Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

Paulo Andrade, ex-administrador da Sporting SAD, teceu algumas considerações sobre o estado de guerra entre Sporting e Benfica. Entende, e bem, que a luta deve ser limitada às "quatro linhas" e apela ao bom senso:

 

paulo_andrade_sporting_2014_dr.jpg

«É altura de parar com tudo isto, é lamentável tudo o que aconteceu. No mundo do desporto tem que haver bom senso. Havia a necessidade de uma decisão clara do presidente do Benfica logo a seguir ao que aconteceu no futsal e isso não aconteceu. Depois foram as tochas atiradas e voltou a não haver reacção.Tudo isto originou reacções e contra reacções. Temos é de lutar dentro do campo e não andarmos com estas guerras e estes incêndios constantes. Uma frase extremamente infeliz foi a do folclore. Não acredito que o Ministério Público não esteja a procurar esclarecer a situação, porque as imagens passaram na televisão.

 

A equipa que lidera o campeonato, o Benfica, não tem demonstrado uma capacidade evidente, desde que saiu o Enzo Pérez, de transporte de bola e os resultados têm evidenciado isso. Nada me permite concluir que a equipa do Benfica está num momento que garanta até ao final os pontos que tem em disputa. Nesse aspecto, ninguém pode afirmar que o Sporting está longe de apanhar o Benfica. Se temos ganho ao Benfica e se temos aproveitado as ocasiões claras de golo no Restelo, a situação seria completamente diferente.»

 

Bem... quanto à segunda parte das suas declarações à Rádio Renascença, o problema é precisamente que não ganhámos ao Benfica e no Restelo foi o que foi. Mas tem cem por cento razão ao afirmar que temos de parar com tudo isto e concentrarmos na luta dentro do campo.

 

publicado às 13:52

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


5 comentários

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.02.2015 às 16:03

Caro RRAleixo,

Creio que estamos todos conscientes de que há um outro tipo de trabalho a fazer fora do campo. todavia, esse trabalho não consta de lavar roupa suja no Facebook.

As arbitragens explicam muito do que ocorre no futebol português, sem dúvida, mas não explicam tudo.

Nestes jogos mais recentes, a exemplo, devíamos ter vencido o Benfica, salvo a infelicidade do golo do empate e por também não termos aproveitado outras oportunidades para marcar. O jogo com o Belenenses carece de explicação, muito além do homem do apito.

Não menosprezo a contenda, apenas que não é tudo, e o trabalho que há a fazer tem de ser muito bem ponderado e levado a cabo com alguma astúcia nos bastidores do poder.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Cristiano Ronaldo