Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Tanto por tão pouco

Rui Gomes, em 05.08.17

 

img_770x433$2017_04_22_00_21_17_1254454.jpg

 

"A Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD vem por este meio informar que foi tomada a decisão, pelo Presidente do Conselho de Administração, de este não estar presente nos jogos fora e no banco de suplentes, assistindo na Tribuna aos jogos disputados no Estádio José Alvalade.

Esta decisão prende-se com a morosidade dos processos na justiça desportiva, que se entende terem contribuído para o denegrir do seu bom nome e o da instituição a que preside, e de decisões, ou falta delas, em processos graves como os vouchers, os e-mails, os SMS, a ausência de decisões em processos em que o próprio é visado sem razão e sem qualquer justificação, a deplorável demora na apreciação do recurso que foi interposto relativamente ao castigo de 180 dias que, entretanto, já foi cumprido, bem como as constantes alterações normativas que vão sendo produzidas e que surgem no panorama nacional sempre que uma certa entidade necessita".

 

Que seja necessário um comunicado para este fim, é nada menos do que espectacular, mas, como sempre, sublinha a importância que Bruno de Carvalho atribui à sua pessoa.

 

De igual modo, escapa a lógica, pelo menos a minha, a relação entre a morosidade do processamento da justiça desportiva e a presença/ausência do presidente dos estádios e/ou do banco de suplentes.

 

Caso haja interesse, o resto do comunicado desta sexta-feira pode ser lido aqui.

 

publicado às 12:37

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


37 comentários

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 05.08.2017 às 14:55

Sem dúvida, mas mesmo assim não explica o seu total afastamento dos jogos fora. Haverá aqui uma outra causa, provavelmente porque ele não se sente confortável sentado ao lado de nenhum outro presidente.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 05.08.2017 às 17:11

Tem razão, Rui Gomes. No fim de contas, é uma saída airosa e confortável para Bruno de Carvalho. Antes, sentava-se no banco onde se sentia protegido, agora evita comparecer em espaços que não domina!

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo