Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Reconhece-se que estamos ainda muito longe do objectivo final, mas é inevitável que a vasta maioria de sportinguistas comece a olhar para o que resta do campeonato 2020/21 com uma atitude de prognóstico, associada a alguma ansiedade.

Todos os jogos podem ser complicados e, como amiúde se refere, o próximo jogo é sempre o mais importante e o mais complicado. No entanto, podemos sempre estabelecer, a nível teórico, uma gradação dessa dificuldade.

Contra aquilo que me é habitual, vou procurar estabelecer, com base apenas em teoria e à data actual, uma avaliação/reflexão sobre o que os restantes jogos podem implicar para o Sporting, a nível de dificuldade.

Para melhor poder objectivar esta nossa avaliação, estabeleci uma simples escala, de 1 a 5, sendo o 1 atribuído aos jogos teoricamente menos complicados e 5 aos mais complicados. A avaliação dos jogos será feita pela ordem natural do calendário.

TONDELA (Fora) - 2 - Esta época o Tondela revela ser uma das equipas mais frágeis do campeonato. No entanto a jogar em sua casa tem obtido bons resultados e é um local onde o Sporting várias vezes experimentou dificuldades.

V. GUIMARÃES (Casa) - 3 - O V. Guimarães é das equipas com melhores resultados na condição de visitante (melhores mesmo do que a jogar em casa), essencialmente porque tem jogadores rápidos, tecnicamente dotados e que jogam muitíssimo bem em transição explorando o espaço dado pelos adversários. Podem colocar problemas sérios ao Sporting.

MOREIRENSE (Fora) - 3 - Jogar em Moreira de Cónegos nunca é fácil, especialmente pela forma aguerrida como o Moreirense joga e, particularmente, defende.

FAMALICÃO (Casa) - 2 - O Famalicão está muito abaixo da prestação da época passada, mas não deixa de ter um grupo de jogadores de talento que a qualquer momento podem complicar. Para além disso poderá significar o reencontro com Silas.

FARENSE (Fora) - 4 - Prevejo este como um dos jogos mais complicados. O Farense, além de defender bem, utiliza o factor casa, nomeadamente as características do São Luís, para dificultar ainda mais a tarefa dos adversários.

BELENENSES SAD (Casa) - 2 - A dificuldade deste jogo vai estar no "estilo Petit"... jogo defensivo e físico no limite.

SC BRAGA (Fora) - 5 - Um dos principais adversários. Muito forte a jogar em casa e com variadas soluções. Jogo de dificuldade máxima e que pode definir muita coisa.

NACIONAL (Casa) - 1 - A dificuldade inerente a este jogo vai estar muito ligada à forma com sairmos da jornada anterior. Como espero que saiamos fortalecidos, atribuí o 1. Que seja o início da contagem final.

RIO AVE (Fora) - 4 - Outra equipa que coloca muitas dificuldades aos grandes a jogar em sua casa, especialmente pela forma como gosta de jogar, e tem jogadores para isso, em transição e a explorar os espaços. Espero que saiamos de lá como em 2000... em euforia.

BOAVISTA (Casa) - 2 - Optei pelo 2 face à realidade actual, mas, dependendo da posição aflitiva do Boavista nesse momento, o jogo pode ter um grau de dificuldade mais elevado.

BENFICA (Fora) - 5 - Este jogo até pode não vir a ter um carácter decisivo para as contas do campeonato, mas o dérbi lisboeta é sempre um jogo de dificuldade máxima para as duas equipas.

MARÍTIMO (Casa) - 1 - Esperemos que seja a merecida consagração.

O futebol é o momento e qualquer avaliação antecipada é sempre subjectiva e poderá ser alterada pela realidade quando chegar esse momento. Uma avaliação prévia da dificuldade de um jogo, imposta por determinado adversário, pode ser alterada pelas condicionantes existentes nessa altura, como sejam a sua posição na tabela classificativa ou as incidências do próprio jogo (expulsões, golos precoces...). Isto para além da forma como o decorrer das jornadas vai influindo nas seguintes.

No entanto decidi aventurar-me nesta avaliação, através de uma gradação objectiva, para, a esta distância, caracterizar o mais objectivamente possível o que resta do percurso do Sporting rumo ao sucesso, sabendo que tal "aventura" engloba de algum modo algo de futurologia, que a realidade pode desmentir, e que, por cada pessoa que o faça, teremos muito provavelmente avaliações diferentes.

Mas esta é a vantagem de uma boa e interessante discussão.

publicado às 03:18

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds