastante duro comunicado da Sporting SAD, no qual, entre outras coisas, diz o seguinte:

"A Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD lamenta muito que o caminho seguido pelo Conselho de Disciplina da FPF, relativamente ao tema infra referido, seja o da não transparência, optando por decidir não tendo como base a evidência da prova. Estando ao seu alcance a obtenção da mesma, resulta incompreensível entender o desprezo pela verdade dos factos.".

"É absolutamente incompreensível que, estando em causa certas palavras alegadamente proferidas por Rúben Amorim e que, com toda a probabilidade, terão sido devidamente gravadas pelo sistema de comunicação da equipa de arbitragem, se rejeite e inviabilize a utilização desse meio de prova e a audição, com contraditório, dos autores do relatório".

"Conclui-se assim, e à semelhança de casos recentes, que este Conselho de Disciplina despreza a verdade dos factos, preferindo sancionar os agentes desportivos de forma cega e acrítica, demitindo-se das suas verdadeiras funções".

publicado às 16:45

O antigo presidente da FIFA Joseph Blatter foi banido uma segunda vez pelo Comité de Ética, agora por um período de seis anos e oito meses, devido a irregularidades financeiras ocorridas durante os seus mandatos, anunciou o organismo, em comunicado, esta quarta-feira.

sepp-blatter (2).jpg

A cerca de sete meses de terminar a primeira suspensão, Blatter foi novamente condenado pela FIFA, por, alegadamente, ter recebido subornos e bónus irregulares em contratos celebrados em 2010, e terá também que pagar uma multa no valor de um milhão de francos suíços (cerca de 900 mil euros) ao organismo que rege o futebol mundial.

Na condenação está igualmente incluído Jérôme Valcke, secretário-geral da FIFA durante os mandatos de Blatter, que foi suspenso por idêntico período (seis anos e oito meses).

As novas condenações entram em vigor quando expirar o prazo das primeiras suspensões. O castigo de Blatter termina em Outubro deste ano, enquanto o de Valcke ainda vai durar até Outubro de 2025.

Actualmente com 85 anos, Blatter está internado num hospital suíço e, no início do ano, chegou a estar em coma induzido durante uma semana, devido a problemas relacionados com uma cirurgia cardíaca realizada em Dezembro de 2020.

Sepp Blatter foi presidente da FIFA entre Junho de 1998 e Dezembro de 2015.

publicado às 03:45

Por este caminho, onde se vai chegar?

Rui Gomes, em 13.02.21

mw-960.jpg

Os jogadores do FC Porto Luis Díaz e Matheus Uribe foram suspensos por um jogo, na sequência das expulsões diante do Sporting de Braga, anunciou esta sexta-feira o Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Luis Díaz foi ainda multado em 306 euros por "prática de jogo violento", num lance em que acabou por lesionar o 'arsenalista' David Carmo e que lhe valeu o cartão vermelho directo, aos 70 minutos do jogo da primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal, na quarta-feira, que terminou empatado 1-1.

Já o compatriota Matheus Uribe foi expulso aos 90+8 minutos, com vermelho directo, por agredir o defesa do SC Ricardo Esgaio com uma cabeçada, tendo sido ainda sancionado com 765 euros.

Algo está seriamente errado quando um jogador é suspenso apenas por um jogo - e aqui estou a referir-me a Uribe - após vermelho directo por agressão.

Já Luís Gonçalves, dirigente portista, que recebeu ordem de expulsão do árbitro Luís Godinho, foi suspenso por 15 dias e multado 102 euros.

Sérgio Conceição, por incrível que pareça, apenas foi multado 306 euros por ter não comparecido na 'flash interview' após o jogo. Tudo o resto que ocorreu em campo, passou despercebido, pelos vistos.

Entretanto, pós-facto, o CD instaurou processos disciplinares a Sérgio Conceição, Pepe e Francisco Marques, por... "ofensas à honra  ou consideração de agentes de arbitragem através de declarações proferidas a órgãos de comunicação social e redes sociais, bem como em newsletter de clube".

publicado às 02:31

Rúben Amorim suspenso por 15 dias

Rui Gomes, em 09.12.20

image.jpg

Rúben Amorim conheceu o castigo aplicado pelo Conselho de Disciplina da FPF tendo em conta a expulsão em Famalicão, no encontro da 9.ª jornada da Liga NOS.

De acordo com os processos sumários divulgados esta terça-feira, o treinador do Sporting CP irá enfrentar uma suspensão de quinze (15) dias, falhando assim os próximos três jogos da equipa - Paços de Ferreira (Taça de Portugal), Mafra (Allianz Cup) e Farense (Liga NOS).

"Vão para o car..., roubalheira do car... isto é uma vergonha. Estão a roubar-nos dois pontos", estas foram as alegadas palavras do técnico leonino que surgem no relatório do árbitro Luís Godinho e que valem ainda uma multa de 5100 euros.

Entretanto, Pedro Gonçalves viu também esta terça-feira confirmada a suspensão de um jogo, após ter sido expulso na última jornada por acumulação de cartões amarelos.

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol instaurou um "processo de inquérito" ao jogo entre Famalicão e Sporting, tendo em conta todos os incidentes que ocorreram nos instantes finais da partida.

E, na realidade, palavras ou não palavras, dois pontos foram roubados ao Sporting CP por Luís Godinho e Artur Soares Dias (VAR).

Pode aceder aqui: Petição # 1 ou Petição #2

publicado às 17:30

O "sistema" em acção

Rui Gomes, em 15.06.19

34900948_770x433_acf_cropped.jpg

O Sporting não vai poder contar com Dieguinho no quinto e decisivo jogo da final do play-off do campeonato de futsal com o Benfica, agendado para domingo, no Pavilhão da Luz.

 
P.S.: Tendo presente que Dieguinho foi expulso logo aos sete minutos da terceira partida, este vergonhoso castigo do Conselho de Disciplina da FPF significa que o jogador falha praticamente três jogos. Nem dá para imaginar o acréscimo de severidade da suspensão, caso uma real agressão tivesse ocorrido.

publicado às 05:03

 

ristovski5.jpg

 

O Conselho de Disciplina da FPF chumbou o recurso do Sporting da punição de Stefan Ristovski com dois jogos de suspensão na sequência do cartão vermelho directo que o macedónio viu no encontro com o Tondela.

 

O CD ouviu novamente a equipa de arbitragem do encontro, liderada por Tiago Martins, que manteve a posição em relação ao cartão vermelho e, o CD manteve assim o castigo.

 

Bem... não há muito mais para dizer sobre o acto irresponsável, até infantil, de Ristovski. Sem pretender desculpar o jogador, acho que a decisão em campo de Tiago Martins foi excessivamente rigorosa e não duvido, minimamente, que o mesmo caso com jogadores dos rivais teria sido tratado com mais benevolência.

 

Uma baixa importante para o Sporting, não por Ristovski ser um fora de série, mas sim porque as alternativas para a posição são muito limitadas. Confesso que não dá para imaginar dois jogos contra o FC Porto, com Bruno Gaspar a lateral direito.

 

Se ele for titular hoje, e creio que vai ser, Marcel Keizer terá ampla oportunidade de avaliar o seu desempenho e, se necessário, tomar outras medidas para a final do Jamor.

 

publicado às 03:33

 

image.jpg

 

Stefan Ristovski foi castigado com dois jogos de suspensão pelo cartão vermelho de que foi alvo no jogo com o Tondela.

 

Segundo o comunicado do Conselho de Disciplina, o jogador "pontapeou o adversário com força excessiva". Recorde-se que é reincidente e, por este motivo, o castigo poderá ter sido agravado.

 

O departamento jurídico do Sporting já recebeu o comunicado e tem agora 72 horas para recorrer. Consta que já foi decidido avançar para esta via pois, esta época, o defesa já foi despenalizado após ter sido expulso no Bonfim, e os responsáveis leoninos acreditam que esta nova pena é exagerada. Caso o castigo seja anulado ou reduzido, o macedónio poderá disputar a final da Taça de Portugal, no dia 25 de Maio.

 

2019-05-15.png

O momento exacto em que Ristovski pisa o advesário (topo da imagem)

 

Fica-se a reflectir se de facto o relatório de Tiago Martins indica que o jogador "pontapeou o adversário com força excessiva", porque não corresponde à verdade. Ristovski deu uma pisadela no jogador do Tondela, não o "pontapeou" e até não foi com "força excessiva".

 

Esperamos que o recurso do Sporting tenha sucesso, pelo menos em reduzir o castigo para um jogo, de modo a libertar Ristovski para o último embate da época.

 

publicado às 05:00

Beto suspenso por um mês

Rui Gomes, em 08.01.19

 

img_920x518$2019_01_08_16_18_43_1491653.jpg

 

Beto foi castigado com um mês de suspensão na sequência da expulsão ocorrida após a derrota em Tondela. Além da suspensão, o team manager do Sporting vai também pagar uma multa de 3.825 euros.

 

Segundo o relatório do árbitro Nuno Almeida, citado pelo mapa de castigos sumários do Conselho de Disciplina, o dirigente dirigiu-se ao juiz no final da partida e disse: "És uma encomenda. Vieste aqui encomendado pelo Benfica!".

 

É claro que não há fundamento algum para uma acusação desse calibre, até porque o clube da Luz é bem conhecido por nunca recorrer a manobras desmedidas para alcançar os seus fins. Beto devia ser mais prudente com a língua.

 

É fantástico, no entanto, que em menos de 24 horas do final da partida o castigo já foi deliberado. Chama-se a isso competência, da parte do Conselho de Disciplina.

 

publicado às 16:33

Dormir com o inimigo

Naçao Valente, em 14.12.18

 

BRM_BMAG_1934P262.jpg

 

Escrevi aqui, recentemente, um texto sobre este assunto, mas face aos desenvolvimentos subsequentes e à enorme importâcia que tem para a vida do Sporting, parece-me oportuno abordar de novo o  tema.

 

Realiza-se amanhã a reunião magna com o intuito de decidir se se dever manter ou não a suspensão aplicada ao destituído ex-presidente e elementos da anterior Direcção. A Mesa da Assembleia Geral decidiu, ao arrepio dos Estatutos, e numa operação que foi delineada em política de bastidores, pouco transparente, levantar a suspensão transitoriamente aos suspensos, para poderem participar na referida reunião.

 

Parece-me uma decisão aberrante e perigosa. Aberrante pela forma antidemocrática como foi decidida, ironicamente em nome da democracia. Perigosa porque abre uma porta que estava fechada, a quem demonstrou claramente à sociedade, que lhe interessa mais o seu poder pessoal, que os interesses do Sporting. 

 

Nunca é de mais lembrar que a democracia tem regras, que nenhum verdadeiro democrata deve ultrapassar e é sempre conveniente acentuar, que o presidente destituído, apenas tem um único objectivo: restabelecer o seu poder ditatorial no Sporting. Basta ver o seu último post de Facebook.

 

Transigir com quem tentou tomar de assalto o Clube, criando órgãos paralelos e ilegais, é um acto de falta de coragem em assumir funções sem tibiezas. Querer deitar na cama com o inimigo é correr sério risco de vida. O ex-presidente já mostrou para quem tem olhos de ver, que se está borrifando para a democracia, e que depois de levar cartão vermelho de uma percentagem muito elevada de associados, continuou a querer manter-se em jogo a qualquer preço.

 

A esta mais que  incompreensível benesse que a Mesa da Assembleia Geral deu, creio que com o beneplácito do Conselho Directivo, os sócios devem responder com firmeza. Devem comparecer em força, como na Assembleia Destitutiva, porque o que está em jogo não é uma questão menor. É um processo que deve caminhar no sentido de encerrar de vez uma página negra do Sporting. O anterior presidente não pode ter a oportunidade de voltar. A unidade não se faz com quem continua a assombrar o Sporting.

 

publicado às 16:00

 

placa_de_transito_A-45.jpg

 

Elsa Judas, advogada que presidiu à Comissão Transitória da MAG do Sporting - órgão criado por Bruno de Carvalho para substituir os elementos demissionários - foi esta terça-feira suspensa de sócia de Sporting pela Comissão de Fiscalização.

Também os outros elementos da comissão, Trindade Barros e Yassin Madatali estão suspensos, e os três proibidos de entrar nas instalações do clube.

Os três poderão ter de responder por um processo crime por usurpação de funções, por terem tentado substituir a Mesa da Assembleia Geral, liderada pelo demissionário Jaime Marta Soares. A Comissão Transitória foi considerada ilegal.

Elsa Judas e Trindade Barros nem sequer tinham as cotas em dia quando foram nomeados para a Comissão Transitória. A advogada pagou-as às 23h59 do dia 31 de Maio, data em que foi constituída a comissão, enquanto Trindade Barros só saldou a dívida ao clube no dia seguinte.

Nenhum dos três elementos da comissão se pode candidatar aos órgãos sociais do clube nas eleições de 8 de Setembro.
 

publicado às 20:00

 

 

Gostei de ouvir Rogério Alves, foi directo às questões cruciais e sublinhou repetidamente a necessidade de dar a palavra aos sócios através de eleições. Mais uma vez, no entanto, recusou comprometer-se com a sua eventual candidatura.

 

No que diz respeito a outros aspectos da crise em curso, não deixou dúvidas quanto à legitimidade de Jaime Marta Soares e, no inverso da moeda, à ilegitimidade das outras comissões criadas pelo Conselho Directivo, uma delas liderada pela dra. Elsa Tiago Judas. Confesso - e será defeito meu, decerto - que não tenho estômago para ouvir essa senhora falar, meramente repugnante. Direi o mesmo de quem a acompanhou na conferência de imprensa de ontem, que eu nem sequer conheço.

 

Quanto à eventualidade de Bruno de Carvalho ignorar a suspensão e apresentar-se em Alvalade para "trabalhar", Rogério Alves afirmou que num Estado de Direito a sua entrada não deve ser barrada, e terá então de ser o tribunal a fazer acatar a decisão.

 

Neste sentido, a moderadora do Jornal da Noite da SIC falhou ao não questionar Rogério Alves sobre o tempo que será necessário para que a decisão do tribunal seja concedida, disposição preocupante, nas circunstâncias.

 

publicado às 03:49

 

img_770x433$2018_02_15_17_41_20_1365247.jpg

 

Fábio Coentrão vai falhar o encontro com o Tondela, na próxima segunda-feira, após suspensão por um jogo por cuspir na direcção dos espectadores do FC Porto, já na zona de acesso aos balneários do Estádio do Dragão.

 

O defesa leonino foi castigado pela secção não profissional do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, uma vez que o jogo em causa diz respeito às meias-finais da Taça de Portugal frente ao FC Porto, no dia 7 de Fevereiro.

O castigo surgiu não por aquilo que foi escrito no relatório do árbitro, João Pinheiro, mas sim devido aos relatos do observador do jogo, que também indicam que Fábio Coentrão foi provocado pelos adeptos com cânticos ofensivos, cuspidelas e arremesso de isqueiros. Os dragões foram, por isso, multados em 1428 euros.

 

Bom jogador, mas excessivamente temperamental.

 

publicado às 02:57

 

img_770x433$2017_08_22_11_38_39_1304285.jpg

 

A Comissão de Instrutores (CI) da Liga considera que o árbitro Jorge Sousa teve comportamento incorrecto para com Vladimir Stojkovic, guarda-redes do Sporting B, e defende a aplicação do castigo previsto no artigo 198 do Regulamento Disciplinar, que prevê suspensão de um a cinco jogos.

 

O despacho da CI seguiu na segunda-feira à tarde para o Conselho de Disciplina (CD), poucas horas depois de o órgão liderado por José Manuel Meirim ter solicitado a abertura de um processo sumário por auto de flagrante delito.

A decisão final sobre um eventual castigo ou absolvição será tomada esta terça-feira pelo CD, que divulgará o mapa de castigos ao fim da tarde.

 

Na transmissão do jogo entre Real Sport Clube e Sporting B, foi possível ouvir Jorge Sousa dirigir-se a Stojkovic com impropérios, o que motivou um comunicado do Sporting e um telefonema do árbitro ao treinador leonino, Luís Martins, a esclarecer o sucedido.

 

De acordo com o ponto 2 do artigo 258 do Regulamento Disciplinar, que estabelece a base para a instauração de um processo sumário, "considera-se verificada em flagrante a infracção que é detectada através de objectos ou sinais percepcionados directamente, ainda que através da visualização de imagens televisivas, que mostrem claramente que a infracção foi cometida e o agente nela participou". 

 

O ponto 5 do mesmo artigo estabelece que "apenas a falta da verificação dos pressupostos previstos no n.º 2 justifica a não elaboração do auto, não sendo relevante a moldura sancionatória abstractamente aplicável". Algo que, como se pode constatar, não aconteceu neste caso.

 

publicado às 14:13

 

img_770x433$2017_04_13_19_14_43_1251121.jpg

 

Não é que seja importante, mas o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol anunciou esta quarta-feira que Bruno de Carvalho foi suspenso por seis meses na sequência do caso "túnel de Alvalade", nos bastidores de um jogo com o Arouca, a contar para a I Liga, e ainda multado em 11 475 euros.

 

Para além do presidente do Sporting, também Carlos Pinho, presidente do Arouca, viu "mão pesada" com uma suspensão de vinte meses e uma multa de 29 300 euros.

 

A Comissão de Instrutores entendeu que Bruno de Carvalho cometeu neste processo uma infracção de lesão de honra e reputação, e que é punível com uma suspensão de dois meses a dois anos, pelo facto de reincidente. 

No que respeita a Carlos Pinho, a acusação passou por seis infracções disciplinares, ao todo puníveis com uma suspensão de 14 meses a 9 anos e meio.
 

publicado às 20:25

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo